Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Bastou jogar alguma coisa e um pouco mais de boa vontade para o Atlético vencer de virada em Goiânia

CAMGO

Se fosse levada em consideração a quantidade de torcedores a favor o Atlético estava jogando em casa. Dos 4.220 pagantes, muito mais alvinegros que rubros no Olímpico de Goiânia. O primeiro tempo do jogo e do Galo foi horroroso, da pior qualidade. Tanto que, direto de Fortaleza o mineiro, atleticano Paulo Cavalcanti me enviou: “Meu Deus.. Impressionante. Câimbra no olho. Um chute a gol contra o Atlético goianiense. Aliás, meio chute, que foi aquela tentativa de voleio do Marlone. O mesmo nível ridiculo de futebol apresentado contra os últimos colocados…esses caras estão querendo derrubar o Roger?? Inacreditável…”

O segundo começou pior, inclusive tomando gol. Parece que a partir daí os brios dos comandados do Roger Machado foram mexidos e eles resolveram correr mais e jogar alguma coisa. A entrada do Robinho no lugar de Marlone também ajudou consideravelmente.

Pouca coisa bastaria para resolver o problema já que o xará goianiense é ruim demais e ocupa com toda justiça a lanterna isolada do campeonato.

Fred e Elias cuidaram de marcar os gols da virada. Pelas circunstâncias, de ótimo tamanho.


» Comentar

Comentários:
102
  • Carlos Henrique disse:

    Isso tudo começou com a copa do mundo no Brasil
    Padrao fifa, nao pode isso nao pode aquilo.
    deu no que deu,
    Antes eram classicos cheios e uma torcida diferente
    que cantava, ecoava os gritos de Galo , zero, mengo
    agora o prefil do torcedor é outro
    gente mais contida, mais educada elitizaram o futebol
    e essa gente mais elitizada, nao vai a todos os jogos
    somente os poucos fanaticos.
    o cara com mais , poder aquisitivo, tem outras coisas para fazer, viajar
    ir numa praia, nun rancho, ir ao teatro
    o cara pobre seu lazer era o futebol que era barato
    agora fica a frente da tv
    cansei de ir ao mineirao quando criança com a familia tios primos
    hoje o menino nao vai mais, o pobre vai no bar ver o jogo com amigos e fica a frente da tv
    o garoto que pode vai com o pai de vez enquando ao estadio.
    o Brasil nao é a Europa, la o menos favorecido , fica a frente da tv.
    e que tem grana vai ao estadio.
    Nao podemos copiar os europeus.
    somos uma naçao diferente, com varias culturas diferentes
    e sangue misturado, com problemas sociaias
    e o menos favorecido , so vai a campo hoje,
    atraves das organizadas
    ai que mora o perigo, vandalos e marginais infiltrads
    quando acabarem as organizadas em todo Brasil
    e caminha para isso.
    ai que o pobre nao vai mesmo num estadio.
    e o futebol sempre foi a paixao deste povo
    e o cara mais favorecido financeiramente, escolhe os jogos para ir
    por que tem dinheiro para outras coisas
    outras coisas que lhe dao prazer
    o pobre so tinha o futebol
    e tiraram a alegria dele.

  • Pedro Vítor disse:

    Gente olha pra vocês verem, jogamos bem contra o Bostafogo semana passada e empatamos e jogamos mal contra o Fumo Goiano e vencemos o que importa como diz o Antônio Catao é chegar nos 46 pontos o quanto antes, ele até desenhou pra mim

    O aproveitamento do time do Galo de Roger é pra escapar da segundona que faça isso logo e vai comendo pelas beiradas na Copa Libertadores e do Brasil

    O que vier após escapar é lucro, o lucro é a vaga a Libertadores são seis vagas

  • Regi.Galo/BH disse:

    Caro Chico e Amigos,
    Quem poderia explicitar o ‘não explicitável’, nesta declaração do Kalil sobre ingressos à preços altos.
    Confesso que não estou ao nível de compreender com propriedade os motivos do veto.
    Alguém???

    http://www.mg.superesportes.com.br/app/noticias/futebol/atletico-mg/2017/07/17/noticia_atletico_mg,415855/kalil-defende-alto-preco-de-ingressos-futebol-nao-e-para-pobre.shtml

    • Carlos Almeida disse:

      Prezado Regi, o Kalil como sabemos não usa meias palavras, se expressa sempre de forma direta, a chamada “linguagem do povão”, pra melhor dizer.

      Se ele dissesse que o clube precisa arrecadar mais com a bilheteria, valorizar melhor o espetáculo e consequentemente a marca, assim como o fazem os grandes clubes no mundo, não haveria a polêmica.

      Infelizmente no que tange à arrecadação e a saúde financeira do clube, ele mais uma vez está certo.
      Até pq demagogia nunca foi o forte do Kalil.

      Infelizmente essa é a nova realidade e qualquer instituição que ignorará-la estará perdendo preciosa fonte de arrecadação.

      Como torcedor só me resta lamentar por essa inevitável mudança e torcer pra que o clube se adeque da melhor maneira possível e o qto antes à esta nova era.

      O mais importante é que o Atlético saiba explorar esse potencial único que é a sua torcida.

    • Alex disse:

      ..Regi, sou grato ao kalil pelo que fez no Galo…mas ele calado é um poeta, só fala mercadoria…..por isso prefiro o Nepomuceno….o cara parece que extraiu o lado bom do Kalil e jogou fora o lado ruim…..tudo bem que o Kalil entende demais das manhas dos jogadores, mas fala muito, cria muito tumulto…..we pior, o Kalil fez escola…o Alencarzinho e o Vicentin, tentaram copiar ele e se saíram pior do a encomenda ….kkkkkkkkkkkk

      • Regi.Galo/BH disse:

        Alex,
        Não tive como continuar no diálogo correto, de novo.
        E de novo vou retornar aqui.

        A perspicácia é parte de todos nós, cada um à sua maneira.
        Cada um é excelente em algo. E este espaço é uma oportunidade para pôr isto em prática.
        Por vezes é pequeno, perante o universo de idéias que cada um de nós carrega em si.
        Mas, o que eu acho bom mesmo, é poder juntar as partes que cada pessoa consegue agregar aqui.
        A ideias se emendam uma na outra e, só à partir disso, dá para se ter uma ideia melhor do tamanho da coisa. Como você citou a tal da perspicácia, ela só ocorre após a perspicácia do outro em levantar a questão. Então, agradeço, mas só foi possível porque você teve o mérito em conduzir a oportunidade.
        O raciocínio não poderia surgir sozinho.
        Abraço!

