Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

A camisa América no filme “Chocante”, o dia em que Tostão chegou ao Barro Preto e recordação de gente e tempos de ouro da comunicação de Minas

AMERICAFOLHA1

AMERICAFOLHA2

A Folha de S. Paulo publicou resenha do filme Chocante, que estreou ontem em circuito nacional e o que me chamou mais a atenção na foto foi a camisa do Coelhão, usada pelo ator Lúcio Mauro Filho numa das cenas. Lembrei-me de outra foto de gente famosa vestindo a camisa do América, que foi o então presidente Lula, ainda em lua de mel do seu primeiro mandato, jogando uma pelada em Brasília.

LULA

Foto que correu o mundo na época, a camisa foi um presente do professor e ex-deputado Luiz Soares Dulce, grande figura, torcedor apaixonado do Coelhão, que na época era Secretário da presidência da república. Recorri ao Google para encontrar essa foto e a encontrei no meu próprio blog, com outras fotos muito legais, enviadas pelo conterrâneo Rodrigo Couto, que vale a pena publicar de novo. Inclusive para lembrar dos saudosos Januário Carneiro, fundador da Rádio Itatiaia e Luiz Carlos Alves, falecido recentemente, numa foto que tem também o Roberto Abras e Procópio Cardoso, que estão aí firmes e fortes para a nossa satisfação:

* “Obrigado ao conterrâneo, cruzeirense, Rodrigo Couto, que nos enviou ótimas fotos, tiradas de suas revistas históricas… Contam muito da história do nosso futebol e da nossa comunicação, envolvendo alguns dos principais nomes de Minas e do Brasil. Ele escreveu a seguinte dedicatória: “Chico, seguem as fotos do meu arquivo: uma tem Procópio, Januário Carneiro, Luiz Carlos Alves e Roberto Abras. DORODRIGO

Outra de Tostão no dia que chegou ao Barro Preto . . .

TOSTAO

e a ultima para o seu deleite, o time azul da década de 1980 que foi várias vezes humilhado pelo Galo; mas o detalhe é a camisa, por sinal a mais bonita de todos os tempos!

CRUZEIRO-1980

Abraço,

Rodrigo Couto”

http://blog.chicomaia.com.br/2011/page/34/


Juca Kfouri lança “Confesso que perdi”, dia 17 de outubro, às 19 horas, na Leitura do Shopping Pátio Savassi

JUCA2

Foto: Uol

Demorou, mas finalmente o grande jornalista põe no mercado o seu livro de memórias. Anteontem foi em São Paulo, dia 17, em Beagá. Imperdível:

* “Juca narra suas vitórias e derrotas, contando episódios saborosos, frustrações e vitórias na imprensa, na política e no futebol”.

JUCA

Informações, O Globo – Editora Companhia das Letras:

“Juca Kfouri tinha 6 anos quando seus pais o enviaram para a casa de familiares em Ilhéus, na Bahia, para que o garoto tratasse uma tuberculose ganglionar. Após alguns dias na cidade, a febre tinha passado e seu tio Pacheco prometeu levá-lo num jogo que o Fluminense faria na cidade vizinha de Itabuna. A febre voltou, Juca perdeu o jogo, mas o tio preparou uma surpresa: levou o goleiro Castilho, os pontas Escurinho e Telê Santana, e todo o time tricolor, para uma visita ao garoto adoentado.

Quase três décadas depois, Juca recebeu Castilho e Telê, de quem se tornou amigo, num programa de TV que apresentava. Em certo momento, perguntou a Castilho se era comum, na sua época de jogador, visitar crianças doentes em hospitais ou casas de família. O ex-goleiro disse que em casa de família lembrava apenas de uma ocasião, em que o time visitou um menino paulista na Bahia, que ele acreditava ter morrido “porque estava muito fraquinho”. Ali mesmo, no ar, Juca revelou que o garoto era ele, e Castilho, de olhos marejados, lhe deu um abraço emocionado. (mais…)


O esporte sendo passado a limpo: Nuzman preso. Mas os velhacos do futebol ainda estão soltos

nuzman-reuters-800x450

Dizia o saudoso professor João Lima, lá em nossa Conceição do mato Dentro: “Se o velhaco soubesse o quanto é bom ser honesto, ele seria honesto até por velhacaria”. Carlos Arthur Nuzman preso pela Polícia Federal agora há pouco. Que essas prisões alcancem os velhacos também do futebol. Está demorando demais que isso ocorra!

Lembrar José Maria Marin não vale porque ele foi preso pelo FBI e está em Nova Iorque.

