Warning: "continue" targeting switch is equivalent to "break". Did you mean to use "continue 2"? in /home/blog/www/wordpress/wp-includes/pomo/plural-forms.php on line 210
Saudosistas do mundo, uni-vos! Há nove anos, Ronaldinho Gaúcho estreava no Galo, vencendo o Palmeiras em São Paulo | Blog do Chico Maia

Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Saudosistas do mundo, uni-vos! Há nove anos, Ronaldinho Gaúcho estreava no Galo, vencendo o Palmeiras em São Paulo

Em foto do Bruno Cantini, a comemoração que ficou famosa entre Jô e Ronaldinho

Ô saudade de craques de verdade como ele! De preferência no Galo, mas, para quem gosta de futebol, em qualquer time é bom também, ver um craque em campo. Bela reportagem do Henrique André, no Uol, lembrando a estreia de Ronaldinho pelo Atlético, na vitória de 1 a 0 sobre o Palmeiras, pela quarta rodada d Brasileiro, no Pacaembu. Gols de Jô, aos três minutos do segundo tempo. Os times:

Palmeiras: Bruno, Cicinho (João Vitor), Henrique, Thiago Heleno e Juninho; Márcio Araújo, Marcos Assunção, Felipe (Maikon Leite) e Daniel Carvalho; Luan (Mazinho) e Barcos. Técnico: Luiz Felipe Scolari

Atlético: Giovanni, Marcos Rocha (Serginho), Réver, Rafael Marques e Junior Cesar; Pierre, Richarlyson, Bernard (Leandro Donizete) e Ronaldinho Gaúcho; Danilinho (Leonardo Silva) e Jô. Técnico: Cuca.

Foto: Bruno Cantini/Atlético

A reportagem do Henrique André:

* “Há exatos 9 anos, Ronaldinho Gaúcho estreava com vitória pelo Atlético”

O dia 9 de junho ficou para sempre marcado na história entre Ronaldinho Gaúcho e Atlético-MG. O primeiro ato do ex-meia pelo clube mineiro aconteceu há exatos nove anos, em duelo com o Palmeiras, válido pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro de 2012. Com a vitória fora de casa, por 1 a 0, o Galo dormiu na liderança e, de quebra, viu Jô, autor do gol, dar o primeiro de muitos abraços no Bruxo.

Vigiado de perto pelo volante Márcio Araújo, Ronaldinho fez um bom jogo, mas não conseguiu ser brilhante. Contudo, nada que ofuscasse o brilho do debute e a empolgação dos torcedores atleticanos, que viram pela televisão o primeiro triunfo com o craque no comando do meio de campo.

Pelo Atlético-MG, o gaúcho fez ao todo 88 jogos, marcando 28 gols. No mesmo 9 de junho, mas de 2013, ele completou 50 partidas sob o comando de Cuca no Alvinegro. Naquele ano, inclusive, foi um dos protagonistas da conquista do título mineiro e também da inesquecível Libertadores. Antes, em 2012, bateu na trave no Brasileirão, quando o Galo terminou com o vice-campeonato. Contratado sem custos na gestão de Alexandre Kalil, o então camisa 49 calou os críticos e teve rendimento bem superior ao que demonstrou nas quatro linhas com a camisa do Flamengo, clube que o fez retornar ao país após vários anos atuando no futebol europeu. Atualmente com 41 anos. . .

https://www.uol.com.br/esporte/futebol/ultimas-noticias/2021/06/09/ha-exatos-9-anos-ronaldinho-gaucho-estreava-com-vitoria-pelo-atletico-mg.htm


Deixe uma resposta para Eduardo Silva Cancelar resposta

Comentários:
11
  • Paulo F disse:

    Até hoje é difícil cair a ficha que eu vi o Ronaldinho jogando pelo Galo bem pertinho no Independência! A sinergia que criou com a torcida foi algo inexplicável, e só funcionou porque ali no Horto a gente via o bruxo extraterrestre bem na nossa frente! E isso fez ele jogar um futebol que ele nunca havia jogado, claro que jogou melhor no barça, mas a idade tirou a explosão e deu maturidade, sendo o o R49/R10 do Galo o melhor camisa 10 que já vi jogar, era absurdo o que ele fazia e como o seu jeito de jogar contagiava todos os jogadores ao seu redor.
    O Clube Atlético Mineiro pode sim ser dividido entre antes e depois de Ronaldinho, realmente mudamos de patamar no futebol brasileiro! E precisou apenas de 1 ano em alto nível pra isso!! (meio de 2012 ate meio de 2013, depois ele foi caindo..)
    Obrigado Bruxo!!!

  • Horacio disse:

    Grande Ronaldinho!! Devemos muito a ele. Não jogou muito no Brasil, mas jogou, o Hulk acho que nunca tinha jogado por clube profissional no Brasil, o Daniel Alves também não, e este é que é o problema. Os clubes de fora estão vendo o que os brasileiros não têm visto.

    O Galo tem um bom tempo que não revela um jogador top, nem precisava ser nível Reinaldo, podia ser nível seleção brasileira mesmo. Acho que o clube têm preferido aquele jogador que vem pra jogar, aquele que vem pra ser titular.

  • Luiz Ibirité disse:

    Boa noite Chico, são muitos os assuntos, uma grande troca de técnicos nos ultimos dois anos (4 técnicos na era Sérgio Santos), agora vai ter de contratar e ficar com o técnico ate o final da série b (mudança no regulamento) briga com uma das referências do time Rafael sobs e sequer treinou pra jogar o jogo da eliminação, pode trazer o Guardiola, se nao contratar reforços pra vir jogar bola nao vai subir mesmo, sei que não tem grana, mas gastaram muito mal o pouco que tem buscando refugos q nao eram nem reservas nos times que estavam, a situação esta cada dia mais complicada e nosso presidente só aparece pra falar asneiras!
    Eu nao estou aproveitando do momento ruim nao, o Márcio Borges outro dia tentou me alertar, eu todo otimista aqui achando q podia ser diferente, mas o filme vai se repetir este ano, infelizmente!