      • Regi.Galo/BH disse:

        Caro Alex,
        Não tive como continuar o diálogo no lugar correto, então vai aqui mesmo (não apareceu o link RESPONDER).
        Quanto ao Rafael Carioca, é um dos caras mais espertos que eu já vi no mundo do futebol.
        Quando veio ao Galo por empréstimo, comeu a bola até justificar ser comprado.
        Assumiu que queria ficar, que tinha identificação com a torcida, etc, etc.
        Depois da compra, só administrou.
        Até que veio a renovação de contrato.
        De novo, comeu a bola até justificar a renovação.
        Gol de longe, de falta (se não me engano), passes magistrais.
        O cara jogava de terno (se lembra?). Fez partidas homéricas.
        Conseguiu renovar o contrato.
        A partir daí, meu caro, cadê o Carioca? Só ilusão.
        A gente só vê ele derrubando o time, criticando os colegas dentro de campo, derrubando treinadores, nem se lixar pra torcida, e vida que segue.
        O cara é bom sim!!! No marketing e no rendez-vous (que fica mais bonito como redevú mesmo)…
        Galo Doido na essência, nunca foi, nunca será.
        Abraço!

        • Alex disse:

          …infelizmente amigão, sou obrigado a concordar com vc….Carioca dá mesmo o migué…um talento desperdiçado pela preguiça e a falta de compromisso…..uma pena!!!….vc tá certo….

      • Regi.Galo/BH disse:

        Caro Alex,
        Os méritos e os excessos do Kalil são bastante conhecidos por nós.
        Realmente, pensei que tinha algo mais, ou algo embaixo do tapete, nesta infeliz (ou sinceramente infeliz) declaração.
        Mas, foi só o estado brucutu do Kalil falando mais alto mesmo.
        Obrigado pela atenção!
        Abraço!

        • Alex disse:

          …normal ….o kalil depois de umas pingas só solta pérola…..de se elogiar a coragem e a firmeza dele, mesmo falando coisas que não deve…….nisso eu o admiro….ele não se preocupa em ser politicamente correto….ele pode falar borracha, mas não se omite….e não mija pra trás…..

    • Renato César disse:

      Resumidamente para quem tiver preguiça de ler a outra resposta, ele quis dizer que futebol é caro e bilheteria é uma das formas de arrecadação. Custo alto dividido por menos gente pagando é igual a preço médio final maior.

    • Renato César disse:

      Primeiro, vou começar dizendo que não tenho frequentado estádios desde que os nossos foram reformados. Tiraram o encanto dos mesmos e jogaram os preços nas alturas. Deixou de ser interessante para mim.

      Mas, partindo para a explicação, entendo que ele quis dizer que futebol hoje é um negócio e o produto vendido não é popular. Infelizmente esta é a realidade deste esporte.

      No mundo, os preços populares dos campeonatos melhores são por volta dos “60 dinheiros”, preços praticados aqui também. Mais barato que isto apenas em campeonatos menos atrativos, onde patrocinadores subsidiam custos operacionais e lucros, como nos casos dos Regionais, Primeira Liga, estas coisas.

      Por outro lado, existe também a questão da interferência do poder público na gestão privada. Quem deve definir preço de produto é o próprio mercado. Nossa economia era uma maravilha quando o Sarney mandava congelar preço. Não é através destes mecanismos que o Governo deve atuar no mercado.

      Quando há esta interferência assim, o que ocorre é o que vemos com os casos de shows. Existe Lei definindo cota de ingressos de estudantes pela metade do preço. Aí, os organizadores colocam os preços normais para os estudantes (fazendo vista grossa para os documentos falsos apresentados) e vendem o restante pelo dobro do preço. Adianta alguma coisa?

      Transporte público costuma ter gratuidade para estudantes e idosos. O custo de transportá-los NUNCA foi bancado pelos empresários do setor. Ou o Governo paga ou o custo (operacional + lucro) é dividido entre os que pagam passagem.

      Então, entendo que o Governo não deve definir preços de ingressos. Se os dirigentes analisam seus balanços e entendem que o lucro é maior com os preços altos, que continuem assim. Quem tem autoridade de fato para controlar o preço, no fim das contas, é o mercado.

      • Carlos Almeida disse:

        Boa análise!

      • Regi.Galo/BH disse:

        Caro Renato César,
        Muito obrigado pela explanação.
        Ficou bem compreendido.

        Fiquei pensando milhares de coisas ‘fora desse contexto’.
        Talvez, porque, em se tratando de Brasil, estamos nos acostumando a ficar com os 2 pés atrás. Mas, quando você aborda comparativamente com relação aos espetáculos artísticos, realmente fica muito bem elucidado o caso.
        Agradeço a atenção!
        Abraço!

  • Julio Avila (Mariana) disse:

    O time já fraco,limitado! a defesa uma peneira! e ainda com rumores de salários atrasados ai que não vai pra frente! Roger esta por um fio faz tempo gente,só não ver quem não quer enxergar,se perde ontem hoje estava demitido! e vai para o jogo contra o Bahea do mesmo jeito se ganhar fica mais umas rodadas ou até ser eliminado da Liberta,se perder vai ser demitido!

    • Alex disse:

      ..continua secando, tá dando sorte….desde de janeiro que vc fala que o Roger vai cair….kkkkk…não acerta uma…kkkkkkkkkk

    • César disse:

      Olha que ele faz comentário como se fosse atleticano, quem vê pela primeira vez vai pensar:é atleticano. Vai que é, cruz credo.

    • Alex disse:

      “e ainda com rumores de salários atrasados”
      Ps: toda vida vc falou sobre isso….eu quero ver é vc provar…por isso todo mundo te trata como criança…..prova aí, tenta sorte…..rumores de fofoqueiro como vc amigo, ninguém dá crédito….por falar nisso, o Abilão pé de chuteira trocada tá indo embora por falta de grana….isso eu provo…..

  • Roger Campos disse:

    Eu sou otimista de carteirinha, mas não posso fugir da realidade. Passamos da metade do ano e o Galo não tem time. Teve apenas lampejos. O Roger machado já está perdido. O que ele está fazendo agora é mexer o caldo no fogo para ver que gororoba vai sair disso. Esse é meu entendimento com com relação a essas alterações que está fazendo. No tal do Rafael Carioca ele não mexe.
    Robinho entra no segundo tempo, de um jogo horroroso, contra um time péssimo e a imprensa diz que ele mudou a cara do jogo. Tenham dó. Até gandula entrando em campo mudaria a cara do jogo. Depois do que o Regi-Galo/BH comentou em outro post, o que aconteceu é que a turma do compadrio vendo que o parceiro entrou no jogo resolveu dar uma corridinha diferente para ajudar. embora eu acredite que não seja somente esse fator (panelas) o problema do time.
    Para mim, hoje, o galo é uma casa sem comando. Não tem comando dentro de campo, não tem na beirada do campo, não tem diretor de futebol, não tem presidente. Me lembra um programa que já passou em um canal pago onde eles colocavam um monte de crianças dentro de uma casa sem a supervisão de adultos. Virava uma zona.

