Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Virada do Galo, fim de jejum, algumas grandes atuações e quinto lugar na classificação

Na ânsia de marcar logo o primeiro gol do jogo o Atlético acabou tomando do xará paranaense. Mas teve sangue frio para não se apavorar e nem sair feito louco em busca do empate e mesmo assim quase tomou o segundo gol. Mas, alguns jogadores brilharam, a começar pelo Leonardo Silva, que fez vale a experiência. Empatou a partida e liderou a virada, que contou com Elias, com vontade de jogar, Ricardo Oliveira, que acabou com o jejum; Casares, que ficou acesso a maior parte do tempo e foi muito importante nestes 3 a 1, Tomás Andrade e Luan.

Vitória que põe o time na quinta colocação e anima a torcida para o clássico contra o Cruzeiro

CLASSIFICAÇÃO

PG

J

V

E

D

GP

GC

SG

%

Internacional

49

24

14

7

3

31

13

18

68

São Paulo

49

24

14

7

3

36

19

17

68

Palmeiras

46

24

13

7

4

36

16

20

64

Flamengo

44

24

13

5

6

35

20

15

61

Atlético-MG

41

24

12

5

7

41

29

12

57

Grêmio

41

24

11

8

5

29

12

17

57

Cruzeiro

33

24

8

9

7

19

19

0

46

Santos

31

23

8

7

8

28

23

5

45

Fluminense

31

24

8

7

9

23

27

-4

43

10°

Corinthians

30

24

8

6

10

25

21

4

42

11°

América-MG

30

24

8

6

10

24

28

-4

42

12°

Vitória

29

24

8

5

11

23

40

-17

40

13°

Bahia

28

24

7

7

10

24

29

-5

39

14°

Atlético-PR

27

23

7

6

10

26

25

1

39

15°

Botafogo

26

24

6

8

10

21

33

-12

36

16°

Vasco

24

23

6

6

11

26

35

-9

35

17°

Sport

24

24

6

6

12

20

36

-16

33

18°

Ceará

24

24

5

9

10

15

25

-10

33

19°

Chapecoense

22

23

4

10

9

22

34

-12

32

20°

Paraná Clube

16

24

3

7

14

11

31

-20

22

 


Deixe uma resposta para Pedro Vítor Cancelar resposta

Comentários:
37
  • Pedro Vítor disse:

    Se o ministério público permitir que a diretoria do Cruzeiro cobre o valor de 240 reais a torcida do Atlético e 50 pra torcida do Cruzeiro, o que é um completo absurdo, e se a diretoria do Galo também aceitar isso, que a torcida deixa a diretorias de ambos os clubes se fuderem e morrerem sem receita!

  • Lucy disse:

    Bom jogo, o Time conseguiu encaixar os contra ataques, nosso ataque que é o ponto forte prevaleceu mais uma vez.
    Já foi mencionada aqui, entre outras, as atuações do Luan (sempre ele), Cazares e Victor… Darei ênfase ao Elias que fez uma excelente partida no que tange ao ataque, mas teve muitas falhas na recomposição. Sendo repetitiva, falta o treinador entender que Elias é, e sempre será, um bom meia… chuta muito bem de média e pequenas distâncias, além de possuir um ótimo passe. Só não insistir com ele na marcação, isso queima o filme dele e do Time. Elias deveria ser reserva do Luan e Cazares, entrar pra puxar contra ataque, pois suas características são ofensivas, a melhor fase de sua carreira (Corinthians e Flamengo) se destacou como MEIA.
    Devo também ressaltar o apoio incondicional da Torcida; a Massa que reclama que critica e cobra é a mesma que vai à Arena resgatar a mística do Horto. Será que esses que fazem patrulhamento virtual vão aos jogos?! Participam do “movimento 105minutos”? Não parece. Mas cada um que torça, apoie, cornete, reclame, esbraveje e afins, como bem entender.
    Eu não sou torcedora, eu sou ATLETICANA!!!

    PS: Alô, Léo Silva, meu CAPITÃO, que golaaaaaço! E vamos juntos para mais uma batalha, AGORA É COM A GENTE.

