Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Parecia jogo de campeonato mineiro de um nível superior, e o Galo desperdiçou

Era a chance de voltar com uma boa vantagem de Montevidéu. Adversário fraco, sem pressão da torcida local, muito pelo contrário (parecia haver mais atleticanos que uruguaios nas arquibancadas) e gramado muito bom.

O grande problema do time continua sendo o sistema defensivo, já que o ataque continua fazendo gols. No primeiro empate do Danúbio a defesa foi recuando até permitir que os uruguaios chegassem dentro da pequena área, na cara do Vitor. No segundo, uma antiga falha de posicionamento da zaga. Mesmo grandalhões, Rever e Igor Rabello permitiram a cabeçada que tirou o que seria uma vitória animadora nessa arrancada da Libertadores.

O jogo da volta será aquela dureza, com a qual a torcida está acostumada, e os gritos de “eu acredito”. Mas, também acredito!


Deixe uma resposta para Victor Maia Cancelar resposta

Comentários:
33
  • Pedro Vitor disse:

    Vi o jogo ontem através do Vt no Fox, na minha opinião o Galo jogou como tem que jogar mas a dupla de zaga formada a poucos dias ainda está desentrosada, Rever e Igor Rabello estão se adaptando ao esquema é estilo do Atlético, por exemplo o Gabriel quando titular ao lado do Leonardo Silva, sempre cometia o mesmo erro que vi o Rever cometer no jogo de ontem, cair na frente do atacante lógico que isso também se deve a falha no meio do campo com Adilson permite o adversário tocar a bola e também Elias sempre atrás nunca em cima do cara pra evitar que ele domine o espaço, a minha esperança era a volta do Blanco pra consertar este defeito mas já se machucou novamente, então minha esperança agora é o Jáir crescer e superar o Elias neste fundamento vamos aguardar

  • Gabriel Júnior disse:

    Vai entender a diretoria do Galo… Acha Tardelli caro e entra na briga por Alexandre Pato.

  • Silvio T disse:

    Chico, alguma medida judicial precisa ser tomada contra esse demente desse tiago neves. Não é que o canalha, querendo limpar a imagem por causa da postagem escandalosa brincando com a morte de centenas de pessoas em Brumadinho, usa agora o drama pessoal de um jogador do galo para tentar posar de bom moço?! É inacreditável que uma figura com o histórico de baixezas que ele tem, especialmente contra o Atlético, ache que alguém minimamente sensato vai levar a sério mais uma falsidade disparada por redes sociais. Espero que a torcida do Atlético e o Gustavo Blanco não caiam no conto do vigário desse vagabundo! Cara, é muita raiva quando agem como se você fosse o maior trouxa do planeta!!

    • Jorge disse:

      medida judicial?
      que medida judicial, meu fio? kkk
      deixa de ser histérico! vc que pode ser intimado por chamar o jogador de vagabundo.
      por que essa raivinha toda do TN10 ??
      calma garotinho…kkkk
      toma uma maracujina e relaxaaaa..kkk

      • Silvio T disse:

        Adoraria ser processado por esse vagabundo. Mas duvido que um covarde que brinca com a tragédia de milhares de pessoas tenha coragem prá isso. E raivinha devem ter você e todos que viram a troca desse vagabundo pelo Luan ser melada pelos alertas que partiram desse espaço.

        • Jorge disse:

          Silvio T, nisso ai eu concordo com você!
          Realmente o Grêmio NÃO fez a troca porque ele leu seus comentários aqui no blog!
          Parabéns!

          Obs: é melhor a gente não contrariar, né? vai ver o cara não tá tomando o remedim todo dia, né?