    • Regi.Galo/BH disse:

      Caro Roger Campos,
      Para mim é uma tristeza falar certas opiniões.
      Eu gostaria de estar errado nas críticas e de acertar nos elogios.
      Mas, estranhamente, quanto mais rezamos mais fantasmas nos aparecem.
      Tá tudo embananado, diria meu Pai.
      Precisamos de melhoras já!
      Abraço!

  • Pablo de Oliveira disse:

    Bom dia!!
    Primeiro tempo horrível, melhorou no segundo tempo com uma vitória importantíssima, o mais importante é os 3 pontos.
    Apesar de algumas carências no elenco, continuo confiando na qualidade do elenco, na minha opinião como venho falando a muito tempo, o que tá matando o Galo é esse “junta junta” esse “rodízio ridículo” onde o time fica mal treinado pois não tem tempo para treinar, e fica desentrosado pois cada jogo é um time diferente.
    Por isso vamos aos trancos e barrancos nesse Brasileiro, acredito que no jogo Domingo contra o Vasco aí sim nosso técnico teimoso vai colocar um time alternativo e deixar os titulares treinando e se preparando para o jogo de volta da Copa do Brasil contra o Botafogo.
    Coisa que ele já deveria ter feito a muito tempo, pois treinamento é fundamental e nosso time é envelhecido não aguenta jogo quarta e domingo.
    Esse time TREINADO E PREPARADO já nos mostrou que é forte por isso ainda estamos vivos em todas as competições!!
    No Brasileiro não acredito em chance de titulo, mas estamos na briga pelo G6 e com muita chance de avançarmos na Copa do Brasil e Libertadores.
    Depois vamos pegar Flamengo e River Plate de nível muito maior, vai exigir planejamento, Treinamento, foco, preparação total é isso que espero que seja feito até lá, “antes tarde do que nunca”.
    Se preparando acredito em pelo menos mais um titulo de expressão, dando um pouco de retorno pelo alto investimento feito, e uma alegria para massa!
    Saudações!!

  • Marcelo Araújo disse:

    E nessa toada, o Roger Machado ganha sobrevida, Robinho mais uma chance, Carioca titular absoluto. E São Victor a operar seus milagres! Futebol do Galo está a Deus dará! Então, a saída é mesmo rezar! Vamu, Galo! Ressuscita-te!!!!!!!!

    • Regi.Galo/BH disse:

      Caro Marcelo Araújo,

      Rezar é sempre importante. SEMPRE!!!!
      Mas está dando até pra desconfiar que nem Deus está assistindo aos jogos do Galo mais, tamanha impaciência.
      Está preferindo mudar pra Flamengo e Cruzeiro, e ficar torcendo para os dois perderem.
      O Sassá que o diga…

      Abraço!

      • marcelo araujo disse:

        Hahaha. Essa foi boa, Regi.Galo!! Coitado de Deus então, pensando que o Sassá ia ser o “Sá-Salvador”. Sendo provocativo: Enquanto o Galo é o time da fé, segundo profesta Riascos, já o Cruzeiro é time das fezxx.

        • Regi.Galo/BH disse:

          Caro Marcelo Araújo,
          Brincadeiras à parte, Deus já havia perdoado, com restrições, o Wright e o Márcio Rezende de Freitas pelas roubalheiras que faziam em nome dos seus times.
          Mas, Deus jamais aprovou aquela troca de rosas entre as torcidas do Cruzeiro e do Flamengo.
          Jamais!!!
          Abraço!

  • Renato César disse:

    Parafraseando Blaise Pascal, “futebol tem razões que a própria razão desconhece”!

    Senão vejamos: Corinthians fez 13 pontos dos últimos 15 disputados e está em queda, enquanto que o Grêmio, que fez 06 dos últimos 15 está “chegando”. Cruzeiro fez 10 dos últimos 15 pontos disputados e está em ascensão, enquanto o Galo que fez a mesma campanha (10 em 15) está em queda acentuada.

    As opiniões são sempre muito lógicas e simples de entender.

    • Regi.Galo/BH disse:

      Caro Renato César,
      Concordo com o caro Luiz Ibirité:

      – Parece que tá ruim; mas se você olhar direito também parece que não tá bom! (haha…)

      Abraço!

    • luiz ibirite disse:

      observaçao bem pontual se olharmos somente os numeros, mas, se for olhar o futebol apresentado ai pode mudar a ótica da coisa.

      • Renato César disse:

        A questão é que não são analisados nem números e nem futebol. Outros interesses falam mais alto nestas horas. Mas tem muita gente que não consegue perceber isto.

  • Rafael disse:

    Tá faltando vergonha na cara desse time do Nepomuceno e do Roger.
    Ficar atrás na tabela de elencos inferiores como Sport, Flu, Cruzeiro, Vasco e até do Sangos, é inaceitável. Tinha que estar disputando a ponta com Curintia, Gremio, Fla e Palmeiras.

    Torço demais para o Palmeiras perder 3 seguidas e o Cuca voltar para o Galo e dar um jeito no nosso time.

  • Carlos Almeida disse:

    Quando a indignação é geral msm dps de uma vitória, é pq o trem tá brabo.

    E o time parece piorar cada vez mais.

    Como diria o Gontijo, não foi o Atlético que venceu, foi o Goianiense que perdeu.
    Um cachorro morto aliás e virtual rebaixado já no 1º turno da competição.

  • Alex disse:

    …eu vejo muita gente criticando a BASE do Galo….mas é o único time mineiro da capital a passar da primeira fase da Taça BH…ninguém falou nada, mas cruzeiro e Mequinha foram eliminados com 3 derrotas…..e ninguém fala nada, tá todo mundo calado….tem uns 3 ou 4 meninos muito bom nesse sub-17…o Alerrandro e o Bruninho(filho do Bruno volante de 99) são muito bons…..a parada agora é contra os Curicas….vamos ver…..

    • Leandro Fábricio disse:

      concordo alex… e acrescento….já perdemos boas revelações por negligencia de diretoria e treinadores, diretoria que já perdeu atletas de bobeira como fred ex inter e hj no shakthar mas que começou aqui no galo, tabata que foi embora por bobeada da diretoria também (aliás acho que não foi uma boa escolha para o tabata ter saido do galo, sumiu) e muitos que foram mal lançados e se queimaram…

  • Julio Avila (Mariana) disse:

    Que pelada!!!! digna de serie c!

