Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Galo jogou para o gasto e venceu fácil. Tudo indica que voltou a ser um time de velocidade e raça

Roger Guedes recebe o abraço de Gabriel na comemoração do segundo gol do Galo.

O time reserva mostrou velocidade, raça e jogadas pelas beiradas na estreia contra o Boa Era de se esperar o mesmo do time principal e não deu outra: 3 a 0 em menos de 20 minutos, em conclusões de belas jogadas, no primeiro tempo. No segundo, a ordem era apenas administrar o placar e a ótima exibição. Oswaldo de Oliveira está conseguindo implantar o que pretende. Os estreiantes foram bem e acrescentaram muito ao que sobrou do Atlético do ano passado. Elias parecia outro jogador. À vontade, mais disposto e participativo. Frederico Ribeiro‏ , do Hoje em Dia, logo nos primeiros minutos de bola rolando lembrou bem: @Fredfrm “Neste momento, com 10 minutos de Atlético X Democrata-GV, Arouca já jogou mais em 2018 do que em toda a temporada de 2017. O início de recomeço na carreira para o volante”. A única dúvida quanto a ele é a condição física, porque tem muito futebol a mostrar, como mostrou hoje.

Dos novatos, Roger Guedes foi o que mais agradou à torcida. Quer jogo o tempo todo e parte pra cima. A simples presença em campo do Ricardo Oliveira obrigou a defesa do Democrata a cuidar de forma especial dele, abrindo espaço principalmente para Otero e Cazares deitarem e rolarem. O público pagante, para o Independência, foi excelente: 20.216 e renda de R$ 163.731,00.

Antes de a bola rolar, um minuto de silêncio, em função de uma tragédia na estrada que matou uma liderança importante, do principal patrocinador da Federação Mineira de Futebol. A informação foi dada pelo André Puliti, importante liderança do cooperativismo:‏ @andrepuliti  “O cooperativismo de crédito Mineiro perde um de seus grandes líderes: sr Alberto Ferreira! Vá em paz Sr Alberto, ninguém irá apagar o seu trabalho e suas conquistas para o cooperativismo de crédito estando a frente da Crediriodoce e da Central Crediminas.”

O Democrata e a cidade de Governador Valadares sofreram mais ainda e a Pantera twittou:

EC Democrata‏ @DemocrataGV: “Um grave acidente automobilístico na madrugada de hoje, em Governador Valadares, teve como vítima fatal o Sr. Alberto Ferreira, presidente do Sicoob Crediriodoce, patrocinador do Democrata. Somos todos solidários à família do Alberto, que era amigo do ECD.”

Nossos pêsames à família.


» Comentar

Comentários:
75
  • João Reis disse:

    Estou muito otimista para com a construção da arena do Galo.Se isso ocorrer mesmo,o clube dará um salto gigantesco para sua independência financeira.Penso que poderia se criar um modalidade de sócios,para que os mesmos depositem mensalmente uma quantia para a arena do Galo,como ocorre em cotas de clubes de lazer.O cliente vai investido aos poucos,depois quando o estádio ficar pronto,estes sócios passam ater x números de ingressos,referente ao que pagou,assim como,descontos em tudo aquilo que consumir no estádio.Poderia criar esta modalidade de 3000 sócios,e aumentar para 45 mil a lotação do estádio…Você vai pagando antecipado pelo ingressos,e o clube usa este dinheiro para ampliar o estádio.Quanto ao jogo e ao clube,o bom é que não existirá uma pressão como no ano passado,onde por causa de três velhos medalhões criou-se uma expectativa de grandes conquistas.O que não ocorreu,pois apesar de se ter 3 medalhões no time existia setores desequilibrados.Uma coisa é correr para Cazares,outra muito mais difícil,é você ter que correr para Fred,Robinho,Cazares…Aí “meu irmão”,não existe volantes e Leonardo Silva de 50 anos,que aguente.

  • Carlos Henrique disse:

    Ha se o Chico desse um pitaco aqui, o Atletico contratou um argentino
    para ser reserva do Cazares, nao é um camisa dez
    Como Alexandre Gallo prometeu.
    É uma aposta do River Plate, que sonha em fazer dinheiro.
    pode dar certo, pode.
    Curioso fui no Youtube, parece que é driblador.
    já tivemos um argentino,
    que deu um lançamento do meio campo
    e todos começaram a achar que seria o dez
    nao deu em nada
    nao recordo seu nome.
    esse alem de Driblador cai tambem pelos lados.
    o bom disso , é a sombra no Cazares.
    Dez mesmo no Galo so lembro do Zenon
    o time de 80, tinha Palhinha, que nao era um Dez
    RENATO pè murcho era ponta de lança
    Ronaldinho no Galo foi dez, aramava fazia gols
    a verdade é que o Atletico nunca teve um dez mesmo.
    mas ótimos pontas de lança.
    a começar por Lola
    que quebrou a perna , contra o Santos depois de fazer um carnaval na defesa santista.
    Boas as vindas ao argentino.
    Gosto de jogador driblador
    abre defesa
    boa sorte ao Hermano

    • Geraldo Magalhães disse:

      Engraçado, quando vi a reportagem do argentino no Galo, também me lembrei do Prieto. Um tiro no pé, uma enganação! Isso que me preocupa, correr atrás do bom e barato e contrata um péssimo e no meio da temporada correr atrás de reforços, como já foi dito aqui. Outra coisa, este negócio de revezamento entre time A e time B, ano passado o Mano fez isso e perdeu o Mineiro. A pressão da torcida é muito grande e ocasiona crises. Melhor seria dar entrosamento para o time titular.

