Warning: "continue" targeting switch is equivalent to "break". Did you mean to use "continue 2"? in /home/blog/www/wordpress/wp-includes/pomo/plural-forms.php on line 210
Blog do Chico Maia | O seu espaço interativo

Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Campeonato Mineiro começa nesta terça-feira, com os favoritos de sempre

Imagem: Golzaço – www.youtube.com/watch?v=a_DSg8XRoho

O campeão será o Atlético, o Cruzeiro ou o América? Teremos algum jogador revelação do interior que possa despertar interesse em um dos três grandes da capital? Teremos algum time do interior se destacando a ponto de chamar a atenção até da mídia nacional? Será que teremos também um árbitro revelação?

Na fórmula repetitiva de décadas, é difícil o campeonato estadual voltar a empolgar os torcedores como em outros tempos. Num dos próximos textos aqui, lembrarei o palpite que já dei, do que seria uma fórmula interessante para justificar a existência dos estaduais.

Até lá, vamos ao que diz o Fernando Rocha, grande radialista/jornalista de Ipatinga, na coluna dele no Diário do Aço:

“Chegou o dia”

Finalmente chegou o dia da bola rolar pondo fim a este ciclo em que as notícias saem mais dos bastidores, com protagonismo de  empresários e cartolas anunciando contratações e negócios mirabolantes  que quase sempre não se concretizam.

O jogo de abertura será às 21hs,  em Poços de Caldas, entre  Caldense x América, no caso do Coelho utilizando um time mesclado, pois os jogadores da temporada de 2021 só iniciaram os treinamentos pós-férias no último dia 10.

Quarta-feira será a vez do Galo e Raposa fazerem suas estreias contra o Villa Nova, em Nova Lima e URT de Patos de Minas, no Mineirão, respectivamente.

O Atlético agora comandado pelo técnico argentino, Antônio “Turco” Mohamed, vai em busca do tricampeonato estadual e também deve começar a disputa com time alternativo, pois os titulares ainda estão no regime de pré-temporada.

Só incertezas

O torcedor cruzeirense está cada vez mais apreensivo, sem saber até mesmo qual o time que irá a campo pela primeira rodada do Mineiro.

Se conseguir pagar a dívida de aproximadamente R$ 23 milhões na Fifa, o “transfer ban”, cujo prazo termina nesta terça, o clube será liberado para registrar os reforços contratados, podendo usá-los na estreia do Estadual. Caso contrário deve escalar um time com os garotos do Sub-20, que disputaram recentemente a Copa São Paulo de Juniores.

Apesar de tudo, as previsões quanto ao futuro campeão, que sempre giram em torno de Atlético, Cruzeiro ou América como favoritos absolutos ao título, não devem falhar.

Acho pouco provável que surja no interior um novo Ipatinga, que conquistou o estadual de 2005, e quebrou o tabu de quatro décadas sem um clube do interior levantar a taça.

FIM DE PAPO

* Sempre vendendo o almoço para comprar o jantar, os clubes do interior ainda tiveram este ano a verba da TV, que era de R$ 1 milhão para cada um, reduzida à metade. A exceção neste cenário de enormes dificuldades financeiras é o Tombense, um clube muito organizado, que  este ano vai fazer a maior temporada da sua história, devido ao acesso conquistado para disputar a Série B do Campeonato Brasileiro.

* A Caldense e o Pouso Alegre, representantes do sul do estado, sempre montam boas equipes, que dão trabalho dentro de casa aos times da capital. A nossa região será representada pelo Democrata de Gov. Valadares, mas segundo colegas da imprensa local o objetivo da Pantera este ano é nada além de se manter na primeira divisão.

* O Campeonato Mineiro ainda tem seu romantismo e importância para o torcedor do  interior do Estado, pois para muitos é a única oportunidade de ver de perto seus ídolos dos times da capital. Caso Galo e Coelho de fato usem times alternativos na primeira fase da disputa, haverá uma grande frustração nas cidades que sediarão jogos do estadual.

