Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Torneio dos 80 anos do Mercado Central

O Mercado Central é um patrimônio de todos os mineiros e está completando 80 anos de excelentes serviços prestados a todos nós. O Superintendente lá é o gente boa Luiz Carlos Braga, que nos enviou a seguinte informação:

“Como em anos anteriores está acontecendo nas quadras do Centro Taffarel, no Estoril, a VI COPA INTEGRAÇÃO DE FUTEBOL SOCIETY DO MERCADO CENTRAL – 80 ANOS.

São 16 equipes disputando o torneio até o próximo dia 30.08.09 divididas em 04 chaves. Como sempre um verdadeiro sucesso, envolvendo os comerciantes, lojistas seus funcionários e da nossa Administração. A grande final será no dia 30.08.09.”


Bomba: Ronaldo volta com Cicarelli

Sacanagem, mas foi enviada por um amigo bem humorado e vale a gozação


No O Tempo, de amanhã

Decepção

Parece que o principal legado que a Copa de 2014 poderia deixar para BH não vai se concretizar. O tão esperado metrô ligando o centro da capital à Pampulha, com extensão até Venda Nova vai continuar sendo sonho. A falta de força política em Brasília impede que Minas Gerais consiga recursos para obras como essa. E a pressão das empresas de ônibus, também.

Plano B

As autoridades falam em “ônibus articulados” que transitariam na faixa central da Avenida Antônio Carlos, do Bairro Lagoinha até a Avenida Abraão Caram, de onde os torcedores seguiriam a pé até o Mineirão. Um “plano B” absolutamente frustrante, que certamente não vai acrescentar muito para resolver o problema crescente e crônico do tráfego em Belo Horizonte.

Essas e outras notas em minha coluna de amanhã no jornal O Tempo, nas bancas!


No Super Notícia, de amanhã

 Enquanto o América fazia festa no Independência, retornando à Série B do brasileiro, deu um apagão no time todo do Atlético no Pacembu, na derrota para o Corinthians. Os desfalques não justificam o péssimo desempenho do Galo, que demonstrou uma preguiça de dar medo. E pagou caro, porque saiu dos quatro primeiros colocados e hoje estaria fora da Libertadores da América.

Alegria verde

Deu tudo certo para o América em sua volta à Série B. Casa cheia, nenhum problema grave, e a demonstração de que o futebol mineiro pode ser mais forte, com os três grandes da capital e o Ipatinga, que faz campanha razoável na B. O gol do Brasil de Pelotas deu um frio na barriga de todo mundo, mas logo o Coelho reagiu e garantiu a vitória.

Inacreditável

Por incrível que pareça teve confusão entre torcedores perto do hall principal do Mineirão, antes e durante Cruzeiro e Santos. A torcida santista começou aprontar e teve reação imediata da Polícia Militar. Vários carros foram depredados no corre-corre e os proprietários ficam com o prejuizo.

Essas e outras notas em minha coluna de amanhã no Super Notícia, nas bancas!


Galo confia no retrospecto fora

Retrospecto recente no Pacaembu é favorável ao Galo

O Atlético detém vantagem sobre o Corinthians no retrospecto recente das partidas disputadas no Pacaembu. Dos últimos dez jogos entre as equipes no estádio, o Galo venceu quatro, empatou três e perdeu três, marcou 14 gols e sofreu onze.

Dez últimos jogos no Pacaembu

02/11/1986 – Atlético 2 x 1 Corinthians – Campeonato Brasileiro (V)
12/11/1987 – Atlético 2 x 1 Corinthians – Campeonato Brasileiro (V)
24/11/1990 – Atlético 1 x 2 Corinthians – Campeonato Brasileiro (D)
15/10/1995 – Atlético 1 x 3 Corinthians – Campeonato Brasileiro (D)
30/07/1997 – Atlético 0 x 0 Corinthians – Campeonato Brasileiro (E)
18/11/2001 – Atlético 2 x 2 Corinthians – Campeonato Brasileiro (E)
30/03/2003 – Atlético 3 x 0 Corinthians – Campeonato Brasileiro (V)
30/07/2003 – Atlético 2 x 0 Corinthians – Copa Sul-Americana (V)
01/09/2004 – Atlético 0 x 1 Corinthians – Campeonato Brasileiro (D)
22/09/2005 – Atlético 1 x 1 Corinthians – Campeonato Brasileiro (E)

Maiores artilheiros do Galo no confronto

12 Gols: Guilherme
05 Gols: Dario e Mario de Castro
04 Gols: Nilson.
03 Gols: Éder Aleixo, Michel, Lucas e Reinaldo Rosa

Jogadores que mais atuaram

18 Jogos: Vanderlei Paiva
15 Jogos: Grapete
13 Jogos: Vantuir e Marques
12 Jogos: Paulo Roberto
11 Jogos: Guilherme
10 Jogos: Eder Lopes, Oldair e Velloso

