Warning: "continue" targeting switch is equivalent to "break". Did you mean to use "continue 2"? in /home/blog/www/wordpress/wp-includes/pomo/plural-forms.php on line 210
O Atlético passou o “rodo” no Brasiliense, mesmo com um time “alternativo” | Blog do Chico Maia

Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

O Atlético passou o “rodo” no Brasiliense, mesmo com um time “alternativo”

Bem antes do jogo, lá na minha página no facebook, o Evandro Amaral comentou meu comentário dizendo que todo cuidado seria pouco com o Brasiliense: “Passar o rodo agora…….. 4×0”.

E realmente o Galo “passou o rodo”. Só fez marcou o quarto, quinto, sexto e até sétimo gol, porque tirou o pé, ficou apenas administrando o resultado depois do terceiro gol.

Sasha foi o nome da partida, marcando aos três minutos, depois, aos oito e o terceiro aos 39 do primeiro tempo.

O time, bem desfigurado, já que além de preservação de jogadores, o Turco queria testar alguns. A escalação: Everson, Guga, Igor Rabello, Réver e Arana (Rubens); Allan (Otávio), Zaracho (Castilho) e Calebe (Sávio); Savarino, Vargas e Sasha (Fábio Gomes).

O público pagante: 20.062, para renda de R$507.455,40

O Fred Ribeiro, do Glloboesporte.com, lembrou a performance do técnico Antônio Mohamed no Galo até agora:

@fredfrm “Antonio Mohamed como técnico do Atlético: 20 jogos 16 vitórias 3 empates 1 derrota 85% de aproveitamento 2 títulos 42 gols marcados 9 gols sofridos 13 jogos sem sofrer gol 1 jogo sem marcar gol”

Foto: @Attletico


Deixe uma resposta para Alexis Cancelar resposta

Comentários:
24
  • luiz disse:

    Chico,
    Finalmente me sentí torcedor, de fato e de direto, nesse meu retorno ao Mineirão depois de longos anos.. Sai de casa faltando uns quarenta minutos para o jogo começar. Consegui comprar ingresso na bilheteria do Mineirão sem ser sócio torcedor. Bilheteria totalmente vazia ninguém comprando, e ainda assim, veio um cambista me oferecer pela metade do preço. Lógico que eu não comprei e nunca comprarei, pois acho uma sacanagem com o clube. Segui para as arquibancadas e como sempre um certo tumulto na revista.
    Comprei uma cerveja, sem fila, e incrivelmente gelada, tomei meu assento e ví uma partida decidida em 10 minutos. Pronto! Depois foi só ficar esperando o juiz apitar e ver a festa da massa. Um lampejo aqui outro ali, depois mais um gol no final do primeiro tempo. Segundo tempo foi para compor o resto da partida. Mas o que eu tenho a descrever aqui foi exatamente isso, a sensação de poder ir ao estádio, comprar um ingresso, viver esse momento mágico da torcida-clube e voltar para casa tranquilo. Quanto ao jogo,.. Qual jogo? Houve? Ah..isso é o menos importante. Bom mesmo é poder comprar o ingresso livremente, sem ser sócio torcedor. Estava êxtase por estar ali que não me dei conta de nada.. Saudades do clima do velho Mineirão! Ah..na volta trouxe uma marmitinha do feijão tropeiro , única decepção da noite…..ruim demais da conta! Jesus amado! Que bom ter podido voltar. Espero que o Galo reserve uma parte dos ingressos para venda física.

  • Pedro Vitor disse:

    Escutei o jogo apenas, e pela Itatiaia, falou se que a equipe do Brasiliense, é fraca, que se o Galo forçasse, poderia ter feito mais gols no segundo tempo, mas não forçou, mesmo assim o Fábio Gomes, não soube aproveitar sua chance.

    Negócio é que jogo em cima de jogo, e sábado temos um jogo truncado e complicado contra o Coxa Branca, e logo em seguida a Libertadores uma viagem longa até Dell Valle, contra essa equipe que até aqui, quem irá brigar por uma vaga com o Atlético.

