Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Possibilidade de Valdívia no Galo e a vantagem que o Cruzeiro levou na troca com o Palmeiras

VALDIVIA

Esta semana foi marcada pelas informações de que Atlético e Cruzeiro estariam disputando quem ficaria com o meia Valdívia, do Internacional, e pela chegada do atacante Rafael Marques à Toca daa Raposa, trocado por empréstimo pelo Mayke. O lateral foi recebido com “honras de chefe de Estado” pelo Palmeiras e imprensa de lá, mas pelo que não vinha jogando há muito tempo no Cruzeiro, entendo que quem levou a melhor neste negócio foi a Raposa.

rafael

Rafael é voluntarioso, não repetiu no Palmeiras o mesmo sucesso que teve no Botafogo e esta mudança de ares pode ser benéfica para ele e para o clube.

Valdívia estaria acertado com o Galo, maas hoje o Claudio Rezende, da Itatiaia, twittou:

* “Negociação Valdivia / Galo esfriou. Condições: do empresário e Inter mudaram. Troca Erazo / Ernando tb não deve acontecer”

Caso as partes se acertem será ótimo para o Atlético. Valdívia se encaixaria bem neste time.

O jornal Zero Hora, de Porto Alegre, disse a respeito:

* “Valdívia e Ernando por Erazo, diz imprensa mineira sobre negociação entre Inter e Atlético-MG

Nos bastidores, Atlético teria passado à frente do Cruzeiro, na tentativa de empréstimo do atacante colorado”

Ao que tudo indica, o Atlético-MG começa a vencer o duelo com o Cruzeiro pela contratação de Valdívia. O cabeludo camisa 29 deixará o Beira-Rio e o destino será Minas Gerais. Só não se sabe se na Cidade do Galo ou na Toca da Raposa. (mais…)


Uma avaliação do América, que estreia em casa esta noite, na luta para retornar à Série A

AFC

Tomara que o time jogue melhor que no 0 a 0 horroroso em Recife, com o Náutico. O jogo no Independente começa às 21h30. No Superesportes de hoje, interessante avalição do time para a corrida por uma vaga na Série A de 2018, feita pelo Paulo Vilara:

1) João Ricardo: muito bom goleiro, mas tem um defeito irritante: mesmo quando o América está perdendo, é lento na reposição de bola, e quando faz isso com os pés quase sempre a chuta para fora, devolvendo a posse ao adversário; (mais…)


Velório de Paulinho Tenaz começa às 15 horas e sepultamento será amanhã cedo

HURACAN

Este foi o melhor time de futsal que vi jogar. O Huracan de Sete Lagoas, cujos únicos concorrentes no Brasil, naquele fim de década de 1970, eram o Olímpico de Beagá e o Sumov, de Fortaleza. Da esquerda para a direita, Ronaldo, Aluizio e Toniquinho, Paulinho e Edmilson.

RONALDO

Infelizmente o Ronaldo, irmão do Paulinho, que também jogava muito, morreu há cinco anos. Nesta foto, de 1979, eu o entrevistava, poucas semanas antes da minha saída da Rádio Cultura para começar na Rádio Capital. Foi minha última transmissão pela equipe do Geraldo Padrão. No ginásio do Huracan, no Bairro Canaã. Tempos em que Sete Lagoas era referência no esporte mineiro e nacional.

Mais detalhes da morte do Paulinho, no site do jornal Sete Dias:

* “Morreu na manha desta sexta-feira, 19, às 8h40, Paulo Antônio Nunes, o Paulinho Tenaz, um dos maiores jogadores da história do futebol de salão do Brasil. Ele sofreu um ataque cardíaco na madrugada da última terça-feira, 16, e desde então estava internado no Hospital Municipal de Sete Lagoas. Seu quadro de saúde piorou e, no fim da manhã de quinta-feira, 18, a morte cerebral havia sido constatada pelos médicos. A notícia abalou a cidade já que, Paulinho, possuía um grande número de amigos.

Paulino Tenaz jogou em grandes clubes do país. Em Sete Lagoas, fez história no Huracan, time que conquistou vários títulos e se tornou uma referência do esporte. Como um dos destaques da equipe sete-lagoana  ganhou o Brasil e foi atuar em potências como Atlético Mineiro, Perdigão, Minas Tênis Clube e Banfort. Em sua trajetória estão conquistas como a Taça Brasil (atual Liga Nacional), sul-americano e campeonatos estaduais. Paulino Tenaz ainda serviu a Seleção Brasileira por sete anos onde fez mais de 100 jogos e marcou época sendo, inclusive, campeão mundial. No futebol de campo atuou no Democrata, Ideal e Cruzeirinho.