  • Carlos Henrique disse:

    Nao sou conselheiro do Atletico. mas se o fosse,tentaria mobilizar o conselho
    nao quero desestabilizar meu clube, criar crises, nao sou jornalista
    Mas do outro lado eles dao o recado a sua diretoria e tecnico
    seja nao indo aos jogos, cobrando na sede, no c.t.
    nos nao , apoiamos e vamos ao estadio
    mas uma hora, a paciencia do torcedor acaba
    sou totalmente contra a violencia
    a torcida do Atletico, demora, mas uma hora a casa cai
    ai e u quero ver, tecnico muito ‘boleiro” metido a falar diferente
    jogada aérea, enganche, e torcedor sabe oque é enganche
    faz o simples Roger, fala a lingua do futebol.
    VOCÊ nao é um professor como o Tite
    é um ex boleiro metido a tecnico como o Renato no Gremio
    e tantos outros
    se nao fosse tanto “boleiro” e tivesse mais vivencia, como tecnico
    tomaria atitudes diferentes

  • luiz ibirite disse:

    A pegar pelo futebol e os comentarios aqui (os mais sensatos é claro), torcedor que esta esperando uma arrancada na cb ou na libertadores vai cair do cavalo.

  • Alex disse:

    …bom dia!!!…que pelada foi aquela em Goiânia ontem?….parecia que o jogadores queriam derrubar o técnico tamanha preguiça no primeiro tempo?….ganhamos o jogo sem chutar a gol……agora, façamos uma reflexão, o que os amigos preferem, a falta de pernas mas o poder de decisão do Robinho, ou a correria desenfreada do Marlone com a sua visível falta de técnica?….cara, o Bernard cairia como uma luva nesse time….imagina a correria do Bernard aliada a finalização apurada do Fred?….tá faltando velocidade e inteligência na frente….outra coisa, eu gosto muito do futebol do carioca, mas acho que el nasceu na época errada….se ele jogasse na década de 80, mataria a pau….o futebol de hoje não tem mais lugar pra tanta falta de vontade….ele desanimado demais, água morna demais pra jogar no Galo….
    Ps:tá osso, o Robinho é habilidoso mas não tem pernas…. o Marlone tem pernas , mas não sabe usá-las….o Valdívia tem pernas ,mas tá mais preocupado com as redes sociais, disperso demais…..

    • Regi.Galo/BH disse:

      Caro Alex,
      Agora você acabou por me colocar mais uma dúvida.
      Nós é que enxergamos isso mesmo: falta perna, falta cabeça, falta corpo, falta condição, falta tudo.

      Mas se pensar bem, o time que o Roger monta parece que é propositalmente meio assim mesmo: ele pensa só com uma perna de um, com uma cabeça do outro, com um braço do outro, o corpo do outro, etc. Bem nesse sentido, uma montagem mal feita de corpos em campo. Talvez isso explique o porquê dos três volantes sendo que um ainda é ponta.

      Agora vem o problema…
      Estávamos quase qualificando-o de EINSTEIN, por causa da ‘metodologia científica’ que ela arruma pra inventar em campo e nas coletivas de impressa (e também porque Prof. Pardal já era propriedade do Adilson Batista).
      Agora, com esse time meio pé, meio braço, meio corpo e meia boca, começo a achar Dr. FRANKENSTEIN muito mais apropriado…
      Travei!!!!?
      Abraço!

      • Alex disse:

        …vc foi bem demais Regi…kkk….mas nesse caso, a culpa maior do Roger é nas contratações….as que ele pediu é claro….acho que o maior erro dele está nas avaliações….qto a displicência do time, a culpa pra mim é dos jogadores….
        Ps; parabéns…vc discordou de mim com classe….é isso…e eu aceito numa boa…..

        • Regi.Galo/BH disse:

          Caro Alex,
          Você se enganou. De forma alguma eu discordei de você neste comentário.
          Só peguei um ganho mesmo (oh, enganche deve ser isto!!!).
          Apesar da brincadeira, achei muito apropriado o seu comentário.
          Abraço!

          • Alex disse:

            ….valeu….as vezes me perco….não tenho a perspicácia
            que vc tem….mas chego lá amigão…um abraço!!!

      • José Eduardo Barata disse:

        Ô REGI.GALO , aí você “mitou” .
        O Frankenstein escala “partes” de jogador ….

        • Regi.Galo/BH disse:

          Ô Barata,
          Mas não é que em quase todos os jogos o time precisa ser remendado?
          Um entra sem perna, outro sem cabeça, por aí vai…
          Leviandades à parte, as duas classificações não são assim de todo mal.
          Abraço!

  • Igor Mendes disse:

    Se o Galo jogar todos os jogos em ritmo de pelada e trouxer os 3 pontos, eu prefiro assim.
    Uma tônica dos últimos tempos, o Cru Cru perde, empata e ganha jogando um belo futebol e sempre em evolução com apenas 1 ponto na frente do Galo; já o Galo ganha, empata e perde jogando feio, está sempre descendo a rampa.
    Todos criticam o Róger por não tirar Robinho do time e inventar termos diferentes ; no futebol todos são assim, o Cru Cru perde dois pontos em casa e o Mano, que também não tem culhões pra barrar o Fábio, disse que esse é o Cru Cru que queríamos ver. Rsrsrsrs!!! Todos que lidam no futebol gostam de criar motes pra fazer marketing pessoal isso não é exclusividade do Róger. Vide os comentários do Bob Faria e muitos outros. Lógico, sem querer proteger o Róger, minha preferência sempre foi Levir ou Cuca, mas é a mesma cantilena de sempre em qualquer resultado do time. A torcida do Galo parece estar tonta, pedem Marlone, tira Marlone, pede a volta do Rocha, tira o Rocha pede fulano, não tira e coloca sicrano e a cornetagem não tem limite. Kkkk!!! Os times brasileiros estão todos no mesmo patamar exceto o Corinthians que também vai começar oscilar como bem disse o profeta Renato Gaúcho.
    Gostaria de ver o Galo jogando melhor, mas o futebol brasileiro como um todo não anda bem das pernas, mas só tem olhos para o nosso time.
    Concordo com o Carlos Henrique, já que a cúpula quer, a diretoria do Galo bem que poderia mudar de ares um pouquinho e jogar no nosso Salão de Festas.

    • Leandro Fábricio disse:

      Eu ia escrever mais adiante sobre isso que vc falou Igor… no galo tudo se torna tempestade para a imprensa e alguns torcedores nossos… do outro lado tudo é bonanza e flores estando os dois times e os dois treinadores nas mesmas condições no campeonato… também não estou satisfeito com o futebol apresentado pelo galo e com as invenções do nosso treinador… o que contesto é que do outro lado é também a mesma coisa e não se vê tamanha pressão imposta para o lado de lá…

      quer ver outra??? Falam que robinho foi investimento perdido e que o galo joga com um a menos com ele…. e o que esse tal de rafael sobis que também foi um investimento altissimo está mostrando do outro lado??? mas a imprensa ô…psiuuuu
      mano menezes ha mais tempo que o roger treinando o clube de lá, perdeu o regional e já foi eliminado vexatoriamente na fraca sulamericana… mas a imprensa ô… psiuuuuu, mano é bom roger é pessimo
      o enseada perdendo dinheiro, empatando e perdendo (chape) jogos em casa… mas o enseada está em ascensão e o galo perdeu a magia no horto e está ladeira abaixo…

      e por aí vai..

