Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Até parece que foi a oposição foi vitoriosa: política interna do Cruzeiro continua fazendo estragos e agora envolve Diogo Barbosa

diogob

Enquanto tiver o poder da caneta o Dr. Gilvan vai mandando bala, deixando o sucessor Wagner Pires, apoiado por ele, em situação delicada. O time que já não tem lateral direito à altura, põe na roda o bom lateral esquerdo que descobriu. Algumas twittadas, hoje, de bons jornalistas resumem bem a situação:

Vinícius Dias‏ @dias_vinicius “Criticar antecessor por dívidas, aumentá-las, fazer sucessor, enfraquecer elenco antes da posse. Prazer, política de clube.”

Samuel Venâncio™‏Conta verificada @samuelvenancio “Informação que eu recebi: presidente atual Gilvan de Pinho Tavares vai fazer a venda do Diogo Barbosa para o Palmeiras.”

João Vítor Xavier‏Conta verificada @joaovitorxavier  “Se a venda do lateral Diogo Barbosa for confirmada, será um dos piores negócios da história do @Cruzeiro. O clube receberá menos de R$ 5 milhões por um jogador elogiado, recentemente, pelo técnico da Seleção Brasileira. Quase uma promoção de Black Friday.

Gilvan vende Diogo Barbosa, pra pagar quase 400 mil por mês pro Rafael Marques. Alguém entende esse “planejamento”?”


Alencarzinho diz que Atlético ficará livre da “Maldição das arquibancadas”, e América não teme prejuízos com surgimento da Arena do Galo

ARQUIHORTO

O presidente americano, Alencarzinho, foi abordado por uma senhora na Igreja do Jardim Canadá, em Nova Lima, depois da Missa de São Judas Tadeu. Ela disse a ele que o Atlético está passando no Horto a “maldição das arquibancadas”, já que desde que tentou instalá-las nunca mais obteve sucesso por lá, como antes. Mas esta “Maldição está acabando”, diz Alencar, já que a estrutura que não chegou a ser usada já está sendo retirada.

Sobre o futuro, segundo ele, América tem tempo para se preocupar pra valer, no mínimo 5 anos, que é o prazo para sair o Estádio Elias Kalil, mesmo assim se não houver nenhum problema no caminho. Preocupação mesmo seria só a partir de 2029, ano em que termina o contrato protecionista que o Coelhão assinou com Estado para que o Independência ficasse por conta dele no pré-Copa e durante o Mundial de 2014.

Não é nada, não é nada, mas este é o Brasil, não é? O Estado não tem dinheiro para pagar salários em dia, nem pra hospitais, escolas, estradas e etecetera e tal, mas continua pagando contas da Copa, cujos então governantes tiraram proveito político e outras coisas mais. Sem falar que o contrato do Estado com o consórcio Minas Arena/Mineirão é mais penoso ainda para os cofres públicos.

E, como diz a música do Lobão: “quem é vai pagar por isso!?”


Perto do título e com apoio da torcida, América vai confirmando o excelente trabalho da comissão técnica, diretoria e jogadores

AFC

Foto: Fred Magno – O Tempo

Com orçamento absurdamente inferior ao do Internacional o América está a três pontos de conquistar o título da Série B do Brasileiro, depois da vitória de 1 a 0 ontem no Independência sobre o Juventude. Com direito a recorde de público em seus jogos este ano: 10.024 pagantes, superando os 7.889 do jogo contra o Oeste, naquela derrota que chegou a assustar a muita gente.


Lamentável Itália e Holanda fora da Copa, mas, como diz o Muricy, “a bola pune”, e ensina!

DERROSSSI

Uma pena que a Itália não tenha conseguido a classificação para a Copa do Mundo da Rússia, na repescagem contraa a Suécia. Mas o futebol e a vida são assim. Não fez por merecer, dançou! Como diz o ex-técnico Muricy Ramalho, “a bola pune”, e ensina.

Essas duas imagens rodam o mundo e ficarão marcadas como as emblemáticas deste fracasso de uma das mais poderosas seleções do futebol mundial.

BUFON

O lendário goleiro Buffon, chorando, e o De Rossi batendo boca com a comissão técnica, se recusando a entrar, sugerindo que o treinador Ventura colocasse o atacante Insigne em campo, e não ele, defensor; já que o time precisava era fazer gols.

Mesmo sem a Holanda e agora a Itália, a Copa 2018 deverá ser uma das melhores da história. Única apreensão é em relação à segurança, já que o país sede vive e participa de tensões de toda ordem política, interna e externa.


Antes tarde do nunca? A aparição da bola e dos gols do Robinho no fim do contrato

ROBINHO

Muita gente na dúvida, se a ótima performance do Robinho neste fim de temporada é porque ele quer renovar o contrato com o Atlético ou se finalmente apareceu um técnico que sabe onde escalá-lo, para que o futebol dele renda o que se espera.

Estou entre aqueles que seguem essa segunda alternativa. Rogério Micale chegou a colocá-lo em campo quando faltavam três minutos para o fim do jogo. Oswaldo Oliveira chegou e o reconduziu à condição de titular, além de dizer que o time dele seria “Robinho e mais dez”.

Qualquer pessoa motivada e incentivada produz mais, em qualquer profissão.

O Galo está pensando como será a vida em 2018. Com quem ficar e quem dispensar, desse time fracassado de 2017. Fosse eu treinador ou diretor com poder de decisão, ficaria com o Robinho. Dos veteranos, o único. Talvez também o Leonardo Silva, para ser um substituto de luxo, em jogos chaves, para um momento da partida exige alguém com a experiência e frieza dele. Para 90 minutos, com 38 anos, infelizmente, não dá mais!