  • Julio Cesar disse:

    Se a diretoria do Atletico não sair dessa inercia e buscar reforço significativo não vamos a lugar algum. Cazares, Chará e Ricardo Oliveira é pouco. E as laterais agora tambem preocupam. E o esperado retorno de Blanco só vai acontecer ano que vem. A não ser um encaixe tatico muito bem feito pelo Levir mas, pelo seu enorme apreço pelo Patric não sei não. Sempre na torcida (eu acredito) pra se arrume a casa.
    Tá bom, pelo que estão pedindo, Tardelli e seu estafe devem ter bebido muito Baiju na China e deve ter afetado o bom senso. Claro, cada um é cada um e tem que respeitar. Ele ainda pode acertar outro contrato na China. Mas para Brasil e principalmente pro Atletico esta fora de cogitação.
    Então vai logo ao mercado ! Penso que um grande nome (não somente nome) que jogue em alto nivel ajuda em tudo. Principalmente valorizar alguem da base, como foi com Bernard em 2013.
    Então, trabalhem !

  • Guilherme Leôncio disse:

    É de impressionar como a maioria dos brasileiros fazem juramentos falsos na hora da formatura.
    Véspera do jogo Galo X Danúbio, a imprensa coloca o Danúbio lá embaixo e com uma cajadada só mata 2 coelhos: se o Galo vencer, ganhou de ninguém, se perder pontos perdeu para um time pequeno.
    Tá certo que o Galo poderia ter vencido, mas trouxe uma vantagem muito grande para casa, o resultado de anteontem só vai ser ruim se perder em casa. Um jornal de BH publicou que o resultado foi péssimo, o Juca escreveu este monte de sandices ( o que escreverá hoje sobre o São Paulo?) e alguns programinhas de 5ª deitaram zoeira como se o Galo tivesse perdido o jogo.
    Do outro lado é assim: véspera de jogo contra time pequeno, cuidado, porco magro é que suja a água. Se o cru cru perde é porque esta com time alternativo, quando perdeu de 5 para o Potosi foi culpa da altitude, perdeu de 4 ano passado para o Racing, foi o cansaço e a maratona de jogos. Depois reclamam quando os programas acabam por falta de audiência. Nunca a imprensa esteve tão fajuta e parcial no futebol brasileiro e mineiro!!!!!

  • José Antonio disse:

    Alguém da diretoria do Galo deveria vir a público explicar porque Patric está há nove anos no Galo e vai ficar mais um já que renovaram o contrato dele. Nunca foi jogador de futebol, não sabe marcar, não sabe passar, não sabe chutar, não sabe se posicionar, nem lateral sabe bater, então o que justifica sua permanência por tanto tempo? O que existe por trás disso? Foi emprestado para sete, isso mesmo, sete times e sempre foi devolvido sem que ninguém se interessasse em ficar com ele. É o típico jogador bumerangue, a gente joga e ele volta, a gente joga e ele volta… Até quando terem os que aquentar esse pseudo jogador? E o técnico? Será que vai esperar sermos eliminados de algum torneio por culpa dele, como já aconteceu várias vezes, para sacá-lo do time? O Guga já provou que é infinitamente melhor do que ele (o que não é grande coisa porque melhor do que ele qualquer um é), com a palavra alguém que possa explicar e dar uma satisfação para a torcida.

  • Márcio Luiz disse:

    Gustavo Blanco SÓ EM 2020 praticamente.

    Ruptura de ligamento cruzado no mesmo joelho operado. De novo.
    Assim como o Rever, tornozelo, em 2014.
    Assim como Neymar, operado na Cidade de Galo há pouco tempo,
    a mesma contusão no mesmo pé há poucos dias.

    Ou esse médico do Galo e da seleção é um pé frio desgraçado, ou… oou…

  • edson dias disse:

    Que faltou atenção, sangue no olho e um pouco de bola ao Atlético, isso é verdade… Daí que o jogo era favas contadas vai uma longa distância. O Danúbio ê o time que mais revela bons jogadores no futebol uruguaio. Edinson Cavani, Ruben Sosa, Álvaro Recoba, dentre outros bons nomes, todos foram revelados já. O clube faz o “clásico de medios” contra o Defensor Sporting… Defensor que eliminou o Cruzeiro dentro do Mineirão em tempos recentes. O Defensor também era time amador? É um time modesto, mas não é bobo. O Galo que precisa se explicar, em especial a dupla de laterais que fez partida desastrosa. Se Fábio Santos fosse o Marcos Rocha, a parte corneta da torcida não o deixava descer em Confins. E o Patric é o Patric… Chará vai se confirmando como mais um engodo colombiano.

