Warning: "continue" targeting switch is equivalent to "break". Did you mean to use "continue 2"? in /home/blog/www/wordpress/wp-includes/pomo/plural-forms.php on line 210
O América venceu porque foi melhor, e vira a noite como vice líder do Brasileirão | Blog do Chico Maia

Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

O América venceu porque foi melhor, e vira a noite como vice líder do Brasileirão

De forma surpreendente o América foi pra cima e encurralou do Atlético que não conseguia sair do seu campo de defesa. Aos oito minutos o Allan colaborou para que o Coelho abrisse o placar. Tentou sair da área driblando, perdeu a bola para o Henrique Almeida, que tocou para o Juninho que sofreu pênalti. Maidana bateu muito bem, e fez 1 a 0.

Antes, Juninho perdeu uma grande oportunidade. Minutos depois do gol, Gustavinho desperdiçou outra. Até os 25 o América continuou mandando na partida, quando o Atlético começou a se encontrar. A partir dos 35 o Galo conseguiu dominar e obrigar o Jaílson a fazer grandes defesas.

Hulk muito bem marcado, reclamava demais da arbitragem e não conseguia achar espaço para jogar. Ademir se mexia, mas conseguia levar vantagem sobre a defesa americana. Nacho, sem inspiração, inexistia.

O Atlético sem os seus laterais teve enorme dificuldade para criar e predominar no campo ofensivo. Mariano e Arana fazem falta demais. Guga é um enganador contumaz. Muito bom de marketing pessoal, ataca mal, defende pior ainda. Neste jogo, Rubens apenas marcou, estava inseguro para atacar.

No segundo tempo, o time retornou com mais intensidade mas esbarrou na ótima atuação da defesa do América. Até Maidana esteve impecável. Aos 10 minutos a torcida pediu Keno e o técnico Mohamed atendeu. Retornava de contusão, fora de sua melhor condição, mas teve alguns lampejos do ótimo jogador que é. Aos 24, Hulk recebeu quase na marca do pênalti, de costas, deu uma bicicleta, a bola pegou na trave e Nacho, de cabeça, empatou. A arbitragem deu impedimento, mas o VAR validou. O jogo melhorou, os dois times continuaram buscando o gol e aos 35, Cáceres deu um chutaço, depois de um grande contra ataque americano. Era o gol da vitória americana, que mereceu o placar.

Éverson ainda fez grandes defesas, o mesmo ocorreu com o Jaílson, atestando que o segundo tempo foi muito bom.

Wagner Mancini brilhando em seu retorno ao América. Antônio Mohamed sofre a maior pressão desde que chegou ao Atlético, com razão. Apenas dois pontos conquistados em nove disputados, contra o Coritiba, Goiás e América. Como ele mesmo disse depois do jogo passado, “há algo errado” e caso ele mesmo não dê um jeito, a diretoria terá que dar.

A arbitragem também foi muito boa. O goiano Wilton Pereira Sampaio, auxiliado por Bruno Raphael Pires e Fábio Pereira. O VAR foi comando por Pablo Ramon Goncalves Pinheiro.

O Coelho entrou na briga dos quatro primeiros, ocupando a vice liderança com nove pontos, mesma pontuação do líder, Corinthians, ultrapassando o Galo, que agora está em quarto lugar, com oito, atrás do Bragantino, que também tem oito.


Deixe uma resposta para Marcos - DF Cancelar resposta

Comentários:
31
  • Pedro Vitor disse:

    Não podemos esconder os erros e defeitos do técnico do Atlético, o El Turco Mohamed, está sendo pressionado, os resultados no momento não são os melhores e o desempenho da equipe, caiu drasticamente, principalmente no sistema defensivo.

    Contudo, não acho que tenha errado tanto assim, o elenco perdeu peças importantes, como o Savarino, a contusão do Eduardo Vargas, o Keno só agora está voltando, além disso eu já havia alertado, que a insistência no Diego Godin, no rodízio implantado pelo Mohamed, não estava dando certo.

    Jair, caiu de rendimento, o Zaracho, e também houve erros individuais em vários gols tomados, que inviabilizaram vitórias nos últimos jogos.

    Infelizmente, isso cai na conta do treinador, e faz surgir os questionamentos.