* O Cruzeiro foi o primeiro  mas não o único a se transformar em clube-empresa. Os empresários Vinícius Diniz e Victor Felipe Oliveira, por meio da V2 Participações, compraram 49% das ações e se tornaram sócios do pequeno Athletic de São João Del Rey, que vai disputar pelo segundo ano consecutivo a divisão de elite do Campeonato Mineiro. Os investidores entenderam que o Athletic é viável por ser um clube organizado administrativamente, não possui dívidas e tem excelente estrutura nas categorias de base. (Fecha o pano!)


O Atlético de 2022 precisa de laterais e mais zagueiros. Riascos diz que “El Turco” é ótimo comandante de grupo

Riascos em foto no www.minasgerais.ig.com.br

O meio campo do Atlético e o ataque, setores mais difíceis de se conseguir grandes jogadores, continuam muito bem servidos. Diego Costa foi ótimo, mas já foi e não fará falta tão significativa.

Por tudo que tenho visto e ouvido, El Turco vai dar conta do recado no lugar do Cuca. É estrategista e sabe lidar com os boleiros, de todas as faixas, de recém promovidos da base às estrelas. Circula um vídeo do Riascos (veja na minha página no facebook: https://www.facebook.com/blogdochicomaia/videos/475433313947830), que foi jogador dele no Tijuana, que atesta isso. Enche a bola dele como líder, desses que sabem conversar e cobrar. Entrevista concedida ao Henrique André (@ohenriqueandre), da  Itatiaia, em que confirma isso, 

Sobre o elenco, entendo que a necessidade urgente é para as laterais. Na direita, Mariano é bom, mas os 3 já pesam bastante. Além do mais, não tem reserva à altura. Guga é ótimo de marketing “interpessoal”, mas fraco demais como jogador de futebol. Na esquerda, Arana é o melhor do país, mas está na mira da Europa. Se for embora, precisa de uma peça de reposição para ser titular. Dodô é um reserva razoável; um Guga melhorado, mas não tem bola para ser o dono da posição.

A dupla de zaga continua boa. Diego Godin foi uma ótima contratação, mas precisará de um companheiro mais jovem ao lado. Nathan é muito bom, mas só ele, que segundo se comenta, poderá ser negociado a qualquer momento. Réver está se aposentando, aguenta 45 minutos em alto rendimento. Igor Rabelo é lento, cintura dura, fraco.

Entre os comentaristas aqui do blog, valem considerações sobre o que dizem o Renan Rodrigues e o Sílvio Torres:

Renan Rodrigues

“… Não concordo com Mohamed indicando barca para o Galo. Soteldo, caríssimo pra uma posição que já temos Keno. Indicou centroavante da seleção peruana, que já tem 31 anos e marca pouquíssimos gols. O Galo já tem excelente plantel, não necessita de barca.”

 

Silvio Torres

“… vazaram o currículo do El Turco para toda a “imprensa atleticana” debochar à vontade do novo treinador. Agora, vazam fotos de um tal “batismo” do zagueiro Godin. O cara rastejando e dançando como um idiota. Os adversários devem estar vendo as cenas ridículas e pensando: é isso o novo xerifâo? PQP…”

Realmente!


De 8 a 800, no Mineiro e no Brasileiro: o futuro incerto do Cruzeiro, sob comando do Ronaldo

Em foto do Gustavo Aleixo/Cruzeiro, o uruguaio Paulo Pezzolano, incumbido da missão de devolver o Cruzeiro à Série A. Muito bom histórico no Uruguai e no México.  

Pior do que estava não dava para ficar. Depois dos vendavais Wagner Pires, Gilvan e etecetera, Sérgio Santos Rodrigues foi outra gestão estranha e complicada que o Cruzeiro teve. Até agora ninguém conseguiu decifrar essa correria para se transformar em clube/empresa, passando a bola em tempo recorde para o Ronaldo, sem envolver cruzeirenses de verdade, grandes empresários que têm ajudado ao clube e que deveriam ter participado deste processo. E mais: Ronaldo está dentro do prazo para fechar definitivamente o negócio ou sair fora.

