Warning: "continue" targeting switch is equivalent to "break". Did you mean to use "continue 2"? in /home/blog/www/wordpress/wp-includes/pomo/plural-forms.php on line 210
Blog do Chico Maia | O seu espaço interativo

Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Felipão cutucou uma ferida que tende a se infeccionar caso o Cruzeiro não suba

Foto: twitter.com/Cruzeiro

A culpa da atual situação do Cruzeiro não se resume a Wagner Pires de Sá, Itair Machado e Serginho Nonato. E isso vai começar aparecer a cada ponto perdido pelo time no campeonato. Depois do empate com o Figueirense no Mineirão, irritado com as cobranças sobre as dificuldades para começar a brigar por uma das quatro vagas do acesso, Luiz Felipe Scolari tocou num assunto que será cada dia mais escancarado daqui pra frente: os motivos do não pagamento da dívida que tirou seis pontos do Cruzeiro antes de começar a Série B. Vale lembrar que o então técnico cruzeirense, Enderson Moreira, conseguiu duas vitórias iniciais, que foram comemoradas como “dívida com a FIFA, paga”. O Superesportes destacou:

* “Pontos perdidos na Fifa”

Em meio ao seu discurso realista, Felipão ‘cutucou’ o Conselho Gestor, responsável por administrar o clube entre janeiro e maio, por não ter pago a dívida da Fifa que resultou na perda de seis pontos na Série B do Campeonato Brasileiro.

A dívida de R$ 5,3 milhões (US$ 850 mil) com o Al Wahda dos Emirados Árabes, relativa ao empréstimo do volante Denilson, em 2016, deveria ter sido quitada até 18 de maio. No entanto, a operação financeira não foi concluída a tempo pelos dirigentes que assumiram o clube interinamente até a posse de Sérgio Santos Rodrigues como presidente, em junho. O débito com o clube árabe foi uma herança da gestão de Gilvan de Pinho Tavares, mandatário entre 2012 e 2017.

Felipão se mostrou inconformado com o não pagamento da dívida que tirou do Cruzeiro os seis pontos antes mesmo do início da Serie B do Brasileiro. “Agora, se nós tivéssemos aqueles benditos seis pontos que entenderam que não precisavam jogar porque ia dar os seis pontos, as pessoas que fizeram isso agora estão vendo que não é assim, não é tão fácil como se imagina. E nós estamos lá embaixo. (…) Porque, se não tivessem sonhado, tinham pago na Fifa, não tinham perdido seis pontos, uma série de detalhes. Então, não vamos ficar reclamando de nada e vamos trabalhar por objetivos e o primeiro a ser atingido é não cair para a Série C. Ok? Depois, eu vou ver o que vai acontecer em frente”, concluiu o treinador…”


TV Horizonte estreia novo programa esportivo nesta segunda-feira

Sucesso ao Paulo Azeredo e demais companheiros na nova atração. Informações do Superesportes:

* “Abrindo o Jogo’ terá transmissão ao vivo também no YouTube e no Facebook”

Noticiário dos clubes mineiros, comentários, sorteios de brindes e participação do telespectador. Essas serão as atrações do ‘Abrindo o Jogo’, novo programa esportivo da TV Horizonte, de Belo Horizonte. A estreia será nesta segunda-feira, 23 de novembro.

O programa irá ao ar de segunda a sexta-feira, das 13h às 14h, e terá apresentação do jornalista Paulo Azeredo. Os comentários ficarão a cargo de Henrique Silva, José Augusto Toscano, Victor Martins, Fábio Vital, André Cristino, Lucas Borges, Natália Fiuza, Isamara Borges, Frederico Teixeira e outros convidados. (mais…)


Dois pontos deixados em Fortaleza: esta onda de Covid que baixou na Cidade do Galo precisa ser melhor esclarecida e alguém responsabilizado

Foto: twitter.com/Atletico

O Delegado da Polícia Civil de Minas, Andre Pelli, @delegadoandre, twittou com toda razão: “Que lixo de arbitragem! Usam o VAR para oficializar a roubalheira. Expulsão absurda do Dylan Borrero. ##CBF-RJ”.

