Os maiores salários e folhas do futebol brasileiro

A revista Placar publicou na edição de setembro o ranking dos maiores salários do futebol brasileiro, entre treinadores, jogadores e soma das folhas de pagamento.

Agradeço ao Dr. André Pelli, de Curvelo, que nos enviou o resumo:

Folha salarial

1 – Corinthians: 5,05 mi
2 – Internacional: 5 mi
3 – Santos: 4,8 mi
4 – Fluminense: 4,2 mi
5 – Palmeiras: 4 mi
6 – São Paulo: 4 mi
7 – Flamengo: 3,5 mi
8 – Cruzeiro: 3,4 mi
9 – Gremio: 3,2 mi
10 – Atletico MG: 2,9 mi
11 – Vasco: 2,35 mi
12 – Botafogo: 2,1 mi

Salario dos treinadores

1 – Felipão (Palmeiras): 700 mil
2 – Murici (Fluminense): 550 mil
3 – Luxemburgo (Atletico MG): 500 mil
4 – Dorival Jr. (Santos): 350 mil
5 – Celso Roth (Inter): 300 mil
6 – Joel Santana (Botafogo): 270 mil
7 – Renato Gaucho (Gremio): 260 mil
8 – Adilson Batista (Corinthians): 250 mil
9 – Cuca (Cruzeiro): 230 mil
10 – P.C. Gusmão (Vasco): 150 mil
11 – Silas (Flamengo): 150 mil
12 – Sergio Basesi (São Paulo): 20 mil

Salario dos Jogadores

1 – Ronaldo (Corinthians): 1,8 milhões
2 – Deco (Fluminense): 550 mil
3 – Deivid (Flamengo): 475 mil
4 – Fred (Fluminense): 460 mil
5 – Kleber (Palmeiras): 373,5 mil
6 – Neymar (Santos): 305 mil
7 – Roberto Carlos (Corinthians): 300 mil
8 – Felipe (Vasco): 300 mil
9 – D’alessandro (Inter): 300 mil
10 – Rafael Sobis (Inter): 300 mil

De 250 a 299,000 reais:

Kleberson – Flamengo
Renato Abreu – Flamengo
Carlos Alberto – Vasco
Emerson – Fluminense
Souza – Gremio
Leandro – Gremio
Alecsandro – Inter
Tinga – Inter
Valdivia – Palmeiras

De 200 a 249,000 reais

Indio – Inter
Renan – Inter
Fabiano Eller – Inter
Marcos – Palmeiras
Belletti – Fluminense
Conca – Fluminense
Rogerio Ceni – São Paulo
Diogo – Flamengo
Keirrison – Santos
Léo – Santos
Edu – Corinthians

De 150 a 199,000 reais

Diego Souza – Atletico MG
Diego Tardelli – Atletico MG
Maicosuel – Botafogo
Loco Abreu – Botafogo
Lucio Flavio – Botafogo
Willian – Corinthians
Souza – Corinthians
Fabio – Cruzeiro
Val Baiano – Flamengo
Léo Moura – Flamengo
Juan – Flamengo
Giuliano – Inter
Guinazu – Inter
Abondanzieri – Inter
Kléber – Inter
Illan – Inter
Washington – Fluminense
Victor – Gremio
Arouca – Santos
Ganso – Santos
Rodrigo Souto – São Paulo
Fernandão – São Paulo
Ricardo Oliveira – São Paulo

* Revista Placar, setembro de 2010.

http://futeboloficial.wordpress.com/2010/09/09/materia-placar-ranking-de-salarios/

26 comentários para “Os maiores salários e folhas do futebol brasileiro”

  1. Antonio disse:

    Fato corriqueiro…sem invenção…Não há o que se discutir da capacidade e competência do Luxemburgo…Não deu certo, simples assim. Trocar urgente enquanto há um fio de esperança. Palpite: Andrade ou Dunga (jogadores não rejeitam os dois. O mundo inteiro joga com no mínimo 2 volantes, até 3. O CAM joga com meio (pela ruindade) Não dá.