  • Renato César disse:

    Estava em trânsito ontem e não acompanhei a partida. Acho que foi a primeira vez que isto aconteceu depois de muitas décadas. Vejam só onde chegamos!

    Mas assisti àquilo que chamaram de “melhores momentos” (o estagiário da globo.com poderia ter arrumado um nome melhor para o vídeo).

    Chico, ao que parece, o gol dos xarás aconteceu no primeiro tempo. Também, na edição só vi 03 finalizações nossas: além dos gols, teve uma do Robinho em um escanteio que foi cobrado rapidamente.

    No mais, o nome do jogo foi Victor, que nos salvou em pelo menos 03 oportunidades. Lamentável ter que viver para voltar a ver isto!

    • José Eduardo Barata disse:

      Ô RENATO , os seus comentários cada vez mais
      “encorpados” .
      Bom de ler .

      • Renato César disse:

        As discussões no blog vão nos ensinando. Espero que realmente esteja melhorando para proporcionar aos demais leituras agradáveis, como as que você proporciona, o Regi.Galo e alguns outros. Obrigado!

        • Regi.Galo/BH disse:

          Caro Renato César,
          E a recíproca é verdadeira.

          São a soma dos comentários do blog a inspiração.
          A gente fica contagiado pelas opiniões dos companheiros, cada vez mais construtivas.
          E, graças à isso, a cada dia mais estamos todos nos situando melhor.
          Também ofereço os meus votos.
          Abraço!

        • José Eduardo Barata disse:

          Nada a agradecer .
          Eu apenas fiz uma constatação , pois é fato
          a qualidade de seus textos .

  • Rodrigo Assis disse:

    Futebolzinho do galo ta sofrível

  • Julio Cesar disse:

    Ontem o Roger desfiou uma serie de vocabulos que fizeram lembrar na hora do Jose Eduardo Barata. Precisaria escrever na hora pra me lembrar e não o fiz. Mas ele expressou uns tres dignos de entrarem para o dicionario “Rogerbrês”. Me parece que teve “explorar profundidades”; “lateralidades” e gols “aereos”. hehehehe….Não teremos mais gols de cabeça, agora são “aereos”.

  • Paulo F disse:

    Por um momento cheguei a pensar que o Galo iria ressuscitar mais um defunto, de tão mal que estava jogando. Ainda bem que não, realmente uma vitória muito boa diante das circunstâncias.
    Escalação muito equivocada a meu ver… 3 volantes contra o lanterna saco de pancadas é brincadeira. E entra com Marlone ainda, que não cria nada, nem parece jogador ofensivo, muito limitado, que saudade do Clayton.
    Eta time preguiçoso.

    • Igor Mendes disse:

      Paulo, realmente é o lanterna, mas não se esqueça que o genérico de Goiás empatou e quase vence o São paulo no Morumbí. Em que pese o Sampa estar mal, mas é um dos grandes do nosso futebol. Esperávamos mais do Galo sim, mas quem realmente está encantando é somente o Corinthians, o resto, oscila. Abraços!

  • Leandro Fábricio disse:

    Tá na hora da torcida acordar…. demonstrar insatisfação só nas arquibancadas não tá funcionando… o presidente “esbravejar” dentro de vestiário não está funcionando… salários em dia não está funcionando… melhor ct do brasil não está funcionando…. trocar de treinador não está funcionando…

    então vamos acordar… vamos acordar antes que seja tarde

    • Jorge moreira disse:

      Leandro será que os salários estão em dia?
      Não pagaram uma prestação do passe do Elias
      então eu fico pensando esta acontecendo alguma coisa pior dentro do time só pode

  • Leandro Fábricio disse:

    Respeito mas discordo veemente de sua opinião chico maia…não acho que jogou um pouco mais e nem teve boa vontade nenhuma no segundo tempo… os jogadores do atlético continuaram com a mesma preguiça, descompromisso e falta de vontade como em outras partidas e nessa não foi diferente inclusive no segundo tempo, o que aconteceu é que além do time goiano ser o péssimo dos péssimos ainda se cansou, se encolheu e ainda perdeu a chance mais clara de gol do jogo com um tal de paulinho cara a cara com o victor…. tudo isso fez com que o time e jogadores se soltassem mais dando uma falsa impressão de maior compromisso e melhora na partida…
    teve um torcedor que me disse que a pior partida do atlético é sempre a proxima e concordo com ele, a cada jogo o time piora, quando dá um alento que vai melhorar a proxima partida é desastrosa… será só culpa do treinador????

    algo de errado está acontecendo dentro nos bastidores do clube, kalil esses dias entrevistado que foi levantou essa questão e ele só não quis falar porque hj ele não faz parte da diretoria do clube e não quis colocar o atual presidente em maus lençois, mas kalil pode não estar ativamente dentro do clube mas ele afastado de tudo não está e ele sabe o que está acontecendo…

    acho que só a torcida pode nesse momento salvar o galo, quem acha bobagens torcedor ir na porta de ct cobrar de jogadores precisam rever seus conceitos… começo a pensar que só assim para jogadores descompromissados como alguns que aí estão no clube para firmar o corpo, isento os que vieram da base… sou contra qualquer tipo de violencia mas será que seriamos campeões do regional se a torcida não tivesse protestado na porta do ct um dia antes do primeiro clássico??? Sei nao viu…. começo a ter minhas duvidas se ir em porta de ct cobrar atitude desses caras não seria sim a melhor solução… já que esses descompromissados pra não dizer outra coisa não respeitam o presidente do clube então vão ter que respeitar a torcida nem que seja no olho no olho…bom essa é minha opinião e respeito quem discordar…

    mais um jogo ridiculo… a verdade é que como disse em alguns post anteriores que pelo momento em que o time se encontra atualmente na tabela o mais importante é vencer não importa como seja… mas a preocupação também se estende para o futuro do time nas outras competições…

    então senhores, mais 3 pontinhos preciosos na luta contra o rebaixamento… faltam mais 27… isso pra não correr risco

    • Regi.Galo/BH disse:

      Caro Leandro Fábricio,
      Mais uma vez ótimas observações.
      Permita-me apenas sugerir uma opinião.