Na seção Palavra Aberta, de todo sábado, no Jornal da Itatiaia, a rádio ouviu dois entendedores do assunto SAF, clube/empresa. Gente pouco conhecida do grande público, mas que se prepararam para este novo momento do futebol, especialmente no Brasil. Um ex-vice presidente do Flamengo, Cláudio Pracownik, que ajudou o presidente Bandeira de Mello a arrumar as contas do Urubu, e Fernando Ferreira, sócio-diretor da Pluri Consultoria, empresa muito conhecida e conceituada do ramo no Brasil.

Uma frase marcante de cada um:

Foto: colunadofla.com

“A SAF veio para acabar com a ditadura do associativismo no futebol brasileiro” (Cláudio).

***

Foto: www.soderbi.com.br/ponte-preta

“Muita gente está achando que a SAF será uma ‘Serra Pelada’ do futebol do país”. (Fernando)

Depois de ouvir quase 40 minutos de ótimo bate papo, a conclusão é simples: tudo depende do gestor contratado para comandar a SAF. Se for competente, sucesso; caso contrário, mais uma empresa falida e ou mudando de controle acionário.

Vale demais acessar e ouvir:

https://www.itatiaia.com.br/central-de-audio/13/palavra-aberta


Wellington Paulista é profissional sério e deverá ser muito útil ao América

O twitter Glória Tradição, de apoio ao Fortaleza postou e eu comentei em seguida:

@gloriatradicao “Ontem, após o treinamento, o atacante Wellington Paulista se despediu dos atletas e funcionários do Fortaleza. Após 3 anos, 4 títulos, 2 vagas para competições internacionais e 42 gols marcados, Wellington vai vestir a camisa do América MG. Muito obrigado por tudo, WP9.”

chicomaiablog

Muito boa aquisição. Continua jogando em alto rendimento e é profissional sério.

O Dr. Stefano Venuto Barbosa, meu conterrâneo, que àquela altura já deveria ter tomado uns “chás com torradas”, e atleticano, que não gosta do jogador, discordou e entrou de sola:

@StefanoVB “Chico, ele nunca teve algo rendimento, ele só continua jogando. Mas eu entendi, domingo, depois de umas 4 * Vitorinas e uma meia dúzia de geladas o jornalista não quer guerra com ninguém.”

***

Ora, ora, alto rendimento físico é diferente de ser craque. Craques, temos poucos no país. Wellington Paulista, com os seus 38 anos de idade, continua correndo muito, alto rendimento físico, boa média de gols, muito bom finalizador, ótimo cobrador de pênaltis, profissional correto, diferente de muitos picaretas que enganam e roubam dos clubes que os contratam, como exemplo recente que tivemos de um ex-jogador também do Cruzeiro.

* Em tempo, Vitorina é uma das melhores cachaças de Minas e do Brasil, alambicada em Fortuna de Minas, pelo ex-goleiro do Cruzeiro (anos 1980/1990), Vitor Braga


Começam os estaduais: Athletic, de São João Del Rei, que também se tornou SAF, já dispensou o atacante Danilinho, ex-Galo

No dia 3 de dezembro o jogador foi anunciado como o grande “reforço” para a temporada. Ontem, teve a dispensa anunciada, sem maiores detalhes. A bela e acolhedora cidade e adjacências têm ótimos bares, restaurantes e boates.

A nota oficial do clube:

“O Athletic Club informa que, em comum acordo com o atleta Danilinho, foi feito o desligamento do jogador.

O Clube agradece ao atleta pelos serviços prestados, deseja sorte e informa que as portas estarão sempre abertas para um retorno.”

O Athletic estreia no Estadual na próxima quarta-feira, contra o Uberlândia, no Parque do Sabiá, às 20h.”

Mais detalhes sobre a SAF Athletic, no www.gmonline.com.br/agenciaestado

* “Athletic Club vira empresa e se inspira na Chapecoense para chegar à Série A”

Em Minas Gerais, o Cruzeiro foi o primeiro, mas não o único a se transformar em clube-empresa, depois de ser comprado por Ronaldo Fenômeno por R$ 400 milhões. Há no interior do Estado um pequeno time com planos ambiciosos, o Athletic Club. A equipe, que disputa a primeira divisão do Campeonato Mineiro, também se tornou Sociedade Anônima do Futebol (SAF), ao ser adquirida pela empresa V2 Participações, e tem como espelho a trajetória da Chapecoense para chegar à elite do futebol nacional.