    • Silvio T disse:

      Lucy, o patrulhamento vale para os dois lados. O torcedor que, como eu, acompanha todos os jogos, vai frequentemente ao campo e se preocupa com os vacilos históricos do galo tem também o direito de fazer suas críticas. Particularmente, não embarco nessa de que o papel do torcedor, que paga a conta de tudo no milionário mundo do futebol, tem que só apoiar incondicionalmente e enfiar a mão no bolso. Vou exercer até o limite meu direito de expressão, de capacidade de análise, de descer o malho quando achar que é o caso. E sempre na esperança de que sirva para algo positivo dentro da estrutura do clube. Por exemplo, SEMPRE antes de um clássico nosso adversário (que não por acaso tem um animal ladino, dissimulado, traiçoeiro como símbolo) parte para algum tipo de catimba, de provocação. E SEMPRE o galo cai na esparrela. Basta lembrar a expulsão do Otero na decisão do rural. E boto somente vinte por cento na conta do jogador. Tava na cara que ele, que era um dos destaques no país naquele momento, seria cassado, provocado. Mas as “inteligências” que comandam o Atlético parece que nunca percebem essas coisas e não fazem o trabalho para neutralizar o anti-jogo e preparar os jogadores para se comportarem da maneira correta. Vamos ver o que os traiçoeiros vão aprontar para este domingo e se o Atlético estará preparado, dentro e fora de campo, para manter a recuperação no Brasileiro.

      • Lucy disse:

        Silvio, comparto com TUDO que foi dito em seu comentário.Torcedora é consumidora do futebol do CAM, tenho o direito a reclamar, SIM. Procuro sempre ter o cuidado de fundamentar e contextualizar com fatos e dados, sem achismos, mas é evidente que não sou dona da verdade e por vezes erro, outras acerto… é para trocar informações, aprender e também corrigir posicionamentos equivocados que eu tenha sobre o CAM, que acesso esse Blog.
        Quanto ao clássico, penso que Cazares pode vir a ser o ‘Otero’ da vez, não por destaque, e sim porque tem estado esquentadinho em campo, contra o SP “pediu” pra levar cartão várias vezes. Espero que alguém lá esteja atento a esses detalhes.
        Sobre o outro lado da lagoa; O que ocorre em campo é reflexo do que vemos também fora… O que esperar de uma gente que contraria seu próprio estatuto mantendo no cargo de diretor alguém que responde a tantos processos judiciais? Que tem como presidente do conselho deliberativo ninguém menos que o dono do helicóptero? Que mantêm em seu quadro de funcionários o Benecy ‘eterno mito’? (salve, Marcão de Varginha) Isso para dizer o mínimo… Deles eu não espero nada menos que falcatruas e trapaças.

      • Clóvis Mineiro disse:

        Concordo com você, o time azulino trabalha muito bem os bastidores e sempre passa a diretoria ingênua do Galo para trás. Agora mesmo surgiu essa ai de 240,00 reais ingressos para atleticanos. O problema é que o Galo vem sendo gerido por “mauricinhos” , meninos de colégio e bibliotecas e o CruCru por meninos de rua, banqueiros, polítiqueiros e outras cositas más , com diplomas de malandragem.

        • José Eduardo Barata disse:

          CLÓVIS MINEIRO ,
          que arremate o seu , meu caro !
          Este é o país que temos , quando
          conceituados profissionais em suas
          áreas de atuação são contemplados
          com a adjetivação de “mauricinhos” ,
          em tom pejorativo e de galhofa ,
          exaltando-se , em contraponto , toda
          “a malandragem” do adversário .
          Estamos onde estamos por estas e
          outras peculiaridades .

  • Pedro Vítor disse:

    Ridículo mais uma vez a atitude amadora da diretoria cruzeirense em aumentar assustadoramente o preço do ingresso para torcida do Atlético no clássico de domingo!

    No jogo do turno, a diretoria alvinegra colocou preço de 60 reais pra torcida do Cruzeiro, e o medo da diretoria cruzeirense mais uma vez fica evidente, 240 reais, realmente ridícula!