  • Rafael disse:

    Dispensa do Patric já passou da hora, na verdade, já se passaram alguns anos.

    Precisamos de alguém para concorrer com Fabio Santos.

    Elias não joga mais como volante, não marca. E Zé Welison é outro que não é jogador para o Galo – também fica perdido, correndo para lá e para cá.

  • Fred disse:

    O problema não é a zaga, Chico, mas o combate no meio e a cobertura. O Levir precisava ter corrigido isso ontem, posicionado o Adilson (ou o Pai Vei) mais próximo do Fabio Santos, reforçado ali, pois os jogadores uruguaios estavam deitando na nossa lateral esquerda, todo mundo vendo isso.
    Só que não dá pra jogar a culpa no Levir. Era pro Galo ter goleado no 1º tempo. Acho que nos primeiros lances, os jogadores do Galo viram que tava tranquilo e ficaram displicentes, dando toquinhos demais, errando gols que era só ter afundado a bola, perdendo lance no meio porque tirou o pé… aí os caras empataram aos 45, o técnico uruguaio fez a parte dele no vestiário e voltaram mais organizados e sem respeito. Por pouco o Galo não trouxe uma derrota, isso sim.

  • Carlos Henrique disse:

    Chico, pelo amor de Deus, voce que conhece o pessoal do Atletico ea diretoria, sugere a eles ,a contrataçao de um reserva para o Fabio Santos
    os campeonatos, tem expulsao, cartao amarelo, lesao
    e nao temos reserva na lateral esquerda.
    no segundo gol ontem Fabio falhou no gol de cabeça do Danubio.
    mas a falha maior, foi no cruzamento
    o cara parou olhou e cruzou
    tinha que chegar junto, a marcaçao
    se levar o drible e for feito o cruzamento
    meritos para o atacante.
    o que nao pode é parar, vendo o atacante, olhar e cruzar
    fora isso meritos para o goleiro
    se nao fosse ele, a vitoria era tranquila.
    em geral os uruguaios , sao escola de grandes goleiro.
    quando era muleque, vi dois jogos do Marzurkievicz com a camisa do Galo
    grande goleiro.

  • Marcão de Varginha disse:

    O medo de perder foi mais forte que vencer.. manter um lateral que não sabe efetuar o básico de sua posição que é o cruzamento na linha de fundo pra área, é entregar o ouro pro “bandido”.. empate na conta de Levir e alguns que deixaram seu futebol num dos melhores CT do planeta.
    – #benecyeternomito

  • Jorge disse:

    Vejam o que escreveu o Juka Kfoury pós jogo no Uruguai:

    Galão estreia como pintinho
    Juca Kfouri 05/02/2019 21:08

    Contra ninguém, num estádio vazio e com bom gramado, em fim de tarde com cara de treino, eis que o Galo foi para o intervalo, em Montevidéu, diante do Danúbio, com inaceitável 1 a 1 no placar.
    Depois de criar três chances de gol, o time mineiro abriu o marcador, aos 28 minutos, com Ricardo Oliveira, em milimétrico impedimento, e pareceu que faria as coisas fáceis, como deveria.
    É claro que na terça-feira que vem, no Horto, o Galo deve passar para enfrentar ou o Defensor uruguaio ou o Barcelona equatoriano.
    Mas, com essa bolinha de hoje, não sei não. Ninguém respeita e qualquer um encara o medíocre futebol brasileiro.
    E ainda tem quem fique dizendo que os nossos times são superiores tecnicamente ou que o goleiro adversário foi o nome do jogo. Hoje quem fez milagre foi São Victor.
    Vamos mal. Muito mal.

    Ou seja, vamos ver esse ano mais do mesmo, o Ricardo Oliveira Tigrão fazendo gols contra times pequenos e virando gatinho contra times grandes em jogos importantes.
    O Cazares o vagalume de sempre… Patric ninguém tem mais palavras pra descrever.

    E tem muita gente já falando que vão golear no jogo de volta em BH.
    Sei não!