Por meio da V2 Participações, os empresários Vinícius Diniz e Victor Felipe Oliveira adquiriram 49% de participação no controle do Athletic, que esteve em evidência no início do ano pela contratação do uruguaio Loco Abreu. Os investidores consideram a modesta agremiação de São João del-Rei uma joia rara porque é organizada, não tem dívida e faz um trabalho relevante nas categorias de base. Com 49% das ações, os empresários não têm o controle definitivo das ações do clube. No caso do Cruzeiro, Ronaldo adquiriu 90%.

“Achamos que um time com menos rodagem no futebol profissional traz uma vantagem. Um time grande geralmente possui um passivo muito grande e, obviamente, valores mais altos para ser adquirido. Pensamos num clube em que é possível melhorar a governança, a gestão e a parte administrativa. Com isso, ele vai chegar aonde a gente quer”, explica ao Estadão Vinícius Diniz, um dos sócios gestores. Diniz, de 44 anos, é empresário do ramo de construção civil. “Vamos fazer do Athletic a quarta ou quinta força de Minas para depois aparecer no cenário nacional”, promete. (mais…)


Começam os estaduais. Em Pernambuco, um marginal, torcedor do Náutico posta imagens dentro do estádio de teste positivo para Covid

Menos mal que a Polícia Militar o caçou, achou e o prendeu. Lamento que tenham desfocado a foto do sujeito antes de postarem nas redes sociais. A cara dele merecia ficar bem conhecida em todo o país. O Náutico venceu o Ibis por 3 x 0. A notícia no site Futebol Interior:

* “Torcedor foi preso, mas não há punição à vista para o Náutico que não fiscalizou e colocou vidas em perigo”

Recife, PE, 22 (AFI) – A fiscalização do Náutico na entrada dos Aflitos, em Recife, era só de “mentirinha”. Tanto é verdade que um torcedor, mesmo com Covid-19, conseguiu entrar no estádio para acompanhar a vitória alvirrubra, por 3 a 0, sobre o Íbis na abertura do Campeonato Pernambucano.

E os absurdos não param por aí. O tal torcedor fez o teste de Covid-19 nas imediações do estádio, tudo organizado pelo Náutico. Não satisfeito e já dentro dos Aflitos, ele postou em suas redes sociais o exame com a expressão: “Balão”.

Doente, mas feliz da vida por ter burlado a ‘fiscalização’ do Náutico e sem se preocupar em contaminar os outros, o tal torcedor ainda fez uma selfie e postou em suas redes sociais com a expressão: “Tropa da covid”. Logo depois, porém, acabou preso pela Polícia Militar de Pernambuco (PMPE).

NOTA OFICIAL!
“Recebemos a denúncia de que um torcedor teria entrado nos Aflitos com teste para Covid-19 positivo. Acionamos a Polícia Militar que prontamente identificou e retirou o irresponsável, dando voz de prisão.

Vamos reforçar nossa fiscalização para que casos como esse não acontecem mais. Porém, contamos com a consciência de cada um, pois o que está em jogo vai além das quatro linhas, é a vida do outros torcedores”, informou o Náutico em nota oficial.

https://www.futebolinterior.com.br/fiscalizacao-do-nautico-falha-torcedor-com-covid-19-entra-no-estadio-e-e-preso/


América sai de cabeça erguida da Copa SP que teve violência e até faca no gramado na eliminação do São Paulo  pelo Palmeiras

O Coelho foi derrotado pelo Santos, 3 a 0, na sexta-feira e terminou em quarto lugar, numa competição que envolve 128 times. Na outra semifinal, ontem, palhaçada de marginais da torcida do São Paulo, que invadiram o gramado, tentaram agredir um jogador do Palmeiras e foi encontrada uma faca no gramado.

Hoje, a Federação Paulista  e o São Paulo soltaram notas repudiando “veementemente” a violência. Aquele comunicado protocolar, que deixa tudo como está para ver como é que fica, em que ninguém é punido e vida que segue. É o Brasil nosso  de cada dia, de norte a sul, leste a oeste.