    • Regi.Galo/BH disse:

      Você lembrou do Prieto, Carlos.
      Eu estava lá para ver aquele passe magistral… e foi só. Nunca mais!

      Eu também fui conferir, por curiosidade, os vídeos desse tal Thomás.
      Não agradei não! Ele quase não conclui as jogadas que faz…!!??

      Eu sei que estou muito ácido e exagerado ultimamente, mas só queria saber, como é que fala enceradeira em castelhano???

      • José Eduardo Barata disse:

        REGI.GALO ,
        acho que enceradeira em castelhano deve ser “Zinho” ,
        se me faço entender .
        Mas vamos deixar o cara chegar e jogar , não é mesmo?

        • Regi.Galo/BH disse:

          Caro Barata,
          Confesso que “Zinho” foi a primeira definição que me passou em mente. Compreendo perfeitamente!
          Quanto a deixar jogar, nós sempre deixamos, e eu me incluo nesta lista. Agora, com todo o cuidado do mundo, nós vamos saber é se ele vai querer gravar um novo DVD daqui em diante…

      • Renato César disse:

        Aquele lançamento do Pietro!!! Eu estava à direita da Galoucura, mais ou menos na direção da marca do pênalti, e vi o lance de frente, como se tivesse a mesma visão dele só que aérea. Foi sensacional! Lance que ou o cara faz por ter uma qualidade técnica acima da média ou por sorte. A sequência mostrou que ele deve ter começado a se dar bem no amor…

        Sobre os lances do youtube, comentei anteriormente que ele pareceu ser um jogador rápido, habilidoso, que vai para cima do adversário, que dribla muito, mas… que produz pouco. Enquanto profissional não tem gols e nem assistências na carreira.

        O máximo quem vislumbro de sucesso para ele neste momento é sofrer muitas faltas no campo de ataque com o Otero no jogo, para pelo menos levar perigo (Otero hoje conseguiu a condição de levar perigo em cobrança de falta de qualquer lugar do campo de ataque).

        Tomara que estejamos equivocados ou que ele mude seu comportamento em campo, mas que, de qualquer forma, produza resultados positivos para o Galo.

  • Guilherme Gonçalves Costa disse:

    Vamos que vamos. Agora é trocar o time inteiro pra enfrentar o Villa Nova. Oswaldo está mais que certo. Todos tem que jogar, ainda mais num campeonato fraco como o estadual. E não é so o mineiro não. Todos os estaduais são fracos. So espero que o Oswaldo troque o goleiro também, pra dar ritmo ao reserva, seja ele quem for. Fugindo um pouco do post: Essa Lucy é sensacional!!!! Bica eles, Galooooo!!!!

  • Thiago disse:

    Torcedor e passional além da conta. Os jogadores tem 12 dias de pré temporada, a perna tá dura de tanto treino físico, e com duas partidas tem gente criticando, aí tá demais. Jogadores no Brasil acabam pré temporada lá pra maio pq num da nem 20 dias de preparo, e fisicamente ainda vão sofrer muito além do entrosamento.

  • Claytinho do Nova Vista - BH disse:

    Caro Dudu Galomaio,

    Como minha tréplica naquele tópico que fala sobre a intenção do Cruzeiro golear já ficou lá pra trás, estou repetindo aqui abaixo num tópico sobre o seu time, porque não sei se vc chegou a ler lá no tópico antigo.

    Abraços

    ………….

    Caro Dudu Galomaio,

    Sim, quanto a isto vc tem razão. Geralmente as opiniões de alguns mudam de acordo com a conveniência. Mas este não foi o ponto que eu quis destacar.

    O que eu pensei, talvez equivocadamente então, é que vc estava achando que ele tivesse se referido às dívidas e pagamentos do seu Clube… E neste ponto todos nós sabemos que o Atlético Mineiro já não passa os apertos de outrora. E se pensei errado então, me desculpe.

    Agora aqui seu fedazunha… rs Te abordei no dia 19/01 e vc foi responder só no dia 22/01 ?? rs Esperou passar esse tempo pra que alguns não vissem porque já ficou lá pra trás e pudessem pensar: “Por que o Dudu ainda tá respondendo esse Cruzeirense chato ??” kkkkkk Me ajuda aí né… rs O pessoal lá do seu grupo não gosta que vc interaja comigo ?? rsrs Vc nunca falou com eles que independente da nossa rivalidade, que trocamos nossas ideias no zap, Face… E que vc é até meu cliente para seus pacotes de viagens ?? rsrs Talvez seria até bom pro pessoal perceber que existe vida além Blog.. rs

    Abraços

  • Rafael disse:

    Time vai se acertar aos poucos. Primeiro jogo e contra um time fraquíssimo do tradicional Democrata-GV (infelizmente para nosso futebol).

    Agora teremos mais um armador para entrar no segundo tempo e tentar mudar o jogo se necessário, o Tomás Andrade, ex-River Plate-ARG.

