Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

E lá se foi o Zezinho Bicheiro, de grande importância para o futebol mineiro!

ZEZINHO1

Meus caros amigos e amigas do blog, a vida é assim, cheia de equívocos, injustiças e omissões. Mas nunca é tarde para homenagearmos a quem merece. Passou quase despercebida a morte de uma das figuras mais importantes da história contemporânea do futebol mineiro: José Júlio Pimenta, o “Zezinho Bicheiro”, patrono do Santa Tereza, clube amador, responsável pela formação de grandes jogadores, treinadores, preparadores físicos e executivos do nosso futebol, como o lateral esquerdo Ronaldo Luiz (América e São Paulo), atacantes Cleisson, Irênio, Palhinha e Ailton, treinadores Ricardo Drubsky, Enderson Moreira e tantos outros. Foi em meados de janeiro, mas só há alguns dias atrás fiquei sabendo, por intermédio do Silvinho Resende, ex-jogador e treinador da base do Cruzeiro, também marcado por ter sido um ótimo vereador e presidente da Câmara de Belo Horizonte. Silvinho me fez este alerta: “Seu Zezinho merecia um destaque maior da imprensa, pelo que fez pelo futebol e o trabalho social, que ajudou a tanta gente”.

O Acyr Antão, da Itatiaia, foi o único da imprensa a dar a informação poucos dias depois, na coluna dele, no jornal Edição do Brasil:

JOSÉ JULIO PIMENTA – Passou despercebida a morte deste mineiro, mais conhecido como Zezinho Bicheiro. Ele ficou famoso na cidade pelo seu espírito caritativo e ao mesmo tempo esportivo, dedicando grande parte da sua vida ao Santa Tereza Futebol Clube, que durante um longo período foi a referência do futebol amador da cidade. Zezinho foi bicheiro como outros banqueiros do jogo do bicho em BH, que eram amados pelas pessoas, mesmo exercendo funções na chamada contravenção. Fiquei sabendo da morte de Zezinho e nenhum outro órgão de imprensa falou dele. Ele faleceu aos 85 anos, vítima de Alzheimer.”

A homenagem da esposa e filhos, no folder relativo à morte:

ZEZINHO

Que o querido seu Zezinho descanse em paz!


» Comentar

Comentários:
7
  • thiago disse:

    Mas aqui no Brasil homenageiam muitos que não merecem como Ronaldo gaucho que ganhou comenda do município e outros que nem sequer nunca foram lembrados.
    Este é o país dos hipocritas

  • Leandro Fábricio disse:

    Mais um jogador indo embora desta vez hyuri… tudo bem… já se foram patrick, carlos e agora hyuri e nada de reposições…
    não vou entrar no merito se tal jogador merecia ou não mais chances, se era bom ou ruim e coisa e tal, só sei que na minha opinião o elenco está bem mais fraco do que os anos anteriores e precisaria de reposição do meio pra frente e até agora nada…

    depois não reclama quando as contusões e suspensões vierem e não tiverem suplentes suficientes para encarar a longa temporada que vem pela frente..

  • Leandro Fábricio disse:

    Atlético e villa nova sabado podia ter pelo menos um minuto de silencio em homenagem ao zezinho, mesmo que atrasadas…

    o que acha chico… poderia ser levado essa idéia ao nepomuceno

    é só uma sugestão

  • Leandro Fábricio disse:

    Grande zezinho… dono de um dos maiores times de futebol reveladores de bons jogadores de bh o santa tereza… tive a honra de conhece-lo e jogar no santa tereza mesmo que por pouco tempo… grande perda não só para o futebol como para a sociedade por se tratar de uma pessoa do bem…

    só quem viveu não se esquece daquela época de santa tereza e do cavaleiro negro do saudoso jardel..

    como dizia a musica do grande compositor e musico thayde da dupla thayde e dj hum… “que tempo bom que não volta nunca mais”

    • José Eduardo Barata disse:

      Leandro , saíram de lá o Palhinha e o Ronaldo Luiz ,
      ou estou enganado ?
      E o time do Jardel a jogar preliminares no Horto ,
      com aquela meninada a mostrar futebol da melhor
      qualidade ?
      Abnegados pelo futebol dando chance à garotada ,
      como era normal e comum em todos os clubes .
      Eu , por exemplo , chutei umas bolas no América ,
      no time do seu Afonso Boa Morte , tendo tido como
      companheiros de ataque Batata e Cássio , dois
      caras incríveis que venceram na carreira .
      Que falta faz ao futebol essa turma ……

      • Leandro Fábricio disse:

        concordo plenamente barata… antigamente na varzea tinha um monte de jogadores que hj seriam craques no meio dessa babaiada aí que dá tres chutinhos na bola e já se acham…
        garotos de juvenil já com as orelhas enfeitadas com brinquinhos e cheios de marra… não aprendem e nem tem interesse em se aperfeiçoarem no que fazem… os “professores” de hj também não ajudam muito, estão no mesmo caminho dos meninos… é cara que nunca chutou uma bola se aventurando na profissão de treinador com suas teorias de salas de aula de educação fisica…

        estilo os saudosos irineu fernandez da base do galo, seu barbosinha do venda nova, jardel e outros das antigas não se encontram mais

  • Raws disse:

    O conheci pessoalmente. Muito correto e gente da melhor qualidade. Que Deus o tenha.