    – Teresina

  2. Antonio disse:

    Seria bom se saber se há multa para rescisão contratual do Luxemburgo e de quanto. Transparência !!! Por muito menos Leão foi dispensado. Por uma derrota para o rival. O Kalil deixou passar a hora.

    – Teresina

  3. lelio luiz nepomuceno disse:

    oi, venho falando dos acontecimento no atletico e alertado sobre o rebaixamento e vc não dá enfâse ao assunto, temos que gritar antes que acontece, quem é o presidente do atletico, kalil ou l uxemburgo, maluf sai do cruzeiro é até hoje ninguém falou o porque e nem procurou saber. está historia de trazer craque p o atletico não dá certo, basta lembrar a selegalo. agora alguém tem que dá um fim nestes juizes omisso como Eder Roberto lopes e este Silmom sempre apitando para time da casa, Eder Roberto já teve problema com atletico na epoca que começou, no jogo contra a ponte preta chamado um jogador do atletico de macaco é fez o atletico perde aquele jogo. tá na hora de dirigente abrir o olho e bota gente dentro da CBF para fiscalizar sorteio e tabelas do campeonato. um abraço…. Lélio.

    – b

  4. Alessandro Cândido Ferreira disse:

    Caro Chico,
    parece que filme está se repetindo, em 2005 o Galo perdia para o Atlético paranaense por dois a zero, chegou ao empate e no final tomou o 3º gol. Naquela ocasião o então presidente Ricardo Guimarães falou que morreria abraço com o Tite e mandou o diretor de futebol Humberto Ramos embora, como se ele escalasse o time, bem deu no que deu. Agora o Kalil está cometendo o mesmo erro, por mais que o Vanderley seja um bom técnico não dá mais, o Alexandre está correndo um risco de manchar o sobrenome de um dos maiores presidentes que eu vi no Galo, o saudoso Elias Kalil. Há muitos comentários que o salário do técnico é pago pelo Ricardo Guimarães, se bem que indiretamente é, será que ele vai continuar a contribuir pela segunda vez no rebaixamento do Galo?

    – Belo Horizonte

  5. Renato Paiva disse:

    EU COMO ESSA LISTA COM SAL SE OS SALÁRIOS DO CAM FOREM “BAIXOS” ASSIM.

  6. Dudu GALOMAIO disse:

    Pra você ver!
    Os gastos do Galo nem são tão absurdos assim, comparando-se com os demais.
    O time precisa ter sorte nas contratações. Lógico que avaliação criteriosa conta, mas o rendimento futuro de um time é uma incógnita total.

  7. Me surpreendi com a folha do Cruzeiro ser maior que a do Atlético…

  8. Paulo Koller disse:

    Caro Chico, caso esta lista esteja correta, até que o Galo, em termos de INVESTIMENTOS, não está lá tão exorbitante, e explico:

    – o Galo tem a décima folha do país (nada anormal, pois faz parte do grupo dos maiores times;
    – segunto o Kalil, o orçamento deste ano seria na ordem de R$ 100 milhões (espero que ao fazer esta projeção, ele tenha contabilizado a perda de receita do Mineirão fechado – pois já sabíamos em 2009 que ele seria fechado neste ano). Como ele disse recentemente que perdeu quase R$ 8 milhões com o “fechamento” do Mineirão, mesmo assim o orçamento ficaria em R$ 92 milhóes;
    - multiplicando-se a folha por 13 (doze salários MAIS 13º), o custo total ficaria em torno de 38 milhões, ou 40% do orçamento;
    - os 60% restantes ficariam para os custos da dívida (que não são baixos), a manutenção e investimentos na estrutura do clube, na compra de jogadores – luvas, direitos econômicos, etc. e gastos gerais;
    - por último, pensei que Tardelli, Diego Souza, etc., etc., etc. estivessem, pelo menos, entre os 12 maiores salários do país.

    Confesso que ao ver a capa desta revista nas bancas, imaginei que o Galo gastasse, pelo menos, o dobro desta folha e comprometesse mais de 70% do orçamento com este time sofrível.

    Caso o clube consiga ficar na Série A, para 2011, deve focar em manter a folha em, no máximo, 35% do orçamento.