    Espero que o Gallo esteja ligado no mercado para trazer um bom zagueiro com condições de ser titular – espero que Maidana adquira esse nível também.

    E não vou me iludir com Elias. Na hora em que o bicho pegar pra valer – no Brasileirão, quero ver se ele não vai ficar preguiçoso de novo.

  • Renato César disse:

    Estou achando estranha esta última contratação a ser confirmada pelo Galo.

    O argentino Tomás Andrade, que sinceramente só vi lances no youtube, pareceu ser mais uma opção de jogador rápido, habilidoso, que vai para cima do adversário. Gosto destas características, mas entendo que já estamos ficando com “gente demais para vaga de menos”.

    Outra coisa que vi (e somente pelo youtube mesmo), foi que ele dribla muito, mas produz pouco. A não ser na fase amadora, não tem gols e nem assistências na carreira. Viria para ser mais um reserva do Roger Guedes do que do próprio Cazares.

    Espero que, ao final da temporada, eu precise pedir desculpas pela impressão inicial.

  • Tonho ( Mineiro ) disse:

    Gostei muito do Galo, o adversario era fraco e o Galo partiu para cima como tem que ser, so tenho duvidas quanto ao pastor, acho que a idade esta pesando o corpo ja nao esta acompanhando o racicionio, em 2 ou 3 jogadas ficou nitido que ja nao consegue mais no mano a man, o problema e que so temos Carlos para a posicao. E ainda falta um camisa 10 nato, este Argentino sei nao, vou esperar para falar, nao estou com confianca, mas…..

  • Lucy disse:

    Colendo Chico Maia e Colegas Atleticanos,

    Peço licença, infelizmente, para falar de pessoas e não de idéias como deve ser o objetivo aqui… mas, como tenho sido indiretamente e reiteradamente citada, faço uso do meu direito de resposta:

    Eu não frequento “posts” nem comentários azuis, mesmo assim há um cidadão que vive rondando os meus comentários com ironias e ilações, ainda quando não me manifesto se sente no direito de me mandar recados através de indiretas.
    Quero convidar esse senhor a se dirigir a mim de maneira direta, pois aqui tem uma Mulher Atleticana capaz de lhe enfrentar seja em um diálogo civilizado ou um debate acalorado, como queira…
    Se não quiser, que me respeite e me ignore, do mesmo modo que eu o respeito e ignoro. Compreendo que alguns tenham aversão à presença feminina, por isso comento apenas entres os torcedores do CAM, porque sei que para esses é absolutamente natural conviver com Mulheres.

    Saudações Atleticanas.

  • Lucas H. Nobre disse:

    Gostei do time do Galo, só que o Democrata não é parâmetro, mas digamos, foi um bom treino.
    O que mais me preocupa é que a diretoria me parece abrir mão do Camp. Mineiro para fazer experiência em vez de dar ritmo aos titulares. Temeroso experiências com quem nunca deu certo e já está ai a 2 ou 3 anos, porém, gostaria de experimentar sim o Blanco (promete), o Erik, Yago e outros.
    Outra coisa, o Galo não consegue trocar passes, perdem a bola muito fácil, principalmente num jogo em que está vencendo por 3 x 0. No 2º tempo, pedia pra levar um gol.
    Este time me parece mais competitivo do que o de 2017.

  • José Eduardo Barata disse:

    Quero registrar a qualidade dos comentários nesta
    postagem , cada um melhor que outro .
    O Chefe deve estar satisfeito com o grupo.

  • João Cavalieri disse:

    Preocupado com a lateral direita, primeiro volante e meia armador, zagueiro vamos ter que trazer um para chegar em assumir a camisa de titular.

  • Raws disse:

    Amigos, penso muito diferente de alguns. Ano passado pelo 2016, o plantel não me dava esperanças e se confirmou o fiasco. Esse ano as críticas deverão ser em momento oportuno e não nesse começo. Ficar livre de Robinho e Fred (esse eu tinha dúvidas), acho que foi o maior acerto para se montar um time que nos represente em campo. Minhas dúvidas ficarão a cargo de Arouca e Elias, dois veteranos no setor primordial para que Léo Silva não sofra como no ano anterior, e a falta de um lateral direito pois ninguém perde um jogador igual MR impunemente. Com relação ao Casares, faço um paralelo com Otero, se os dois forem mal em todas as partidas mas com duas assistências de resultando em gol ou uma falta ou escanteio idem, sem problemas. Do Casares não espero algo muito diferente pois se assim fosse ele estaria no Barcelona sem dúvida.

  • Roger Campos disse:

    Já tem gente sentando o sarrafo no time. Pelo amor de Deus.
    Vamos com calma, né. Até porque já estão todos avisados para maneirarem nas expectativas. O presidente vai atrás do título do brasileiro. O Paixão já declarou que vão ser necessários 8 jogos para entrar em ritmo de competição. Pronto.
    O Galo fez o dever de casa para início de temporada e os novatos já mostraram suas potencialidades. Tudo dentro do planejamento, coerente. Agora é esperar, ou melhor, torcer, a maior virtude da Massa.