    Ele tem que ser cobrado, e também uma boa conversa do Diretor, Rodrigo Caetano, para haver uma organização melhor da equipe, pois os erros estão se repetindo partida a partida. E continuando assim, a gente já conhece futebol, onde a corda arrebenta.

    Mas acho que o Atlético tem condições de reverter as coisas, com mais empenho, e melhorar as finalizações.

  • Raws disse:

    Passada a raiva pela péssima atuação, deixo meu ponto de vista.
    Concordo com o colega aqui que exalta a boa atuação do América, aliás, os outros adversários também correram mais que o normal contra o Galo. Só que isso não apaga nossos erros e também queda de rendimento.
    Jair e Zaracho não estão jogando 40% do que jogaram no ano anterior e isso sobrecarrega Alan e nossa defesa.
    O Turco pode até ter sua parcela de culpa, mas eu temia uma certa soberba depois de ganhar tanto. Quem garante que se Cuca estivesse nesse ano aqui, não enfrentaria certas dificuldades? As coisas vão melhorar.

  • Ed Diogo disse:

    Chico foi simples assim, não foi o galo que jogou mal ou foi mal escalada ou o Turco não é bom treinador, foi o Mancini que teve méritos e coragem de ir para cima e encarar o Atlético de estudar como o Galo joga de arrumar um esquema tático diferente dos outros jogos. O América jogou muito queiram vocês aceitem ou não, e o Atlético também não jogou mal os dois goleiros excelentes por sinal jogaram muito tiveram muito trabalho e na minha opinião o melhor em campo foi o Jailson seguido de perto pelo Everson. Os jogadores entenderem o que o Mancini queria e deram a vida pelos três pontos. Jogo bonito de se ver , bem disputado onde qualquer um poderia vencer , porém como já disse foi um ótimo jogo do América, este foi o problema.
    Acredita Coelhão

  • Antonio da Silva disse:

    Vacilada do Allan, um dia o Galo ia perder para o América; embora não goste das escalações e mexidas do Turco. Parmêra empatou com o Flu dentro de casa e o Flamengo perdeu para o Botafogo. Não é só o Galo que está vacilando.

  • Paulo F disse:

    Eu vejo futebol de uma forma mais simples… A escolha dos jogadores titulares é a parte mais importante do trabalho do técnico. Vendemos Savarino, então só temos Keno, Ademir e Savinho de jogadores que atuam pelas pontas e possuem velocidade… muito pouco. Ele escalou 4 no meio campo, então acaba que Nacho e Zaracho tem que atacar, mas não são atacantes, o time perde criação e o meio fica embolado. Não concordo com 4 no meio campo contra times pequenos…

  • Marcos - DF disse:

    O Cara é Argentino e gosta de ser chamado de Turco, ou seja, a identidade do Cara já é distorcida.
    O Cara avacalhou o esquema tático do Galo. Não precisa ser especialista para perceber que o meio de campo virou um emaranhado de bons jogadores improdutivos. Falta padrão, simples assim.
    Muitos idolatram Ademir, mas, para o antigo e bom padrão de jogo do Galo ela não se encaixa.
    É fominha, fraco nas assistências e ainda erra gols demais, no coletivo não funciona.
    Espero que o Cara corrija os rumos, dá tempo, não sei se ele tem competência para tanto.

  • Silvio Torres disse:

    Assim como não entendo quem acha que tudo melhorou com o preço da gasosa saltando de dois para dez reais, não entendo porque o Igor Rabello não joga e a torcida do Atlético acha ótimo. Estou longe, muito longe de ser fã do Maidana. Mas, só pra contextualizar. Ele, que foi um dos pilares do América para praticamente parar o ataque do Atlético nas partidas pela Libertadores e Brasileiro, também não servia para a torcida do Galo quando estava por aqui. É caso de Freud? E assim como muitos, continuo extremamente preocupado com a fragilidade física do time. Como já disse, parece aqueles times chilenos de vinte anos atrás.

  • Horacio disse:

    Perder é muito ruim, mas acontece e podia ter sido pior. O cuei vei para definir o campeonato e jogou para ganhar. Ainda bem que o Galo foi melhor na libertas.

    Na minha opinião a defesa do Galo é lenta e joga muito recuada, dá muito espaço, mas os meias e os pontas conseguiam segurar, suprir a falta de velocidade no reposicionamento. Agora não estão conseguindo. Este ano estamos com muita gente machucada, ou que já foi embora e o meio tem errando bastante. Jogadores importantes estão muito abaixo do que jogaram ano passado.