    • Paulo F disse:

      Você esperava menos de Itair etc? Nada mais do que o esperado. Eles que deixem de arrecadar, pois não influenciará no resultado, vamos ganhar delas de qualquer jeito. Isso só mostra a pequenês e covardia já conhecidas do lado fresco da lagoa.

  • José Eduardo Barata disse:

    Atualizando HÉLIO ANTÔNIO ,
    meu caro , a discussão sobre essa história
    de “unificar títulos” é uma bobagem e uma
    insensatez sem tamanho .
    Comemorem seus títulos tais quais foram
    conquistados e sob regras definidas .
    Chega a ser patético torcer por decisões
    tomadas “politicamente” dentro de salas
    refrigeradas para atendimento de práticas
    inconfessáveis em acordos espúrios .
    Meudeusdoceu , quanta insignificância !!!

    • Paulo F disse:

      Barata, mas eles realmente se sentem campeões do campeonato brasileiro de 1966, se a CBF falou tá falado hahaha parece piada, CBF é uma instituição super idônea sim, pode confiar. Nada mais normal vindo de uma equipe que paga árbitros #benecymito

  • Paulo F disse:

    Jogo difícil, contra um adversário que vinha de 4 vitórias seguidas, normal ser um jogo parelho. O importante é ganhar. Quantos jogos foram entregues jogando melhor, por erros individuais!
    Pessoal esquece do passado, do que vem sendo feito desde a copa! O time e os jogadores vem em evolução, quando muda tudo, é difícil encaixar um time titular. Lembrando que jogamos com Patric de titular!
    Estamos até bem pelo que aconteceu no clube nos últimos tempos (Nepomuceno, Fred, RObinho, Oswaldo, etc), não somos o melhor e mais rico time do mundo para disputarmos o título todos os anos. Eu pelo menos estou satisfeito com o empenho e futebol da maioria dos jogadores. Claro que dá pra melhorar, claro que podíamos estar disputando o título se não houvesse desmanche, isso é frustrante. Mas a perspectiva é bastante boa se ganharmos dos nossos dois rivais, então vamos apoiar mais e reclamar menos. Deixa pra reclamar quando não houver esperanças, pois senão parecerão marias exigentes e vaidosas!!

  • Pedro Vítor disse:

    Ontem a defesa não esteve no seus melhores dias, mesmo assim vencemos, não jogamos tão bem, mas soube envolver os Falsos que martelaram e deram campo ao Atlético contra-atacar.

    Aquele Bob Faria é uma mala sem alça, impressionante como ele gosta de aparecer

  • Pedro Vítor disse:

    Temos que ser pacientes e tentar não empolgar tanto, o que vejo que as vezes nos deixamos levar pela emoção, querendo forçar uma situação, e até mesmo que as coisas aconteçam, sem no mínimo analisar a situação.

    Nosso time foi muito mal formado, muito na base da sorte e trabalho do Larghi em encontrar os titulares ali no meio do elenco, a diretoria não deu respaldo algum ao Larghi, inclusive desmontou a base que ele a duras penas montou durante o campeonato mineiro.

    Perdemos muitos pontos por falta de entrosamento, imaturidade e falhas individuais!

    Mas hoje estamos em quinto lugar na tabela ao lado do Grêmio, uma equipe foi planejada, há 3 anos, com o Roger Machado, e que subiu de patamar com o Renato Gaúcho, experiente, bom de vestiário, bom de papo, boleiro, ganhou Copa do Brasil e Libertadores sobrando, lógico que eles não estão focados no Brasileiro, afinal mais jogam com times mistos do que com força máxima, mas se prepararam para isso, ate as vendas de jogadores foram planejadas.

    Temos que exaltar essa posição, acomodar jamais, estamos a frente, do Cruzeiro 8 pontos, do time do Mano, trabalho consolidado desde 2016, elenco muito superior do Atlético, que vive também, não esta totalmente focado no Brasileiro, mas se preparou pra disputar tudo.

    Ainda tem o Palmeiras, que montou um elenco milionário, também muito superior ao planejamento atleticano, apesar de lá cometer erros idênticos, que por conta do muito dinheiro investido é “tapado”, escondido pra debaixo do tapete.

