Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Sepultura em Viena

Paulo Xisto, de Belo Horizonte, baixista fera da banda Sepultura, enviou convite para ver as fotos do show do grupo em Viena. Confira:

“Queridos (as),

Algumas fotos do show de Vienna nesse link:

http://www.flickr.com/photos/drnachtstrom/sets/72157621043842987/show/with/3703311035/

Espero que gostem…

Beijos à todos!!!

e viva o nosso CAM!!!!
Paulo Xisto Pinto Junior”


Cruzeiro x Atlético

Dados enviados pela assessoria de imprensa do Cruzeiro:

CRUZEIRO X ATLÉTICO

RESUMO ESTATÍSTICO

TOTAL DE JOGOS: 444

Vitórias do Cruzeiro: 151

Empates: 119

Vitórias do Atlético-MG: 174

TOTAL DE GOLS: 1.171

Gols do Cruzeiro: 566

Gols do Atlético-MG: 623

 

CAMPEONATO BRASILEIRO

Foram 43 confrontos pelo Campeonato Brasileiro com 13 vitórias do Cruzeiro, 15 empates e 15 derrotas. O ataque cruzeirense marcou 49 gols e a defesa sofreu 53.

 

Primeiro Jogo pelo Campeonato Brasileiro:

10/10/1971 – Empate 1 a 1 (no Mineirão – gols de João Ribeiro para o Atlético-MG e Oldair para o Cruzeiro).

 

Tabu

O Cruzeiro não perde para o Atlético-MG no Campeonato Brasileiro há quase cinco anos. O último revés aconteceu no dia 23 de outubro de 2004. Nos seis jogos seguintes, foram seis vitórias do Cruzeiro. Nestes confrontos, o ataque cruzeirense marcou 15 gols e a defesa sofreu sete.

 

Recordes do Campeonato Brasileiro

– Maior número de pontos ganhos (100) – Brasileirão 2003.

– Maior número de vitórias (31) – Brasileirão 2003.

 

PRIMEIRO JOGO

17/4/1921 – Cruzeiro 3 a 0 (amistoso no Estádio do Prado)

 

ÚLTIMO JOGO

3/5/2009 – Empate 1 a 1 (no Mineirão, pelo Campeonato Mineiro)

 

MINEIRÃO

Foram disputados 221 clássicos no estádio Mineirão com 79 vitórias do Cruzeiro, 71 empates e 71 vitórias do Atlético. O ataque cruzeirense marcou 257 gols e a defesa sofreu 239.

 

TABU

O Cruzeiro não perde para o Atlético há mais de dois anos. O último revés aconteceu no dia 29 de abril de 2007. Nos 12 jogos seguintes, foram dez vitórias do Cruzeiro e dois empates. Nestes confrontos, o ataque cruzeirense marcou 32 gols e a defesa sofreu dez.

 CRUZEIRO X ATLÉTICO

AS MAIORES GOLEADAS DO CLÁSSICO NO MINEIRÃO

05/03/1967 – Cruzeiro 4 a 0 (Torneio Roberto Gomes Pedrosa)

21/01/1968 – Cruzeiro 3 a 0 (Campeonato Mineiro)

29/05/1977 – Atlético 3 a 0 (Campeonato Mineiro)

26/08/1979 – Atlético 3 a 0 (Campeonato Mineiro)

16/10/1983 – Atlético 4 a 0 (Campeonato Mineiro)

11/12/1983 – Cruzeiro 4 a 1 (Campeonato Mineiro)

05/12/1984 – Cruzeiro 4 a 0 (Campeonato Mineiro)

09/07/1989 – Atlético 3 a 0 (Campeonato Mineiro)

28/03/1999 – Cruzeiro 3 a 0 (Copa dos Campeões Mineiros)

04/04/1999 – Cruzeiro 5 a 1 (Copa dos Campeões Mineiros)

03/10/1999 – Cruzeiro 3 a 0 (Campeonato Brasileiro)

24/10/2004 – Atlético 3 a 0 (Campeonato Brasileiro)

29/04/2007 – Atlético 4 a 0 (Campeonato Mineiro)

27/04/2008 – Cruzeiro 5 a 0 (Campeonato Mineiro)

26/04/2009 – Cruzeiro 5 a 0 (Campeonato Mineiro)

*neste levantamento considera-se goleada os placares com diferença (igual ou acima) de três gols.

 


Cobrança à Globo

Boa tarde Chico Maia.

Concordo plenamente com o que você escreveu em sua coluna de hoje.