  • Carlos Henrique disse:

    Corneta é corneta e pronto, me fala o seguinte.
    voces veem mesmo futebol, ou somente jogo do Galo.
    gosto de futebol fim de semana em casa vejo qualquer jogo.
    acompanho por gosto mesmo, gostava mais de jogar.
    Falo o seguinte, esse lateral que foi contratado é melhor que o Patric.
    Marca melhor que o Marcos Rocha.
    nao é tao velho na idade.
    onde tem um lateral top no Brasil
    Fagner do Corinthians , altos e baixos.
    esse de 31 anos que veio para o Cruzeiro
    para
    para min o time do Galo esse ano,vai ser muito melhor que do ano passado.
    Nao tem jogadores como Fred e Robinho emfin de carreira.
    ganhando um absurdo.
    temos agora jogadores velozes pelas pontas
    e Luan e Erik que correm por fora e sao velozes.
    se Arouca recuperar , seu futebol
    vamos ter um dos melhores volantes do Brasil
    que quando estava no Santos , todos pediam na seleçao.
    e tem 31 anos
    Gustavo Blanco pede passagem, novo bom de bola
    muitos aqui, nao acompanharam Blanco no America
    por que nao veem jogos do America.
    quem aqui lembra do Erik quando jogava no Goiás
    me disseram , ha era reserva do Palmeiras
    olha o jogador novo, vindo de um time pequeno
    chegando no Palmeiras voando como estava o time
    vai jogar no lugar de Dudu, do Gabriel Jesus,do Roger Guedes que foi titular.
    é dificil.
    Mas aqui os caras cornetam, por cornetar mesmo
    Respeito aqui todos.
    alguns falam tanta asneira que começo a rir.
    respeito todos os comentarios
    adoro ver a Lucy comentar aqui
    o Renato Cesar, o Regi
    O barata pra min é boleiro como eu
    conhece muito de futebol
    e gosto tambem, das cornetas, principalmente de quem nunca entrou num vestiario.

    • José Eduardo Barata disse:

      CARLOS HENRIQUE ,
      sou apenas mais rodado , só isso .
      Mas continuo a aprender por aqui .

    • Renato César disse:

      Também penso que o elenco deste ano está melhor do que o do ano passado. As pessoas costumam analisar nomes e não futebol. Ficam com aquele papo de “tradição” e perdem o “momento atual”.

      Fred e Robinho foram jogadores importantes no passado. Porém, estão fora do contexto do futebol atual.

      Este ano temos mais jogadores jovens na frente e que, apesar da pouca idade, já passaram por grandes clubes e seleções de base ou profissional.

      No meio do campo, ainda temos uma mistura de atletas veteranos com uns mais jovens revelados por aqui.

      Sobre o Samuel Xavier, tecnicamente existe uma diferença gigante entre ele e o Rocha. Mas, sinceramente, eu prefiro privilegiar o interesse do jogador. O cara que está disposto a dar a vida pelo clube, tem preferência sobre o que é mais técnico.

      Em tempo, agradeço a citação!

    • Lucy disse:

      Prezado Carlos Henrique,

      Embora consciente de que estou em 1ª Instância, enquanto o trio mencionado já faz parte do Egrégio Colégio Atleticano do Blog, agradeço à citação.

  • Marcos DF disse:

    Pois é!
    Não vi muita evolução em relação ao ano passado.
    O Samuel Xavier é candidato a “cristo”, é horroroso. Se fosse presidente do Galo contrataria, de cara, dois zagueiros. Precisamos de um volante pit bull, Arouca é um Rafael Carioca piorado. Cazares precisa se explicar. E o Ricardo Oliveira? Parece continuação de filme, Cone II.
    Se estas lacunas não forem preenchidas, este ano será igual ao que passou…

  • DUDU GALOMAIO BH disse:

    Galo ganhou. Pronto!

  • Renato César disse:

    Individualmente, o que vi:
    – Victor: seguro, apesar de pouco exigido. Lance da bola na trave foi fora da curva e normal numa partida;
    – Samuel Xavier: tecnicamente muito longe do Marcos Rocha. Errou muito nas subidas ao ataque e fez o “feijão-com-arroz” na defesa (erros e acertos). Com a evolução da equipe enquanto conjunto, tende a crescer e ser útil, mas vai estar sempre uns 30% a 40% abaixo do Rocha;
    – Leo Silva: é um dos melhores zagueiros que já tivemos. Pela idade, será um reserva de luxo, presente sempre nos momentos mais importantes;
    – Gabriel: continua com sua disposição de sempre. Bem orientado pelo Leo, faz o seu papel;
    – Fábio Santos: é da turma dos “vovôs” que têm a cara do Galo. Renovou seu contrato por mais dois anos e ficará até o final de 2020. Vai comemorar títulos importantes merecidamente neste período;
    – Arouca: mostrou que tem qualidade técnica para vestir esta camisa. Jogou bem enquanto teve pernas e sentiu um pouco a falta de ritmo, já que esteve em campo por poucos minutos ano passado;
    – Elias: atuação que lembrou os seus velhos tempos. Já havia dito em entrevistas durante a semana que o posicionamento da equipe lhe daria mais liberdade para chegar ao ataque. Parece que os treinos agora são mais eficientes;
    – Otero: jogador com a cara do Galo. Tem muita entrega física. E tem um chute incomparável no futebol mundial hoje. Quando cobrou escanteio de canhota, mostrou que não acertava aquelas faltas por acaso;
    – Cazares: mostrou uma disposição que, talvez, nunca tinha mostrado na carreira, pressionando saída de bola, correndo quando perdia a bola, fazendo cobertura nas horas certas. No ataque, mostrou seu talento, sua capacidade de raciocínio. Como o problema dele é a irregularidade, veremos nos próximos jogos;
    – Róger Guedes: mostrou a qualidade que se esperava. Imprimiu ritmo intenso ao ataque. Acreditou em todas as jogadas, deu velocidade ao jogo. Vai arrebentar este ano;
    – Ricardo Oliveira: muito mais participativo do jogo do que seu antecessor. Sentiu a falta de entrosamento, mas acho que vai dar muitas alegrias para a torcida;
    – Yago, Gustavo Blanco e Erik: mostraram que o técnico pode contar com o banco. E ainda existiam outras opções.