Sobre Nuzman, uma pena que ele tenha perdido noção e não ter sabido a hora de sair de cena, depois de colocar o voleibol brasileiro no topo do mundo. A sede de poder e a vaidade exacerbada falaram mais alto.

Notícia do Estadão: * “Nuzman é preso”

Ação é desdobramento da Operação Unfair Play

Por Fausto Macedo e Julia Affonso

O presidente do Comitê Olímpico do Brasil (COB), Carlos Arthur Nuzman, foi preso nesta quinta-feira, 5, pela Polícia Federal. A ação é um desdobramento da Operação Unfair Play, deflagrada em setembro, contra um esquema de corrupção internacional para a compra de votos para a escolha do Rio pelo Comitê Olímpico Internacional como sede da Olimpíada 2016.

Na ocasião, Nuzman foi alvo de buscas. A Procuradoria da República, no Rio, colocou o presidente do Comitê Olímpico do Brasil no topo de uma ‘engenhosa e complexa relação corrupta’.

http://politica.estadao.com.br/blogs/fausto-macedo/nuzman-e-preso/


Quando a ciência explica a má fase de um jogador e quando um atleta médio é mais decisivo que um de nível superior

ESPECIALISTASONO

É comum atletas de alto rendimento caírem de produção de forma “inexplicável”. No futebol isso acontece permanentemente em todos os clubes. Quando eu era repórter setorista iniciante tinha a resposta fácil: noitadas. Cometi muitas injustiças, afirmando que fulano ou cicrano estava abusando da noite, por isso não estava jogando nada ou cometendo erros infantis. No dia a dia da convivência com os próprios jogadores, treinadores, preparadores físicos, massagistas, roupeiros, psicólogos, seguranças, porteiros, dirigentes, enfim, o mundo diretamente ligado ao cotidiano dos times que cobria, fui aprendendo que nem sempre noites mal dormidas eram consequência de noitadas. Um filho doente, problema conjugal, problema familiar envolvendo parentes distantes e por aí vai. Ultimamente um outro fator surgiu forte na parada e entrou na pauta de discussão dos médicos e preparadores em geral: a depressão.

Mas, o sono mal dormido é o fator mais comum, e se o jogador não está dormindo bem por causa de noitada ou outro fator, vai de caso a caso. Li dia desses uma entrevista de um especialista inglês que confirma uma crença que tenho há tempos: nestes tempos de alta competividade, qualquer vantagem física faz diferença e isso explica o motivo de um jogador de qualidade técnica média render mais e ser mais decisivo do que um acima da média ou até mesmo craque. Entremos numa discussão e exemplo mundial: Cristiano Ronaldo é melhor que Messi? Entendo que não, mas é mais decisivo.

Disse o Dr. Nick Littlehales: “A maior recuperação física possível traz vantagens nas competições. Para esportistas de alto nível qualquer vantagem faz diferença”.

Leia a entrevista que ele concedeu à Folha de S. Paulo e veja quantas respostas ele nos dá para tantas dúvidas envolvendo o futebol e nós mesmos em nosso dia a dia:

* “Especialista afirma que 8 horas de sono contínuo para atletas é mito”

É difícil conseguir horário na agenda de. No seu escritório em Nottingham, no leste da Inglaterra, ele é um homem ocupado. Dá consultorias, promove seu livro e atende clientes. Seu papel é desmistificar que o sono é um processo natural para atletas de alto nível. Afirma que os esportistas precisam aprender a dormir. E não é tão simples quanto parece.

“Essa história de que todos devem ter oito horas de sono à noite para recuperar as energias é falácia”, afirma. (mais…)


Em mais um jogo de péssimas finalizações do Atlético, título merecido do Londrina

LONDRINA

Campeão invicto da Primeira Liga Com quatro vitórias e dois empates o Londrina foi campeão invicto da Primeira Liga, depois de passar pelo Figueirense, Avaí, Paraná, Fluminense, Cruzeiro e Atlético.

O Atlético de Oswaldo Oliveira melhorou em relação ao time dos treinadores que passaram lá este ano, mas continua com alguns jogadores que não têm condição técnica de jogar no Galo. O lateral Alex Silva, o zagueiro Felipe Santana, Marlone e Clayton, por exemplo. Nota-se que Robinho principalmente, e Fred estão correndo bem mais, mas Fred está totalmente fora de forma. Valdívia não foi bem neste jogo contra o Londrina. Aliás uma boa partida, de segundo tempo intenso, em que qualquer um poderia ter marcado gol, mas a pontaria de ambos foi péssima.

