Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Ministro da Justiça está aparecendo demais na carona da segurança dos Jogos Olímpicos

MINISTRO

O Ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, gosta demais de aparecer. Ao invés de deixar as entrevistas sobre terrorismo e terroristas para a Polícia Federal ou Ministério da Defesa, ele mesmo assume a missão. Possivelmente será candidato a algum cargo eletivo em São Paulo em 2018 e quer mostrar bastante a cara.

O problema é que, de tanto aparecer, a imprensa vai ficar lembrando que ele foi o Secretário de Segurança paulista, que ao invés de enfrentar os marginais das torcidas organizadas, preferiu afinar e impor torcida única nos clássicos, repetindo a afinada dos similares dele de Minas. Também que, até outro dia, era advogado do ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha.


O “fator” Mano Menezes poderá corrigir o monte de erros da cartolagem e salvar o ano do Cruzeiro

MANO

Não tenho a menor dúvida de que o Cruzeiro estaria no topo da tabela deste Brasileiro caso o Mano Menezes não tivesse ido embora ano passado. Excelente treinador, sacaneado pela CBF após a perda da medalha de Ouro em Londres em 2012, cuja consequência foi o maior vexame da história da seleção brasileira, na Copa de 2014. Retrocedeu ao buscar de volta Felipão e Parreira, que pararam no tempo. O elenco que o Mano herdou ano passado era muito ruim e ele conseguiu sair da briga contra a degola para chegar em oitavo. No papel, o atual elenco me parece melhor que o de 2015. As circunstâncias em que o Mano assume são parecidas: campeonato em andamento, barco em alto mar, sem tempo pra treinar e essas coisas que todos conhecemos. Mas ele conhece bem o futebol brasileiro, o Cruzeiro e chega com moral absoluta. Diferentemente do Paulo Bento, coitado, que teve que se informar sobre tudo, principalmente a respeito dos jogadores que tinha à mão, com os próprios comandantes do futebol do clube, que até agora não deram nenhuma bola dentro.

Claro que todas essas condições favoráveis não são garantia de que o Mano vai repetir a façanha do ano passado. O futebol é dinâmico, muita gente envolvida e cada momento é diferente. Mas, em “condições naturais de temperatura e pressão”, a tendência é que dias muito melhores estão por vir para o mundo azul.


América foi guerreiro mas o Flamengo tem mais time e foi melhor no jogo

GUERRERO

O peruano Guerrero abriu o marcador para o Fla

Uma pena que o árbitro Rodrigo Batista Raposo, de Brasília, resolveu fazer com o América o que o baiano Marielson Alves Silva fez com o Figueirense contra o Corinthians no Itaquerão. Na dúvida, esses sopradores de apito meia colher sempre apitam a favor dos mais fortes midiaticamente.

Rodrigo Raposo nem titubeou ao dar pênalti para Flamengo, numa bola que pegou no braço do Roger. Só se o zagueiro não tivesse braço para evitar. Essa “interpretação” recomendada pela FIFA dá poderes totais aos árbitros para decidirem jogos, de acordo com a cabeça ou interesse dele.

Mas gostei de ver a vontade do América e a disposição tática do time. Caso a diretoria não faça outra besteira e deixe o Enderson Moreira trabalhar sossegado, ele poderá montar um time muito melhor para 2017. Mas se for depender de vitórias imediatas para ser mantido no cargo, não vai ter jeito. O próximo jogo é contra o Grêmio. A situação do Coelho é delicada: não pode dar demonstração de que o ano já era e nem ter a ilusão de que vai operar algum milagre.

Interessante é que aconteceu com o Flamengo esta noite situação parecida com a do Atlético, que perdeu Cazares no aquecimento. O técnico flamenguista, Zé Ricardo escalou Chiquinho de última hora, já que o titular Jorge sentiu o joelho no aquecimento.