É importante ficar de olho na arbitragem, mas pouco ou nada se pode fazer, já que o domínio sobre os bastidores é misterioso, é impossível saber o que é erro e o que é má fé da arbitragem. Dito isso, vamos aos erros do Atlético, dentro e fora de campo, responsáveis diretos por péssimos resultados, como a derrota para o Athlético-PR e estes dois pontos perdidos em Fortaleza: esta onda de Covid que baixou na Cidade do Galo precisa ser melhor esclarecida e alguém responsabilizado. Como chefe da comissão técnica, Jorge Sampaoli tem que dar explicações claras sobre o que aconteceu. Afinal, que festa foi essa? O surto começou realmente a partir dela? Que profissionalismo é este, que o clube investe uma fortuna no treinador, em jogadores que ele mandou contratar e a maioria não pode atuar nos jogos do campeonato? E todos fazem muita falta, inclusive o Sampaoli que já desfalcou o banco do time em duas oportunidades anteriores por causa de cartões amarelos.

Sobre este jogo horroroso de hoje, o problema crônico da zaga continua. Igor Rabello parece um robô, desengonçado e lento, fazendo lembrar os zagueiros europeus “cintura dura”, dos anos 1970. Até o Arana foi mal como defensor, e o Zago, treinador improvisado no banco visivelmente perdido, não sabia como resolver.

Para quem briga por “menção honrosa”, vaga na Libertadores ou prêmio “consolação”, um bom resultado na capital cearense, para quem briga para ser campeão, péssimo! E o próximo adversário é o Botafogo, que luta desesperadamente contra o rebaixamento. Que o Galo não o ajude em mais uma ressurreição.


Determinação e oportunismo garantem vitória do América fora de casa e a vice liderança

Oportunismo de Léo Passos no vacilo de Pedro Ken e muita determinação garantiram a vitória americana no Paraná. Jogo difícil, na casa de um concorrente direto na briga por uma das quatro vagas do acesso, mas o América se manteve ligado durante toda a partida e buscou três pontos com muita eficiência. Bem ao estilo de Lisca, de pressionar o adversário na saída de bola, ainda no campo de defesa, saiu o gol da vitória, logo aos dois minutos. A imprensa paranaense não perdoou o volante Pedro Ken, como mostra a manchete do Globoesporte/PR:

* “Pedro Ken complica o Operário-PR com entregada e vermelho em derrota para o América-MG – Retorno do volante como titular não poderia ser pior. Em duas situações, ele deixou o gol sair e depois foi expulso no segundo tempo”

Como o Coelho não tem nada com isso e cada um com os seus problemas, vitória merecida e a vice liderança do campeonato: 

P J V E D GP GC SG
1 CHAPECOENSE 47 22 13 8 1 25 6 19
2 AMÉRICA-MG 40 22 11 7 4 22 13 9
3 SAMPAIO CORRÊA 37 22 11 4 7 33 22 11
4 JUVENTUDE 37 22 10 7 5 35 22 13
5 CUIABÁ 37 22 10 7 5 26 21 5
6 AVAÍ 33 22 10 3 9 26 28 -2
7 PONTE PRETA 33 22 9 6 7 27 29 -2
8 CRB 32 22 9 5 8 26 26 0
9 CSA 31 22 9 4 9 28 24 4
10 OPERÁRIO 29 22 7 8 7 21 20 1
11 CONFIANÇA-SE 29 22 7 8 7 23 24 -1
12 PARANÁ 29 22 7 8 7 24 27 -3
13 GUARANI 28 22 7 7 8 25 27 -2
14 BRASIL DE PELOTAS 26 22 5 11 6 19 19 0
15 CRUZEIRO 25 22 8 7 7 24 21 3
16 VITÓRIA 25 22 5 10 7 25 23 2
17 NÁUTICO 20 22 4 8 10 21 31 -10
18 FIGUEIRENSE 20 22 4 8 10 14 24 -10
19 BOTAFOGO-SP 18 22 5 3 14 13 23 -10
20 OESTE 11 22 2 5 15 13 40 -27

 

Os detalhes do jogo no Globoesporte.com (mais…)


Em casa, Cruzeiro para no Figueirense cheio de jogadores sub-20 e a luta contra a degola continua

Foto: twitter.com/Mineirao

O time voltou a jogar dentro das suas limitações técnicas e não conseguiu vencer um dos piores dessa Série B, que está em antepenúltimo lugar. Aos 11 minutos tomou gol do Léo Artur, e conseguiu empatar mais uma vez com Airton, grande nome do time, aos 35 do primeiro  tempo.