Nos pênaltis, os dois goleiros tinham bom histórico no assunto: César, do Londrina, pegou três na semifinal contra o Cruzeiro e Victor é famoso por muitas defesas. Deu César, que pegou as cobranças do Clayton e Rafael Moura.


Novo presidente já começa trabalhar e promove mudança no comando do futebol do Cruzeiro

vicintin

Bruno Vicintin anunciou a saída dele do Cruzeiro

A frase “no futebol não há verdade que dure 24 horas”, voltou a funcionar, agora no Cruzeiro. A declaração do Dr. Gilvan de Pinho Tavares de que nada mudaria no comando do futebol profissional do Cruzeiro causou estranheza poucas horas depois das eleições de segunda-feira, já que ele não será mais presidente na próxima temporada e não tinha combinado isso com o sucessor eleito, Wagner Pires de Sá, que tem outros nomes de sua confiança para o comando do futebol. O primeiro deles é Itair Machado, ex-presidente do Ipatinga, que foi fundamental nas articulações políticas que deram a vitória à chapa da situação. Com isso, Bruno Vicintin, homem de confiança do Dr. Gilvan, pediu o boné e anunciou que está fora, conforme mostra reportagem do Thiago Nogueira, no SuperFC:

* “Bruno Vicintin deixa a vice-presidência de futebol do Cruzeiro”

Vice-presidente de futebol do Cruzeiro, Bruno Vicintin não seguirá no clube. Em reunião, nesta quarta-feira, com o atual presidente, Gilvan de Pinho Tavares, e o presidente eleito para o triênio 2018-2020, Wagner Pires de Sá, ficou acertado que Vicintin deixa a função, depois de dois anos no cargo. (mais…)


Dia de Atlético x Londrina na final de uma Primeira Liga que tinha tudo para dar certo; mas não deu!

TACA

O que poderia ser uma competição altamente interessante em todos os aspectos, termina esta noite combalida e com futuro incerto. A origem dessa Primeira Liga é a Copa Sul/Minas, que quando começou a decolar, foi bombardeada pelas federações, CBF e alguns clubes aliados. Ameaçava os campeonatos regionais e com isso, um risco de acabar com o poderio absurdo que os inúteis presidentes das federações têm. Federações essas que só consomem dinheiro e não fariam nenhuma falta ao futebol brasileiro se não existissem.

Com a Primeira Liga foi a mesma coisa. Ela nasceu mais forte ainda, com a inclusão dos grandes do Rio, mas foi igualmente detonada, em função dos mesmos interesses escusos e métodos semelhantes. A CBF com alguns clubes infiltrados, mais as federações detonaram com a entidade e por consequência com o torneio.

Ano passado o campeão foi o Fluminense. Hoje o Atlético está numa situação delicada. Enfrenta um adversário da prateleira de baixo, que faz dessa final uma partida de vida ou morte. Jogadores que entrarão em campo comendo grama, nessa chance rara de mostrar serviço e chamar a atenção de um clube maior para a temporada 2018.  Para o Galo, apenas mais um jogo. Se perder, onda, pois, teoricamente, tem a obrigação de vencer. Que pelos menos o técnico Oswaldo de Oliveira tire proveito desse treino de luxo, que será mostrado pela Globo, a partir das 21h45.

E fica a dúvida se em 2018 teremos a terceira edição.

estadiodocafe

O belo Estádio do Café, em Londrina, será palco da decisão.


Acabou a boa gordura acumulada. Rodada não começou boa para o América

parana

Com as duas derrotas consecutivas, para Inter e Oeste, se no sábado os resultados gerais foram positivos para o América se manter na segunda posição, a 28ª rodada da Série B começou ruim para o Coelhão, com a vitória do Ceará sobre o Vila de Goiás e do Paraná sobre o Internacional. Acabou a gordura e agora o time ocupa o quarto lugar, com dois pontos a mais que o Vila, três a mais que oi Juventude e quatro a mais que o Oeste.

Sábado, 19 horas, precisa pontuar em Recife, contra o desesperado Santa Cruz.

