Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

O misterioso, absoluto e cada vez maior poder da arbitragem coloca o futebol sob suspeita

CAMCAP

Ao conseguir impedir que árbitros brasileiros apitassem os jogos contra o São Paulo pelas oitavas de final da Libertadores em 2013, o então presidente Alexandre Kalil dava um passo importante para a conquista do título. Como é impossível trazer estrangeiros para apitar os seus jogos pelo Brasileiro, a cada jogo é um que apronta lambanças contra o Atlético.

Grande jogo no Independência até a estranha expulsão do Marcos Rocha aos 48 minutos do segundo tempo. O time desperdiçava oportunidades com Pratto, Thiago Ribeiro e Luan e o árbitro deitava e rolava distribuindo mais cartões até apitar um pênalti inexistente do Victor.

Lá do Rio, o jornalista Chico Pinheiro, com razão, twittou: “ ‏@chico_pinheiro “Marcelo de Lima Henrique. Uma cara da sujeira no futebol brasileiro!”.

Possivelmente se estivessem jogando até agora o resultado seria 1 a 0 para o Atlético-PR porque este carioca que apita pela federação pernabucana não deixaria o placar mudar.


Valeu a força da camisa para o Cruzeiro buscar três pontos em Campinas

VINI

Vinícius Araújo comemora o gol da vitória, em foto do Superesportes

O primeiro tempo foi muito ruim, mas o segundo valeu o ingresso e o Cruzeiro retorna aliviado de Campinas depois deste 2 x 1 sobre a Ponte Preta. O futebol dos comandados esta noite pelo Deivid foi o mesmo dos jogos anteriores e nem poderia ser diferente, tanto que o árbitro e o bandeira pernambucano Emerson Luiz Sobral e o seu auxiliar Bruno César Chaves Vieira, também de Pernambuco, deram uma força considerável para que a vitória acontecesse. Quando o jogo estava 1 a 1, aos 37 do segundo tempo, o atacante Borges, da Ponte, foi agarrado e derrubado dentro da área pelo Manoel, e nenhum dos dois quis marcar nada. Lance claro. Pouco depois, a Ponte marcou um gol, em posição legal, porém a arbitragem deu impedimento. Mas foi um lance difícil e só mesmo através da televisão repetindo para se ter certeza. A velha história: na dúvida, a favor da camisa mais forte.

Importante mesmo foram os três pontos que afastaram o time da zona do rebaixamento e que dão moral para o começo do trabalho do Mano Menezes, que será apresentado na sexta-feira na Toca da Raposa.

O time desta noite: Fábio; Ceará, Manoel, Bruno Rodrigo e Pará; Willians, Henrique e Ariel Cabral (Marcos Vinícius); Allano (Marquinhos), Willian e Leandro Damião (Vinícius Araújo).
Técnico: Deivid

Gols: Willians, aos 42 do primeiro tempo; Biro Biro, aos 13, e Vinícius Araújo aos 48 da etapa final.


Galo precisa da vitória no Horto e secar o Corinthians mais tarde

MANSUR

A maioria dos amistosos da seleção brasileira serve para valorizar jogadores, gerar grandes negócios e muito dinheiro para empresários e demais envolvidos diretamente. Também para desfalcar os clubes em péssimo momento como agora, quando tira um Douglas Santos do Atlético, que tem dificuldades para repor a peça faltante na lateral esquerda.

A tendência é que Patric, que está em bom momento, ocupe a vaga. Este Mansur (foto no dia da apresentação) é uma incógnita; uma aposta da diretoria que o contratou ao Vitória-BA, na esperança de ter conseguido um jogador “bom e barato”, como às vezes acontece e dá certo. Chegou a ser reserva do Diego Renan. Como diz o José Luiz Gontijo, “está sob observação”, entra na cota do “vamos aguardar”, para ver se é reforço ou apenas mais uma contratação.

Outro desfalque importantíssimo é no meio campo, onde o Rafael Carioca está suspenso e será substituído por Josué ou Dátolo. Para começar o jogo, prefiro o Dátolo; Josué é para segurar um resultado, para esfriar a partida e sossegar o adversário quando este está em busca de um gol desesperadamente.

No mais, que alguém cubra Marcos Rocha e também o Leonardo Silva para que o time não tome gols como tem tomado e o capitão não seja expulso de novo. Ou alguém duvida que o Atlético-PR usará o contra ataque como principal arma?

O time provável: Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Jemerson e Patric (Mansur); Leandro Donizete, Dátolo (Josué), Giovanni Augusto, Luan e Thiago Ribeiro; Lucas Pratto.


Mano Menezes é bom, mas se o time não reagir, terá o mesmo destino de Vanderlei Luxemburgo, com a diferença da multa contratual maior

Mano

Mano Menezes se juntou à delegação do Cruzeiro em Campinas. Nesta foto do Globoesporte.com ele aparece com o supervisor Benecy Queiroz e o diretor de comunicação Guilherme Mendes.