      Ao meu ver, a falta de respeito dos descompromissados é totalmente com a torcida.
      Inclui-se aí o descompromisso do Presidente, dos jogadores e do técnico (que no caso do Roger é para mim em menor grau).
      O Presidente esconde as mazelas da torcida e os jogadores se escondem atrás do Presidente.
      O técnico realmente é inexperiente, mas se fosse um time de voluntariosos dava-se um jeito.

      Quanto à cobrança, gostaria de repetir que é um direito inaliável do torcedor e deveríamos fazer uso deste direito já. Portanto, a sua linha de pensamento é muito bem vinda.
      Abraço!

    • Alex disse:

      …aonde assino Leandro?…tem algo errado….

  • Pedro Vítor disse:

    Boa Vitória

    Tem que vencer as duas partidas em casa chega de oscilações!

    Meu foco é Libertadores e Copa do Brasil na minha visão é onde temos lenha pra queimar . Descansar o time pra fazer o que tem de fazer nestas competições e atingir os 47 pontos o mais rápido possível no Brasileiro.

    Ano passado ficou provado que começar o campeonato patinando pra brigar por título o time tem que se superar bastante é olha que não passado nenhuma equipe se destacou muito quando o Palmeiras assumiu a liderança foi no final do turno agora Este ano o Corinthians se isolou, e tem apenas o Brasileiro pra disputar coisa que outros tem Mais duas competições são muito mais jogos e muito mais viagens a se fazer fora que o Corinthians hoje joga melhor

    Mas pro Atlético é vencer estes dois jogos e depois pensar na classificação contra o Bosta lá no Rio.

  • José Eduardo Barata disse:

    Como estão certos os caras da 98 !…..
    Aplaudiram de pé , e eu também o , “descanso” que nosso
    excelente Roger Machado deu para o Robinho .
    Foi na “mosca” o nosso grande estrategista .
    O “Pedalada” anda estressado com tanto jogo , e bastou o
    banco no primeiro tempo para o cara entrar “voando” e nos
    trazer a vitória com uma atuação e-xu-be-ran-te !
    Que dinâmica !!!
    E não foi contra qualquer um , não , não mesmo .
    Estavam lá atletas adversários liderados pelo WALTER .
    Foi de encher os olhos da torcida .
    Que atuação !!!
    Passes certeiros , movimentação , troca de posições ,um
    verdadeiro SHOW DE BOLA .
    p.s.
    E que primeiro tempo do GALO !!!
    A continuar assim , não tem pra ninguém

  • José Eduardo Barata disse:

    Eu me rendo à capacidade de nosso grande ROGER MACHADO !
    Todo mundo a pedir o Adilson e ele então entra com o cara na …..
    PONTA ESQUERDA !
    Ah ! , diremos todos , mas ele é volante , o que ele está a fazer ali
    na ponta , avançado , a disputar bola na área adversária ?
    Jogada de mestre para confundir o Doriva .
    Ninguém percebeu , mas no segundo tempo ele traz o Adilson de
    volta para a frente da zaga e arruma o setor , liberando o Elias .
    Deu um nó na cabeça do Goiano .
    G-Ê-N-I-O !!!! Absolutamente estratégico !!!
    Como disse o Fred Paiva , em texto aqui reproduzido em outro
    post pelo MÁRCIO LUIZ : Einstein , o cara é o Einstein !!!
    Valeu muito pelos três pontos .
    A contar mais seis nos próximos dois jogos, estaremos apenas
    a seis do Timão que , como disse o Renato , está a despencar ,
    e vamos terminar o turno ali na cola do líder .

    • Regi.Galo/BH disse:

      Caro Barata,

      tsc…tsc…tsc…
      É uma pena que você não esteja familiarizado com as técnicas e táticas modernas de vossa excelência. Os volantes-ponta infiltrados são a magnitude extrema por trás da construção dos gols aéreos. Do ponto de vista científico da coisa, você suprime a raça e a garra e compensa com a invenção do ‘tá lento’.
      Só lamento!

      Agora, você está muito corajoso de ainda ficar pensando no líder.
      Nessa estou com o caro Leandro Fábricio, penso que pode esquecer. Nas nossas perspectivas atuais, devemos conquistar alguma mentalidade competitiva suficiente e consistente para que, depois, nos permitamos começar a pensar nisto.
      Só lamento!

      Porém, tudo será melhor, assim que o nobre cientista descobrir como aplicar ENERGIA, MASSA e ACELERAÇÃO aos seus conceitos relativos.
      Abraço!

      • José Eduardo Barata disse:

        Alô REGI.GALO , gostei de seu arremate .
        Mas a minha percepção é que o Magnifico está a
        buscar os avanços em profundidade , fazendo com
        que a lateralidade possa sobressair e permitir que a
        amplitude provoque jogadas aéreas para fazer com
        que nosso atacante finalize com a cabeça e também
        com os pés , dito assim mesmo por ele .
        Na questão do líder confesso que dou a maior força
        para o que disse o Renato Gaúcho .
        Uma contusão aqui , outra ali , um árbitro sem aquela
        “pegada” e o Timão poderá sentir pressão .
        Por que não ?

        • Regi.Galo/BH disse:

          Caro Barata,
          Concordo com o caso de o Timão ou os outros times sentirem a pressão.
          É quanto ao Galo ‘fazer pressão’ que eu estou me referindo.
          Nessa altura do campeonato e a nossa panela está ‘sem a borrachinha’!!!?
          Como que dá pressão desse jeito?
          Abraço!

    • Leandro Fábricio disse:

      Fala barata… barata esqueça o lider… temos que nos preocupar é com o pessoal da zona do rebaixamento não se aproximar da gente… infelizmente com esse futebol praticado por esses mal carater (não todos) essa é a nossa realidade…

      apesar de eu ainda achar que o unico e grande problema ainda não é treinador… tenho que concordar que roger machado tá inventado moda e escalando jogadores em posição errada… aliás pra mim qualquer treinador que mantenha rafael carioca de titular e não consegue enxergar que para um time que não tem jogadores de frente que ajudem na marcação e que por isso precise de dois volantes pegadores pra mim já está passível a ser criticado…

      abraços

  • J.B.CRUZ disse:

    Fiquei no controle remoto zapeando os jogos; ora do CRUZEIRO , ora do galo..
    Pela primeira vez em mais de 60 anos, assisti a uma ”senhora pelada” e a um Clássico eletrizante…
    No jogo dos genéricos do Atlético de Madri, ganhou o menos pior.
    No Clássico do Mineirão, deu a lógica.. Super X..

  • Regi.Galo/BH disse:

    Alô Roger,

    – Como é que é? Os gols aéreos faziam parte da estratégia?
    – E quanto ao pavor que eu fiquei vendo mais um jogo horroroso, também fazia parte dessa mesma estratégia?
    – Por tudo o que há de mais sagrado, você não acha que a gente poderia mudar de estrategia não?
    Hã??? Próximo!