    • Paulo F disse:

      O que ele disse de errado?? Se o Galo jogou uma bolinha, eu vi outro jogo. O Galo dominou o adversário a maior parte do tempo apenas acomodou no final. O goleiro adversário fez 10 defesas difíceis, mas o Victor que fez milagre? Tudo bem que fez uma grande defesa, mas vamos ser razoáveis. Cazares jogou bem, não o achei “vagalume”. Falou que ninguém respeita o Galo, o que dizer de São Paulo entao?
      Não achei que fosse preciso desenhar os exageros. O tom e de derrota dentro de casa mas o time jogou bem e o Danúbio não é Sporting Cristal

    • Jorge disse:

      Paulo F e Silvio T o que o Juka Kfoury disse de errado em seu texto? me expliquem?
      Vocês dois estão parecendo o cara que pega a mulher com o vizinho no sofá da sala e pra não acontecer isso mais, retira o sofá… kkkk
      Ou seja, vocês ao invés de criticar o time, o treinador, a diretoria, acabam colocando a culpa no jornalista?? será que se ele parar de escrever sobre o clube ele melhora e passa a ganhar as partidas?
      Vcs estão terceirizando o problema colocando a culpa na imprensa!
      Esse é o problema dos atleticanos, que entra ano e sai ano só disputa as competições, porque não sabem cobrar os responsáveis pelos fracassos do clube.

    • Paulo F disse:

      Esse Juca comunista só fala asneira, enche a boca pra falar mal dos times de MG e RS e baba nos times do eixo.
      O Galo dominou a partida, muito superior ao adversário. Os problemas são pontuais e não estruturais, como laterais

      • Silvio T disse:

        Concordo! Sei lá porque, essa figura não consegue esconder o quanto detesta o galo. O São Paulo acaba de ser derrotado pelo Talleres, um time muito pior que o Danubio. E esse pseudo analista não tem coragem nem dignidade prá reconhecer isso e pega levinho com os paulistas.

  • Robinho Ferreira disse:

    Parecia um jogo amador,isso sim! o time tinha 4 meses que não atuava gente,morreu de cansado no segundo tempo,quem entende de futebol sabe que basta o atletico botar a bola no chão que faz 4 5 aqui tranquilo! vou ter que ligar o secador mais pra frente porque esse Danubio não é ruim não é simplismente um time amador jogando a pré da pré Libertadores!

  • Rodrigo Assis disse:

    A boa e velha falta de ambição do Atlético. Um time que sempre se contenta com pouco. Tem que investir em mudança de cultura interna no clube, mexer no psicológico. Somente a torcida tem gana de vitória.

  • Horacio Duarte disse:

    Pois é Chico não acho que foi jogo de campeonato mineiro, foi, para que gosta de futebol, um bom jogo. Aliás a imprensa brasileira toda disse que o jogo ia ser uma baba que o adversário estava muito mudado, técnico novo, time desorganizado etc etc. Ô barriga danada, time jovem rápido e habilidoso. Comeu mosca.

    A volância do Galo estava de doer ontem. O primeiro gol mostrou exatamente isto, enquanto o Igor saia no desespero para cobrir o Fabio Santos, o Adilson estava fora da grande área observando, e por lá ficou, e o jogodor que fez o cruzamento passou na frente do Elias, atravessou toda a area, com Elias corrento atrás, e fez a jogada. O gol me lembrou muito as saídas atabalhoadas do Gabriel, até hoje o único culpado por esta falha de marcação que não muda entra técnico, sai técnico.

    O segundo gol foi posicionamento ruim da zaga, o único posicionado corretamente foi o Fábio Santos, que parado, perdeu a disputa com o jogador que veio de trás na corrida (acho que era zagueiro) e que ninguém acompanhou. E este gol só saiu porque o Maicon não marca tão bem como o Chará. Aliás não gostei da saída do Chará, ajuda muito na marcação e estava com gás fazendo puxadas de contraataque. O Luan estava meio mal ontem, podia ter saído.

    Jogão.

  • Juliano Coelho disse:

    Adilson e Elias está provado que não funciona, estou perdendo a paciência; os 2 não podem jogar junto. A temporada passada provou isso.