    • Regi.Galo/BH disse:

      Sim, Renato!
      À primeira impressão, comparando até com o início no ano passado, e ‘esquecendo propositalmente’ o quesito placar, a dinâmica do jogo ficou muito animadora. Na questão da velocidade eu fiquei satisfeito. Na proteção aos zagueiros e na saída de jogo eu também gostei, graças ao Arouca. Como disse, ‘pesei a caneta’ quanto ao Cazares e o faria ainda com o recém-chegado Samuel Xavier (mesmo sem desejar a presença ou comparar com o Marcos Rocha). Todavia, cabe muito bem os recursos mais flexíveis e otimistas, sempre.

      A melhor parte da resenha é o que ainda está por ser dito.
      Abraço!

  • Renato César disse:

    Sobre o jogo, que bom é poder ver o Galo de volta! Ainda que só por 30 minutos, mas eu vi o velho Galo de volta, aquele time de intensidade, de velocidade, que acredita em todas as jogadas, que não tem individualismo, que joga pelo clube, que sua a camisa, que suja o calção, que divide, que da carrinho, que vibra pelas jogadas bem feitas, que sente raiva dos próprios erros, que tem alegria, que tem alma!

    Foram assim os primeiros 30 minutos. Aí o juiz parou o jogo para a hidratação. A comissão técnica deve ter mandado segurar mais o jogo, desgastar menos, pois o resultado já estava garantido. O ritmo foi diminuindo, as pernas pesando. Tudo normal, dentro do que está planejado e foi avisado previamente.

    Ninguém saiu lesionado, muitos erros aconteceram mas, como eu disse, o importante foi ver que o time teve alma! Estava com uma expectativa muito grande em função do elenco que está sendo montado e pude até ficar um pouco surpreso com o que vi.

    Vamos aguardar as próximas rodadas, até mais ou menos o Carnaval, para ver a evolução do time. Mas eu estava confiante e fiquei ainda mais!

  • Pedro Vitor disse:

    Se o Tupi estava bem montado e o Cruzeiro não conseguiu golear então em que estaria o Uberlândia, URT, e Boa Esporte??

    O Fred cuspiu no prato que comeu, porque ele se justificar diZendo que não esteve numa boa fase desmerecendo os jogadores que o ajudaram a fazer 30 gols.

    Aí junta arrogância com a soberba do palhaço Neves e o Mestre sala do Dm Robson que irão passar a bola e que irá fazer 50 ou 60 gols.???

    Futebol é uma caixinha de surpresa quando o Galo trouxe o Fred, eu achei que iríamos ser muito felizes, foram 14 gols em 18 jogos, colocou o Lucas Pratto no Banco.

    Depois ficamos sem o Pratto e o ataque morreu, acabou a energia, a sinergia, a raça e foi só minguando até não resta nem a paciência.

    A culpa também não é só de Fred, o Roger Machado este aí tem grande parcela de culpa e o por mudar um time que vinha batendo 5 anos seguidos na Libertadores, um modelo de fazer futebol de grandes momentos que rendeu títulos, Belas campanhas e a direção do Nepomuceno devem se arrepender amargamente de ter trazido aquele “treneiro” disgramado, que quase faz o time ir pra cucuia como diriam no interior.

    A chegada do Oswaldo retomou nossa confiança, ele primeiro ganhou o vestiário, arrumou a defesa, fez um time bom, nada espetacular mas o suficiente pra alcançar ali os 47 pontos.

    Agora ele trouxe seus homens de confiança, futebol a moda antiga. Esse negócio de técnico da nova geração querer reinventar o futebol é ridículo e todo mundo cai feito bobo, afinal a imprensa ajuda a fazer os Rogers, um extraterrestre do futebol brasileiro. Ele foi engolido pelo elenco, coisa que o Mano tem muito mérito do lado de lá pois mostrou e defendeu o seu elenco além de ter tomado porrada, de todos os lados, mérito também teve o Gilvan lá que eu peguei no pé chamei de Gagá e tudo, mas ele deu uma aula em muitos dirigentes aí que se acham demais, um é o Alexandre Mattos que arruína as finanças das equipes onde passa, ele trás 100 jogadores pra montar um time de 11 jogadores gasta 200 milhões e se não der resultado torra mais 200.

    Agora o negócio é aguardar mas vejo tanto Galo como o Cruzeiro mais fortes que 2017.

  • Renato César disse:

    Primeiro eu vou falar sobre o público de ontem. Após a primeira rodada, estava comentando com o nobre Claytinho que o público da estreia do seu time não havia surpreendido por tudo que se fez para que houvesse uma presença maciça de torcedores.