    Um bom resultado foi para o Atlético, o empate entre, Flamengo e Palmeiras, ontem.

    Agora é o Atlético vencer o Coritiba.

  • Horacio disse:

    Poderia ter sido mais, sem dúvida. Mas não estou gostando da postura do Galo quando encontra time muito fechado. Muita bola pro lado, pra trás, sem velocidade, sem movimentação, sem viradas rápidas, sem “intensidade”.

    No jogo contra o América ficou bem nítido o comportamento do time antes e depois do gol, depois do gol botou velocidade e reduziu os espaços. Estou achando o time meio de salto alto. Fez certo o Tonho em botar a meninada, eles querem mostrar serviço. Aí… perdeu o entrosamento, jogadas um pouco infantis.

    Assisti também ao jogo do Tombense, tomou de 2×0 contra um ceará com 10 em campo, Messias, ex-cuei, foi expulso no começo do segundo tempo. Apesar da derrota achei que o Tombense encarou o ceará como deveria e jogou como sempre joga.

    Para um time “reativo”, o problema foi ter tomado um gol logo no início com as suas muitas limitações no ataque, cria pouco e erra muito. Depois da expulsão do Messias foi pra cima e tomou contrataques. No finalzinho do jogo, depois de abafar um contrataque, perde uma bola boba pro Vina que limpou a jogada e marcou o segundo gol dele.

    Tem time para tentar se manter na série B, defesa é o ponto alto e se comportou bem, não sei se tem elenco para manter o mesmo nível durante todo o campeonato. É o pesadelo dos clubes de orçamento curto.

  • célio alvarenga disse:

    Torcedor as vezes é uma graça!Criticam porque o time diminuiu o ritmo no segundo tempo como se necessidade houvesse de forçar o ritmo e se aquela não fosse uma ótima oportunidade de dar minutos a quem não vinha jogando!E a temporada obviamente é longa,é necessário dosar energia!Criticam Nathan Silva como não confiável,se esquecendo que ele fez parte da melhor zaga do brasileirão 2021!Pelo jeito não estarão satisfeitos se não tiver um Mauro Galvão na zaga!Pedem a contratação de um novo lateral direito,sem apontar um nome em condições de ser contratado e sempre somem quando Guga joga bem,reaparecendo de forma oportunista quando ele comete algum vacilo!Se esquecem que é um jogador jovem que ainda tem espaço para evoluir!O Flamengo tem Rodinei e o Palmeiras tem Mayke!A oferta de Leandros e Carlos Albertos Torres não anda farta por aí!E criticar o Vargas,francamente é uma burrice e uma ingratidão!

  • Jeremias disse:

    A inveja está no ar! Bem melhor são os números do Cru Cru… Vai dá merda!

  • Raws disse:

    Fui ao jogo com minha família e amigos e tirei algumas conclusões.
    Esse brasiliense depois do caiçara deve ser o pior time que o Galo “enfrentou”.
    Apesar de que não se deve tirar conclusões por uma só partida, a de ontem também serviu para certas observações.
    Calebe, se não mostra futebol contra um adversário tão frágil, vai mostrar contra quem?
    Sou um defensor de jogadores novos, mas minha expectativa com relação a ele, está a cada jogo que o vejo, ficando pessimista.
    Vargas é um bom atacante, mas ele é muito inferior a keno, quando esse está bem.
    Savarino é o que sempre digo, uma partida boa e quatro meia boca.
    Ontem ficou claro como faltou um jogador inteligente no ataque(Nacho), como Rever foi na distribuição de jogo.
    Imagino que é a fisiologia que ajuda o Turco nas escalações, mas como Arana não tira o pé, penso que ele deva ser mais poupado.
    Antes que ele vá embora, já passou da hora de testar Igor Rabelo com Alonso. Igor recebeu críticas na época do Sampaoli, cujo esquema de jogo sacrificava os defensores e até Alan, quando Cuca arrumou esse setor, chegou Natan que deu essa sorte.
    Sei da discordância de muitos, mas acho Igor superior a Natan.