Nos últimos anos, Paulino Tenaz administrava o bar do Campo do Ideal, no bairro São Geraldo. Reduto de amantes do futebol era um dos seus ambientes preferidos. Dono de um conhecimento profundo do esporte gostava dos debates e de uma boa roda de prosa.

Paulino Tenaz, 58 anos, deixa a esposa Tânia e as filhas Mariana, Juliana e Ana Flávia. O velório começa às 15 horas na Capela do Asilo. O sepultamento será às 9 horas deste sábado, 20, no Cemitério Santa Helena”.

Por Renato Alexandre

http://www.setedias.com.br/noticia/destaques/morre-paulinho-tenaz,-um-dos-grandes-craques-do-futsal-brasileiro-/53/15757


E lá se foi o Paulinho Nunes (Tenaz), um dos melhores jogadores que o futsal do país teve!

PAULINHO

Triste demais: acabo de ser informado que o Paulo Nunes teve morte cerebral, em Sete Lagoas. Paulo Nunes, para nós, conterrâneos dele, era Paulinho Tenaz. Foi um dos melhores jogadores de futsal do Brasil. Ajudou o Huracan a dominar a cena nacional nos anos 1980. Depois foi para o time da Perdigão em Santa Catarina.

Jogava bola demais! Da geração de ouro do futsal mineiro, de Jackson, Walmir, Paulinho Bonfim e tantos que marcaram o nosso futsal. Tinha um bar no estádio do Ideal em Sete Lagoas, gente boa demais. Deixa a esposa e três filhas, aos 58 anos.

Vá em paz, caro Paulinho! Só fez o bem nesta vida! Até qualquer dia! Obrigado pelo que jogou e pela amizade!


E o Flamengo, hein!? De líder do grupo a terceiro colocado e eliminado da Libertadores no último minuto de jogo

FLA

Toda arrogância castigada: o jornalista argentino Federico Nogueira  guardou esta manchete de um jornal carioca, após o jogo de ida, no Rio, e twittou depois da derrota e eliminação para o San Lorenzo, ontem: @fedenogueira25 “Así es la Libertadores: un día sos el Barcelona y al otro estás eliminado en primera ronda”.

Bem disse o Jorge Luiz Rodrigues, do Sportv: “Milagre de Francisco, nada. Flamengo jogou fora a classificação. O medo de perder tira a vontade de ganhar”.

Agora vai começar a pancadaria no técnico Zé Ricardo que até semana passada era considerado um novo gênio da tática do futebol brasileiro e vão ressuscitar Paulo Autuori, que estava na categoria dos ex-treinadores em atividade.

E assim caminha o futebol, como sempre caminhou!


No vácuo político nacional, sobrou até para a sucessão presidencial no Cruzeiro

AECIO

É, se a candidatura do Zezé Perrella vinha ganhando corpo para suceder ao Dr. Gilvan, ela sofreu um forte abalo com a divulgação de mais delações na tarde de hoje e publicadas pelo O Globo:

* “Grampo revela que Aécio pediu R$ 2 milhões a dono da JBS”

Gravação foi entregue por Joesley Batista à PGR. Entrega de dinheiro a primo do senador foi filmada

RIO – Joesley Batista entregou à Procuradoria-Geral da República (PGR) uma gravação que piora de forma descomunal a tempestade que já cai sobre a cabeça de Aécio Neves (PSDB-MG). No áudio, o presidente do PSDB surge pedindo nada menos que R$ 2 milhões ao empresário, sob a justificativa de que precisava da quantia para pagar despesas com sua defesa na Lava-Jato.

O diálogo gravado durou cerca de 30 minutos. Aécio e Joesley se encontraram no dia 24 de março no Hotel Unique, em São Paulo. Quando Aécio citou o nome de Alberto Toron, como o criminalista que o defenderia, não pegou o dono da JBS de surpresa. A menção ao advogado já havia sido feita pela irmã e braço-direito do senador, Andréa Neves. Foi ela a responsável pela primeira abordagem ao empresário, por telefone e via WhatsApp (as trocas de mensagens estão com os procuradores). As investigações, contudo, mostrariam para a PGR que esse não era o verdadeiro objetivo de Aécio.

O estranho pedido de ajuda foi aceito. O empresário quis saber, então, quem seria o responsável por pegar as malas. Deu-se, então, o seguinte diálogo, chocante pela desfaçatez com que Aécio trata o tema:

— Se for você a pegar em mãos, vou eu mesmo entregar. Mas, se você mandar alguém de sua confiança, mando alguém da minha confiança — propôs Joesley.