    Fora Cruzeiro, Palmeiras, e Grêmio. São Paulo e Internacional estão no mesmo patamar do Atlético, vivem momento melhor, mas não se prepararam para tal, deram muita sorte nessa caminhada aí.

    Flamengo, que também trouxe muitos jogadores de nome, foi eliminado da LIbertadores, já estiveram na liderança do Brasileiro, e ainda tem a Copa do Brasil pra focar, e podem deixar escapar pontos preciosos, inclusive contra o Atlético.

    Pois é, vivemos um momento importante do campeonato Brasileiro, e o próximo jogo, é o famoso de divisor de águas, e se vencermos, o time pega um “reforço”, que só quem é atleticano entende essa sinergia, a famosa “locomotiva alvinegra”, pega velocidade nestes “vácuos”, mas tudo depende de uma vitória, seja ela, sofrida ou não, com requintes de crueldade ou não, temos apenas que vencer!

    • Marcão de Varginha disse:

      Permita-me discordar num ponto: o time celeste pode estar no mesmo nível do Galo que não possui dirigente ré-confesso em compra de arbitragens.. no “rural” levantaram o caneco por saldo de gols.. na TLA se classificaram às gatas, e ainda apresentaram um futebol pífio e com medo do Flamengo que o venceu no Mineirão; no brasileirão estão perdendo pontos preciosos, e devido a “tremedura” do jogo de domingo, aumentaram consideravelmente o valor pecuniário dos ingresso dos visitantes, e mesmo assim vc acha que eles tem um plantel melhor que o do genuinamente clube mineiro que literalmente desmanchou o time durante a Copa e mesmo assim está no G6?
      – #benecyeternomito

      • Pedro Vítor disse:

        Marcão, eu acho o elenco delas foi bem montado, e tem um ponto que todos podem ate discordar, mas acho isso faz uma diferença enorme em finais e torneios eliminatórios que é o longo trabalho do Mano a frente do elenco, de ter montado e mexido pouco na estrutura do time.

        Diferente do nosso que foi montado na sorte, por exemplo saiu um jogador renomado como o Robinho, e não ninguém pro lugar, agora apareceu o Chará, com 8 meses de atraso, você acha que isso foi planejado?

        Agora elas dão muita sorte (Benecy) nos sorteios da CBF, estão sempre decidindo em casa, mesmo contra adversários também que mandam e desmandam naquela zona que é a cbf

  • José Eduardo Barata disse:

    Off-topic
    =======
    Insuportável !!!
    Lendo uma matéria no Super Esportes sobre
    artilheiros do Atlético no Brasileiro me deparo
    com a lista dos jogadores e leio lá :
    REINALDO LIMA !!!!!
    Desde quando o Rei foi chamado assim , com
    sobrenome, como os atuais jogadores gostam
    de ser identificados ?
    É a mesma chatice de dizer Atlético MINEIRO
    pelos narradores locais , como aquele mala
    do Rogério Correa .
    Reinaldo é Reinaldo , e SÓ .

    • Carlos Henrique disse:

      É verdade Barata, Rei naldo ou Rei.
      nunca vi nos tempos que
      jogava ate mesmo na seleçao.
      falarem Reinaldo Lima.
      outra os comentaristas do eixo frisam
      Atletico mineiro.
      quando alguns falam mais Galo
      ou sao mineiros que trabalham fora de Minas
      ou alguns cronistas que gostam do Atletico.
      Em minas os que falam
      Atletico mineiro
      sao torcedores do segundo rival do Galo
      Parece bobagem.
      mas nao é.
      abaços

      • José Eduardo Barata disse:

        CARLOS HENRIQUE ,
        é isso !!!
        Temos que defender nossa tradição , nossos
        costumes , nossos valores , pois o que essa
        imprensa nociva tem a oferecer é apenas e
        tão somente a descaracterização de tudo o
        que temos de nosso .

  • Pedro Vítor disse:

    Bom dia, um boa vitória, apesar do sufoco ali quando ainda estava empatado, o gol tomado no início mais uma vez uma falha inadmissível, mas ainda sim, o sistema defensivo tem tomado menos gols.

    Adilson, individualmente, voltou mal da contusão, acho que o Zé Welison volta ao time, pois tem entrado bem, e está com ritmo de jogo.