Fonte: Assessoria de Imprensa do CAM


Kléber põe lenha na fogueira

A excelente entrevista que o João Vitor Xavier fez com o Kléber, ontem, no programa Bastidores, da Itatiaia, repercutiu nacionalmente. O site da ESPN deu destaque hoje em sua página principal. Confira:

“Kléber fala em “clima chato” após vice da Libertadores e se diz decepcionado com alguns companheiros

por ESPN.com.br

O atacante Kléber declarou nesta sexta-feira em entrevista à Radio Itatiaia de Minas Gerais que a derrota na final da Copa Libertadores para o Estudiantes no meio de julho causou um “clima chato” no elenco celeste. Ainda segundo o jogador, alguns companheiros de equipe decepcionaram na decisão contra os argentinos.

“Falei que se a gente perdesse (para o Estudiantes) muitos jogadores não iam ficar, ia acontecer um desmanche, ficaria um clima chato. E é o que aconteceu. Muita gente saiu, muita gente se lesionou e até você se reerguer é difícil. A gente ficou decepcionado com alguns jogadores.”

“Sempre falei que era o título da vida de cada um e que ia acabar o ano para a gente, porque iríamos jogar o Brasileiro para não cair e o torcedor não se importaria, pensando na decisão do mundial no final do ano”, completou Kléber.

‘Afiado’, o atacante contou ainda que alguns jogadores insistiram em discutir premiações antes da final contra o Estudiantes. “Teve reunião sobre premiação, mas quando cheguei já tinha acabado. Percebi que tinha pessoas preocupadas com prêmio. O Fábio (goleiro) e eu sempre falamos que não tinha prêmio que pagasse o título da Libertadores.”

O ‘Gladiador’ também comentou sobre os bastidores nos dias que precederam o duelo do dia 15 de julho no Mineirão. Para ele, alguns excessos poderiam ter sido evitados. “Não faltou foco para os jogadores, mas poderia ter evitado algumas coisas, como muita gente na Toca, (da Raposa), o que não é normal, muita gente que não tinha nada a ver com o jogo, muita entrevista, reportagem para o site da Fifa, para o Japão.”

Depois de empatar por 0 a 0 na Argentina pela ida da final da Libertadores, o Cruzeiro saiu na frente contra o Estudiantes no segundo tempo do duelo de volta, mas permitiu a virada do adversário, que festejou o título na casa do rival com uma vitória de 2 a 1. Após a derrota, o time vive um momento de irregularidade, sendo apenas o 14° colocado do Campeonato Brasileiro.”


Reinado impune também no futebol

Como diz um famoso conhecido de todos nós, “nunca antes na história deste país” o banditismo imperou com tanta força e tanta impunidade. Na política ou no futebol, ninguém paga pelo que rouba. Depois da pizza no Senado, a “Máfia do Apito”, (lembra?) terá seus processos arquivados pelo Tribunal de Justiça de São Paulo na próxima semana. O ex-árbitro Edílson Pereira de Carvalho (lembra, também?) e sua gang ficarão impunes.


Rápidas do fut

* Demitido do Botafogo, Ney Franco apenas assistiu a derrota do seu novo time, Coritiba, para o Vitória, ontem pela Copa Sul-americana.

* Demitido do Coritiba, René Simões estréia no comando da Portuguesa amanhã contra o Vasco, pela Série B.

* Wagner Mancini, que há um mês tinha sido demitido do Santos, também apenas assistiu os 2 x 0 do seu novo clube, Vitória, sobre o Coxa.

Determinados treinadores atingem status tal que raramente os deixam desempregados por mais de um mês ou uma semana.

* Tem atleticano dando “graças a Deus”, mas há os que lamentem: o zagueiro Lima foi liberado pelo Betis e está acertando com o Flamengo.


A gripe interfere no futebol

Exagero ou não, há autoridades levando mais a sério a gripe suína que está assustando o mundo.

Depois de cancelar ou adiar importantes eventos turísticos e artísticos na cidade o comitê anti-gripe da prefeitura de Uberlândia determinou que o jogo entre Uberlândia x Araguaia, pela Série D do brasileiro seja realizado com portões fechados.


Doidão dentro e fora das piscinas

 Depois da suspensão de 10 meses pelo uso de maconha, o nadador Michael Phelps avançou sinal vermelho e arrebentou seu carro na noite passada, em sua cidade natal, Baltimore.

Dirigindo descalço, desceu do carro bravo com os curiosos que tiravam fotos e davam os infalíveis palpites. Sob risadas do público, mandava que as pessoas “deletassem” as fotos que estavam tirando.

Phelps nas páginas policiais novamente

Phelps nas páginas policiais novamente


Página 974 de 1.016« Primeira...102030...972973974975976...9809901.000...Última »