Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Quando um único jogador põe tudo a perder e compromete a vida de uma instituição

RODRIGO

Normalmente os goleiros são os mais cobrados, com ou sem razão. Mas há situações em que o sujeito é complicado mesmo, tem histórico de problemas. Mas sempre tem algum clube disposto a contratá-lo. É o caso desse zagueiro Rodrigo, da Ponte Preta. Com 37 anos de idade já deveria ter tomado jeito, mas não. Jogando em casa, aos 21 minutos a Ponte vencia o Vitória por 2 a 0 e dava um passo crucial para escapar da degola. Mas aí o Rodrigo resolve aprontar. Dá uma dedada no Trelezz, do time baiano, flagrado pelo bandeira que o entrega para o árbitro Ricardo Marques, que, corretamente o expulsa. O Vitória virou o jogo e a Ponte foi parar na Série B.

A torcida, que tem também histórico de selvageria, invadiu o campo e o jogo acabou aos 39 do segundo tempo, por falta de segurança.

Que nenhum clube mineiro pense em contratar este Rodrigo ou gente do estilo dele.


» Comentar

Comentários:
6
  • Carlos Henrique disse:

    Olha essa imagem sempre foi comun em futebol
    é por que hoje, tem cameras em todo lado do campo
    ja joguei amador mesclado com jogadores profissionais enfin de carreira
    ou que encerraram carreira na época a poucos anos
    isso de dedada dentro da area é comun

    • Helio Antonio Corrêa disse:

      CARLOS HENRIQUE
      Só falta vc. dizer se é bom e gostou.
      Porque se faziam, mereciam o mesmo tratamento dado pelo juiz a este marginal.
      Isto não é futebol, pode ser qualquer outra coisa, menos futebol.

    • Claytinho do Nova Vista - BH disse:

      Caro Carlos Henrique,

      Mas só entende isso e não leva pro lado pejorativo ou homo-afetivo, quem realmente já jogou ou ainda joga futebol mesmo que como amador. Quem já disputou ou ainda disputa campeonatos. Porque aqueles que se apegam ao fato só para zoar, das duas uma, ou fingem de rogados como se não soubessem que isso fosse normal em brincadeiras entre jogadores do mesmo time, ou em provocações à jogadores adversários, ou nunca jogou bola nem de brincadeira, nem no famoso e saudoso “rua de cima, contra rua de baixo”… rsrs

      Abraços

  • Lucas H. Nobre disse:

    O problema é a camisa… Não concordo com o que o Rodrigo (contumaz) fez, mas se fosse do Flamengo como Viseu e Rodolfo, nada teria lhe acontecido.

  • Renato César disse:

    Quando os dois são do mesmo time, pode né?!

  • Claytinho do Nova Vista - BH disse:

    Beeeemmmmm feitioooo !!!
    Esse zagueiro Rodrigo é o que podemos tachar de “marginal” do futebol. A bem pouco tempo ele partiu pra cima do seu ex-treinador. É por essas e outras que o Clube quando vai contratar qualquer jogador, tem que avaliar absolutamente tudo do sujeito. Não basta só ser bom jogador. O que nem é o caso desse Rodrigo.
    Beeeemmmm feitooooo !!!!!!