    Gosto do Tomás, acho que ele é um bom reserva, com a volta do Chará, titular absoluto, e com Luan crescendo fisicamente, suportando a carga dos jogos, e com o Cazares fazendo a diferença nos passes e organização das jogadas, ora pela esquerda, ora pela direita, além da boa leitura de jogo do Pastor, iremos crescer coletivamente.

    A se destacar o Elias, pra mim, um excelente reserva, sabe entrar, e aproveitar do cansaço adversário, pra ser titular pela idade e característica somente se for no ataque, pois o meio de campo com ele fica espaçado, perde pegada e sua recomposição é lenta, por isso rende melhor após o desgaste inicial do adversário!

    Meu time: Victor, Emerson, Leonardo Silva, Iago Maidana e Fábio Santos; Zé Welison e Adilson (Elias); Luan, Cazares e Chará; Ricardo Oliveira;

    Tomás, Galdezone, Elias ou Adilson, suas escalações dependem muito da alternativa tática da equipe adversária, são bons reservas.

    Os outros jogadores, como Terrans, ainda esta muito abaixo do rendimento dos titulares e ate reservas, Leandrinho abaixo, Edinho temos que observar mais, Denilson abaixo demais do Pastor, enfim nosso elenco ainda não é confiável pra permanecer no G4.

  • Horacio Duarte disse:

    Pois é Chico, ainda não conseguimos jogar dois jogos com uma mesma escalação mas já dá para ver que há uma melhora no entrosamento. Dois gols do Galo foram muito bonitos, o primeiro com Tomás pela esquerda fazendo um cruzamento perfeito com precisão incrível na cabeça do Leo, e o gol do Elias, que jogando no espaço criado pelo pastor, em uma das poucas subidas do Luan, enfiou um balaço no ângulo. Tivesse feito isto contra o vitória… Mas o gol do pastor valeu muito, pela fase não muito boa que está passando.

    O Maidana não foi muito bem, acho que ficou nervoso depois do gol e Adilson cansou no primeiro tempo e, depois disso, cometeu muitos erros. Acho que o Terans é mais aplicado taticamente do que o Tomás, mas o Tomás tem boa visão de jogo, pensa rápido, e cruza muito bem. Se o Emerson, que é alto, treinar esta jogada de fundo com o Tomás acho que não vamos sofrer tanto nestes jogos trancados.

    O Atletico chará, realmente está muito bem, as principais jogadas e jogadores foram muito bem marcadas pelo Galo. Foi o único time, que eu vi este ano, que jogou de igual para igual sem ficar trancado lá atrás, estilo caldense, que os chamados grandes usaram contra o Galo. O são paulo só foi para cima do Galo porque estava perdendo.

    Outro grande jogo, grande apresentação do Galo, muita vontade de todos jogadores, contra um excelente time.

    • José Eduardo Barata disse:

      É , HORÁCIO ,
      a coisa anda feia mesmo , sem dúvida .
      O que tem de “venceu , mas ……isso e
      aquilo” é de estarrecer !!!!
      “Outro grande jogo (….) muita vontade”
      Isso mesmo !!! Vamos em frente !!!

      • Horacio Duarte disse:

        Caro José Eduardo Barata, desde sempre futebol é para divertir,
        confraternizar facilitar uma socialização entre desconhecidos,
        favorecer contatos, quebrar o gelo.
        Mas pelo jeito mudou muito, só provoca raiva decepção e recalque.
        Pode ser que não tenham vivido o resgate na série B. A torcida
        resgatou o time como se tivesse agarrando um afogado
        pelos cabelos. Os jogadores entenderam que aquilo era o
        Galo e foram junto. E o time, que não era dos melhores nem
        para a série B, foi campeão. Foi uma jornada épica.
        Mas tem gente que esquece. Espero que com este time, com
        todos os problemas, voltem a entender o que significa torcer
        pelo Galo.