    Naquela oportunidade eu disse que a imprensa estava criando climas parecidos para Palmeiras/Cruzeiro e Corinthians/Galo. Muito mais pelo dinheiro gasto em contratações do que qualquer outra coisa. Então, os públicos destas equipes seriam comparáveis num primeiro momento.

    Mas eu esqueci que uma destas torcidas era a Massa! Sem campanha exagerada da mídia, sem investir um centavo para reforçar o time, sem alarde algum e com transmissão ao vivo para Belo Horizonte, colocamos 87,8% da capacidade do estádio, a melhor taxa de ocupação do início de temporada.

    O Independência é um estádios com menor capacidade de público e o ingresso estava barato? Sim. Mas o importante não encher estádio para criar clima? Fizemos melhor do que ninguém isto.

  • Amir Mattos disse:

    Chico, você notou que o Democrata não fez falta próximo da área? Teria sido receio do Otero.

  • Carlos Almeida disse:

    No geral gostei do que vi.
    Principalmente Arouca, Guedes e quem diria… Elias!

    Na função que Bernard exercia com perfeição, talvez o Guedes seja a peça fundamental para o Atlético resgatar a mítica do Horto, a “blitz” que atordoa os adversários sufocando-os já na sua intermediária.

    Otero mantendo a regularidade e mostrando que pode ser titular absoluto, considerando ainda a precisão dos seus chutes.

  • Julio Cesar disse:

    Não entendo a insistencia do Atletico no Rithely do Sport. Ate parece que o cara é isso tudo !! Vai pagar caro por um jogador mediano e o Sport ja se mostrou resistente as negociações. Desencana !!!

    • Renato César disse:

      Tem que ver se a insistência é do Galo ou do empresário do atleta para conseguir um clube maior. As transferências sempre rendem bons trocados para os estafes dos jogadores. Como o Oswaldo já trabalhou com ele e gosta do seu estilo, o time em que estiver será sempre lembrado.

    • Carlos Henrique disse:

      Amigo aposto mais no Blanco do que o Rithely
      é mais uma aposta do treinador
      que por sinal vai bem

    • Rodrigo Assis disse:

      Ano passado foi essa mesma insistência com o Marlone e deu em nada…. Concordo, desencana desse cara.

  • Julio Cesar disse:

    Inicio de temporada, curta, como dizem, portanto o condicionamento fisico ainda vai melhorar. Elias teve o melhor condicionamento fisico e tecnico. Erros de passes por precipitação e falta de capricho. Oswaldo Oliveira demorou na substituição em que entrou Erik.
    Um segundo tempo em que o Atletico não precisava forçar.
    No geral boa impressão.

  • Horacio V Duarte disse:

    Fiquei animado, o time correu, desentrosado sem preparo físico, debaixo de uma lua de matar, mas correu. Ganhar é sempre bom, mas o Democrata entrou meio assustado no campo, não foi um adversário muito perigoso.
    Acho que o Arouca foi bem, tem boa saída de bola, mas fico com pé atrás com este meio de campo, apesar de Cazares ter resolvido marcar, fez boas coberturas da defesa, mais do que o Elias, mas vamos ter que enfrentar times mais preparados para saber. Cazares e Otero, dos que ficaram, foram os melhores, decisivos. A posição do Otero é na esquerda, joga muito ali.
    Dos novatos o Roger Guedes sem dúvida foi o melhor, mas o Samuel foi bem, e apesar de não ter feito gol o Ricardo Oliveira não decepcionou. Falta entrosamento, mas não bateram cabeça, se não forem todos para o departamento médico, já é quase tradição, temos chance de ter um time competitivo para o nacional. Mas tem que pegar times mais organizados para corrigir os defeitos.

  • Marcão de Varginha disse:

    O jogo foi resolvido na primeira etapa, e na segunda os atletas souberam administrar o resultado.. diria que os reforços apresentaram razoavelmente bem, destacando Arouca e o “Galopsita” Guedes, esse o melhor em campo até cansar por falta de ritmo de jogo.. no conjunto da obra alguns defeitos tem que ser corrigidos,mas isso o tempo se encarrega, e no mais o Galo fez por merecer a vitória, apesar da fragilidade do adversário.
    – #benecyeternomito

  • José Eduardo Barata disse:

    Gostei do que vi !
    Imagino que essa turma treinada com bastante
    coletivo vai dar trabalho “pros” adversários .

    • Regi.Galo/BH disse:

      Preciso relatar uma experiência assustadora. Procurem assistir ao primeiro tempo do Palmeiras contra o Bota/SP. Apenas por esta amostra, duvido alguém não ‘se deixar trair’ ao enxergar o mesmo Galo do Roger Machado em campo. Coisa do estilo ‘siga o manual, não importam os ingredientes’. O Palmeiras passou um aperto TERRÍVEL durante TODO o primeiro tempo e só melhorou quando abandonaram o esquema no segundo tempo. Eu, particularmente, vi a cópia fidedigna do Time do Galo do ano passado, de camisa verde, e a Avenida MR02 aberta em 03 pistas como de praxe. Aliás, também duvido alguém sentir saudades do Marcos Rocha apenas por este jogo.

