Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Terceira Divisão acaba hoje com três brigando por duas vagas; Atlético B foi decepção

Parte do elenco do Democrata, em foto do Hoje em Dia

A terceira divisão estadual chega ao fim hoje com três times brigando por duas vagas na segunda de 2018: em 1º o Ipatinga (32 pontos), seguido pelo Coimbra, também 32 e o nosso Democrata Jacaré com 30.

Os três jogam às 16 horas. O Ipatinga, único que joga em casa, contra o Ponte Nova. Coimbra em Poços de Caldas contra o Poços e o Democrata na Cidade do Galo, contra o Atlético B.

Tudo pode acontecer. Infelizmente, como bem lembrou o conterrâneo Renato Paiva, o nosso Jacaré que faz ótima campanha, com quase 70% de aproveitamento, esbarrou em um Ipatinga que voltou a ter investimentos, apoiado decisivamente pelo Itair Machado, que voltou a dar força ao clube, e no Coimbra, time do Banco BMG, que este ano também resolveu apostar de forma mais incisiva no acesso.

Mas, a esperança não morre, e aguardemos o fim do dia!

O Atlético B foi a grande decepção dessa disputa. Com 27 pontos, luta pelo terceiro lugar.


Consulados do Galo: atleticanos espalhados pelo mundo realizam segundo encontro anual neste fim de semana, em Lisboa

Esta turma é sensacional e faz um trabalho de relações públicas fantástico para o Atlético no mundo inteiro.

Este convite, por exemplo, me chegou através do Galo Australia‏ @GaloAustralia, do outro lado do mundo!  Mas poderia ter chegado de Londres, Bangkoc, Rio, Governador Valadares, enfim…

CONSULADOS2

E eles vão assistir juntos o jogo contra o Botafogo.

Semana passada teve o 8º Encontro, em Recife e os agradecimentos aos anfitriões foi registrado via twitter.

@ConsuladosGalo em Recife foi sensacional! Obrigado pela FESTA e pela Recepção @GalodaPeste ! @potiGALO @AlaGalo16 @GaloJampa…”

O endereço no twitter é: twitter.com/ConsuladosGalo


Com a saída de Fred Couto da disputa, futuro presidente do Atlético começa, efetivamente, a trabalhar

Sérgio Sette Câmara com o filho Serginho, piloto da GP2

Tudo indica que o Atlético terá candidatura única na eleição prevista para os primeiros dias de dezembro. O engenheiro Fred Couto (foto abaixo, extraída do site da Itatiaia) está disposto a deixar a disputa e deixar o caminho livre para que Sérgio Sette Câmara comece trabalhar o mais rápido possível visando 2018.

FRED

Caso o empresário Fabiano Lopes Ferreira, que também anunciou interesse em ser candidato, não inscreva chapa, a eleição será por aclamação.
No início deste mês o site Camisa 12, por intermédio do Robertinho Marques, teve uma conversa com o possível futuro presidente do Galo, que reproduzimos aqui:

* “Conheça Sérgio Sette Câmara: bate-papo e perfil do provável mandatário”

Sérgio Sette Câmara – Provável presidente da inauguração do Estádio do Galo

Embarcando para o Paraná na estreia do técnico Oswaldo de Oliveira para o confronto com o xará paranaense, conseguimos mesmo diante da prudência do provável mandatário de 2018-2020, inferir algumas posturas e perfis do dirigente que deverá administrar o clube no próximo triênio. Por ser o candidato da situação, há quem garanta que os trabalhos para o encaixe da transição administrativa já ocorrem nos bastidores e que tudo caminha bem para que o novo presidente assuma em janeiro de 2018.

Abaixo a íntegra do diálogo e a promessa de uma entrevista mais longa em momento oportuno:

Betinho C12 – Gostaria que falasse sobre a eleição que se aproxima e suas perspectivas para o pleito, o que aguarda?

Sérgio Sette – Olá Betinho, seguinte: não falarei muito agora, não é momento para isso. Estou cumprindo meu papel de ajudar e falarei quando for o momento adequado.

Betinho C12 – Como será seu formato para administrar o clube?

