Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

No dia internacional da pessoa com deficiência o belo exemplo dos estádios europeus e a picaretagem brasileira mostrada ao mundo

A Copa da Rússia deu show em acesso e comodidade para os cadeirantes, como aqui, no estádio Luzhniki, em Moscou. Fotos de minha autoria.

 

Hoje é o dia internacional das pessoas com deficiência, data comemorativa criada pela ONU em 1992 visando conscientizar as pessoas e autoridades da importância do assunto para que sejam criadas boas condições de locomoção e convivência para todos. Nos estádios de futebol a acessibilidade e locais específicos para cadeirantes se tornou preocupação e realidade na Europa, Estados Unidos e Ásia no início dos anos 1990.

A Polônia e a Ucrânia deram ótimo exemplo em suas instalações que receberam os jogos da Eurocopa em 2012, como mostra esta foto da Arena Lviv, Ucrânia.

No Brasil, pra valer, o assunto passou a ser tratado com seriedade quando o país foi confirmado pela FIFA como sede da Copa de 2014, mas poucos dão o devido tratamento que a causa merece. Em compensação, durante a Copa de 2014 o mundo registrou o lado perverso de incontáveis brasileiros, desses que gostam de levar vantagem em tudo. Um sujeito se passava por deficiente para usufruir das comodidades exclusivas nos estádios. Foi flagrado pela imprensa, mas ficou impune, como quase sempre ocorre em nosso país. O Globo fez uma ótima reportagem sobre o assunto, transcrita aqui no blog na época:

* “Torcedor caminha após levantar de cadeira de rodas no Maracanã”

Homem foi flagrado andando sem nenhuma dificuldade no jogo entre França e Equador

http://blog.chicomaia.com.br/2014/07/08/a-falta-de-carater-de-muitos-brasileiros-denunciada-no-futebol/

 

Imagem do dia é um oferecimento dos Supermercados EPA.

Supermercados EPA

 


» Comentar

Comentários:
6
  • Marcão de Varginha disse:

    Aqui em minha cidade, não raras vezes observamos motoristas e motociclistas usarem vagas de estacionamento destinadas aos deficientes, e acho que isso acontece na maioria das cidades. É preciso acabarmos com a “cultura” de levarmos vantagens, de sermos “espertos”..
    – Usar “rapidinho” as vagas de estacionamento destinadas aos deficientes, alguns querem; mas usar a cadeira para eles ninguém quer!
    – Que seja uma data para lembrarmos que temos a obrigação de respeitarmos e ajudarmos esses nossos irmãos/ãs!

  • Leo Dias disse:

    Ai…vem o governo federal e desobriga as empresa de contratarem deficientes físicos:

    https://www.oestadoce.com.br/nacional/governo-desobriga-cota-para-trabalhador-com-deficiencia

    • Eduardo Silva disse:

      A realidade é outra! Empresas com mais de 100 funcionários eram obrigadas a contratar pessoas portadoras de deficiências, colocam anúncios repetidas vezes e NÃO conseguem completar essas vagas para deficientes e o próprio Ministério do Trabalho nem cobrava porque sabia dessa dificuldade.

      Eu mesmo fui contratar uma moça que era muda e ela recebia um valor do governo e se fosse contratada, era perderia esse auxilio e ela NÃO aceitou trabalhar de carteira assinada, ou seja, preferiu ficar desempregada a perder o dinheiro limpinho que caia na sua conta todo mês e era uma pessoa nova em torno de 30 anos de idade.

      Coloca um anúncio na internet ou em qualquer jornal oferecendo uma vaga para pessoas com deficiência pra ver se aparece alguém…

      É fácil criticar sem vivenciar a realidade!

      • Leo Dias disse:

        Então por que você não tentou contratar uma outra pessoas com deficiência ?
        Cerca de 24% da população brasileira afirma ter alguma deficiência.
        O deficiente que ganha de auxílio, um salario mínimo, não vai trocar o seu auxilio por um emprego que pague apenas um salário mínimo, lógico. Como em MG impera o salário de escravidão, duvido que você tivesse um salário maior do que o mínimo para oferecê-la.