Colecionador disponibiliza álbum de figurinhas do Galo, com a história de 1915 a 1983

ALBUM

É o senhor Alberto Costa Santos, que nos enviou o seguinte e-mail: “… tenho álbum do Galo completo, com trezentas e noventa oito figurinhas, e uma historia desde 1915 até 1983. Estou vendedo ou leiloando… Meus números de telefone:  031 98629 0937 ou 031 03661 2875 …

* Alberto Costa Santos

 


Paulo Bento já pertence ao passado do Cruzeiro, mas este desfecho estava previsto desde o dia em que ele chegou

PBGILVAAN

Lembram dessa postagem do Claytinho do Nova Vista – BH aqui no blog no dia 16 de maio? Vale a pena ler de novo:

Diálogo imaginário com o treinador português contratado pelo Cruzeiro:

* “Liguei hoje direto pro Paulo Bento, novo técnico do Cruzeiro e o alertei de algumas coisas que ele precisava saber… Segue abaixo o papo que bati com ele: (SQN… rsrs )

Trim…Trim…Trim…Trim…

– Paulo Bento: Alô !

– Clayton: Olá Paulo Bento, boa tarde, tudo bem ??

– Paulo Bento: Quem estais a falar ??

– Clayton: Ô Paulo, você não me conhece… Meu nome é Clayton e sou Torcedor do Cruzeiro…

– Paulo Bento: Ora pois… Digas…

– Clayton: Bom Paulo, gostaria de adiantar e facilitar um pouco o seu trabalho… Pra você começar, faz o seguinte… Esquece tudo que a Diretoria te falou do elenco do Cruzeiro e já pede logo umas 04 ou 05 contratações pontuais de jogadores que possam ter qualidade pra chegar e ser titular de imediato !!

– Paulo Bento: Ohh pahh… O Presidente me falou que temos aqui um jovem chamado Alano de muito potencial…

– Clayton: Esquece, ele devia ter esquecido de tomar o remedinho dele. Esse Alano foi enganado pela cigana, que é a mesma que enganou os dirigentes do Cruzeiro… Fraquíssimo…

– Paulo Bento: Huuummmm… Mas ele me disse também de um atacante velocista… Como é mesmo o nome… Ahhh… Elber !! Que é muito bom…

– Clayton: Esquece, Esse Elber é o que chamamos aqui no Brasil, de “lero-lero” que é mais ou menos igual a fala muito e não faz nada… Muito fraco. Até tem velocidade, mas não tem cérebro…

– Paulo Bento: Mas ele me falou também da garra dos jogadores Argentinos que o Cruzeiro tem, só não lembro o nome de todos agora…

– Clayton: Esquece também… Nem se esforce pra aprender e muito menos decorar esses nomes… Porque se juntar todos, você não vai extrair um jogador que preste…

– Paulo Bento: Ai…Ai…Ai… Mas o Campeonato é longo… Vai dar pra gente fazer um bom trabalho…

– Clayton: Não se iluda Paulo… Aqui no Brasil é assim… Os dirigentes te dão um elenco sofrível e se vc não der resultado em pouco tempo, o ruim e o errado na história será vc mesmo… E adeus seu emprego…

– Paulo Bento: Ah é ??? Tô vendo que deveria ter conversado contigo antes de ter assumido essa empreitada…

– Clayton: Bom, mas já que estais aqui o negócio é fazer como te falei… Esquece tudo que a Diretoria te falou… E tudo que a Diretoria ainda vier a falar, vc finge que entendeu e faz tudo ao contrário…

– Paulo Bento: Affff… Vou tentar

– Clayton: E só pra terminar… E já que você tem a fama de disciplinador, aplique também essa mesma disciplina à Diretoria, porque eles precisam muito mais !

– Paulo Bento: Também vou tentar…

– Clayton: Então ta Paulo… Desculpe incomodá-lo… Só queria te dar alguns alertas… No mais, seja bem vindo ao Cruzeiro e a Belo Horizonte e desejo-lhe toda sorte do mundo ! Pois acredite, vc vai precisar !!!

– Paulo Bento: Aaaaiii Jesuisssss… Tchau !”

* Claytinho do Nova Vista – BH

***

E o Sérgio Boaz, da Rádio Gaúcha twittou:

@realsergioboaz Porto Alegre, Brasil

MANO

Cruzeiro já negocia com Mano Menezes. @RdGaucha Paulo Bento foi demitido.