  9. Andre disse:

    Chico,
    Distorção absurda e injustificável. Qual o retorno/benefício q esses profissionais dão à sociedade? E os médico, enfermeiros, bombeiros, professores … com atuação infinitamente mais relevante ao corpo coletivo ?! Violência social começa aí (aqui)! !!
    Triste realidade!
    Saudações !!!

  10. Dudu GALOMAIO disse:

    Chico, acabo de ouvir uma propaganda política com o Willy Gonser simulando transmissão de um jogo.
    Quem disse que ele não tem como narrar mais???
    Pra mim, continua muito bom. O maior narrador esportivo que Minas já teve merecia ser tratado de outra forma, com certeza.

  11. Faltou o do Ricardinho, penso que ele deve ganhar uns 200 mil também!

  12. Marcelo Silva Carvalho disse:

    Na verdade o VL ganha R$750.000,00. Os R$250.000,00 a mais ele reparte com a sua comissão “inchada” técnica (vcs acreditam que tudo vai pra comissão técnica? Ah, vá…)

  13. Emílio Melo Figueiredo disse:

    Ou seja. 1 Luxemburgo equivale a 3 Fábios. 1 Fábio salvaria o Atlético-MG do rebaixamento.

    Felipe do Vasco, 300 pilas??!! Meu Deus.

    Cuca, 230 pilas?! Com razão dá entrevista com tanto humor. Rsrs..

    Felipão ganhando 700 mil?!

    É muita oncoerencia no mundo do futebol. Renato Gaucho ganha 260 mil reais por mnes. Nunca ganhou nada como treinador. Pelo contrario, fez o FLU jogar a Libertadores pela janela.

    Muito dinheiro jogado fora. Deveria ter uma lei que colocasse um teto salarial. Bem como uma que nao permitisse a saida de jovens “craques”, antes dos 20 anos de idade!!!

    Bom deixa eu trabalhar aqui. E rabalhar muito. Pra ver se em umas 2 décadas em consigo ganhar algo em torno do salário do Luxa!!!

    Abraços.

  14. J.B.CRUZ disse:

    Acho que há inversão de valôres entre a lista do galo e do CRUZEIRO…

  15. Flávio disse:

    Dudu vc tem razão falando do Willy Gonser , é um absurdo o que fizeram com ele ….. e faz muita falta !!!

  16. Flávio disse:

    Acho que devia ter uma campanha : Volta Willy Gonser !!!! mas nao para a itatiaia que só menosprezou ele !!!

  17. Emílio Melo Figueiredo disse:

    Uai. Tá na cara que o Willy Gonser parou de narrar por que nunca gritou é campeão pelo Atlético! Haha…

    Ou ele narra desde 1971?!

  18. carlos disse:

    O corinthiand fatura com ronaldo não é em campo ,mas com venda de camisa e.t.c e vendendo a imagem,ronaldo hoje é um relaçoes-publica e um garoro propaganda.

  19. jonata disse:

    o abobado do leandro ganha 480 mil mensais no gremio.

  20. phganso disse:

    tudo bem q o ronaldo é crack, isso nao se contraria,certo.mas o ronaldo ganhar quase 2 milhoes por mes é uma loucura pois ele nao joga , aparece uma vez a cada mes pra dar entrevista é bricadeira.O neymar deveria ganhar isso , ganso pois esses caros ja sao grandes jogadores e jogam .

  21. Carlos disse:

    tá errado o salário do neymar, saiu no globoesporte é R$ 160,000,00.

  22. Claudio Penido disse:

    oi chico maia tudo bom seu galo agora vai para segundona novamente eu o campeao voltou kkkkkk

  23. joao disse:

    maravilha eu com um salario desses pelo menos faria uns gouzinhos

  24. [...] Referências: Lei Pelé Vinte Perguntas: Lei Pelé Os maiores salários e folhas do futebol brasileiro [...]

  25. [...] linha, seu salário em 2011 era especulado em R$ 600 mil. No Atlético, a especulação era de R$ 500 mil, além de uns R$ 400 mil no Santos. O Salário em torno desse valor também era especulado no [...]

Deixe um comentário