O próximo jogo será terça-feira contra o líder disparado do campeonato, Chapecoense, 21h30, em Chapecó.

A classificação

P J V E D GP GC SG
1 CHAPECOENSE 47 22 13 8 1 25 6 19
2 SAMPAIO CORRÊA 37 22 11 4 7 33 22 11
3 JUVENTUDE 37 22 10 7 5 35 22 13
4 AMÉRICA-MG 37 21 10 7 4 21 13 8
5 CUIABÁ 37 21 10 7 4 26 20 6
6 AVAÍ 33 22 10 3 9 26 28 -2
7 PONTE PRETA 33 22 9 6 7 27 29 -2
8 CRB 29 21 8 5 8 24 25 -1
9 OPERÁRIO 29 21 7 8 6 21 19 2
10 CONFIANÇA-SE 29 22 7 8 7 23 24 -1
11 PARANÁ 29 22 7 8 7 24 27 -3
12 CSA 28 21 8 4 9 27 24 3
13 GUARANI 28 22 7 7 8 25 27 -2
14 BRASIL DE PELOTAS 26 21 5 11 5 18 17 1
15 CRUZEIRO 25 22 8 7 7 24 21 3
16 VITÓRIA 25 22 5 10 7 25 23 2
17 NÁUTICO 20 21 4 8 9 20 29 -9
18 FIGUEIRENSE 20 22 4 8 10 14 24 -10
19 BOTAFOGO-SP 18 22 5 3 14 13 23 -10
20 OESTE 8 21 1 5 15 11 39 -28

 


Triunfo merecido do América numa noite inesquecível no Independência

Foto: twitter.com/AmericaMG

Há tempos eu não via um time tão determinado e disciplinado taticamente como o América neste jogo contra o Internacional. Mesmo já sem fôlego, em função da partida disputadíssima e do gramado encharcado, os jogadores conseguiram manter o equilíbrio emocional, sem cometer faltas perto da área ou jogadas atabalhoadas.

Não foi um time covarde, atacou com consciência e soube se defender com eficiência até os últimos segundos, quando tomou o gol do Yuri, aos 50 minutos, que deu a vitória aos gaúchos no tempo regulamentar. Na disputa de pênaltis, quase todas as cobranças perfeitas. Daniel Borges chutou para fora, mas dois do Inter também erraram.

Depois do jogo uma confusão entre jogadores que felizmente não gerou nenhuma consequência grave, apesar do barulho. Também faz parte!

Agora é o Palmeiras na semifinal e caso passe, enfrentará o vencedor de São Paulo e Grêmio, na final.


Atlético entrega mais três pontos de forma inacreditável, em casa

Foto: Agência Galo

Derrota em casa, para quem luta contra o rebaixamento. Time vence Flamengo e Corinthians seguidamente, volta da dar esperanças de briga pelo título e na sequência perde para o xará do Paraná, que luta para não ser rebaixado. Inacreditável!

E tão lamentável quanto a derrota foi a notícia dada pelo Cláudio Rezende, na Itatiaia, de que a comissão técnica do Sampaoli teria promovido uma festa para 60 pessoas, o que teria gerado o surto de Covid-19 na Cidade do Galo. O Cazares, que fazia festinhas com pouca gente, deve estar dando risadas. Inaceitável!

Em campo, uma zaga horrorosa, com Igor Rabelo e Bueno, além de um time desnorteado.