  • Jerônimo disse:

    Vimos nos últimos jogos o América e o Brasiliense jogarem com os 10 jogadores atrás da linha da bola, ou seja, totalmente na retranca.

    O Brasileirão tem 6 times que provavelmente jogarão na retranca total contra o Galo: Coritiba, Botafogo, Goiás, Avaí, Juventude e o América.

    Ao todo podem ser 12 jogos de retranca total, onde 36 pontos serão disputados e estes podem ser justamente os pontos decisivos para o título.

    Para vencer esse tipo de retranca, além das triangulações e infiltrações que estão sendo tentadas, é preciso ampliar o leque de opções.

    Faltam ao repertório do atual time do Galo os gols oriundos de chutes de média distância e de cobrança de faltas.

    Quem são os batedores de falta do Galo?
    Quem são os finalizadores de média distância?
    Qual o nível de aproveitamento deles?

    Eu me lembro que em 1994 foi um gol de meia distância, do Branco, que desempatou o jogo contra a Holanda e encaminhou o Brasil para semifinal.

    E aí…?!? Estando o Galo no sufoco quem faria um gol de falta ou chute de média distância para salvar o time?

    • Cesar de Freitas disse:

      Qual o time Brasileiro que tem um grande batedor de falta hoje? Se você citar o Palmeiras tem o Rafael Veiga, ele marcou até agora um gol de falta, o Hulk fez 02 e o Nachio Fernandes tem 01 também. Ninguém tem batedor de falta como antigamente. Acompanho o Galo efetivamente desde 1976, vi o jogo do titulo de 1971. Tínhamos grandes times e só ganhávamos campeonato mineiro. Futebol não é assim, monta-se um grande elenco e ganha tudo. O time que temos hoje em termos de futebol ainda não acho que é o melhor da nossa história, mas em 2 anos já é o mais vencedor, e tem torcedor que ainda acha um monte de defeitos. Tem um torcedor frequente aqui do Blog que cornetou o time o ano passado inteiro, só parou quando o Galo pôs a mão nas taças, mais simplesmente se calou não foi capaz de fazer uma meia culpa, e esse ano já começou com tudo. Quando o galo contratou o Godim todo mundo aprovou, pelos comentários o Galo estava contratando aquele jogador de anos seleção Uruguaia e Atlético de Madri, esqueceram que já estava em fim de carreira na reserva de um time de segunda da Itália, agora os mesmos já estão cornetando.
      Já ganhamos tudo que disputamos esse ano 02 títulos, fato que só ocorreu neste século 2 vezes em 2013 com 02 e ano passado com 03, e o que vemos é ainda uma insatisfação por parte de alguns torcedores quando o Galo faz uma partida abaixo do que deveria fazer, fico aqui imaginando com a certeza que não vamos ganhar tudo, o que vai acontecer quando perdermos alguns jogos que será perfeitamente normal.
      A minha visão de hoje é que temos um grande time e maduro, que faz o placar e poupa com consciência o time sabendo que a temporada é estressante, é um time unido, para mim a maior e mais importante característica desse time o do técnico pois time desunido não ganha campeonato, e isso está sendo esse continuar será a chave para o sucesso, mas não vamos ganhar tudo. Posso ate estar errado mas essa é a minha expectativa. Depois de sofrer tanto por décadas com grandes times sem grandes títulos, quando chegávamos éramos roubados, e hoje até isso mudou, somos a preocupação do Brasil com o apito amigo, ainda não estou vendo nem um motivo para qualquer crítica.

      • luiz disse:

        Ótima análise. O galo sabe jogar de acordo com a necessidade. Isso ficou provado no jogo contra o fraquíssimo Brasiliense. Para que forçar a barra se a partida estava ganha desde os 10 minutos.Temos uma imensa maratona pela frente e nem sempre com facilidades

      • Juliano Salvador disse:

        Quem muito critica o Galo aqui são os travestidos opositores que não tem nada pra falar do time deles. O atleticano que critica é o mesmo que aplaude, mas quando só critica, é problemático do lado de lá.