* * *

Depois de uma avalanche de erros o Cruzeiro tenta recomeçar bem a vida esta noite. O presidente Gilvan de Pinho Tavares disse que demitiu Marcelo Oliveira e contratou Luxemburgo porque alguns jogadores pediram. Contratou o diretor Isaías Tinoco porque o Luxemburgo pediu. Agora disse que por culpa da imprensa e da pressão “insuportável” da torcida demitiu a dupla e contratou Mano Menezes, que já está em Campinas, mas vai apenas assistir ao jogo desta noite contra a Ponte Preta.

Mas para que a crise vá embora só uma sucessão de bons resultados. Mano Menezes é um dos atuais técnicos da moda do futebol brasileiro. Ficou nove meses sem trabalhar porque nenhum clube quis bancar o patamar salarial a que ele chegou. Dos mais caros do país. Não é milagreiro, mas é reconhecidamente bom treinador. Caso o time comece a ganhar será alçado à condição de “herói”, caso mantenha o ritmo da campanha atual, não tenham dúvida que terá o mesmo destino do Vanderlei Luxemburgo, mesmo com contrato mais longo. O que agarrou um pouco para que ele assinasse com o Cruzeiro foi o valor da multa contratual, não revelada, mas certamente nada barata.

David.php

Para esta noite o interino David (em foto do SuperFC) contará com Leandro Damião, que foi poupado contra o Santos, e o lateral Pará. Marinho, suspenso, Arrascaeta, Mena e Alisson convocados para as seleções são desfalques.

No frigir dos ovos quem faz falta mesmo é o Alisson.


Mais uma rodada para mexer com os nervos, embaixo e em cima da tabela de classificação

Toda rodada do Brasileiro, a partir da primeira, é decisiva, porém quando chega a reta decisiva e os 20 clubes já deram mostras suficientes de aonde podem chegar e que o almejam, o Campeonato fica melhor ainda e atrai a atenção de todo o público que torce por algum time ou apenas gosta de futebol.

A 22ª rodada tem jogos em horários distintos e quase todos interessam diretamente a atleticanos e cruzeirenses, que além de torcer para si, secam adversários e torcem por outros, interesseiramente, pelas primeiras posições ou rebaixamento. Mas Cruzeiro x Ponte Preta em Campinas, 19h30; Atlético x Atlético-PR no Independência, 21, e Corinthians x Fluminense às 22 horas são especiais para nós.

A obrigação de vencer põem pressão em jogadores e comissões técnicas cujas cobranças são proporcionais à expectativa que se tem de cada um. O Galo não pode perder pontos, em casa ou fora, sob pena de vencer o Corinthians se distanciar. O time paulista em situação semelhante já que quatro pontos de vantagem são consideráveis, mas em apenas duas rodadas tudo pode mudar. Já tivemos viradas inacreditáveis no Brasileiro porque a disputa por pontos corridos proporciona isso. Quem está bem na fita pode entrar em crise em caso de tropeços e quem está no desespero pode se aliviar. Os resultados dentro de campo é que decidem!

CLASSIFICAÇÃO PG J V E D GP GC SG %
Corinthians 46 21 14 4 3 33 15 18 73
Atlético-MG 42 21 13 3 5 37 20 17 67
Grêmio 38 21 11 5 5 29 17 12 60
Palmeiras 34 21 10 4 7 36 22 14 54
São Paulo 34 21 10 4 7 29 23 6 54
Atlético-PR 33 21 10 3 8 26 23 3 52
Fluminense 33 21 10 3 8 24 22 2 52
Sport 31 21 7 10 4 32 24 8 49
Santos 30 21 8 6 7 31 26 5 48
10° Flamengo 29 21 9 2 10 24 29 -5 46
11° Chapecoense 28 21 8 4 9 18 21 -3 44
12° Internacional 28 21 7 7 7 16 24 -8 44
13° Ponte Preta 27 21 6 9 6 21 24 -3 43
14° Figueirense 26 21 7 5 9 21 27 -6 41
15° Avaí 23 21 6 5 10 23 33 -10 37
16° Cruzeiro 22 21 6 4 11 15 21 -6 35
17° Goiás 22 21 5 7 9 19 19 0 35
18° Coritiba 22 21 5 7 9 14 23 -9 35
19° Joinville 19 21 5 4 12 17 25 -8 30
20° Vasco 13 21 3 4 14 8 35 -27 21

Apitador mete a mão, América perde e sai do grupo de classificação

AFC

Este Vinícius Furlan (SP) é fraco mesmo. Como diria o José Luiz Gontijo, “péssimo dos péssimos”. Hoje a vítima desse incompetente foi o América que perdeu de 2 a 1 para o Santa Cruz em Recife, com o primeiro gol pernambucano irregular. Comentado até pelo ESPN: “Sem artilheiros e com gol irregular, Santa Cruz vence América-MG e tira rival do G-4”.

Com a derrota o Coelho saiu da terceira posição para a sexta, com 36 pontos. Sexta-feira pega o Bragantino no Independência, com a obrigação de vencer.

