Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Nem Freud explica o comportamento do América quando tem faca e queijo nas mãos dentro de casa

Ano passado não subiu para a Série A porque conseguiu perder no Independência para o São Bento de Sorocaba, pior time do campeonato e já rebaixado na época para a Série C. Ontem, perdeu também em casa para o Figueirense, que além de muito ruim atravessa uma das piores crises de sua história. Poderia estar na vice-liderança, mas com a derrota saiu da zona de classificação.

Alguém poderia alegar que os jogadores estão com a cabeça no jogo decisivo de terça-feira contra a Ponte Preta, pela Copa do Brasil, mas e daí? Cada competição tem a sua importância e o ritmo precisa ser mantido. Sexta-feira, parada tortíssima, em Chapecó.

O jogo de ida, em Campinas foi 1 a 1.


Deixe uma resposta para Ed Diogo Cancelar resposta

Comentários:
2
  • Ed Diogo disse:

    E você não mencionou o Paraná que ano passado fez acho que somente 7 pontos dos quais 6 foram em cima do América. Para subir e ficar o América precisa de mais personalidade tanto da direção como das pessoas dentro e fora de campo.Entendo que o Coelhão não está com grana tanto que perdeu para o Sampaio Corrêa por falta de pagamento de salário mas a diretoria já deveria ter aprendido a lição pois são as mesmas pessoas que estão no comando a vários anos .
    Acredita Coelhão

  • Renato César disse:

    Resultado acabou sendo bom, porque o Figueira deixou times menores para trás e subiu na tabela.