    • José Eduardo Barata disse:

      Ô REGI.GALO , como questionar nosso vibrante comandante ?
      Jogo aéreo , meu caro , a mais nova arma do futebol moderno .
      São anos de estudo , de prancheta , de laboratório , para que
      se possa chegar a execução desta prática .
      Tenhamos calma !!!
      As jogadas precisam de maturação para acontecer .

      • Regi.Galo/BH disse:

        Caro Barata,

        Você se lembra de um desenho animado não tão antigo, não sei se chamava ‘pegue o pombo’, que tinha o cão Rabugento. Às vezes eu ficava vendo de madrugada, enquanto esperava o café.
        Então, tinha um personagem que falava todo embolado e aí ninguém entendia direito e ficavam perguntando: o quê que ele disse? o quê que ele disse?

        Pois é! Estou mesmo ficando traumatizado com as coletivas do Sr. Roger Machado…
        – O quê que ele disse? O quê que ele disse?

        Abraço!

        • José Eduardo Barata disse:

          REGI.GALO , está pra sair uma ferramenta que coloca uma
          legenda na fala do nosso CIENTISTA .
          Afinal , nós outros , pobres torcedores , não podemos ficar
          sem os enganches explicativos de tanta sabedoria .

        • luiz ibirite disse:

          kkkkkkkkk… muito boa regi.galo, o tradutor dele é o cao chamado motley se não me engano.

          • Regi.Galo/BH disse:

            Caro Luiz Ibirité,
            Você se lembra, né!? Pois é, eu e ele estamos igualzinhos.
            Mas não ri não, porque o ‘trem’ tá feio.
            Abraço!

          • José Eduardo Barata disse:

            Será a próxima contratação do GALO .
            O cão Motley .

  • Marcão de Varginha disse:

    Não estão conseguindo jogar bem nem contra os mais fracos… arremedo de time, vergonha, vergonha, vergonha… de todas as vitórias neste campeonato, só venceu os mais fracos, sem tradição, sem torcida, os menores …exceto o SPFC.
    – Presidência, comissão técnica e toda equipe de atletas: quando o Galo vai realmente entrar em campo? O segredo é treinar exaustivamente até reaprender jogar nosso tradicional e temido futebol!
    – #benecyerternomito

  • Guilherme Gonçalves Costa disse:

    Concordo, Carlos. Está na hora de tomar uma providencia. A mudança de ares pode ser benéfica. Está na hora de deixar a mística do cemitério do Horto descansar. Inclusive pro jogo contra o Seu Jorge, na partida mais importante do ano ate o momento, acho que o palco deveria ser o Mineirão. Alguns não concordam dizendo que o Mineirão é frio e não oferece o mesmo “temor” aos adversários. Eu não concordo. Isso depende da torcida de qual time estão usando como parâmetro pra tal comentário. Estamos falando do Galo e nossa torcida é inigualável. Em nossa casa visitas não podem mandar.

  • Jorge moreira disse:

    Mais uma mancha na camisa amarela da selecinha do Brasil, fizeram um junta dos amiguinhos do Roberto (ridiculo Carlos) e foram disputar um torneio de futebol de 6 la em Londres, só que as otras seleções levaram jogadores que realmente sempre representaram os seus Paizes, e acreditem a seleção do junta do brasil ao disputar o terceiro lugar do torneio depois de perder na semi-final tomou de 11X3 para os Espanhois uma vergonha e uma sacanagem que fizeram com o sempre bom goleiro e otimo carater DIDA, os jogadores Djaminha andando em quadra os outrosJulio Batista(que teve o pessimo comentarista do sportv o indicando a qualquer time da primeira divisão do brasilkkkk) o pior foi ver o Roberto Carlos e o Djalminha rindo do passeio que o tie tava tomando ridiculo absurdo o que fizeram não com a selecinha mas com o profissional e otimo carater DIDA que fazia tudo defendia como podia e os roberto carlos e djalminha rindo gozando como se eles não tivessem participado do fiasco e mais ainda foram cumprimentar os Espanhois(nada por não cumprimentar os vencedores do jogo, mas faltou respeito pela camisa que representava o paiz)

  • Carlos Henrique disse:

    O primeiro tempo , parecia casados contra solteiros, ou pelada com camisa e descamisados
    NEM NA VARZEA SE VE UM JOGO TAO RUIM
    ai no segundo tempo a coisa melhorou, como bate bem na bola Cazares
    e meteram o pau nele, quando nao tocou para o Fred
    joga demais, é o cara que da assistencis
    os problemas persistem, proximo jogo sem Robinho
    o cara esse ano deve e nao ta pagando a conta
    a conta é jogar bem, O roger é tecnico até bom
    mas muito boleiro,nao dá conta de acertar o time.
    Valdivia que pensei que ia arrebentar nao ta entrando no time
    ele tem que jogar pelas pontas, partindo pra cima.
    Marlone nao é esse cara, pode até ser melhor taticamente.
    so o Roger gosta de seu futebol, jogou e varios times grandes
    e sempre foi isso ai.
    Valdivia nao, so tem 22 anos, tinha que atuar mais.
    do Carioca nao falo mais, Roger nao tira o cara
    e Robinho volta contra o Vasco em casa querem apostar
    Será que a diretoria, do Atletico, nao poderia deixar o Galo jogar no mineirao um jogo
    Pelo menos uma vez, com preços nao salgados
    para aqueles que nao foram ainda ao Horto, ver o time jogar
    No horto é privilegio de poucos. ingresso caro
    ai o torcedor deve pensar assim.
    em festa de Inhambú jacú nao entra
    acorda diretoria, faz um gradinho para o torcedor mais simples
    encher o mineirao e ver o Galo jogar, pelo menos umas 2 vezes

    • José Eduardo Barata disse:

      Ô CARLOS HENRIQUE , você viu a declaração do KALIL
      sobre essa questão de preço de ingresso ?
      Eu , frequentador assíduo até de treino , hoje em dia tenho
      que escolher que partida irei assistir “in loco” .
      Não dá mais para estar no estádio .
      Segundo o KALIL , futebol não é pra pobre .
      Então ‘tá , prefeito .

    • Regi.Galo/BH disse:

      Caro Carlos Henrique,
      Nesta questão de preços e presença de torcida eu também faço voz.
      Os dirigentes do Galo precisam se ligar de que certos segmentos da torcida não conseguem mais frequentar os estádios. E é a coesão da torcida unida que faz o Galo jogar.