Não utilizado pelo América, Matheusinho continua se destacando nos treinos da seleção olímpica

MATHEUSINHO

Matheusinho (à direita) abraça Marquinhos, do PSG, em treino da seleção olímpicaimagem: Lucas Figueiredo/MoWa Press

O América enfrenta o Flamengo esta noite em Cariacica e mesmo se vencer não deixa a lanterna do campeonato. Enquanto isso, Matheusinho, continua se destacando nos treinos da seleção, como convocado para completar os treinos. Se joga tanto assim, não dá para entender porque não é titular do Coelho, carente de jogadores de qualidade na disputa da Série A. Com 18 anos, jogador bom de verdade é titular em qualquer time. Vejam essa reportagem do Uol, de sábado, que nos foi enviada pelo Rodolfo Leon, a quem agradeço:

* “Baixinho de 1,64 m brilha em treinamento, dá canetas e rouba a cena”

Dassler Marques

Do UOL, em Teresópolis

Entre os sete jogadores chamados para completar treinos na seleção olímpica, o garoto Matheusinho, de 18 anos, brilha tanto quanto os mais velhos. Na atividade deste sábado, foi o palmeirense Fernando Prass quem sofreu diante do meia-atacante de 1,64 m do América-MG.

Foram três momentos em que o menino abusado deixou o veterano goleiro em situação desfavorável.

Na primeira, ele recebeu a bola na intermediária ofensiva e, com Prass longe da meta, colocou por cobertura. Na segunda, partiu em diagonal pela direita, driblou o goleiro e empurrou para o fundo das redes. Na terceira, o palmeirense parecia disposto a vencer o duelo e fez a defesa na finalização de Matheusinho, que não desistiu. Pegou o rebote, simulou um chute e deixou Prass no chão antes de concluir para o gol vazio.

Jogador mais baixo entre os presentes na Granja Comary, Matheusinho já havia mostrado habilidade nos dias anteriores. O santista Thiago Maia, por exemplo, levou uma bola por debaixo das pernas na quinta-feira. No dia anterior, outro dos ‘sparrings’ recebeu uma ‘caneta’ do garoto que estreou nos profissionais do América-MG em 2016, mas tem sido pouco utilizado em seu clube.

Com físico de adolescente, Matheusinho encanta o treinador Rogério Micale. Ele atuou pelo Brasil no último Mundial Sub-17, comandou a campanha do América-MG até as semifinais da última Copa São Paulo e já despertou interesse de equipes maiores, como Cruzeiro e Fluminense. Recentemente, rumores também ligaram o jovem ao São Paulo.

Na seleção olímpica, ele permanece com os demais jogadores chamados para completar treinamento até a quarta-feira. Micale vê na habilidade do jovem do América um dos trunfos que o Brasil poderá ter no Sul-Americano Sub-20 de 2017.

http://olimpiadas.uol.com.br/noticias/redacao/2016/07/23/baixinho-de-164-m-humilha-prass-tres-vezes-distribui-canetas-e-rouba-cena.htm


A realidade cruzeirense, a reação atleticana e a necessidade de pé no chão do América

CRU

Esta foto do Superesportes representa um pouco da realidade cruzeirense

Meu cunhado Nonô já passou dos sessenta anos de idade e é uma das pessoas mais calmas e de bom senso que conheço. Nunca gostou de polêmicas e só se tornou prefeito da terra natal porque é apaixonado pela cidade e foi conduzido ao cargo por todos os partidos. Fato raro no Brasil, candidato único, teve quase 100% dos votos e até hoje é reconhecido como um dos melhores gestores da história de Funilândia, cidade de quase cinco mil habitantes, no colar metropolitano de Belo Horizonte. Isso foi em meados dos anos 1990. Ele nunca pensou em reeleição e tem pavor quando alguém o procura para falar em voltar à política partidária. Em nossos quase mais de 40 anos de convivência, poucas vezes o vi irritado ou com cara de poucos amigos. Ontem, logo após a derrota do Cruzeiro para o Sport por 2 a 1, foi um desses dias. “Essa ‘m…..’ de time deu cinco chutes e não fez gol, o Sport chutou três e fez dois…”, disse.

Nonô resumiu o que foi a partida, e eu repito o que aprendi ao longo de tantos anos como repórter: o futebol não tem mistérios! Quem erra mais, paga pelos seus erros! É um somatório e o Cruzeiro está errando desde o início de 2016, quando apostou no técnico errado e contratações equivocadas.