— Tem que ser um que a gente mata ele antes de fazer delação. Vai ser o Fred com um cara seu. Vamos combinar o Fred com um cara seu porque ele sai de lá e vai no cara. E você vai me dar uma ajuda do caralho — respondeu Aécio.

O presidente do PSDB indicou um primo, Frederico Pacheco de Medeiros, para receber o dinheiro. Fred, como é conhecido, foi diretor da Cemig, nomeado por Aécio, e um dos coordenadores de sua campanha a presidente em 2014. Tocava a área de logística.

Quem levou o dinheiro a Fred foi o diretor de Relações Institucionais da JBS, Ricardo Saud, um dos sete delatores. Foram quatro entregas de R$ 500 mil cada uma. A PF filmou uma delas.

No material que chegou às mãos de Fachin na semana passada, a PGR diz ter elementos para afirmar que o dinheiro não foi repassado a advogado algum. As filmagens da PF mostram que, após receber o dinheiro, Fred repassou, ainda em São Paulo, as malas para Mendherson Souza Lima, secretário parlamentar do senador Zeze Perrella (PMDB-MG).

Mendherson levou de carro a propina para Belo Horizonte. Fez três viagens — sempre seguido pela PF. As investigações revelaram que o dinheiro não era para advogado algum. O assessor negociou para que os recursos fosse parar na Tapera Participações Empreendimentos Agropecuários, de Gustavo Perrella, filho de Zeze Perrella.

Não há, portanto, nenhuma indicação de que o dinheiro tenha ido para Toron.

https://oglobo.globo.com/brasil/grampo-revela-que-aecio-pediu-2-milhoes-dono-da-jbs-21353924


Ao invés de parceria com algum clube do interior, Galo vai disputar a terceira divisão estadual como Atlético B

DFC

O título deste post também poderia ser: Clubes do interior continuam seu calvário, agora na terceira divisão

O Democrata de Sete Lagoas estava apalavrado com um grande patrocinador, prestes a assinar um acordo que tiraria do “Jacaré” do atoleiro. De repente, o quase parceiro avisa: o Atlético vai disputar como Atlético B. Sendo assim, sobrará apenas uma vaga para tanta gente disputar. Estou fora!”

Quando fez parceria com o Democrata SL, em 2009, o Galo apurou Bernard, Jemerson (campeão francês com o Mônaco) e Danilo, que depois de passagem pelo América, retornou ao Galo. Valeu demais a pena para o Atlético, apesar de o Democrata não ter conseguido subir naquele ano, mesmo com 100% de apoio alvinegro. Ficou no quase! Uma pena que essa parceria não tenha sido reeditada este ano.

Para o Democrata seria bom demais, para o Galo, idem. Além da falta de fontes de arrecadação, tantas dívidas e a montagem e manutenção do time, despesas demais com a disputa em si, taxas que não acabam mais, com a FMF, arbitragem e tudo o mais. O Democrata vai se virar e disputará a competição, mas muitos desistiram, principalmente os de cidades mais distantes da capital.

Vem aí o campeonato mineiro da terceira divisão, que a Federação chama de “Segunda”, por questões burocráticas. De julho a outubro. Todos os detalhes no excelente site “segundonamineira”, do juizforano Vitor Lima Gualberto, maior porta-voz dos clubes do interior de Minas:

* “DEFINIDO! Saiba os detalhes da Segundona Mineira 2017”

Em reunião realizada na sede da Federação Mineira de Futebol (FMF), os clubes definiram a forma de disputa do Campeonato Mineiro da Segunda Divisão 2017. Da lista inicial emitida pela Federação, dois clubes desistiram: o Cassimiro de Abreu, de Montes Claros, e o Figueirense, de São João del-Rei.

Serão nove clubes em disputa: Atlético B, Betis, Coimbra, Democrata (Sete Lagoas), Inter de Minas, Ipatinga, Poços de Caldas, Ponte Nova e União Luziense. Assim como nas duas últimas edições da competição, a mesma será no formato de sub-23, podendo os clubes inscreverem um máximo de cinco atletas acima da idade citada. Não haverá limite de inscrição de atletas. (mais…)


É cedo para uma empolgação exagerada, mas o Atlético vem numa sequência de quatro ótimos jogos, convincentes.

CAMGODOY1

Certamente ainda é cedo para uma empolgação exagerada, mas o Atlético vem numa sequência de quatro ótimos jogos, convincentes. Os dois clássicos contra o Cruzeiro, contra o Flamengo e esta noite nos 4 a 1 sobre o Godoy Cruz, que não é nenhuma baba. Em cada jogo, um, dois, três e até mais jogadores desequilibrando, além do futebol coletivo bem visível. Toques rápidos, a maioria de primeira e a busca permanente do gol.