      • Robson Souza disse:

        Onde assino Cesar? Perfeito e realista o seu comentário!

      • Raws disse:

        Ótima análise.

      • Cesar de Freitas disse:

        Corrigindo:
        A minha visão de hoje é que temos um grande time e maduro, que faz o placar e poupa com consciência o time, sabendo que a temporada é estressante. É um time unido, para mim a maior e mais importante característica desse time, o do técnico, pois time desunido não ganha campeonato, e esse fato é, e se continuar será a chave para o sucesso, mas mesmo assim não vamos ganhar tudo. Posso ate estar errado mas essa é a minha expectativa

  • Paulo Antônio disse:

    Só acho que o time do segundo tempo foi uma falta de consideração com a torcida que foi ao estádio. Além de tirar o pé, colocou jogadores para teste (que aliás, não estão mostrando qualidade). Então, deveriam cobrar ingresso de treino e de testes.

  • Claudio disse:

    A Dilma também tinha acesso a alguns números.
    Nem por isso fazia uma leitura adequada.
    Pelos números expostos aí, entrega a taça de campeao do mundo pra ele.
    Vários times tiveram análises melhores e não chegaram a lugar nenhum e outros com scouts muito piores foram campeões.
    Tá ruim, mas pode piorar.

    • Mauro Lopes disse:

      Já que insistem na política eu também tenho acesso a vários números da Dilma como o preço do combustível, do supermercado, do carro zero quilômetro, dos medicamentos, do plano de saúde, do dólar, da taxa de desemprego. Outras situações nem precisa de números é só olhar as pessoas morando nas ruas de BH e pedindo coisas ao lado de padarias, restaurantes e mercados.

      • Claudio disse:

        Outra coisa que o atual governo fez foi acabar com o paraíso que era o Brasil. Moradores de rua e pedintes foram criados a partir de 2019, antes do atual governo, todos eram classe média com acesso a carro zero km, medicamentos, plano de saúde e televisões ( só uma porque mais de uma é ostentação de classe média).
        Enfim, cada um enxerga o copo como lhe convém.
        Continue enxergando meio vazio, não serei eu quem irá fazer você enxergar meio cheio.
        Não acho que devemos evitar o assunto política, somente acho que devemos mostrar nosso ponto de vista com educação e respeito ao próximo. Se em algum momento lhe ofendi, peço desculpas, não foi minha intenção.
        Bom fim de semana.

      • Marcelo de Andrade disse:

        Enfa. Quem fala o que quer, ouve o que não quer.

      • Claudio disse:

        Mostra os números dos PIBs, da refinaria de Pasadena, dos estágios da copa, olimpíadas, do quanto a interferência na Petrobras prejudicou acionistas no mundo, do quanto a interferência nas empresas de energia nos custou caro anos depois.
        Realmente, tem muitos números para analisarmos.

        • Mauro Lopes disse:

          Pelo menos nessa da Petrobras você está certo estamos pagando a gasolina a oito reais o litro para fazer a felicidade dos acionistas americanos. Quando eu era jovem tinha uma gringa num programa de humor que dizia que brasileiro é tão bonzinho.

          • Claudio disse:

            Leia meu comentário anterior.
            Continuo tentando ser tão educado quanto possível.
            Abraços amigo.
            Bom fim de semana

  • Alexis disse:

    Estou gostando muito do trabalho do Turco. Sem muito alarde vai inserindo sua visão de jogo, agregando ao excelente trabalho do Cuca. Se fosse um desses “pavões” da vida, chegava, mudava tudo e as coisas desceriam pelo ralo. Acredito bastante nesse plantel, só acho que precisamos de mais um zagueiro – Godin e Nathan Silva não dão a menor segurança, e de um lateral-direito – Guga é ruim demais e o Mariano sente o peso da idade. E é preciso dar uma bronca no Vargas: começou o ano “tinindo”, foi só renovar o contrato e voltou a ser displicente. Poderíamos ter vencido por uns 5 x 0 se ele estivesse mais ligado no jogo.