  • Silvio T disse:

    O mais engraçado é que Fábio Santos falhou nos dois gols. Levou um drible desconcertante no primeiro e perdeu a disputa de bola pelo alto com o atacante no segundo. Mas, a torcida e a imprensa só falam das falhas do Patricão. E esse Adílson não me convence. Entregou o ouro várias vezes, mas é queridinho da torcida. Você resumiu bem, Chico. É um jogo de campeonato mineiro, só que o galo bota uma pilha que transforma algo simples num drama. Basta lembrar do modestíssimo Seu Jorge…

    • Paulo F disse:

      Realmente, pior partida do Fábio Santos que eu já vi! Não entendo a resistência da diretoria em contratar um lateral esquerdo. Dodo do Santos foi pras Marias…

  • Márcio Luiz disse:

    Pelo menos por enquanto esse Igor Rabelo me parece ser muito cartaz pra pouco filme.
    E do Rever não dá pra esperar mais do que isso, 6 anos mais velho que em 2013 quando estava no auge. Fábio Santos parecia um cone ante ao ponteiro adversário.
    Quanto ao jogo de volta, acho que se o Galo “respeitar” o adversário e não ganhar de véspera, atropela eles aqui sem maiores dificuldades.

    Todos lá!

  • Antonio da Silva disse:

    O Galo sempre joga mal fora, desde a Libertadores de 2013, nada de “terra arrasada”, 0 x 0 , 1 x 1 dentro de casa está classificado.
    Duas falhas do Fábio Santos foram cruciais para o empate. Volta Douglas Santos! O time é fraco, o centroavante erra muitos gols e só marca contra times mais fracos. O ataque não prende a bola, mesmo vencendo, acelera o jogo. Só vão tirar o “escorpião” do bolso, quando estiver na zona do rebaixamento do Brasileiro.

  • Julio Cesar disse:

    Chará pela direita é diferente. Bem diferente. Ontem foi seguro duas vezes pela camisa e pelo cabelo.
    Defesa sim, precisa de muito trabalho. Dois zagueiros badalados e caros não podem permitir aquela facilidade. Os laterais ontem mal. Ainda penso que Cazares, Chará e Ricardo Oliveira é pouco se o Atletico almeja realmente conquistas. A não ser que Levir adote um esquema diferenciado e bom !
    Tardelli seria o cara . Mas o cara ta muito caro !

  • Paulo F disse:

    Se Patric não estivesse em campo teríamos vencido. Elias entrou em campo? Setor ofensivo criou 10 chances, o centroavante errou 8 Cara a cara.

    • César de Freitas disse:

      A corneta pra cima do Ricardo Oliveira esta pesada. No galo ano passado tentaram 3 centroavantes no lugar dele, só passamos raiva, os caras entravam e sentíamos saudades do RO. Até parece que esta fácil achar centroavante no mercado. O cara marcou os dois gols ontem, marcou 7 em quatro jogos em início de temporada, e o torcedor dá destaque pros que ele perdeu. O único atacante de destaque no ano passado aqui no brasil foi o Pablo do Genérico Paranaense, o São Paulo contratou a peso de ouro, e até agora não vi falar dele, e o nosso marcando gols, mas o destaque são os que ele perde. Para agradar vai ter que fazer uma média de pelo menos uns três por jogo. Ai os caras vão falar, mas ano passado no meio do campeonato brasileiro o cara sumiu, e se esquecem que não foi ele que sumiu, foi o time inteiro, que parou de jogar.

      • Paulo F disse:

        Sou implicado com ele mesmo. Centroavante não pode ter 40 anos. Ao invés de buscar Tardelli eu preferiria trazer o Pratto de volta por exemplo, um bom centroavante é fundamental para grandes aspirações. Ontem até participou bem dos lances, mas centroavante velho tem uma função exclusiva de guardar gol quando está cara a cara com o goleiro Romário foi artilheiro do brasileiro com 40 anos! Não adianta o time jogar bem se não converter as oportunidades, já vimos várias eliminações acontecerem e titulos escaparem por causa de gols perdidos. Se tivesse acertado metade, como um bom centroavante, teríamos goleado. Essa é a pré pré libertadores, precisamos mais se quisermos disputar! Posso ter parecido pessimista mas ao menos o time está bem treinado