A classificação:

1º Botafogo – 39 2º Vitória – 38 3º Sampaio Corrêa – 38 4º Bahia – 38 5º Paysandu – 37 6º América-MG – 35 7º Náutico – 35 – 8º Santa Cruz – 34 9º Criciúma – 32 10º Bragantino – 31 11º Paraná – 29 12º CRB – 28 13º Luverdense – 28 14º Macaé – 28 -15º Atlético-GO – 27 16º Oeste – 26 17º Boa Esporte – 23 18º ABC – 20 19º Ceará – 18 20º  Mogi Mirim – 18


Cruzeiro acerta com Mano Menezes, que foi um dos melhores treinadores da seleção brasileira nos últimos anos

TERRA

Foto do portal Terra

O Cruzeiro anunciou agora há pouco em seu site oficial a contratação de Mano Menezes:

*  “Mano Menezes é o novo treinador do Cruzeiro Esporte Clube”

Angel Drumond

O Cruzeiro anunciou no começo da tarde desta terça-feira a contratação do técnico Mano Menezes. Gaúcho de Passo do Sobrado, Mano Menezes vai treinar o Cruzeiro pela primeira vez na carreira e já acompanha a equipe estrelada nesta quarta-feira em Campinas-SP, onde vai assistir o jogo contra a Ponte Preta, pelo Campeonato Brasileiro. Com o novo técnico, chegarão para trabalhar na Toca da Raposa o seu assistente Sidnei Lobo e o preparador físico Eduardo Silva.

Técnico experiente, Mano Menezes está com 53 anos e dirigiu a Seleção Brasileira de 2010 até 2012. Foram 39 partidas, com 26 vitórias, seis empates e sete derrotas. Além da seleção canarinho, Mano dirigiu Grêmio, Corinthians e Flamengo, além de equipes do interior do Rio Grande do Sul.

Seus principais títulos na carreira como treinador de clubes foram a Série B do brasileirão de 2005 e os Campeonatos Gaúchos de 2006 e 2007, com o Grêmio. Pelo Corinthians foram a Série B do brasileirão de 2008, Copa do Brasil de 2009 e o Campeonato Paulista de 2009.

MANO MENEZES

Nome completo: Luiz Antônio Venker Menezes

Nascimento: 11/06/1962 (Passo do Sobrado-RS)

Carreira: Guarani, de Venâncio Aires-RS (1997-2002), Brasil de Pelotas-RS (2002), Iraty-PR (2003), Guarani, de Venâncio Aires-RS (2003), 15 de Novembro-RS (2003-2004), Caxias (2004-2005), Grêmio (2005-2008), Corinthians (2008-2010), Seleção Brasileira (2010-2012), Seleção Brasileira Olímpica (2012), Flamengo (2013), Corinthians (2014) e Cruzeiro (desde 09/2015)

Títulos: Campeonato Gaúcho 2002, 2006 e 2007; Campeonato Brasileiro Série B 2005 e 2008; Campeonato Paulista 2009; Copa do Brasil 2009

http://www.cruzeiro.com.br/index.php?section=conteudo&id=7520


Visita de Ronaldinho Gaúcho ao vestiário do Galo irritou a torcida do Fluminense

R10

Ronaldinho Gaúcho jogou quase nada contra o Atlético mas continuou sendo o assunto do jogo na segunda-feira, por causa da visita que fez ao vestiário do Galo, onde levou camisas do Fluminense e tirou fotos.

Antes do jogo ele deu show de simpatia tratando o Atlético e aos seus ex-companheiros com todas as gentilezas. Foi ao banco de reservas, abraçou a todos e bateu papo com o Levir Culpi.

Mas a torcida do Fluminense ficou irritada, já que além de jogar mal, ele trocou o nome do tricolor pelo Flamengo na coletiva e as fotos no vestiário do Galo foram para a internet, postadas pelo Victor no instragram.


Demissão do Vanderlei Luxemburgo cria novas expectativas no Cruzeiro

LUXGIL

Luxemburgo em seus últimos momento com Gilvan na Toca da Raposa, em foto do Superesportes.

A pressão estava forte demais e vem apenas confirmar a velha máxima: “no futebol não há verdade que dure 24 horas”. Dr. Gilvan jurava de pés juntos que não o demitiria, mesmo se perdesse para o Santos.

Ele deve ter “pedido” pra sair, mediante obviamente, o pagamento integral do seu salário até o fim do contrato. Uma boa saída!

Quarta-feira tem jogo contra a Ponte Preta lá e seja quem for quem comandará o time já atrairá esperanças mais positivas de dias melhores para o time.


“Futebol inglês é mais rico e competitivo do mundo porque distribui $ com mais igualdade.”

MENIN

Falou quem conhece: Rubens Menin, Presidente do Conselho de Administração da MRV Engenharia, Banco Intermedium, LOG Commercial Properties, Urbamais, AHS Development Group e Presidente da Abrainc.

rubensmenin

No twitter dele, onde reproduziu este quadro comparativo da distribuição da verba no Brasil.


Página 1 de 85612345...102030...Última »