      Uma coisa é uma coisa! Se o Melhor Elenco do Brasil for ter que jogar assim, vai ter tudo para ser apenas um filme repetido, só que à cores.

      E por falar em saudade, vi uma melhor definição para a palavra no twitter outro dia. Dizia:
      – SAUDADE é igual a PM em dia de jogo movimentado. Você está lá numa boa e de repente ela chega batendo em você do nada. E você até que tenta, mas nem entende o por quê de ela estar batendo tanto assim!!!

      Fica a dica!

      • Tonho ( Mineiro ) disse:

        “Se o Melhor Elenco do Brasil for ter que jogar assim, vai ter tudo para ser apenas um filme repetido, só que à cores.” rsrsrsrsrsrsrsr bao demais !!!!

      • José Eduardo Barata disse:

        REGI.GALO ,
        aproveitei o fim de semana para estar em casa a assistir
        todos os jogos possíveis , e aí deu pra ver …. NADA !!!!!
        Que porcariada esses times , meu Deus !!!!
        O fecho de ouro , já tarde da noite , foi o esquadrão do
        MM , que utilizou TODO mundo e o narrador ainda teve
        a audácia de dizer que faltava o … Edilson !!!!!
        No entanto , devo ressaltar , uma das partidas foi pura
        diversão : América RN e Baraúnas .
        Não tanto pelo futebol , parecido com o do Palmeiras ,
        mas pela turma do Esporte Interativo .
        O pessoal é engraçado demais da conta .

        • Regi.Galo/BH disse:

          Haha.. Só posso imaginar! É muito bom mesmo quando a transmissão também faz o espetáculo.
          Não acompanho nada no E.I. e agora fiquei muito curioso para conhecer.

          A Globo e o Sportv já estão beirando o insuportável com o que nos obrigam (!) à escutar nas transmissões. Os narradores, em sua maioria, estão se tornando especialistas em nos irritar. E pior, ainda irritam menos que os tais ditos comentaristas. Com ênfase no trato da transmissão esportiva futebolística, diria que estamos vivendo uma safra muito rica de novidades e muito pobre de coisas úteis ou interessantes. Precisamos mesmo de tantas definições, suposições e raciocínios prontos como sugerem os ‘entendidos’? Será que não existirá limites para a aceitação dos absurdos á que estão nos sujeitando? Admito: está sendo uma luta desumana conseguir ficar sem pressionar a tecla mute…

          • José Eduardo Barata disse:

            REGI.GALO ,
            somos a última barricada contra essa onda que nos
            assola a todos. Tem um tal de Henrique no Premiere
            que é uma das coisas mais grotescas que já vi .
            Os caras não se conformam em “comentar” lance do
            jogo apenas , eles avançam em divagações as mais
            estapafúrdias possíveis .
            Mas , fiquemos firmes com os guerreiros de Álamo ,
            que morreram todos por uma causa na qual sempre
            acreditaram .
            Vamos nos ajudando uns aos outros a suportarmos
            essa gente de Harvard .

  • Carlos Henrique disse:

    Cada um vê defeitos e virtudes num time de futebol
    vou falar o seguinte, no outro jogo, Erik deu um pique na esquerda e Carlos perdeu o gol
    Ha quanto tempo nai viamos isso a anao ser com Luan e Otero.
    Otero ta jogando muito na esquerda
    nai ia la , por que Robinho ocupava aquele espaço
    Aliás a bola quando chegava em Fred 30 gols e Robinho parava
    agora nao, é o primeiro jogo ainda
    e o Democrata Pantera é fraco
    vai lutar para nao cair
    Otero na esquerda jogando muito
    Roger Guedes vai virar ídolo, veloz e habilidoso
    na direita
    Elias no Corinthians e Fla fazia muitos gols
    continua fazendo.
    Mas Arouca deu confiança a ele, para ele subir
    e o cara nao joga ha muito tempo
    postou bem a frente da zaga
    um jogador que chegou a seleçao brasileira
    tem 31 anos muita experiencia
    muito melhor que Elias na marcaçao, sabe sair jogando
    vai se destacar nesse time. tomara que recupere seu futebol
    Cazares, de assistencia em 2 gols
    tentou passes e colcar os caras na cara do gol
    tem talento demais , visao de jogo
    sairam 2 gols de seus Pés,
    O Atletico tem que seguir assim
    velocidade na direita
    velocidade na esquerda
    e um centro avante, que mesmo tendo 37 anos
    se movimenta muito.
    o grande teste para min do Atletico, sera ainda no primeiro semestre do ano
    contra o San lorenzo da Argentina .
    ainda tem Luan na direita, e Erik na esquerda.
    gostei do jogo, vai encaixar esse time
    podem ter certeza.

  • Silvio T disse:

    É sempre complicado fazer análise em inicio de temporada mas em termos gerais eu gostei mais da postura em campo dos reservas na estreia. Apesar da boa vitória o time de hoje mostrou alguns dos principais problemas do galo nos últimos anos. Defesa e meio campo muito abertos, dando várias chances de penetração ao Demo, equipe sem compactação, espalhada demais e jogo totalmente concentrado pela esquerda no segundo tempo. Espero que o Oswaldo consiga resolver isso rápido. Individualmente todos foram muito bem até o três a zero. Depois começaram a rebolar e tentar fazer as coisas sozinhos. Mas foi animadora a apresentação de hoje.