        Para passar pano para as atrocidades do presidente miliciano a turma da arminha na mão inventa cada história…

        Nos supermercados, nas farmácias, no serviço público, nos bancos…vemos vários PNE. Essas pessoas antes, viviam da caridade dos familiares ou nas ruas sem assistência, pedindo ajuda.

        Como o governo bolsonarco não tem qualquer plano para a criação de empregos, ele artificialmente vai gerar vagas, ou seja, vai tirar a oportunidade dos deficientes para que os empresários possam contratar pessoas sem deficiência.

        Quando você pensa que chegamos ao fundo do poço…abre-se um alçapão!!!

        —————————————————————————————————————
        Fonte IBGE: O Censo 2010 aponta que 45,6 milhões de pessoas declararam ter ao menos um tipo de deficiência, o que corresponde a 23,9% da população brasileira. A maior parte delas vive em áreas urbanas – 38.473.702, ante 7.132.347 nas áreas rurais.

        • Eduardo Silva disse:

          Dá até preguiça responder esses pseudo-politizados-esquerdinhas-lacradores, mas NÃO podemos nos calar para não ver triunfar essas nulidades!

          Vamos lá colocar o lacrador no seu devido lugar, vou “tentar” ser didático, mas a gente escreve azul e o cara lê vermelho, é osso…

          1) Vc falou que eu deveria tentar contratar outra pessoa… Vou repetir: NÃO EXISTE essa demanda de pessoas com deficiência procurando emprego, é só pegar o Jornal Estado de Minas, na página de empregos, onde anúncios se REPETEM ao longo dos anos, as vagas NÃO são ocupadas!

          2) SE existem 24% de pessoas com deficiência, quantos estão empregadas? quantas estão procurando emprego? qual a qualificação que possuem?

          3) Em Minas impera o salário escravidão? MAS o seu governador PILANTREL não tirou vcs da pobreza igual o Lularapio e a Anta falante? ou vc esqueceu que ele QUEBROU o estado e foi condenado por 10 anos por caixa dois e outras falcatruas?

          4) Já sei, vc vai falar e o Aécio e o PSDB? E eu adianto: não tenho bandido político de estimação, tomara que sejam apuradas todas as falcatruas e TODOS sejam presos e joguem a chave da cela no mar, para que não voltem NUNCA MAIS a ocupar algum função pública ou mandato eletivo.

          5) Quanto a presidente miliciano, fazer arminha e outras bobagens, SE, SE, SE comprovado algo também que seja preso e afastado, não vamos ficar gritando Bozo Livre igual vcs fazem com o Molusco de 9 dedos que foi solto mas continua CONDENADO! e as penas só aumentando…

          Por fim, nós aguentamos 16 anos de DESgoverno da Quadrilha PeTralha saqueando o país e deixando mais de 14 milhões de desempregados e uma corrupção sistêmica sem precedentes, então nas próximas eleições vcs voltam com o POSTE ou quem o Lularapio MANDAR vcs votarem e enquanto isso parem de encher o saco ou se mudem pra Venezuela, onde o que vcs pregam deu muito certo, ou seja, TERRA ARRASADA!!

          Taokey, Petralhinha desorientado?

  • Fred disse:

    Só um lembrete para esse e outros casos que vemos em locais públicos: alguns tipos de paresia não necessariamente tornam a pessoa permanentemente deficiente (não estou defendendo esse cara da foto, apenas alertando os leitores). Quer dizer, certas dificuldades de locomoção até permitem que a pessoa fique de pé ou caminhe por alguns metros, porém se ficar mais tempo de pé ou caminhando, vai precisar voltar pra cadeira.
    Digo isso porque a tendência das pessoas quando assistem um caso assim é achar que se trata de desonestidade pra usar o direito de preferência, seja em vagas ou filas.