Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Discussão sobre “Hulkdependência” no Galo, comparações com o Flamengo e as eternas dificuldades olímpicas

E-mail enviado pelo Alexis Campos, com observações interessantes sobre o Atlético e o desempenho brasileiro nos Jogos de Tóquio 2020: * “Prezado Chico,

no programa Bate-Bola, da ESPN, discutia-se quem vive melhor momento: Gabigol ou Hulk. Apenas o Sormani opinou que o Hulk vive melhor momento,  sendo massacrado pelos companheiros de bancada. O principal argumento era que o nível dos jogadores do Flamengo é muito alto e que eles se equivalem, de forma que não existe apenas um que se destaca. Mais ainda: afirmaram categoricamente que o Atlético sofre de uma Hulk-dependência. No momento fiquei extremamente irritado, mas assistindo ao jogo do Galo contra o Atlético-PR, fiquei em dúvida se eles não tinham uma certa razão…

Este é o tipo de opinião que não colocaria no blog, pois infelizmente a tolerância com quem pensa diferente não existe mais. Mas apesar da alegria pelas medalhas da Rebeca Andrade, principalmente levando-se em conta sua trajetória, fico incomodado com a “romantização” da favela e da superação que sempre acontece nesses casos – como se dependesse apenas da pessoa vencer as desigualdades sociais e alcançar feitos notáveis. Infelizmente, graças à omissão e descaso do poder público, pra cada Rebeca Andrade que consegue “chegar lá”, existem milhões que já perderam a esperança e só desejam poder acordar sem ter dúvidas se terão ou não o que comer.

Grande abraço!

Alexis Campos


Deixe uma resposta para Nivaldo Alves Cancelar resposta

Comentários:
19
  • Antonio da Silva disse:

    Jogo de hoje será difícil. O Bahia é um time cascudo, tem bom elenco e está na SÉRIE A. De mais a mais ano passado perdemos lá de 3 com show de Gilberto. Muita calma nesta hora, humildade, não pode perder o foco nem sair afoito. Muita paciência nesta hora, jogar nos contra ataques e erros do adversário.

    • Pedro Vitor disse:

      Perdemos por que o Sampaioli vencendo por 1 a 0, não soube mexer na equipe no intervalo.

      Jogou o time pra frente e deixou Rever e Guga na cobertura, achando que ia golear.

      Tomamos contra ataque com Elias ganhando na corrida do Rever sem contar que o Everson em uma noite não muito boa, soltou uma bola no pé do Gregory aí adeus viola

  • Eduardo Silva disse:

    Chico, bom dia,

    Algumas considerações:

    1) O Brasil passou nos penaltis contra o México nas olimpíadas e o time atacou muito, bola na trave, os jogadores mexicanos bateram muito e o juiz da Bulgária deixou o pau comer solto…Jogo de quartas de final e juiz da Bulgária??? SE o Brasil perdesse a corneta ia comer solta e as frases prontas de alguns urubus de plantão: Bem feito para CBF! Não torço pra seleção brasileira! Culpa do Caboclo e do eixo do mal! Culpa da imprensa! kkk Calma… é só um esporte…kkk

    2) No boxe, um japonês levou muita porrada e saiu de cadeira de rodas do ringue e ainda GANHOU por pontos do adversário…kkk Aconteceu tbém com o Medina no Surfe, com outro brasileiro no boxe e com uma judoca brasileira casos de “arbitragem duvidosa”… Até japonês dá tanto seus pinotes na mão grande.. Esse mundo tá muito estranho! kkk

    3) Mas o governo através das Forças Armadas tem apoiado muitos atletas, mas de qualquer forma para chegar a ser uma potência nos esportes o país tinha que ter mais centros de excelência espalhados em cada um de suas regiões. Tipo um centro de atletismo no nordeste, no sul, no norte, no sudeste, etc… Ai teriam seletivas para escolher os representantes do país nos jogos olímpicos, seria o ideal.

    4) Um aspecto que percebo é que os ganhadores de medalha como a menina Rebeca da ginástica, a menina do skate, as meninas da Vela e o Alison dos Santos no 400m com barreira, deram entrevistas tranquilos, é nítido que não carregam um peso de competir, estão com a cabeça tranquila, livre de pressões externas e isso ajuda muito. Talvez tbém seja o perfil psicológico de cada um deles. Isso é muito legal!