Jogo do Galo daqui a pouco, só pelo rádio, que trás bons fluidos, acompanhados de vitórias

Imagem: www.papodehomem.com.br/nao-cabemos-no-padrao-fifa/

 

Quem diz isso é o Pedro Vitor Canella, no comentário dele aqui no blog:

“Jogo do Atlético, hoje, não será televisionado para nenhuma esfera. Apenas poderá ser escutado por várias e varias rádios.

Eu sou supersticioso, e, posso dizer, que ouvi dois jogos do Atlético em 2020, e, nos dois, o Galo ganhou de virada, segue a sina….

Nas duas vezes, por coincidência, foi contra o Corinthians, na primeira, foi pela Itatiaia AM610, estava na serra capixaba, o placar estava 2 a 0 para o Corinthians, supersticioso que sou, cravei, que em solo mineiro, o Galo ia virar, me lembro que passava por Abre Campo, na hora do terceiro gol de Nathan!”

***

E o Renan Rodrigues lamenta a situação do time que vai a campo:

“Galo todo desfigurado… Quando não é o Var, é o Vírus.”

***

Mas, jogo em casa, brigando pelo título, é “vencer ou vencer!”


Muito dinheiro e prestígio em jogo esta noite entre América x Inter no Independência

O empate ou nova vitória do Coelho seria a coroação do trabalho exemplar da diretoria americana nos últimos anos fora de campo e da Comissão Técnica comandada pelo Lisca, dentro. O América merece demais esta ascensão que vem tendo no futebol brasileiro. E uma coisa puxa a outra. Sem resultados nos gramados, as ótimas gestões, atual e anteriores, não seriam notadas. Por isso, concentração total esta noite, em um dos jogos mais importantes da história do clube e por consequência do futebol mineiro.

O Inter vem com tudo. Eliminação hoje pode significar crise e até demissão do Abel Braga que está há nove dias no cargo. O clube se juntou ao Atlético no frete de avião para trazer Thiago Galhardo, que serviu à seleção ontem no Uruguai 0 x 2 Brasil em Montevidéu. Arana, para pelo Galo contra o Athletico-PR.

O Coelho terá que jogar tudo que pode e sabe, pois os gaúchos têm um lema que os move desde que o Rio Grande do Sul existe: “desistir, nunca!”

E o experiente Procópio Cardozo alertou via twitter: @procopiocardozo

“Não se iludam com a queda de rendimento sob o comando do Abel nem com os últimos resultados negativos. É o jogo do ano para o Internacional. Decidir com time gaúcho é duro na queda. O América terá quem vencer uma guerra para seguir na Copa do Brasil.”

No jornal Hoje em Dia, o Alexandre Simões detalha a  importância técnica e financeira para o América passar às semifinais da Copa do Brasil esta noite: @oalexsimoes

“O América terá arrecadação direta de TV maior que a do Cruzeiro, se passar pelo Inter. Isso, sem contar pay-per-view, pois aí a torcida cruzeirense faz diferença.

Chegar às semifinais da Copa do Brasil pela primeira vez na sua história, renderá ao América mais R$ 7 milhões de cota de TV e um acumulado de R$ 24,99 milhões na temporada. Isso é 150% a mais do que o clube lucrou com direitos de transmissão em 2019 e será alcançado até com um empate diante do Internacional, hoje, às 21h30, no Independência. Isso porque na partida de ida entre os dois clubes pelas quartas de final, semana passada, no Beira-Rio, o Coelho venceu por 1 a 0. O Colorado, para avançar, precisa vencer por dois gols de diferença ou por um, mas aí a decisão será por pênaltis.

Se passar pelo Inter e chegar aos R$ 24,99 milhões de TV em 2020, o América, na arrecadação direta desses direitos, estará ultrapassando o Cruzeiro, algo impensável num futuro recente.

A Raposa, até agora, soma R$ 24,2 milhões de cotas diretas, considerando-se Campeonato Mineiro, Série B e Copa do Brasil.

A vantagem cruzeirense é em relação ao pay-per-view, onde o América opta por um valor fixo, na casa dos R$ 500 mil, e o Cruzeiro por porcentagem em cima da compra feita por sua grande torcida.