A imprensa mineira, como formadora de opinião, precisa fazer alguma coisa para acabar com o tratamento diferenciado dado aos times mineiros, em especial Cruzeiro e Atlético. São times de primeira grandeza e devem assim serem tratados.

Hoje escrevi a todos os programas de TV da Rede Globo, apresentados através do sporttv e outros, fazendo críticas e reclamando viemente sobre a falta de respeito conosco e indagando se eles teriam essa atitude caso um time do eixo RJ e SP estivesse ma situação do Cruzeiro.

Sou Cruzeiro, o momento é especial e merecemos muito respeito.

Obrigado.


Transmissão menos para SP e Rio

Primeiro foi o Renato Paiva, que me escreveu de Brasília, dizendo que assistiu lá, pela Globo, o empate do Cruzeiro com os Estudiantes, em La Plata. Agora, recebi email do Leandro de Melo Gomides, dizendo o seguinte:

“Moro em Curitiba/PR, sou torcedor alucinado do América e leitor assíduo de sua coluna. Queria só alertá-lo de que a final da Libertadores foi transmitida pela “Grobo” aqui para Curitiba também. E como bom Americano que sou, torci para o Estudiantes!!!”

 

 

Um grande abraço verde!!!

 

 

 

__________________________________
Leandro de Melo Gomides


Mestre Negrito – Missa amanhã

Emílio Vasconcelos, um nome importante da política de Sete Lagoas, escreveu o seguinte sobre o capoerista, cuja Missa de 7o dia está confirmada para amanhã, 19 horas, nas igrejas de Santa Luzia e Nossa Senhora das Graças:

“O Negrito alem de ser uma figura humana impar, deixou para Sete LAgoas uma infinidade de jovens que hoje poderiam estar na droga e no crime e não estão graças aos exemplos e a dedicação do Negrito. Que Deus o receba com o que mereçe e que seus exemplos fiquem conosco.”


Adilson Batista é quase imbatível no Mineirão

 

O jornalista Marcelo Machado pesquisou e publicou no seu blog:
 
“Mais uma vitória no Mineirão e o Cruzeiro vai conquistar a Libertadores da América pela terceira vez. Se você tem a sensação que o time de Adilson Batista é fortíssimo dentro de casa, está correto.

Desde que chegou, no início de 2008, o treinador sofre críticas pela postura da equipe como visitante – o que não se aplica à Libertadores de 2009 – mas no Mineirão, o time é quase imbatível.

Foram 54 partidas com 41 vitórias, oito empates e apenas cinco derrotas (sendo duas delas com o time reserva). O aproveitamento chega a 81%. Na temporada atual, foram 20 partidas e 15 vitórias, 82% dos pontos conquistados. Se formos contar apenas as duas edições da Libertadores que Adilson comandou a equipe, são 10 vitórias e uma derrota.

Melhor que o Cruzeiro de Adilson, só o de 2003. O time de Alex e Luxemburgo disputou 34 jogos com 27 vitórias, seis empates e uma derrota (2×1 para o Juventude), índice de 85%.

Os números não ganham jogo e não garantem o título da América, mas mostram que a equipe é favorita sempre que joga em seu estádio.”

 

Palestra do Paulo Azevedo

Sempre vale a pena assistir as palestras do Paulo Azevedo, Superintendente do BH Convention & Visitors Bureau. Hoje ele vai proferir sobre atendimento a clientes, no Minascentro, durante o evento do SEBRAE – MG “Meu Primeiro Negócio”, sob o título: “Encantar Clientes é Lucro Certo”. Das 18 às 19 horas. 

A inscrição é gratuita e pode ser feita pelo site do SEBRAE MG, ou pelo 0800-570-0800, dentro do programa “Meu Primeiro Negócio”, Sala 2, “ÁGATA”.

Metodologia:  palestra interativa, audio-visual e momentos lúdicos com intervenções da Arte Mágica e malabarismo com duração de uma hora.


Tri pertinho

Melhor definição para a situação do Cruzeiro na Libertadores é essa do Duke, no jornal Super Notícia de hoje

Melhor definição para a situação do Cruzeiro na Libertadores é essa do Duke, no jornal Super Notícia de hoje


Chumbo pra todo lado!

Antes de mais nada, discordo do Renato César, mas respeito as opiniões dele e publico-as na íntegra:

“Prezado Chico, boa noite!