Sérgio Sette – Estamos num momento turbulento e não me estenderei muito. Entendo o trabalho feito, mas estamos pensando no Atlético e sempre em ajudá-lo. Adianto que meu perfil se assemelha ao do Kalil. Não ficarei concedendo entrevistas a todo o momento, estarei para resolver os problemas. Quando tudo estiver dando certo não aparecerei.

Betinho C12 – Por que não aparecerá tão frequentemente?

Sérgio Sette – Há pessoas para fazer isso. Temos departamentos competentes e o Domênico Bhering, por exemplo, fará a rotina das comunicações. O presidente não precisa aparecer a todo instante. Penso assim, e isso é um ponto diferente do que mantenho em mim. Precisamos trabalhar firmes.

Betinho C12 – Gostaríamos de desejar-lhe sorte para a possível nova caminhada.

Sérgio Sette – Agradeço e me permito, em outra oportunidade, responder mais perguntas. Sou atleticano de quatro costados e nesta situação precisamos cuidar. Serei extremamente sincero e objetivo no trato com a imprensa e com tudo que diga respeito ao Atlético. Meu estilo é o mesmo do Kalil. Muito obrigado e até breve!

Ficha Técnica: Sérgio Sette Câmara – 05/01/1965 – 52 anos

Cônjuge: Janaina

Pai de dois filhos – Sérgio Sette Câmara (piloto) e Helena Sette Câmara

Mestre em Direito Empresarial pela Faculdade Milton Campos

Especialista em Direito de Empresas pela Faculdade Dom Cabral

Graduado pela Faculdade Milton Campos – 1990

Atuação:  Empresas – Contencioso, Societário, Fusões e Aquisições, Contratos, Tributário e Administrativo

Em 2014 seu escritório Sette Câmara, Correia e Bastos Advogados Associados foi considerado o quinto  do país e o primeiro de Minas Gerais.

Seu filho, Serginho,  está na GP2, vencedor de grande prêmio em agosto deste ano.

Vice-presidente do Conselho do Clube Atlético Mineiro

Desde 1999 nos bastidores do Galo – foi vice-presidente de patrimônio em 2003

Na era Kalil ocupou a vaga de assessor da presidência

Em outubro de 2016 – foi eleito Vice do Conselho

Ajudou na administração Kalil a negociar as dívidas do clube

Possui perfil de austeridade administrativa

É um dos 50 Conselheiros Grandes Beneméritos do GALO

Provável presidente da inauguração do Estádio do Galo em 2020

https://camisadoze.net


Zezé Perrella mostra que continua muito forte no Cruzeiro e será candidato único à presidência do Conselho Deliberativo

Que ninguém convide essa turma toda para a mesma mesa nos próximos meses ou anos. Esta foto do Hoje em Dia mostra a cúpula que mandou no Cruzeiro nas últimas décadas. Agora, completamente rachada, tem no Zezé Perrella o maior articulador político, e o presidente Wagner Pires de Sá com as rédeas do futebol nas mãos. Grupo do Dr. Gilvan, fora.

Muita gente apostava que ele estava “morto” politicamente, no Cruzeiro e na atividade pública partidária. Nessa última, só em 2018 para ficarmos sabendo, mas no clube, a força dele continua e as articulações para a eleição do dia seis de novembro mostram isso. O presidente eleito, Wagner Pires de Sá negociou para que o candidato situacionista, Fernando Torquetti, retirasse a candidatura.

Com isso, Perrella agora só aguarda a aclamação pelos conselheiros. O grupo do Dr. Gilvan de Pinho Tavares, que elegeu o Wagner, sai da cena principal do mundo cruzeirense.

Importante lembrar que o novo comandante do futebol do Cruzeiro, Itair Machado, é afilhado esportivo e político do Zezé. Graças ao então presidente do Cruzeiro, no início dos anos 2000, Itair transformou o Ipatinga em uma potência do futebol mineiro, campeão e vice estadual; vice-campeão da Copa do Brasil, com quase 100% de jogadores emprestados pela Raposa.

Recentemente tiveram um distanciamento, mas nunca deixaram de ser amigos.