CLASSIFICAÇÃO PG J V E D GP GC SG %
Internacional 54 28 16 6 6 43 20 23 64
Paraná Clube 49 28 14 7 7 40 20 20 58
Ceará 48 28 14 6 8 35 26 9 57
América-MG 48 27 13 9 5 33 20 13 59
Vila Nova-GO 46 28 13 7 8 31 23 8 55
Juventude 45 28 12 9 7 32 25 7 54
Oeste 44 27 11 11 5 33 23 10 54
Criciúma 39 27 10 9 8 29 30 -1 48
Brasil de Pelotas 37 28 11 4 13 30 39 -9 44
10° Londrina-PR 37 27 10 7 10 43 40 3 46
11° Boa Esporte Clube 37 27 9 10 8 28 29 -1 46
12° Guarani 34 27 9 7 11 28 32 -4 42
13° Paysandu 33 27 9 6 12 27 27 0 41
14° CRB 32 27 9 5 13 25 39 -14 40
15° Figueirense 32 27 8 8 11 31 37 -6 40
16° Goiás 31 27 9 4 14 26 36 -10 38
17° Luverdense 31 27 7 10 10 26 30 -4 38
18° Santa Cruz-PE 29 27 7 8 12 27 34 -7 36
19° Náutico 23 27 6 5 16 18 33 -15 28
20° ABC 18 27 4 6 17 16 38 -22 22

Forbes coloca Atlético em 19º lugar e Cruzeiro em 20º em lista dos mais valiosos das Américas

camcru

Tem gente que adora estes rankings. Vejo todos eles como mais uma forma de provocar polêmicas e alavancar audiência e venda de jornais e revistas. Para quem gosta, aí está mais um, divulgado hoje pelo portal da Itatiaia. Pelo menos há uma grande verdade: temos dois dos maiores clubes do continente:

“Lá vem mais uma polêmica entre as torcidas no mundo do futebol. A edição mexicana da Revista Forbes divulgou seu ranking anual dos 50 clubes mais valiosos do continente americano. Na lista, a publicação coloca o Atlético em 19º lugar e o Cruzeiro logo atrás, na 20ª posição.

O Galo é avaliado em 116,7 milhões de dólares, enquanto a Raposa tem valor estimado em 113,7 milhões de dólares. Considerando somente os clubes brasileiros da lista, o Atlético é o quinto mais valioso, atrás de Corinthians, Grêmio, São Paulo e Flamengo. Já o Cruzeiro é o sexto.

Elaborado anualmente pela Forbes mexicana, o ranking leva em consideração três critérios: o valor dos jogadores que pertencem ao clube (atletas emprestados não entram na contagem), o custo do estádio (se for de propriedade da equipe) e o valor da marca. O levantamento considerou os times que disputam a Primeira Divisão nas 15 principais ligas das Américas.

Primeiro colocado de 2016, o Corinthians se manteve no topo neste ano. De acordo com o ranking da Forbes, o clube paulista vale US$ 576,9 milhões, sendo uma das 20 equipes mais valiosas de todo o planeta.

Com 13 clubes, a Major League Soccer (MLS), que reúne equipes dos Estados Unidos e Canadá, é a liga que possui mais representantes no ranking, seguida pela Liga MX, do México, com 12. O Brasil é o terceiro com 11 times.”

Confira os 20 clubes mais valiosos das Américas em 2017:

1º Corinthians: US$ 576,9 milhões

2º Grêmio: US$ 295,5 milhões

3º Chivas Guadalajara (MEX): US$ 279,8 milhões

4º Monterrey (MEX): US$ 269,1 milhões

5º Red Bulls (EUA): US$ 238,5 milhões

6º Orlando City (EUA): US$ 187,5 milhões

7º Los Angeles Galaxy (EUA): US$ 172,9 milhões

8º River Plate (ARG): US$ 172,9 milhões

9º Santos Laguna (MEX): US$ 150,3 milhões

10º Atlanta United (EUA): US$ 150 milhões

11º América do México (MEX): US$ 149,8 milhões

12º Boca Juniors (Argentina): US$ 147,1 milhões

13º São Paulo: US$ 146,6 milhões

14º Tijuana (México): US$ 135,5 milhões

15º Independiente (Argentina): US$ 134,8 milhões

16º Toluca (México): US$ 133,4 milhões

17º Flamengo: US$ 127 milhões

18º Pumas (México): US$ 117,3 milhões

19º Atlético: US$ 116,7 milhões

20º Cruzeiro: US$ 113,7 milhões

Clubes brasileiros entre os 50 mais valiosos: (mais…)


Daqui a pouco, Alexandre Kalil no Bola da Vez do ESPN

AK

Do portal ESPN:

* “Alexandre Kalil é o Bola da Vez desta terça, 21h30, ao vivo em ESPN Brasil e WatchESPN”

Alexandre Kalil, ex-presidente do Atlético Mineiro e atual prefeito de Belo Horizonte, é o Bola da Vez desta terça-feira (3 de outubro), ao vivo, a partir das 21h30, em ESPN Brasil e Watch ESPN. (mais…)


Página 9 de 1.012« Primeira...7891011...203040...Última »