O comandante do Redação Sportv, um dos programas de maior audiência nacional, Andre Rizek twittou logo após a derrota para o   Sport: ‏@andrizek: “Só digo uma coisa desse Cruzeiro! Se eu fosse o diretor de futebol, eu…, eu… não saberia o que fazer nesse momento…”

Essa é uma verdade histórica do futebol, de todos os clubes, mas raramente dirigentes têm a humildade de assumir.

Quando sairam as escalações de Palmeiras e Atlético muita gente se assustou com a opções adotadas pelo técnico Marcelo Oliveira. Precisando vencer, optou por três volantes. Mas, deu certo e o Galo aprontou com o time do Cuca. Um resultado que mexe com o campeonato e levanta o astral do Galo e demais concorrentes ao título e vagas na Libertadores. Lucas Cândido foi um dos destaques do jogo.

O Atlético fez uma partida inteligente. Agrediu o Palmeiras desde o começo, acuando os comandados do Cuca. Não foi um jogo bonito, mas a necessidade de cada um tonrou o confronto muito interessante. O líder na luta para manter o primeiro lugar na classificação e o do Marcelo Oliveira, mostrando se vai brigar pelo título ou apenas por vaga na principal competição do continente.

Enderson Moreira tem o perfil ideal para montar um bom time do América, visando o futuro. Mas que ninguém se iluda quanto ao futuro neste Brasileiro. Vai tentar ficar entre os primeiros 16, mas é sabido que a degola é o mais provável. Querer cobrar resultados significativos à essa altura seria enganar a torcida e a mídia. Qualquer pensamento diferente disso é sonhar alto demais.


O contrato do Paulo Bento, a “decisão do Galo” contra o Palmeiras e dilema americano

Em primeira mão para nós do blog, a ótima coluna do Fernando Rocha, que será publicada amanhã, no Diário do Aço, de Ipatinga:

* Ganhar moral

A classificação para a próxima fase na Copa do Brasil deu novo ânimo ao Cruzeiro, cuja situação no Brasileirão, a cada mau resultado, torna-se mais preocupante, por ocupar a zona de rebaixamento.

Ficou claro pelos últimos acontecimentos fora de campo, que a diretoria perdeu o comando e o clube virou uma espécie de barco à deriva, perdido no oceano da incompetência e da irresponsabilidade de seus cartolas.

A situação é tão grave, que só uma vitória hoje diante do Sport, no Mineirão, um adversário direto na briga contra o rebaixamento, não vai apaziguar totalmente o clima beligerante instaurado entre a torcida, diretoria, comissão técnica, com reflexos diretos no rendimento dos jogadores em campo.

São muitas as perguntas sem respostas, como  por exemplo, sobre o contrato totalmente prejudicial ao clube, firmado pela diretoria com o técnico Paulo Bento, cuja demissão só não ocorreu ainda, pois iria causar um prejuízo de R$ 13 milhões aos cofres do clube.

Péssimo futebol, elenco limitado, contratações equivocadas, escolhas mal feitas de treinadores, falta de experiência da direção de futebol, são algumas das causas apontadas para esta situação vivida pelo Cruzeiro, que pode ser amenizada hoje com uma vitória sobre o Sport, mas em caso de derrota ou empate, vai botar mais lenha na fogueira.

***

Sem dúvida, o jogo mais aguardado nesta rodada do Brasileirão será este Galo e Palmeiras, disputado pela manhã com previsão de estádio lotado na capital paulista.

O momento é propício para uma vitória alvinegra sobre o líder da competição, mesmo sendo fora de casa, pois existe a necessidade de ganhar prestígio, moral, mostrar serviço, de uma parte das madonas do atual elenco atleticano, cuja qualidade técnica é indiscutível, e pode fazer a diferença, sobretudo em grandes jogos. (mais…)


Bike e samba numa Diamantina lotada e novidade cultural e gastronômica em Conceição

SERTAO1

Meus caros e caras do blog,

desde ontem estou em Diamantina, cada vez mais atraente a cada vez que venho. Aniversário da Batcaverna, e daqui a pouco tem roda de samba e muito “chá com torradas” para comemorar.

BAT

Cena do “Golasso” a festa de aniversário da Batcaverna de 2015, em que o presidente Rogério recebe homenagem, com o vocalista da banda Marcone, à direita e o Luciano Orlando, mestre do cavaquinho, sentado, à esquerda.