  • jorgemoreira disse:

    Enfim um jogador que não sentil o peso do Manto Sagrado Roger Guedes ele tem a cara de jogador do Galo, jogador com alguma tecnica com vontade e sem medo, e o principal raça vontade de vencer, vencer, apenas um aparte, é uma vergonha as perguntas dirigidas ao treinador, é uma VERGONHA, os tais reporteres deveriam ter vergonha das perguntinhas, tipo oque voçê espera do timekkkkkk, voçê acha que o time vai melhorarkkkkk e no proximo jogo(pô porque eles não falam do jogo recem encerrado) tem um ex da imprensa que dizia que é melhor escutar do ser surdo mas algumas perguntas, pelo menos naquele momento me faz preferir ser surdo tal a imbecilidade das perguntinhas, eu não sei se pra titulo mas pelo primeiro tempo do jogo acho que o time tem futuro dos estreantes pra mim só o Ricardo ficou devendo sera que deixaram uma praga na camisa 9, Deus é maior e a fé do Atléticano esta supera tudo

  • Gilberto Silva disse:

    Grande Chico vamos com calma seu atlético não fez mais que obrigação batendo o pantera ,Quando volta ão rádio vivo????

  • Regi.Galo/BH disse:

    O posicionamento na saída de jogo da defesa ficou muito bom com a movimentação e presença do Arouca, muito atuante no posicionamento e eficiente também no desarme. A velocidade do time ficou compatível com o nosso desejo e ainda tem o Erick na sombra. Esse parece que voa.
    E o Cazares? Até quando, Senhor…!!?. Sonolento e sem capricho, se ao menos entrasse pilhado como faz o Otero, ainda ia… Gostei do Oswaldo continuar insistindo na questão sobre peças de reposição. Este elenco ainda carece (e merece) mais capacitação.

    No mais, apenas o início dos trabalhos, vamos ver no que dá.
    Próximo!

    • Carlos Almeida disse:

      Amigo Regi.Galo,

      Isso é uma realidade, o Cazares embora tenha toda a qualidade técnica de um craque, é um jogador displicente e ontem o foi em alguns lances.

      Mas tbm concordo com o amigo JOSÉ EDUARDO BARATA, se for decisivo nos jogos como nas 2 jogadas de ontem, ainda assim, vale a pena.

      Abraço!

      • Regi.Galo/BH disse:

        E isso mesmo, Carlos, você está com toda a razão!

        O melhor à fazer é retificar a minha intenção e reconhecer o exagero. Confesso que projetei toda uma ansiedade no Cazares e não observei alguns méritos conquistados por ele durante a primeira parte do jogo. Aliás, nem observei o resultado final. Acabei mesmo foi projetando as minhas idealizações no rapaz e passando uma ideia inexata dos fatos. Minha culpa!

        Em minha defesa, apenas o desejo de querer um Galo mais intenso e equilibrado. Espero que assim seja. Obrigado e abraço!

    • José Eduardo Barata disse:

      REGI.GALO ,
      no segundo gol do Elias meu filho comentou :
      – no ano passado , nessas duas bolas o Cazares
      tentaria um drible qualquer e perderia o lance .
      Hoje , deu dois toques de primeira e melou as duas
      para nossos gols .
      Só pra registrar , companheiro que muito prezo , não
      deixando de ressaltar que no segundo tempo sumiu .

      • Regi.Galo/BH disse:

        Ótima percepção, Barata!
        Essa leitura é realmente bem mais sensata que a minha anterior.

        Inclusive, para dirimir eventuais dúvidas, deve constar em ATA que os nossos filhos tenham prioridade de re-leitura da informação. Eu admito já ter pesado a caneta na avaliação do nosso armador. Fiquei muito chateado com a quantidade de erros na distribuição e nas viradas de jogo .

        Mas, vale sempre considerar um olhar mais dinâmico e menos cansado sobre a mesma situação.
        Afinal, se até o Elias afirma que o ambiente melhorou depois da LIMPEZA, e que O MENOS É MAIS apesar das “PERDAS SOFRIDAS”, quem somos nós para já querer soluções imediatas!!!

        A construção de uma lógica plena sempre será diretamente proporcional ao espaço reservado para os seus argumentos. Vale cada observação. Obrigado e abraço!

        • José Eduardo Barata disse:

          Mas , é claro , REGI.GALO , que o segundo tempo mereceu
          “o peso da caneta” , sem dúvida .
          Não fosse a empolgação proporcionada pelos gols feitos,
          a quantidade de passes errados mereceriam uma.certa
          dose de preocupação .
          Por isto entendo que o coletivo deva estar na ordem do
          dia nos treinamentos .

          • Renato César disse:

            Prezados, nesta aí eu fico com a percepção do filho do Barata. E vou além: para mim, o Cazares foi muito participativo neste jogo. Além de privilegiar a assistência, ainda se preocupou em marcar saída de bola e correu atrás do adversário quando este tomava-lhe a bola. Claro que, quando pregou, assim como todo o time, errou mais vezes.

            Temos que acompanhar a sequência porque seu problema sempre foi a irregularidade no médio/longo prazo. Mas que a primeira impressão foi animadora, isto foi.

  • Chico Maia disse:

    Obrigado Hudson, corrigido.
    Abraço.