Sempre com o semblante feliz, cara de criança, Cazares foi o nome de hoje. Fez dois gols, deu passes impressionantes e arrancou justos aplausos.

CAZARESMEME1

Virou xodó da torcida também nas redes sociais, com gozações sadias e a esperança de que se cuide mais fora das quatro linhas e continue crescendo em campo, ajudando cada vez mais ao Galo.

CAZARESMÉ

O público foi ótimo para os padrões “Independência”, 17.009, e a renda satisfatória: 1.092.323,00.

E dois atleticanos brigando pela artilharia nesta fase: com 7 gols, Chumacero (Strongest), lidera, seguido por Fred 6; Zampedri (Tucumán), Alonso (Strongest) e Cazares, com cinco.


O Brasil é um só, onde pegar um ladrão a dificuldade é sempre a mesma, em qualquer setor

CBF

No escândalo que abalou a estrutura da corrupção no futebol, apenas cinco dos que estão detidos se recusam a admitir culpa, entre eles José Maria Marin, o ex-presidente da CBF

Seja no mundo político, empresarial, administrativo, de batedores de carteira à turma do colarinho branco. A defesa dos bandidos é sempre muito bem equipada e preparada. Vejam essa nota no Estadão:

* “Dois anos depois, Brasil ainda não colabora com FBI na investigação sobre cartolas”

País está impedido pela Justiça de trocar com os Estados Unidos informações sobre Marin, Teixeira e Del Nero

Jamil Chade, correspondente em Genebra, O Estado de S.Paulo

Dois anos depois da deflagração da maior operação contra a corrupção no futebol e que colocou a CBF no centro de um escândalo, o Brasil ainda não pode cooperar com a Justiça dos EUA na troca de dados sobre os suspeitos. O Estado apurou que um recurso foi apresentado impedindo que o Ministério Público Federal repasse aos americanos informações solicitadas sobre dirigentes como José Maria Marin, Marco Polo del Nero e Ricardo Teixeira.

No próximo dia 27, o caso que abalou o futebol mundial completa dois anos. Dos mais de 40 dirigentes e empresários indiciados pelo desvio de mais de US$ 200 milhões, apenas cinco dos que estão detidos se recusam a admitir culpa, entre eles José Maria Marin, o ex-presidente da CBF.

http://esportes.estadao.com.br/noticias/futebol,dois-anos-depois-brasil-ainda-nao-colabora-com-fbi-na-investigacao-sobre-cartolas,70001784266


Revista Época diz que a situação financeira do Cruzeiro é delicada

EPOCA

Atlético e Cruzeiro têm eleições daqui alguns meses, mas o cheiro da campanha eleitoral de cada um já se faz sentir, na mídia. Em ano eleitoral em todo grande clube, notícias negativas, principalmente sobre finanças internas surgem com uma força proporcional ao tamanho da disputa. Muitas vezes, informações que só gente lá de dentro detém, e que são “vazadas” pontualmente. Opositores sempre têm gente estrategicamente espalhada. Até outro dia, a dívida do Atlético com o Grêmio (aquisição do Victor) ocupou manchetes desproporcionais ao tanto que a notícia merecia.

Hoje foi a vez da vida interna do Cruzeiro ser esmiuçada, pelo site da revista Época. Vejo exagero tanto no caso do Galo quanto da Raposa:

“As finanças do Cruzeiro: o inchaço do bicampeonato cobra ao clube seu preço”

Gilvan de Pinho Tavares inflou a folha salarial a um ponto insustentável para ser campeão nacional em 2013 e 2014. O presidente, agora, sofre para controlar custos e dívidas

Rodrigo Capelo

Para os próximos sete anos, estou satisfeito com os milhões que ganhei lá”, dizia, sorrindo, o técnico Mano Menezes em sua primeira entrevista coletiva no retorno ao Cruzeiro após meia temporada na China. Naquela ocasião, em julho do ano passado, o treinador descartava também exigir novos atletas em sua segunda passagem pela equipe. Era o que Gilvan de Pinho Tavares, o presidente celeste, precisava ouvir. Em regime de contenção de gastos por todo o seu segundo mandato, o cartola tem lidado com as consequências das escolhas que fez nos primeiros e vitoriosos três anos à frente do clube. Apesar de ter sido um ano de bonança no futebol brasileiro, as finanças cruzeirenses se degradaram gravemente em 2016. (mais…)


Página 2 de 98012345...102030...Última »