Competência da diretoria, comissão técnica e jogadores, além do caráter do técnico Enderson Moreira. A fórmula do América para subir!

COELHAO

Para mim, a melhor notícia do futebol no fim de semana foi o retorno do América à Série A, com o acréscimo da liderança do campeonato e a reviravolta no ex-líder, o Inter, que demitiu o técnico Guto Ferreira, ao empatar em casa 1 a 1, com o Vila de Goiás, faltando apenas três rodadas para o fim da competição.Méritos totais da diretoria que contratou uma comissão técnica competente, que por sua vez montou um elenco “equilibrado” e soube administrar os momentos ruins no decorrer do percurso.

No programa CBN esportes de ontem, em rede nacional, o Paulo Vinícius Coelho – PVC -, exaltou o trabalho do América, com destaque para o profissionalismo e caráter do técnico Enderson Moreira, que foi procurado em Belo Horizonte, no fim do primeiro turno pela Chapecoense que queria contratá-lo para a sequência do Brasileiro da Série A. O comandante americano recebeu gentilmente ao diretor catarinense, agradeceu e disse que ficaria no América para tentar ajudar o Coelho a retornar à elite do futebol nacional. E sem pedir aumento salarial à diretoria americana.


Inacreditável o que este time do Atlético consegue fazer com a sua torcida

Em foto do Globo.com, Luan recebe as devidas homenagens dos companheiros

Antes da bola rolar qualquer previsão era aceitável. Poderia aplicar uma sonora goleada no lanterna do campeonato ou até mesmo perder. A bola rolou e a gangorra começou a balançar. Tomou 1 a 0, entrou em desespero, quis partir pra briga, empatou em cobrança de pênalti e tomou o segundo gol.
Mais desespero , tentativa de ganhar no grito, toma cartões amarelo a rodo e sossega um pouco. Um time de veteranos com espírito e cabeça de juvenis, mas salários de futebol europeu. Adilson se machuca, entra Luan que empata, de cabeça, sim, o baixinho, de cabeça! Que jogador, mas que pena que tenha problemas físicos crônicos. Inteiro, ninguém segura.
Aí, Fred tenta cruzar, a bola desvia num defensor e 3 a 2 pro Galo. PQP!!! Que dureza! Que Sofrimento! Mas este time é assim mesmo. Que em 2018 volte a ser um Atlético ganhador com menos sofrimento novamente!
Importante mesmo é que a torcida é sempre poderosa e crente em dias melhores. Chegando ao Bar do Antônio, no Luxemburgo, sujeito vê um monte de aparelhos de TV e pergunta ao garçons se algum deles passará o jogo do Galo. O moço, sem pestanejar, sorriso largo, fala forte: todos!!! O Galo é o Galo!


Em ritmo de férias e sono Cruzeiro perde para o Flamengo no Rio

FLA

Everton comemora o 1 x 0 sobre p Cruzeiro

Em noite insonsa, fico com a opinião do montesclarense Christiano Jilvan, que twittou: @chrisjilvan:

“Cruzeiro foi péssimo hoje no Luso Brasileiro… Não salvou um! Retrato de uma atuação de um time que errava passe de dois metros… Por isso, difícil definir ainda o que é o joio…”


Americano aplaude a ascensão do Coelho e o possível retorno do Marcus Salum

AFC.jpg-large

Mais uma bonita vitória do América e conquistada com belos gols. Apesar de apenas dois a zero, foi um massacre sobre o ABC de Natal. Gostei do comentário do Ed Diogo, aqui no blog:

* “Vamos subir e com o Salum na diretoria ficar lá.
Se ficarmos um ano não caímos mais.
O difícil é primeiro ano.”


Autêntico jogo perigoso este do América contra o ABC, hoje, 19h15, no Independência

AFC

Um time embalado, vice-lider do campeonato e muito perto da classificação para a Série A, contra o lanterna, mal das pernas e praticamente rebaixado para a Série C. Mas não está morto e certamente deve estar sendo incentivado por concorrentes do Coelho para lhe tirar pontos. O maior perigo em situações como essas é o “salto alto”, quando o time entra em campo achando que já ganhou. Mas, pelo que temos visto dos comandados do Enderson Moreira, este tipo de comportamento não costuma baixar nessa turma.  Uma vitória deixará o Coelhão quase garantido na A de 2018.

Classificação PG J V E D GP GC SG %
Internacional 63 34 18 9 7 49 25 24 62
América-MG 60 33 16 12 5 40 24 16 61
Ceará 58 33 17 7 9 40 29 11 59
Paraná Clube 56 33 16 8 9 45 25 20 57
Oeste 55 33 14 13 6 41 27 14 56
Vila Nova-GO 52 33 14 10 9 33 25 8 53
Londrina-PR 49 33 14 7 12 50 45 5 49
Juventude 49 33 13 10 10 33 30 3 49
Goiás 43 33 12 7 14 33 39 -6 43
10° Criciúma 43 33 11 10 12 35 39 -4 43
11° Paysandu 42 33 11 9 13 32 32 0 42
12° Figueirense 42 33 11 9 13 40 45 -5 42
13° Luverdense 40 34 9 13 12 35 37 -2 39
14° Boa Esporte Clube 40 33 9 13 11 32 36 -4 40
15° Brasil de Pelotas 39 33 11 6 16 31 44 -13 39
16° Guarani 39 33 10 9 14 32 40 -8 39
17° CRB 39 33 10 9 14 30 45 -15 39
18° Santa Cruz-PE 32 33 7 11 15 33 43 -10 32
19° Náutico 31 33 8 7 18 26 41 -15 31
20° ABC 28 33 7 7 19 23 42 -19 28

Página 6 de 1.016« Primeira...45678...203040...Última »