  • Fred disse:

    Foi uma vitória importantíssima. Mas pra mim, apesar da dedicação dos jogadores, teve um tanto bom de sorte, incrível as chances que o paraguaiense perdeu. E como o Galo poderia ter matado o jogo em contra ataque e não soube trabalhar a bola (aliás, isso aconteceu contra o SPFC também).
    A bola do primeiro gol era do Victor, poxa. Sai socando, se cair o juiz para.
    Quando o Elias e o Cazares resolvem jogar, o time melhora muito.
    Leo Silva, um zagueiro, é o melhor cabeceador do futebol brasileiro.
    Ficou claro como o Patrick não pode ser titular, e olha que o Emerson nem é lá essas coisas.
    Para os próximos jogos. O clássico vai ser um divisor de águas para o Galo, e por isso é fundamental que vença, não pode perder: 1. se vencer, segue o G4, talvez até entre nele, dependendo do clássico carioca, lembrando que depois pega o Fla e poderá ratificar a posição de quarto lugar, brigando pra terceiro; 2. se perder e os times do G4 forem bem na rodada, abre um abismo entre os 4 primeiros e o Galo, que será difícil tirar, com a pressão que vai começar e a rodada seguinte contra o Fla.

  • Rodrigo Assis disse:

    Vou repetir uma coisa que já comentei aqui. O Maidana pula pra cabeçar com os olhos fechados e abaixa o pescoço. Comum em jogadores profissionais ou amadores que temem o choque de cabeça em jogadas aéreas. Isso é psicológico, o cara faz sem pensar. Na minha visão é inadmissível pra um zagueiro titular de série A. Ou fazem um trabalho psicológico para ele perder esse medo ou vamos continuar sofrendo na bola alta.

  • Fábio Duarte dos Santos disse:

    Mais uma vitória sofrida jogando mal, tá osso ver o Galo tomando sufoco em todos os jogos.Nosso Time está previsível demais por isso todo mundo chega aqui feita e rola,nosso treinador é muito fraco,o Ricardo Oliveira está péssimo e nunca é substituído,o cabeça de area tem que ser Zé Welison,o Adilson está velho,lento e não marca ninguém,o Casares tem que jogar mais avançado,o elenco do Galo é bom precisamos de alguém que saiba usá-lo.

  • Julio Cesar disse:

    O Atletico fez partidas melhores que a de ontem e não venceu. E ontem teve muitos erros em saida de bola e marcação. Tomou duas na trave. Na primeira Victor ajoelhou e ficou olhando. Não sei se ele escorregou ou o que passou pela cabeça dele. No gol do generico, eles fizeram pressão quase na risca do gol. Victor deveria ter ido na bola. É o unico jogador que marca a bola. O goleiro. Não pode deixar uma pressão daquela. Se ele cai o arbitro daria falta. Ricardo Oliveira teve a sorte da bola voltar pra ele mas novamente cara a cara perdeu na primeira chance. Mas marcou e tomara ja contra Pirangi desencante de vez. Precisão do Elias no chute no angulo. Chara volta e Emerson esta num momento melhor que Patrick. Um pouco mais de calma faz bem. Mas tem muito folego. E bola pra frente.

  • Silvio T disse:

    Mais uma vitória importantíssima e, de novo, sem jogar bem. Não dá prá falar mal do Larghi porque a história é a mesma desde 2016 com seis treinadores diferentes: o Atlético não tem um time. O que será que esse povo fica fazendo durante a semana num dos melhores CT’s do mundo? Já q não tem padrão, entrosamento, resta falar dos jogadores. Victor salvou em vários lances, mas no gol contra a bola chega a 20 centímetros da cara dele na pequena área e ele fica olhando.. O tal do Adilson, mais um endeusado pela inexplicável torcida do galo, é um Rolando Lero desse tamanho! Engana o tempo todo: finge que corre, finge que marca, finge que joga. Por falar em torcida, já teve um comentário aqui elogiando o Émerson, que não jogou! E o Ricardo Oliveira, heim? Tá na cara que não chega nem perto de 2020. Ou seja, essa renovação de contrato é mais uma daquelas maracutaias recorrentes no Atlético. Quando o contrato for rescindido, uma meia dúzia de três ou quatro bota a mão numa multa bem gorda. Mas, a torcida paga…

  • William Santos disse:

    Isto Chico. Voce identificou, como eu, o Cazares como um jogador decisivo nesta vitória. Esteve atento. Conseguiu se desvencilhar da forte marcação adversária e criar. Gosto de suas análises porque elas não se orientam por conceitos ja estabelecidos. Parabéns. Abaixo o pré conceito.