É um absurdo o que está acontecendo no nosso futebol. O cruzeiro tem feito o que quer por aqui.
Primeiro vieram com esta brincadeira de fazer a PMMG assumir a incompetência de fazer o policiamento do clássico do próximo domingo, quando na verdade o que pesou foi o interesse econômico (eles não quiseram – e nem teriam como querer – abrir mão de cerca de R$ 800.000,00 de renda que a Massa vai garantir no clássico).
Aí fizeram a PMMG prometer que vai estudar a viabilidade de colocar o Galo no vestiário principal no segundo clássico, mas só podendo dar a resposta após este jogo. E é claro que a polícia vai novamente se dizer incompetente e considerar esta possibilidade inviável.
Agora conseguiram mais outra nos bastidores: Paulo César de Oliveira. Já perdi a conta de quantos jogos nossos este senhor já apitou e errou (e coincidentemente sempre contra o Galo), no Mineirão ou em outro lugar.
É preciso que a imprensa faça as denúncias para mostrar que é independente, que possui liberdade para dar as notícias, sendo elas contra ou não os interesses do nosso Governador.
Conto com a sua colaboração para acabar com esta baixaria que tem nos acometido. Cada um tem que fazer a sua parte para buscar uma construir uma sociedade mais justa, livre destas imoralidades.

Abraços!

Renato César
Padre Eustáquio – BH – MG
Acesse:

http://rcgalo.blogspot.com/ “


Os gringos, as cadeiras e os "índios" no Mineirão

Olhem que informações e comentários interessantes fez o Marcelo Augusto sobre o jogo do Galo contra o Botafogo, domingo, no Mineirão:

“Chico

você que é um repórter viajado nestes estádios de futebol, poderia me informar para que serve as cadeiras nos estádios de futebol.? Pois estava vendo os jogos do Brasil na TV e as partes do Estádio que eles mostraram as únicas pessoas que estavam sentadas eram os presidentes da Fifa e o do África.

Pois bem Chico, ontem fui ao Mineirão como sempre com os meus 2 filhos (de 4 e 14 anos), fomos de cadeira inferior. Chegamos no Mineirão as 14h30min, estava vazio, sentamos nas cadeiras para esperar até a hora do jogo. Lá pelas 15h30 o Mineirão já estava com um bom público, nisso chega perto da gente uns 20 americanos (isso mesmo gringos) parecia que era uma excursão, pois tinha 2 seguranças do tamanho do Maguila e os gringos metade mulher metade homem, e 2 ou 3 adolescentes. Tudo bonito, eles com a camisa do Galo, todos com máquinas na mão filmando tudo. Alguns já eram idosos. Fiquei pensando quando a bola começasse a rolar se todo mundo que estava na frente deles iria sentar. Pois não, ninguém sentou, os gringos que estavam empolgados no começo ficaram um tempo em pé, mas depois como o jogo era da pior qualidade para se ver em pé, resolveram sentar e foram alguns deles buscar tropeiro no bar do portão 8. Os pratos dos gringos ficaram praticamente cheios no final do jogo, não gostaram muito do tropeiro do Mineirão (que há muito tempo é a maior enganação). Aí eles ficaram observando a briga das torcidas organizadas uma facção da Galoucura estava na geral, brigando com uma outra facção que estava na arquibancada, depois meu irmão que estava na cadeira superior me falou que um torcedor da Galoucura estava com a bandeira do Botafogo na cadeira superior e as outras torcidas queriam que eles jogassem a bandeira do Botafogo fora e ficou aquela correria da torcida Galoucura para cima das pessoas para intimidarem, pois eles estavam contra a Galoucura, que a muito tempo, acha que ela é maior do que o Galo, e os outros torcedores ficam acompanhando o canto de guerra deles, que ontem eles nem o Hino do Galo cantaram direito, eles ficaram mais falando e cantando que o bicho ia pegar no Mineirão, (O terror vai começar). Os gringos ficaram batendo palmas, pois acharam aquela coreografia deles indo de um lado para o outro como se fossem índios uma beleza. Tudo bem, voltando as cadeiras, fiquei o jogo todo assistindo em pé, junto com os meus meninos. Olha que o jogo foi péssimo. E observei que as cadeiras superiores também o pessoal estava assistindo em pé, e olha Chico mais uma vez que o jogo era péssimo, sem empolgação nenhuma. Então Chico para que serve as cadeiras nos estádios, você sabe me informar?

Chico,

outra pergunta. O Aranha ainda não disse porque foi contratado. Depois daquela falha em Barueri, ontem o que se viu foi um goleiro sem segurança nenhuma, indeciso para sair nas bolas.”



Página 1.005 de 1.016« Primeira...102030...1.0031.0041.0051.0061.007...1.010...Última »