O melhor do mundo, a pressão sobre o Corinthians, o deputado de programa e a verdade verdadeira do Duke

De novo Cristiano Ronaldo eleito o melhor jogador do mundo, com 43,16% dos votos, à frente de Messi, 19,25%, e Neymar, 6,97%. Muito merecido. Ganhara antes, em 2008, 2013, 2014 e 2015; Aliás, dessas cinco conquistas, esta é a que está sofrendo menos contestações, porque realmente ele tem jogado demais, bem acima da concorrência. Justiça também à Messi, segundo colocado. Neymar caiu na votação em relação ao ano passado. Também ficou em terceiro, mas com 7,86%. Concorrem 24 jogadores.

cr7

Na fala de agradecimento dele, o que mais me chamou a atenção foi a demonstração de profissionalismo, ao dizer que estava feliz porque na carreira dele as conquistas são individuais e principalmente coletivas, estas sim, verdadeiramente importantes porque contemplam o clube que o contrata e aos torcedores.

***

Numa tensa e ótima partida o Botafogo venceu o Corinthians e esquentou a reta final do campeonato. Vamos ver como se comportam o técnico Carille e os jogadores dele com essa pressão geral, faltando oito rodadas para o fim da temporada. Também resta saber como será o comportamento dos concorrentes, que vêm insistindo em não aproveitar a queda de produção e tantos pontos perdidos do líder.

Faltando 20 segundos para o apito final, Jô sofreu pênalti e o árbitro não deu. Quase ninguém nas redes sociais e na imprensa manifestou solidariedade ao time paulista. Já foi tão beneficiado por erros de sopradores de apito, e por isso enfrenta uma antipatia generalizada.

***

Finalizando este post, mais uma vez o reconhecimento do blog a este chargista fantástico, Duke, cuja obra de ontem, no O Tempo, ganhou jornais e redes sociais de todo o país:

DUKE

Verdade, verdadeiríssima!


Sassá ainda não tem noção da força das redes sociais, ou então nem imagina o que é a rivalidade do futebol em Minas

É a segunda vez em uma apenas uma semana que ele posta fotos polêmicas. Esta, depois de um 3 a 1 foi de talhar o sangue dos cruzeirenses. Reportagem do Globoesporte.com:

* “Sassá curte postagem de rival após derrota do Cruzeiro e provoca ira de torcedores”

Cruzeirenses pedem a saída de atacante do clube nas redes sociais

A derrota do Cruzeiro de virada no clássico de domingo ainda repercute negativamente entre os torcedores do clube. Para aumentar a revolta dos cruzeirenses, o atacante Sassá, que se recupera de cirurgia no joelho direito, usou as redes sociais para curtir a postagem do zagueiro Felipe Santana, do Atlético-MG, feita com os jogadores do rival após a vitória no Mineirão. A atitude do atacante cruzeirense provocou a ira de parte da torcida do time celeste. Irritados, alguns torcedores foram até a página de Sassá no Instagram e protestaram contra o jogador.

SASSA

Outros chegaram a pedir a saída do atacante do clube.

Envolvido em troca pelo meia Marcos Vinícius, que está no Botafogo, Sassá não atua pelo Cruzeiro desde o dia 10 de setembro, quando participou da partida contra a Chapecoense, na Arena Condá. Desde então ele ficou sem treinar, com o Cruzeiro informando apenas que o jogador estava com dores no joelho direito.

Após uma piora relatada pelo clube, o departamento médico optou pela cirurgia, que chegou a ser adiada a pedido do próprio Sassá. O procedimento acabou sendo realizado no último sábado, em um hospital de Belo Horizonte. O atacante não tem previsão de retorno aos gramados. Na temporada, Sassá tem 17 partidas com a camisa do Cruzeiro e marcou sete vezes até se machucar.

https://globoesporte.globo.com/futebol/times/cruzeiro/noticia/sassa-curte-postagem-de-rival-apos-derrota-do-cruzeiro-e-provoca-ira-de-torcedores.ghtml


No jogo do equilíbrio, Robinho reviveu seus melhores momentos e liquidou o Cruzeiro

No banco, dois treinadores de prestígio e experientes. Mano, mais falante e tentando apitar o jogo; tática que costuma dar certo, dependendo do árbitro. Oswaldo Oliveira, frio, grita pouco, mais observador dos movimentos dos jogadores dos dois times. Tecnicamente, também equilíbrio. Dois times razoáveis. O Atlético com jogadores mais famosos, porém, fora de forma ou decadentes. O Cruzeiro mais arrumado taticamente, melhor entrosado.