    5) E tem um Iraniano com um nome bem bacana para ser usado em caso de pedirem uma senha válida e forte quando o banco te pede para alterar sua senha: Aghamirzaeijenaghrad Ali. Imagine a pessoa do cartório o dia que foi registrar a criança…kkk Nome bão pra treinar pronúncia também…

    6) Sobre o Campeonato Brasileiro o Flamengão Cabuloso tá voando comandados por Evérton Ribeiro e Arrascaneta, crias do ex-Cabuloso de Minas (só pra lembrar mesmo) e o Renato Gaúcho tá comandando o time da praia, com a Carol… os caras estão voando. O Alt Mineiro continua com a sua trajetória padrão de muitos anos, vai bem no início e no meio da competição e morre na praia no final… Tudo normal, por enquanto! O Melequinha, prefiro não comentar!

    E no crucru, o Luxa vem ai e o bixo vai pegar…kkk

    vamos rir pra num chorar…

  • Bernardo Montalvão disse:

    Não entendo a birra do Cuca com o Allan Franco. Ele é bom jogador, agora mesmo, precisamos dele com a contusão do Zaracho e Jair.

  • Bernardo Montalvão disse:

    Bobagens ao vento. O Flamengo tem um elenco bom, mas lá também tem dependência do que mais joga, Bruno Henrique. Todo time tem um jogador que sobressai. Atualmente o Galo ressente de um driblador, garçom e que faça gols também; pelo lado esquerdo. Este atleta seria Keno, que ultimamente vive lesionado e em campo não repete atuações do ano passado. Outro que desce por ali seria o Arana, que está na seleção. Bora buscar alguém que jogue pela esquerda, Marrony está indo embora. Também concordo, não há clube que sobreviva sem negociações, mas tem que repor.

  • Jerônimo disse:

    Venderam o Gabriel e encostaram no Guga. Pronto….o Galo não perde há 9 jogos.
    Falta, agora, sumir com o Sasha e o Hyoran…para o Galo ter mais opções no banco.

    Nacho não está bem…mas mesmo assim ele tem que permanecer no time, pois vez ou outra ele desequilibra. Com Jair e Zaracho no departamento médico o Allan Franco merece uma sequência maior de jogos….

  • Horacio disse:

    Gostei do gol do Neto, levou sorte, mas jogo tem que ter sorte, além de dar uma folga, foi bom para motivar a base.

    O Galo tá com o ataque manco, o Dodo até tenta subir apoiando, mas chegando lá não tem quem jogar, as vezes o Nacho. Aí a defesa adversária bloqueia o lado direito, Savarino não está conseguindo sair da marcação, mas abre espaço pro Mariano e Nacho. Ele cruza bem, mas ninguém abrindo pela esquerda dificulta as jogadas e facilita pra defesa.

    O Nacho tem sido fundamental por ali, caindo atrás do marcador que o Savarino puxa, o penalti ontem saiu dessa jogada, o segundo, com jogada parecida do Vargas por ali também. Pela esquerda existe pouco diálogo, mas já saiu gol de jogada com o Dodo.

    A defesa vai bem, de novo, o Eveson fez um defesaço, mas o conjunto vem melhorando sim. Ainda tem algum ajuste ali, mas a velocidade do Allan , o Calebe também tem, ajuda muito na recomposição que é um dos grandes problemas, falta recuperação a alguns jogadores.

    Certamente o Givanildo faz a diferença, problema era ele não resolver, sinceramente não vou reclamar disso, se os spikes acham, bom, este problema é deles. Determinadas coisas só no campo.

    Não acho que temos problema na frente, temos muita gente no estaleiro e falta tempo para treinar. Falta acabamento a algumas jogadas, que têm aparecido. Duas coisas fazem diferença, jogador inteligente e treino, jogador inteligente e habilidoso nós temos.

  • Raws disse:

    Estranhei nessa partida as falhas primárias de Dodô. Ele que tem me surpreendido, falhou bisonhamente em dois lances que não tomamos gol por incompetência do adversário.
    Savarino é outro, muitos torcedores exaltam e acho um jogador comum.
    É fato que jogador rápido pelas pontas é artigo difícil, mas ele destoa dos companheiros de ataque. Lembro do Galo de 1980 tinha um ótimo ataque, mas “Pedrinho era o Savarino.”