  • Eduardo Silva disse:

    Chico, boa noite,

    Eu até que estava gostando do trabalho do Felipe Conceição. Esse esquema no 4-3-3 tava ofensivo, valorizando a posse de bola, só que os resultados que não estavam satisfatórios, mais em função da qualidade dos jogadores, no meu modo de vista.

    Mas esse jogo contra o Juazeirense foi a gota dágua! O abestado recuou o time e chamou os caras pra cima…. NINGUÉM AGUENTA ISSO!! Vai ser burro assim lá em Vesp, quero dizer na Conchichina, PQP MILHÕES DE VEZES!!!

    Escrevendo esse textão as 21:40 horas acabam de falar que ele foi demitido, mas continuando o meu chororô, esses caras NÃO SABEM o que é o Cruzeiro Esporte Clube! Talvez não saibam quem foi Tostão, Dirceu lopes, Raul, Nelinho, Joãozinho, Alex MONSTRO, Soriín, Dida, Marcelo Ramos e outras toneladas de jogadores que honraram esse manto azul celeste e GANHARAM NA BOLA um monte de títulos para o clube.

    Hoje em dia o cara já sobe da base cheio de perninha, mascaradinho, como disse o técnico do Quero Quero, uns pés de rato cheios de tatuagem até no pescoço… Tava vendo aquele Casemiro dando entrevista na seleção o cara faz até a sobrancelha??? VAI LAMBER SABÃO!! E o futebol desses mascaradinhos, fica onde? Não tem raça, sangue nas veias!!

    Esses tanga frouxa devem ter gritado no vestiário antes de entrar em campo:: EMPATAR, EMPATAR, EMPATAR ao invés de vencer, vencer, vencer puxado pelo cara de peixe morto do treinador que já foi tarde….

    Essa classificação o objetivo maior era a grana porque essa Copa do Brasil só temos S6EIS na casinha, ao contrário de muitos ai que não tem nem BI de nada, mas agora o Presidente Gel Santos tem que chamara o Procopio, o Marcelo Oliveira, gente que entende do riscado, pelo amor de Deusss!!

    O que esses energumenos CONTINUAM fazendo com o clube é inominável!!! Estou me sentindo um atlet, quero dizer um derrotado, um torcedor de time que perde para Alagados dos Cafundó do Judas!!

    A torcida tem que lá no aeroporto receber esses caras e jogar bastante pipoca na cabeça desses PIPOQUEIROS, MASCARADINHOS, PERNINHAS de jogadores…

    Aqui é Zerooooooo

  • Silvio T disse:

    Mais do que um jogador extraordinário e genial, R10 foi um grande inspirador e motivador de um time, em sua maioria, mediano. Jô ressuscitou, Bernard se tornou um destaque tão grande que acabou no mercado internacional, Victor virou Santo, Guilherme se tornou decisivo e por aí vai. O espírito de Ronaldinho contaminou a massa, a estrutura e o time do galo. Foi um período mágico em que nada parecia impossível. O Atlético montou vários grandes times desde os anos 70, com grandes jogadores, mas que nunca tiveram a marca de vencedores que o Atlético de R10 imprimiu na sua inesquecível passagem. EU VI, VIBREI E VENCI!

  • Renato César disse:

    Chico, publica alguma coisa sobre a nota do Galo falando que zerou as dívidas na FIFA e do acerto sobre o pagamento da dívida com o Ricardo Guimarães. Inclui o pagamento dos salários em dia, a Arena MRV 100% nossa a partir do ano que vem e a arrecadação de mais de R$ 10 milhões em patrocínios acima da meta deste ano (mesmo estando em junho ainda), para delírio dos fakezinhos de plantão

  • Renato César disse:

    Craque! E foi craque ainda com a camisa do Galo. Sem dúvida o maior jogador da nossa história!

    Barcelona reconhece que o clube é dividido entre antes e depois de Ronaldinho. No Galo eu entendo que também seja assim.

    Ele tinha o que faltava ao Reinaldo, nosso segundo maior jogador, para ser praticamente perfeito dentro de campo.

  • Eduardo Silva disse:

    Chico, bom dia,

    Sou cruzeirense roxo, quero dizer, azul, mas para quem gosta de futebol e de ver bons jogadores o Ronaldim é realmente um fenômeno da natureza, um cara que pode ficar na categoria de gênio do futebol, como poucos que existem tipo Pelé, Garrincha, Maradona, Messi, Tostão, Reinaldo e outros que vem abaixo.

    Achei engraçado a entrevista do Tardelli onde Ronaldinho pergunta na hora do penalti o que ia acontecer se o cara marcasse o gol…kkk O time ia ser eliminado, mas o cara tá na partida só pra si divertir, jogar bola, dar uns “dibres” e nem sabe o regulamento da copa que está disputando, kkk é muito phoda! Sempre com um sorriso na cara, até porque os dentão não deixava fechar a boca…kkk

    Mas, como sempre digo, é como um cometa, só aparece um cara como esse de décadas em décadas e olhe lá. Jogou muito no Grêmio, PSG, Barça, Milan e sua luz foi-se apagando no Alt Mineiro onde ainda sua estrela brilhou muito na conquista de títulos.

    Grande R10.

  • Ed Diogo disse:

    Um dos últimos craque de verdade do futebol brasileiro

  • João Brás disse:

    Fez muita raiva e causou muita insônia aos Cru Crus!