Primeiro tempo razoável e méritos na vantagem cruzeirense, que aos 30 minutos teve uma boca troca de passes do Arrascaeta com o Thiago Neves, que emendou um belo chute. Não que tenha sido um frango do Victor, mas uma bola defensável.

O segundo tempo foi excelente, digno deste clássico. Nos primeiros 15 minutos parecia que o Cruzeiro ampliaria o placar e justamente em uma tentativa de contra-ataque começou a jogada do empate do Galo, com Fábio Santos, aproveitando um passe do Robinho e cruzando na medida para Otero fazer de cabeça. Aí baixou o espírito do craque que já foi, em Robinho, como nos bons tempos do Santos, sassaricando na frente do marcador, pelo lado esquerdo do ataque do Galo, em dois lances parecidíssimos. A diferença básica é que o 2 a 1 foi numa bola rasteira e o 3 x1 à meia altura. Robinho fez lembrar Ronaldinho Gaúcho, que cortava com a esquerda pra dentro e batia com a direita. Aproveitou para fazer muita careta nos dois gols e calar a boca dos críticos, principalmente paulistas, que exageraram nas porradas nele pela provocação dele contra o defensor da Chapecoense.


Mineiro ilustre, inventor do Bina, morre sem receber o que tinha direito

Pelo menos ele teve o reconhecimento da mídia pela invenção. A homenagem do blog ao Nélio Nicolai, e que a família vença a batalha contra as gigantes das telecomunicações que lhe deram o calote. Reportagem de O Globo:

* “Inventor do Bina, Nélio Nicolai morre em Brasília aos 77 anos”

Engenheiro sofreu complicações pulmonares, enquanto se recuperava de AVC. ‘Toda vez em que o telefone de alguém tocar, é um pedaço dele na terra’, diz filha.

Morreu na quarta-feira (11) em Brasília o engenheiro eletrotécnico Nélio José Nicolai, cuja invenção mais famosa é o Bina – sistema identificador de chamadas por telefone. Ele tinha 77 anos e deixa quatro filhos e dois netos.

Nicolai estava se recuperando de um acidente vascular-cerebral (AVC) que tinha sofrido há cerca de cinco meses. Nos últimos dias, no entanto, apresentou complicações pulmonares. Ele morava no Lago Norte. O enterro foi na quinta (12).

A filha dele, a empresária Michelle Nicolai, definiu o pai como “cativante”. “Ele é o melhor pai do mundo. As pessoas não tiveram a oportunidade de ver tudo o que a gente viu.”

“Meu pai lutou muito, não só pelos inventos dele, mas também pelo país. O sonho dele era construir uma faculdade de tecnologia, onde as pessoas que têm essa veia criativa poderiam colocar isso para fora.”

“Muitas vezes teve oportunidade de sair do país, mas ele dizia que queria lutar pelo Brasil, de trazer as invenções e os benefícios para o Brasil. Ele dizia que o brasileiro é muito criativo. O que chamam de ‘jeitinho brasileiro’ ele chama de dom que Deus deu: a criatividade”, continuou Michelle. (mais…)


Amigos de longa data, Fred e Thiago Neves disputam o clássico de domingo em situação oposta

Fred e Thiago Neves

Ótima reportagem do Alexandre Simões, no Hoje em Dia de hoje, falando de dois dos mais importantes jogadores que estarão no gramado do Mineirão domingo às 17 horas. A abordagem é sobre as marcas pessoais que cada um busca, porém, para o torcedor isso é o que menos importa, já que todo jogador é passageiro e o clube, eterno. A passagem de Fred pelo Galo tem sido uma total decepção. Alguns colegas jornalistas procuram dar força, dizendo que ele tem boa média de gols este ano, mas não falam que aa quase totalidade dessas redes balançadas foi no Campeonato Mineiro, que tem dois adversários de peso: Cruzeiro e América. Já Thiago Neves se encaixou bem demais no Cruzeiro e concordo com os companheiros que afirmam que ele foi a melhor aquisição do futebol mineiro para a atual temporada.