      Gosto do Indepa pelo calor e comodidade e defendo seu uso em certas ocasiões. Mas lotar o Mineirão hoje, com a torcida em peso e volume total, seria uma arma até para contagiar esses medíocres que aí estão. Já passa da hora de apelar para a criatividade, já que para a capacidade e competência está difícil. É hora de mostrar que a torcida não faz jus à esse marasmo que se instalou no cotidiano do Galo. Quantas e quantas vezes até a mídia se rendeu à força da torcida do Galo? Quantas e quantas vezes a nossa torcida foi a referência para o time? Se fizermos ecoar mais encorpadamente o nosso grito, como já fizemos inúmeras vezes antes, quero ver se ‘sujeito’ não entra na linha dentro e fora de campo. Quero ver dirigente, técnico ou jogador ignorar o grito da Massa.
      Pra falar a verdade, o nosso time raramente foi digno da nossa torcida.
      É por isso que aprecio muito a sua ideia. É com certeza um dos caminhos.
      Abraço!

      • Alex disse:

        …Regi, também acho que tá na hora de voltar pro nosso salão….principalmente no jogo contra os Curicas….em 2015 jogamos contra eles no horto e perdemos de 3….eu estava lá assistindo aquela tragédia….

        • Regi.Galo/BH disse:

          Caro Alex,
          Nem me lembra daquilo.
          O Corinthians veio aqui jogar campeonato e o Galo nem saiu de casa.
          Só a torcida compareceu neste jogo. Esquece…

          Agora, quanto a mobilização da torcida, pelo que leio parece que a maioria de nós está de acordo.
          Não dá pra ficar esperando o Galo reagir se a gente não reagir e mostrar nossa força.
          A nossa torcida precisa impor no grito o desejo de dias de melhores.
          É o Hino no gogó a plenos pulmões e a cobrança firme e sadia de GARRA e de RAÇA para vestir essa camisa.
          Se os caras não vão suar de esforço e dedicação, então vamos fazer suar de vergonha e de remorso por fazerem o que estão fazendo. Claro, nada de violência, mas tem que se explicarem pra nós.
          Abraço!

          • Alex disse:

            …com uma torcida dessa Regi, só não joga que não tem sangue nas veias….já defendi muito o Carioca, mas infelizmente ele não entendeu o que é ser Galo doido….

  • Silvio T disse:

    Metade do mês de julho e o Atlético não tem um time. Mesmo nas vitórias ninguém se engana. É um grupo de funcionários públicos loucos prá dar seis horas prá saírem correndo. A situação está assim desde o início do ano. Impressiona que dentro da estrutura do Atletico não exista ninguém para modificar a situação. O pau cantou no rival depois da derrota no clássico e as coisas foram acertadas rapidinho. No galo parece que só tem uma reaçaozinha quando vândalos ameaçam dar porradas nos jogadores. Qualquer microempresa já teria tomado várias providências para detectar e resolver os problemas. O que será que acontece num clube com orçamento de mais de 300 milhões por ano? Será que é justamente isso, muita gente, dentro e fora de campo, ganhando dinheiro demais com resultado de menos? Acho que, além de jogadores e técnico, tá na hora de começar a cortar cabeças de incompetentes que estão enchendo os bolsos de grana do galo sem contrapartida. Que o time consiga se manter na série A e que 2018 seja um ano de ampla renovação no Atlético, com uma estrutura mais enxuta e muito, muito mais profissional.

    • José Eduardo Barata disse:

      Impressionante , SILVIO , como tudo o que você disse
      retrata a atual situação do Atlético .
      Estão a diminuir a instituição , a desonrar o Manto , a
      desrespeitar a torcida .
      Muito bem dito .

    • Jorge moreira disse:

      Desculpem por insistir, os menos culpados são jogadores e o entregador de camisas da vez, o responsavél e que tem que ser cobrado é o nepomusono que até agora continua dormindo em berço explendido, o nepomusono tem que ser cobrado por tudo, foi sugerido jogar no mineirão com casa
      cheia, sinceramente pra ver estes jogadores andando em campo sem comprometimento, sem raça,sem garra eu não me arriscaria sair de casa, arriscando a violencia nas areas externas do burocratico e chato mineirão, onde se é extorquido por tudo, estacionamento caro,até o refrigerante lá é muito caro, olhem srs(as) a que ponto estamos chegando de outrora candidato a titulo(sonho meu)a sem esperança de disputar a sexta libertadores seguida, e culpa de quem deste politico presidente, o Kalil tinha que fazer uma besteira e ele o fez a pior delas escolhendo o pior candidato a presidencia no pós Kalil

    • Leandro Fábricio disse:

      Muito bom comentário silvio… e começo a repensar meus conceitos em relação a pressão de torcida na porta de ct… com jogadores desrespeitando a instituição e a torcida como esses come e dorme estão fazendo aí acho que só “vandalos” botando pressão nesses caras mesmo para eles terem um pouco de compromisso dentro do clube… se não funciona no amor… funciona na dor…

      • Silvio T disse:

        Ninguém é a favor da violência, claro, mas é impossível não notar como a atitude do time mudou depois daquele episódio em que chegaram até a amassar o carro do Marcos Rocha. O time voou nas finais do mineiro e na fase final da fase de grupos da Libertadores. Coincidência?

    • Regi.Galo/BH disse:

      Caro Silvio T,
      Acho que alguém já disse algo parecido, mas também vou me atrever.
      O futebol no Galo não é prioridade.
      A tal da competência não estão mostrando mesmo não, mas a falta de prioridade é visível.
      Esperamos melhoras urgentes!
      Abraço!

      • Silvio T disse:

        Pois é, o galo tá cheio de funcionários públicos de alto escalão que parece que são concursados. Chova ou faça sol, perdendo ou ganhando, mudando presidente, jogadores e técnicos, eles estão sempre lá, enchendo as burras de dinheiro alto. Tá na hora de botar pressão nessa estrutura viciada, tá na hora de exigir resultados de todo mundo. Chega de boa vida com o dinheiro que jorra da paixão do torcedor. Como exemplo. Lembram da famosa campanha “Fica Ronaldo”? Venderam camisas aos borbotões, garantiram dinheiro grosso prá uma meia dúzia da diretoria e logo depois venderam o cara. Teve assessor de imprensa construindo mansão em condomínio nos arredores de BH, diretor expandindo empresa, diretor mandando filhos prá estudar no exterior. E a torcida ficou com as lágrimas da segundona.

        • Regi.Galo/BH disse:

          Caro Silvio T,
          Pois é. É nessas horas que até os velhos fantasmas voltam a nos assombrar.
          Tristezas e mais tristezas.
          Essa falta de atitude do Sr. Nepomuceno está conseguindo ressuscitar as nossas mágoas, que estavam devidamente enterradas durante 2013/2014.
          Esse senhor não tem familiaridade nenhuma com futebol.
          Estamos na ‘mão de calango’.
          Abraço!