Warning: "continue" targeting switch is equivalent to "break". Did you mean to use "continue 2"? in /home/blog/www/wordpress/wp-includes/pomo/plural-forms.php on line 210
Com os 2 a 0 sobre o Bahia, sete vitórias em nove jogos, o Atlético vai embalando | Blog do Chico Maia

Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Com os 2 a 0 sobre o Bahia, sete vitórias em nove jogos, o Atlético vai embalando

Que as senhoras e os senhores que prestigiam o blog me perdoem o sumiço de ontem. Tirei uns dias de férias e a internet onde estou não é lá essas coisas.

Não vi o jogo do Galo ontem, pela Copa do Brasil, mas pelo que li de gente boa da imprensa, o time está embalado:

Fred Ribeiro, do Globoesporte.com:

@fredfrm

Atlético em julho de 2021 7 vitórias 2 empates 15 gols marcados 3 gols sofridos Vice-líder do Brasileiro Quartas da Libertadores 2×0 na ida das oitavas da Copa do Brasil.

***

Edu Panzi, da Itatiaia:

@edupanzi

O Atlético demonstra um equilíbrio defesa/ataque em 2021 que eu confesso não lembrar de ver igual em outra temporada. Nos últimos 9 jogos foram 7 vitórias, com 15 gols feitos e 3 sofridos. Nenhum treinador consegue dar equilíbrio a um time, contando só com talento individual…

***

E direto de Londres, mineiramente, sempre com um pé atrás, o Sérgio Utsch, correspondente do SBT na Europa:

@utsch

Givanildo, medalha de ouro. O melhor dos tempos olímpicos é o #Galo. Só alegria. (Deixem eu me iludir!)

Muita gente nem sabe, mas o nome do Hulk, “na pia batismal”, é Givanildo Vieira de Sousa.


Deixe uma resposta para wallison Silva Cancelar resposta

Comentários:
9
  • Germano Brás disse:

    Boa parte da imprensa mineira criticava o Hulk como péssima contratação, chegaram a pedir sua rescisão juntamente com o Cuca; hoje estão preocupados com o sucesso do Hulk, que poderá fazer falta ao Galo. O falso Casagrande quer Hulk na seleção… Mentira só para desfalcar o Galo.
    Um comentarista mineiro que adora um blá blá blá, disse que o Bahia perdeu por estar emocionalmente fragilizado.
    No mês de junho, o Galo bastante desfalcado por Covid, contusões e convocações; Cuca não era técnico para o Galo. Quase foi demitido. Foi assim também com o Ceni, o Fla desfalcado e o técnico despedido. Os convocados voltaram e toda glória a Renato gaúcho.
    Muitos atleticanos querem mais atacantes no time… Memórias curtas, ano passado atacava muito e levava muitos gols.
    O STJD liberou público nos jogos do cru cru. Tática, para livrar logo da pena de 5 jogos sem públicos. O Estrago foi tão grande nos últimos jogos da ÉPICA QUEDA, que se houvesse justiça, seriam mais de 10 jogos como perda de mando de campo. Todo mundo passando a mão na cabeça do time azulino. Depois não reclamem da reincidência!

  • Horacio disse:

    Durante o jogo, o Bhaêa chegou muitas vezes, no contrataque, no começo, ou na pressão, no final. Não é um time ruim, e teve jogadas bem marcados pelo Galo. A defesa deles é que entregou a paçoca.

    O Galo tem jogado de 3 em 3 dias, entre viagens longas, desgaste das partidas decisivas, desfalques importantes, ataque manco por jogadores no estaleiro, covid, seleções e problemas diversos. Sequência pesada e desgastante, vitória super importante.

    Mas vamos deixar bem claro, não basta o Givanildo fazer a parte dele na frente se a defesa entrega. Ocorre que o Everson também tá desequilibrando, ontem duas defesas fundamentais, em falhas bisonhas da defesa, assegurou e tem assegurado muitos dos resultados desta sequência aí.

  • Fred disse:

    Não sei se o Cuca consertou o Mariano (como fez com o Marcos Rocha) ou se foi o jogador que resolveu se dedicar e jogar o que jogou na Europa. Mas é nítido como o lado direito atleticano melhorou com ele tendo sequência na lateral, no lugar da avenida Guga. Digo isso porque ninguém tá lembrando dessa parte do campo, que também tá evoluindo.

  • Luiz disse:

    Ontem , por um momento, achei o Galo apático, sem criatividade para furar a retranca baiana. Tem uns quatro ou cinco jogos que o Atlético está assim, esbarrando a marcação cerrada.
    Nacho não estava nos seus melhores dias. Gostava muito da marcação na saída de bola dos adversários, nos tempos do Sampaoli. Isso mudou muito com o Cuca. Savarino também está em baixa.
    A fase tá boa? Sim, claro, mas é preciso acertar umas coisas antes que seja tarde.

  • wallison Silva disse:

    Grande, Chico!
    A vantagem foi excelente, porém creio que o Atlético não terá vida fácil na Bahia.
    Abraço do povo de Diamantina!!!

  • Paulo F disse:

    Se o Cuca tirasse o TcheTche e colocasse um atacante, como era o esquema original do Galo, ninguém ia segurar esse time. Ainda me incomodo bastante com 3 volantes, poderíamos criar jogadas com muito mais qualidade se o time não fosse obrigado a atacar com jogadores defensivos. As individualidades tem feito a diferença, Hulk é muito monstro!

  • Raws disse:

    Quem sou eu para querer podar torcedor de futebol(principalmente atleticanos)
    de fazerem suas críticas. Nossa torcida é 8 ou 80000, só que as vezes isso atrapalha. Espero que o momento de Everson, sirva para mostrar quão injustiçado ele foi desde que aqui chegou. Não é um goleiraço, mas é muito bom goleiro.

  • carlos henrique disse:

    Ha mas ano passado nao tinha Hulk e o Atletico ficou emteceiro
    quem fazia a diferença Arana,
    Keno as vezes Sasha
    nao precisa ficar na Hulk dependência
    entao se Savarino for entrando mais em forma
    Keno virar protagonista tambem, voltar a jogar
    temos Nacho que nao tinhamos, o Galo é candidato ao titulo
    todos times vao tentaranular o Hulkmarca-lo
    entao se Keno voltar a jogar, melhora
    a inteligência de Nacho, dizem que chegará proposta por Savarino
    que venha Ademir, vai cair como uma luva
    a cara do Atletico

  • Pedro Vitor disse:

    O que o Givanildo Vieira de Sousa, está jogando, é brincadeira. O bom é que ele, pela experiência que tem, o nível de cuidado que tem, no extra campo, sabe o “time” certo, pra dosar, mesmo durante a partida.

    A fase ajuda muito, joga a favor.

    Além disso, o Atlético conseguiu acertar o sistema defensivo, isso é consequência de muito trabalho.

    Com a volta do Nacho Fernandez, e com Zaracho ao lado, o meio-campo, do Atlético é muito forte. Todo mundo sabe que futebol, primeiro se ganha o meio-campo, depois se vence o jogo.

    É isso que o Cuca tem feito sem as válvulas de escape na esquerda. Sem o Arana, que ataca com muita qualidade, sem o Keno, pra chegar na linha de fundo.

    O Dodô, é um jogador que cadencia mais o jogo. Daí Atlético domina o meio-campo, e constrói o espaço para que o jogador possa chegar.

    Outro ponto de destaque no Atlético, tem sido o Everson, me Parece que a disputa de pênaltis contra o Boca, o fez ficar mais atento, e com isso, passa confiança maior a torcida e a defesa do Atlético.

    Ontem fez grandes defesas