No ano passado, quando jogou a Série A e foi semifinalista da Copa do Brasil, o Cruzeiro recebeu R$ 105 milhões da TV. O América, no seu balanço de 2019, lançou um ganho de R$ 10,3 milhões.

Passar pelo Internacional representa grandes façanhas pelo América, dentro e fora de campo. (mais…)


Preocupante: Jorge Sampaoli, comissão técnica e jogador infectados pela Covid-19

Em parte do treino desta segunda, Jorge Sampaoli posicionou a máscara no queixo (Foto: Bruno Cantini/Atlético)

Tomara que o treinador do Atlético não seja desses que pensam que essa pandemia é uma “gripezinha”. Vendo fotos como esta, do treino de hoje, vem a lembrança de uma das recomendações das autoridades da saúde: máscara no queixo não adianta!

E atrás dele, há outros, sem máscara. Aí não tem jeito. A pandemia não acabou, todos corremos risco, todos temos que nos cuidar. O futebol precisa ser aliado na divulgação das práticas anti transmissão da doença.

Notícia do Superesportes:

* “Jorge Sampaoli, zagueiro e sete profissionais do Atlético testam positivo para a Covid-19”

Além do treinador, seis integrantes de sua comissão foram infectados

Surto de COVID-19 no Atlético. O clube informou nesta segunda-feira à noite que o técnico Jorge Sampaoli, o zagueiro Gabriel e mais sete profissionais dos departamentos de futebol e comunicação testaram positivo para o coronavírus.

Além de Sampaoli, seis integrantes de sua comissão técnica foram infectados: o gerente Gabriel Andreata; o auxiliar Jorge Desio; o preparador físico Pablo Fernandez; o auxiliar de preparação física Marcos Fernandez; o treinador de goleiros Danilo Minutti e o analista de desempenho Frederico Fortes.

O diretor de comunicação do Atlético, Domênico Bhering, também testou positivo.

Os exames foram realizados nesta segunda-feira. Segundo o clube, “todos aqueles que testaram positivo estão assintomáticos ou com sintomas leves e já se encontram devidamente isolados”.

Jorge Sampaoli comandou o treinamento do time normalmente nesta segunda-feira. Em uma das fotos divulgadas pelo Atlético, ele aparece com a máscara posicionada na altura do queixo (foto acima).

Aos 60 anos, Sampaoli faz parte do grupo de risco da COVID-19.

A próxima sessão de exames de COVID-19 do elenco está inicialmente programada para sexta-feira, dia 20, mas há possibilidade de antecipação diante dos testes positivos desta segunda.

Casos anteriores

Outros dois atletas do elenco profissional já estavam fora porque haviam sido diagnosticados com COVID-19 na semana passada: o atacante Sávio e meio-campista Alan Franco.

Sávio teve teste positivo no dia 13 de novembro, durante período de treinos e amistosos da Seleção Brasileira Sub-17. Já Alan Franco soube que estava infectado no dia 14, em fase de preparação da Seleção Equatoriana para os jogos das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022.

O primeiro caso de coronavírus no elenco atleticano foi o meia equatoriano Cazares, no fim de maio. O jogador não estava nos planos de Sampaoli e se transferiu em definitivo para o Corinthians em setembro.

Incerteza diante do Furacão

O Atlético enfrentará o Athletico-PR na próxima quarta-feira, às 19h, no Mineirão, em Belo Horizonte, em jogo remarcado e válido pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro.

O clube ainda não informou quem comandará o time à beira do campo, uma vez que toda a comissão técnica de Sampaoli está infectada.

Os nove infectados com COVID-19 no Atlético:

Jorge Sampaoli (treinador)

Gabriel Andreata (gerente de futebol)

Jorge Desio (auxiliar técnico)

Pablo Fernandez (preparador físico)

Marcos Fernandez (auxiliar de preparação física)

Gabriel (atleta)

Domênico Bhering (diretor de Comunicação)

Frederico Fortes (analista de desempenho)

Danilo Minutti (treinador de goleiros) (mais…)


Página 1 de 1.17012345...102030...Última »