Sobre a ótima performance do América, a opinião de dois americanos sempre presentes aqui no blog: Marcio  Amorim e Ed Diogo:

* Marcio Amorim

Caros Chico e amigos!
Volto para ser coerente com a minha fala anterior. Não protagonizamos a surpresa que eu esperava e deu a lógica: Santos 3 x 0. Não que o Santos seja lá essas coisas. O jogo foi muito igual, com um pequeno domínio do Santos. Após levar o gol, o América acordou, dominou e sofreu um gol por pura inocência de um futuro grande goleiro, o Cássio, que poderia ter deixado a bola passar. Não havia mais nenhum atacante do Santos, a não ser o que recebeu a bola de mão beijada.
A partir daí, o que era difícil ficou impossível com 2 x 0 de forma inesperada.
Enfim, o que mais parecia um milagre, estar na semifinal, sonho de Corínthians, Flamengo, Flu, Bota, Vasco, Atlético MG, Cruzeiro, Inter, Grêmio, etc., etc., etc. este milagre coube orgulhosamente ao América MG.
O grupo é muito bom e vai ganhar experiência para disputar ainda umas três Copinhas. Adson, Diogo, Cássio, Kantê, Teo e outros vão adquirir experiência e devem, sim, ser chamados para uma atuação ou outra no grupo principal. A imprensa paulista não economizou elogios a esses atletas principalmente. Pena que o sucesso do adversário tenha sido motivo para um ou outro sair chamando pessoas que nem conhece de imbecis, só porque defendem o time do coração neste espaço. E sem agredir ninguém.
Como disse certo filósofo do futebol, de cujo nome não tenho conhecimento: “futebol é a coisa mais importante entre as que não têm importância nenhuma”.
Parabéns Coelhão(zinho)! Nada ia tirar o brilho da campanha. Como não tirou.

***

* Ed Diogo

O Coelhão continua fazendo história tanto o profissional quanto as categorias de base como foi mostrado no campeonato mineiro da categoria e agora na copa São Paulo com a maioria sub17/18 e superamos 124 clubes . Parabéns jovens promessas parabéns diretoria estamos no caminho certo.
Acredita Coelhão

***

O Globoesporte.com mostrou imagens da invasão de campo por torcedores do São Paulo:

* “Jogador do Palmeiras encontra faca no gramado após torcedores do São Paulo invadirem gramado na Copinha; veja o vídeo da confusão”

Nos acréscimos, são-paulinos pularam no gramado e tentaram agredir jogadores do Verdão; delegado conclui, em análise preliminar, que arma foi arremessada da arquibancada

https://ge.globo.com/futebol/copa-sp-de-futebol-junior/noticia/torcedores-do-sao-paulo-invadem-campo-na-copinha-e-tentam-agredir-jogador-do-palmeiras-faca-e-encontrada.ghtml


Toda força ao Coelhãozinho esta noite, 20 horas, contra o Santos, em São Caetano

Três comentaristas do blog que sabem tudo do América, deram informações e opiniões muito interessantes sobre o júnior do Coelho, que decide vaga para a final da Copa São Paulo:

Marcio Amorim

Caros Chico e amigos!
Considero que, independentemente do desfecho da Copinha, para nós, americanos, os nossos meninos são os grandes vencedores. Em um torneio em que os empresários comandam o espetáculo, jorrando dinheiro pelo ladrão, os meninos do América estragaram uma festa paulista. Ocuparam o espaço destinado ao Corínthians que comporia o quarteto da festa do aniversário da cidade.