Confira a reportagem do Alexandre Simões:

* “Thiago Neves e Fred chegam ao clássico buscando marcas pessoais”

Nos tempos de Fluminense, vários Réveillons foram passados na casa do sogro de Thiago Neves, em Angra dos Reis, litoral do Rio de Janeiro. Na vida mineira, alguns raros, mas sempre memoráveis encontros, acontecem no sítio do atacante Rafael Moura, no Condomínio Aldeias do Lago, Região Metropolitana de Belo Horizonte, segundo revela o misto de amigo e assessor Francis Melo, que cuida da carreira dos dois.

Domingo, eles estarão mais uma vez na disputa de um clássico mineiro. E a forte amizade que une o meia Thiago Neves e o atacante Fred terá uma pausa, pois ambos têm muito o que buscar no confronto.

Coletivamente, o Cruzeiro precisa vencer para manter a primeira posição do returno, um objetivo traçado por Mano Menezes após a conquista da Copa do Brasil, que já coloca o time na fase de grupos da Copa Libertadores de 2018.

Para o Atlético, o clássico virou decisão após a derrota por 3 a 2 para a Chapecoense, de virada, anteontem, no Independência, pois até um empate pode fazer com que o time perca posições na classificação e se distancie ainda mais do grupo que busca vaga na competição internacional.

PESSOAL
Mas os dois jogadores, que já foram protagonistas do clássico em 2017, entram em campo buscando também marcas pessoais.
Na sua chegada ao Cruzeiro, no início deste ano, Thiago Neves estipulou como meta marcar pelo menos 20 gols e dar entre 15 e 20 assistências.
Faltando apenas dez partidas para a temporada acabar, o camisa 30, que completa 50 jogos neste domingo pelo Cruzeiro, precisa balançar as redes adversárias pelo menos mais sete vezes para cumprir a promessa, o que equivale a quase triplicar a sua média de gols, atualmente de 0,26.

Nas assistências, a meta estabelecida está bem próxima de ser alcançada, pois ele já deu 12 passes para gols e, com mais três, chega aos 15 que colocou como propósito para 2017.

No caso de Fred, a marca pessoal para o camisa 9 atleticano – que encerrou um jejum de 12 jogos sem marcar domingo passado, contra o Sport, em Recife, e voltou a balançar a rede quarta-feira, na derrota para a Chapecoense – é subir mais uma posição na lista geral de mai0res artilheiros da história do Campeonato Brasileiro, numa contagem que considera os gols marcados a partir de 1971.

Atualmente, Fred ocupa a quinta posição com 134 gols, apenas um a menos que Zico, que é o quarto colocado. Depois de superar o Galinho, o próximo objetivo é chegar a Edmundo, o terceiro, com 153.

A disputa entre os amigos Thiago Neves e Fred, que já formaram dupla no Fluminense, é sem dúvida um dos ingredientes principais do clássico deste domingo.

http://hojeemdia.com.br/esportes/thiago-neves-e-fred-chegam-ao-cl%C3%A1ssico-buscando-marcas-pessoais-1.568004


Como disse o Héverton Guimarães, renovação de Mano Menezes é prenúncio de um 2018 no mínimo “consistente” para o Cruzeiro

Foi mais rápido que todo mundo imaginava o acerto do treinador com a nova diretoria do Cruzeirio, nesta foto, entre o Itair Machado (esquerda) e o presidente Wagner Pires de Sá.

E a imprensa paulista que dava como certa a ida dele para o Palmeiras, se frustrou, como mostra esta chamada do portal ESPN “Cruzeiro frustra Palmeiras e renova com Mano Menezes até 2019. Veja: http://es.pn/2ioSWjk 

“A novela que parecia se iniciar envolvendo o nome de Mano Menezes acabou mais cedo do que o esperado. E com final feliz para o Cruzeiro. O técnico acertou renovação de contrato com o clube mineiro por dois anos e já inicia o planejamento para a temporada 2018. Pior para o Palmeiras, que sonhava com o técnico…” (mais…)


Página 29 de 1.035« Primeira...1020...2728293031...405060...Última »