A cidade está lotada de turistas e pessoas que vieram também para a Sertão Diamante, ultramaratona no formato XCM, dividida em dois dias, sendo 106 km, hoje, e 70 km amanhã.

SERTAO

Começou com pedaleiros de Curvelo, foi abraçada pela Federação Mineira de Ciclismo e está se tornando uma competição gigante, já referência nacional. Além de Minas, atletas da Bahia, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo, Pará, Distrito Federal e Goiás. Também há competidores da França e Canadá.

Ontem tive a satisfação de rever o Quincas, diamantinense importante na da cultura e cidadania de Diamantina e Vale do Jequitinhonha.

VOZ

Quincas é diretor do tradicionalíssimo jornal Voz de Diamantina, a quem parabenizo pelos 115 anos de fundação, comemorados dia 14 deste mês.

Antes de chegar aqui, uma passada em Conceição do Mato Dentro, quinta-feira, para a inauguração do “Abre Hoje”, uma proposta genial de bar cultural, que será aberto em datas especificas, divulgadas com antecedência, reunindo o melhor da culinária, da cultura e do alto astral de Conceição. Iniciativa do Pedro e Lucas (filhos do João Bosco e Bethânia do Projeto Matriz) e Felipe, da Dalvinha, no espaço onde era Café Mariinha, no coração da cidade, ambiente fantástico.

ABRE

Tive o prazer de assistir na noite de abertura o excelente Gustavo Maguá, músico mineiro cujo trabalho está decolando e breve o país todo vai conhecer e curtir.

MAGUA

O “Abre Hoje”, já está aberto hoje, desde o meio dia. Às 15 horas haverá uma roda de violão. E a cidade está convidando a todos, para o dia 27 de julho, Festival Gastronômico Sabores do Mato Dentro, bom demais da conta.


Minas Gerais garante a segurança das muitas delegações olímpicas que já estão no estado

PRINCIPE

O príncipe Harry esteve no Minas Tênis Clube em 2014 para conhecer as instalações onde os nadadores britânicos vão treinar. Foi recebido na época pelo medalhista olímpico César Cielo, que, lamentavelmente, não se classificou para os Jogos do Rio

***

Estive com o Superintendente de Investigação e Polícia Judiciária da Polícia Civil de Minas, Delegado André Pelli e fiquei muito bem impressionado com a estrutura montada em nosso estado para que tudo corra bem por aqui, em sintonia com os demais estados. Minas Gerais já está com várias delegações estrangeiras em seu território, sendo acompanhadas de perto pelos serviços de inteligência das polícias civil e militar, além da federal.

O Mineirão será palco de jogos do futebol masculino e feminino, da primeira fase até uma semifinal do feminino e decisão da medalha de bronze no masculino. Pelo masculino, jogarão aqui, dia 10 de agosto, quarta-feira, Portugal x Argélia, às 13 horas; Alemanha x Fiji, às 16. Quartas de final dia 13, sábado, e bronze no dia 20, 13 horas.

No feminino, Estados Unidos x França, dia 6, 17 horas; Colômbia x Nova Zelândia, às 20. Um jogo pelas quartas de final, dia 12, e uma semifinal dia 16.

Belo Horizonte e Juiz de Fora são as cidades com mais atletas, preparadores, dirigentes e jornalistas estrangeiros, treinando e concentrados para as disputas. Uberlândia e Viçosa também vivem dias diferentes, com suas populações convivendo com muitos estrangeiros no dia a dia.

Belo Horizonte recebe, oficialmente, 397 pessoas, da Grã-Bretanha, cujos principais locais de treinamentos serão o Minas Tênis Clube, a UFMG e a Toca da Raposa I.

Juiz de Fora recebe 330 profissionais olímpicos, vindos da China, Canadá, Eslováquia, Polônia, Egito, Estônia, Catar e Estados Unidos, que usarão a estrutura da Universidade Federal de Juiz de Fora.

A Universidade Federal de Uberlândia, junto com o Sesi Gravatás e o Praia Clube de Uberlândia, serão palcos de preparação de várias modalidades da Irlanda, Sérvia, Bélgica e também do Egito.

Viçosa recebe a delegação de levantamento de peso da Índia, que utilizará a estrutura da Universidade Federal.


Página 1 de 92612345...102030...Última »