Não podemos nos esquecer jamais que, há poucos dias, o América se sagrou campeão mineiro sub-20, tendo desfeito todo o time, destinando 6/8 atletas ao grupo principal. Está, lá em SP, uma outra geração.
Realisticamente analisando as finais, podemos concluir que o América é o time mais fraco fisicamente, comparado aos demais semifinalistas, até mesmo em função da baixa idade do time. Parece-me, outrossim, que o preparo psicológico não é dos melhores. O time sentiu a responsabilidade de enfrentar um grande (pelo menos no nome), o Botafogo, e teve uma atuação muito abaixo do que vinha apresentando.
Achou um gol, perdeu outro e se pôs a jogar recuado, com o adversário no seu campo praticamente em todo o jogo. Tática arriscada e suicida. Não fosse o Botafogo um time sofrível, não estaríamos entre os quatro.
Se considerarmos que eram 128 equipes, entre muitos bons times e outros pouco além do amadorismo, temos de reconhecer que o América “superou” 124. Alguns recebiam salários que se aproximam do salário de profissionais.
Assim estou vendo poucas possibilidades de seguir em frente. Como se trata de Copa, tudo é possível, e vamos torcer até o fim para que os meninos protagonizem uma surpresa para aqueles jornalistas que discutiam onde deveria ser uma final entre Palmeiras x Corínthians ou Corínthians X SP ou SP x Palmeiras.
Lamentável a imprensa mineira ter-se esquecido da Copinha, após a derrocada do Atlético. Em anos recentes, em que os times de Minas estiveram afastados das finais, é bom lembrar que o time que mais tem avançado para fases seguintes tem sido o América.

Grande abraço e vamos com os garotos até o fim seja qual for.

Marcio Amorim

***

Huener UFMG

Em resposta a Marcio Amorim

Prezado Márcio e todos, bom dia.

Se conseguirmos revelar jogadores na Copinha e no Campeonato Mineiro que possam compor o profissional, as competições terão cumprido o seu papel. Título é só um detalhe. O Coelhão está precisando revelar e oportunizar esses novos jogadores no profissional, em vez de contratar Ribamar, Leo Passos e Henrique Almeida da vida. Até mesmo para poder mandar um mensagem clara para o Dagrosa e outros possíveis investidores: venham ser parceiros de um clube de jogadores promissores.

Abraço, fiquem com Deus e Saudações Americanas.

ps. Adson, Igor Gabriel e Diogo são jogadores que poderiam treinar com os profissionais no decorrer do ano.

***

Ed Diogo

Estamos entre os 4 melhores com a maioria não sendo do sub20 então estes garotos independente do resultado de hoje já estão de parabéns . . . Vamos pra cima deles Coelhão vamos para a final mostrando como sempre que não precisamos desta emissora.
Acredita América


E lá se foi a Elza Soares, cantora fantástica, guerreira de grandes causas

Foto: Divulgação

Foto: O Globo

Aos 91 anos de idade e coincidentemente no mesmo dia do Garrincha, de quem foi companheira de 1966 a 1982, e que se foi em 20 de janeiro de 1983.

Em 2019 o jornalista Zeca Camargo lançou livro com a biografia dela, excelente.

Que a guerreira descanse em paz!


América é o “intruso” na festa dos grandes paulistas na briga pela Copa São Paulo

O América brilhando mais uma vez com seus juniores. Pelo que tenho visto, lido e ouvido na imprensa que está cobrindo a principal competição das categorias de base do país, foram para as semifinais, realmente os quatro melhores times, com destaque para o Palmeiras, que aliás, encara de forma especial a disputa, pois é o único dos grandes de São Paulo que nunca conquistou este título. Depois vem o São Paulo, dirigido pelo Alex, que tanto sucesso fez com a camisa 10 do Cruzeiro e do Palmeiras, seu agora adversário para chegar à decisão. Entre os mineiros, o América foi o melhor, mantendo a tradição de muito bom trabalho feito pela base americana. O Atlético continua devendo. O Cruzeiro mostrou um bom time, eliminado ontem pelo São Paulo, de virada, 2 x 1.

O cruzeirense Eduardo Silva, comentou aqui no blog sobre o que viu nesta partida:

* “. . . tem muito menino bom de bola e até acho que se ganham a copinha chegam cheios de marra, achando que já são craques, cheios de perninha, todos mascaradinhos, como o falou o Fernando Diniz com o Tchê Tchê; então é bom baixar a bola e trabalhar muito para chegar ao time profissional e pegar uma camisa de titular, oportunidade não falta!

Destaque ao América que vai à semifinal contra o Santos e o São Paulo pega o Palmeiras que tem um menino de 15 anos, Endrik que tá fazendo chover, no último jogo até gol de bicicleta o moleque fez. . .”


Página 1 de 1.24012345...102030...Última »