  • Márcio Luiz disse:

    O futebol limitado do CANHOTO Tomás Andrade na direita era quase uma nulidade, vivia de lampejos. Já na ESQUERDA ele se mostra uma boa alternativa.
    Que bom que o nosso treinador resolveu ouvir a voz rouca MASSA.

  • Carlos Henrique disse:

    Grande vitoria,tem que continuar esse time.
    ai vai ganhando cancha, time que vence nao se mexe.
    brincadeira, se começar a mexer muito desanda.
    por isso gosto do trabalho do Thiago Largui
    vai ser um treinador top.
    Aqueles que criticavam o Victor
    é bom lembrar que faz alguns jogos.
    que esta nos ajudando com belas defesas.
    aliás depois que Maidana e Emerson entraram
    a defesa melhorou e muito.
    entao tinhamos razao.
    já que a maioria pedia essas modificaçoes.
    Thomás Andrade é canhoto.
    chegou a linha de fundo e cruzou, gol de Leo silva.
    um monstro na historia atleticana.
    antes disso ja tinha cruzado fechado com perigo.
    o time foi super bem.
    ganha moral, para o classico.
    vou torcer é contra o maior rival do Galo
    O Flamengo
    depois que vem o Cruzeiro.
    quem viveu e ia no mineirao nos anos 80
    sabe o que falo.
    podemos chegar ao quarto lugar
    e fazer o urubu carioca despencar
    e tomar seu lugar.
    titulo nao acredito
    mas se terminar esse campeonato
    em quarto deixando o Flamengo
    e a B charada pra tras
    por esse ano, ja me sinto com a alma lavada.

    • Edson Dias disse:

      Carlos Henrique, Thiago Larghi é das mais gratas surpresas desse ano.
      Pena ter demorado para enxergar o que cansamos de malhar: Gabriel e Patric como titulares incontestes, com suplentes MELHORES do que eles, estavam afundando o time. Maidana entrou e com ele melhorou a segurança do Victor e o resgate do futebol do Capitão Léo Silva. Uma pena termos perdido tantos pontos imbecis, uma pena termos jogado a sul-americana fora por burrice do presidente… Uma pena tantos empréstimos de jogadores de qualidade duvidosa empurrados pelo mesmo empresário. Que fiquem lições para o próximo ano. Do jogo, queria ter tomado o sufoco de ontem em outras partidas e saído com três pontos. Estaríamos na liderança, de longe.

      • Carlos Henrique disse:

        Amigo, Thiago Larghui era o segundo colocado antes da Copa.
        ai sairam jogadores valorosos
        teve que busca routra formaçao.
        a torcida tinha razao, quase sempre tem.
        vai aos jogos e sabe.
        Tambem sou critico do trabalho da diretoria
        , que errou muito.
        mas o jovem tecnico ta acertando.
        se nao tiver interferência
        no dia a dia, a gente consegue a vaga.
        e na minha opiniao
        nao precisa contratar jogadores jovens fora do País.
        a busca tem que ser aqui no futebol brasileiro
        para as categorias de base.
        ex.como falar que Nathan é melhor que Bruninho
        e por ai vai
        um abraço.

  • Guilherme Gonçalves Costa disse:

    Ufaaaa!!! Que sofrimento!! No duelo de Atléticos liderados por Thiagos, o Galão da Massa levou a melhor. Novamente, na minha opinião, Victor foi o melhor em campo. E está com sorte. Assim como no jogo contra o São Paulo, a bola explodiu duas vezes na trave e não entrou. Grande partida de Leonardo Silva, que marcou um belo gol, num chutaço de cabeça. Apesar dos mesmos erros de outras partidas, conquistamos um importante resultado. No segundo tempo, vi o Victor encaixar 4 cobranças de escanteio. Não me lembro de tê-lo visto fazer isso antes. Agora que descansem pra próxima partida. Depois do Furacão vem a calMaria!!! Mais 3 pontos pro Galo.