  • Raws disse:

    “Hulkdependência” depende de como e quem analisa.
    Quantos times no Brasil não tem um Hulk? O Galo que tem, não sentiria sua ausência? O fato é que a turma do eixo não quer exaltar Hulk, eles querem e desmerecer nosso time e plantel.
    Eu sou um que raramente vejo esses programas esportivos. Ver opiniões de torcedores, prefiro aqui no blog que não passo raiva.

  • Guilherme Leôncio disse:

    Completamente sem noção a comparação Hulk/Gabigol. Gabigol é praticamente um jogador de conclusão, de último toque e tem muitos garçons à sua disposição. Hulk volta, defende, tem marcado gols de contra ataques ou jogadas construídas por ele mesmo. Portanto, neste momento, acho o Hulk mais completo.

  • Pedro Vitor disse:

    O sistema defensivo do Atlético já notava certa evolução, nas finais do Campeonato Mineiro, dois empates de 0 a 0, se sagrou campeão. Até ali, tinha Guga, Rever, Alonso e Arana, com o Allan como volante na contenção.

    No primeiro grande teste passou, mas partidas como Ceará, Fortaleza e Chapecoense, tomou gols bobos, dando a impressão de que ainda não teria realmente encontrado a melhor estratégia.

    No momento, o Atlético tem a melhor defesa do Campeonato brasileiro, foram 10 gols sofridos. Mariano,ganhou a posição do Guga, deu mais segurança a defesa e ao seu lado, Cuca encontrou a solução para problemas que havia com Rever, e Igor Rabello, que são boas opções no banco.

    Com o retorno de Guilherme Arana, após as Olimpíadas, o Atlético, estará preparado para os jogos contra o River Plate. Este é o maior trunfo, e o time do ano passado, deixou o título do Brasileiro escapar, muito por não ter um bom desempenho defensivo.

  • Pedro Vitor disse:

    Eu acho que o Hulk na função de centro avante, é o que melhor se destaca, mas nos últimos jogos, mesmo que, discretamente sem fazer gols, o Sasha, tem tido, um bom desempenho, é só observar que, contra o Corinthians, Bahia, por duas vezes, e ontem contra o Atlético-PR.

    Ele entra, aí o Hulk cai para direita, em outras oportunidades veio armar, como contra o São Paulo. Enfim existe sim, uma dependência ao Hulk, mas o time também pode jogar sem ele.

    Keno pode render mais, Marrone também pode, Sasha e o Vargas, agora igual ao Hulk no momento realmente não tem.

  • Silvio Torres disse:

    Como tem acontecido há várias semanas, ótima vitória e futebol chulé. Gols saídos de jogadas individuais e sorte. E a defesa não tomou gol por incompetência dos atacantes adversários e defesas do Everson. Continuo achando impossível esse esquema mambembe do Cuca passar pelo River.

  • MARCOS disse:

    Brilhante a esplanação do @ALEXCAMPOS! qunato a comparação entre as equipes resumiria em apenas uma máxima:” jogo é jogado e lambari é pescado”; na sequencia do campeonato veremos quem possui mais fôlego e aguenta o tranco. segue o jogo…..

  • carlos henrique disse:

    Acho que Hulk faza diferença é o melhor atacante do Brasil
    e futebol é momento , ano passado nao tinhamos Hulk
    Kenofazia a diferença nao como Hulk
    se voltar bem ajda demais
    outra coisa nao teve o Hulk contra o Athetico pr
    mas Vargas fez ótima copa America
    entrou bem converteu o penalti ajudou
    briga por uma vaga e Svarino caiu de produçao
    com Keno voltando , Vargas entrando brigando por posiçao
    o Galo vai melhorar muito
    Vargas é bom poderia jogar na direita
    com Keno na esquerda
    futebol é momento, e Savarino pode ter uma sequênca melhor
    a grata surpresa foi Nathan silva muito bom zagueiro
    e sse menino que netrou Neto
    é aquele que Levir Culpi lançou
    aos 16 anos no profissional
    jogador de futebol quando pe bom sobe cedo
    REINALDO COM 16 ANOS ERA TITULAR DO ATLETICO
    Edu do Santos com 17 era seleçao Brasileira
    alguns sobem cedoe se perdem
    vai da cabeça do jogador

  • STEFANO disse:

    Já falei mais de uma vez, a análise tem que ser feita de acordo com a postura dos adversários, todo mundo jogando na retranca contra o Galo, não é futebol reativo, é retranca mesmo, fica difícil fazer qualquer avaliação.