    Na frente temos criado bastante, com muitas finalizações, mas errando muito, muita afobação, azar em algumas e o goleiro do cuei pegou muito, só ele evitou uns 2 ou 3 gols. Acho que o Ulk depois do nascimento da filha não jogou após 20 do segundo tempo, parece cansado, não deve estar dormindo. Espero que não sejam as “propostas” de outros times.

    O Galo tem oscilado, não está em sua melhor fase, muitos jogadores estão devendo, mas não vamos ficar desmerecendo a vitória do cuei jogando a culpa nos erros individuais ou do técnico. Tivemos muitas chances e muitos erros, o adversário ganhou por seus próprios méritos.

    Futebol é no campo.

  • Gilberto Costa disse:

    Atualmente temos o Galo SAMPAMEL. Leva gols como o time do Sampaoli, e não os faz, como o time do Dudamel. Talvez em Junho, o Turco não seja mais o treinador do Galo. Mas aí já estaremos na parte de baixo no brasileiro e fora da libertadores.

  • Ney Silva disse:

    É nítido que o Atlético está mal fisicamente, o time está morto e também não joga mais compacto como ano passado. Existe um.buranco entre defesa, meio e ataque. Podem mim cobrar, o problema está no preparo físico , quem é o preparador físico do Atlético? Saudações alvinegro aqui da Suíça.

  • Fred disse:

    Sem querer parecer profeta do acontecido, era provável que Mancini vencesse essa partida. Ele soube ler os confrontos que se repetiram nas ultimas semanas, enquanto o treinador alvinegro bagunçou um elenco que já estava encaixado. Fez um time encaixado (principalmente na defesa) virar time de junta-junta de fim de ano da firma. Mérito do América, que não tem nada com isso e foi competente no que se propôs.

  • Flávio Azevedo disse:

    Procurando a turminha dos 6 pontos garantidos…chorem nas linhas abaixo…

  • Juca da Floresta disse:

    DUDAMEL II a saga continua. Não consigo saber qual é a diretoria mais idiota, a que contratou o Dudamel I ou o Dudamel II?

  • Márcio Luiz disse:

    Aliás, é sempre bom lembrar que o simpático treinador se mostra um formador de “super-heróis”, né.
    Conseguiu transformar o excelente meia/volante Zaracho no “HOMEM INVISÍVEL”.

  • Maikel disse:

    Que tristeza viu?!? Infelizmente o Galo inventou o seu técnico. Ninguém no Brasil acompanhava o Turco. Ninguém. Fez igual ao Dudamel, ninguém conhecia e trouxe pra dizer q viu algo diferente. Como justificar essa contratação? E ele estava parado há um ano. Infelizmente demonstra a vários jogos (Cec, América, Tolima, Del Vale, Coxa, Goiás) que o sistema defensivo inexiste. Não marca ninguém, falhas grotescas, tomando contra ataque toda hora. Zaracho é um dos melhores jogadores do Brasil, e o que ele faz? Coloca o sujeito na esquerda pra deixar Ademir (o tanto q esse rapaz é ineficiente é impressionante) na direita. Ele anula o Zaracho pra deixar um jogar q nao é decisivo a vontade. Hulk está mal tbm há mtos jogos, ai fica o jogo todo reclamando (pq na vdd não ta conseguindo jogar, não se cria pra cima dos zagueiros). Infelizmente no Brasil não há substituto pro técnico, mas ele nao nos levará a lugar nenhum. Qual a solução? Não sei. Eu não recebo 500 mil por mês pra decidir o treinador. Eu só vejo algo obvio ali. O ano foi embora, só nos resta torcer e ter fé q alguma coisa vai mudar. Pra finalizar, o tal CIGA precisa se explicar: dizem q custa milhões e o único jogador trazido de forma desconhecida foi o tal Fábio Gomes, que até aqui não justificou o investimento. Pq pra trazer Godin, Otávio, Ademir, não é preciso gastar milhões não, são jogadores conhecidos no mundo do futebol.

  • Márcio Luiz disse:

    Com a palavra a ala “off tube” da imprensa e os torcedores de sofá que acham injustificável a Massa cornetar esse CURIOSO que está no nosso comando técnico e seus “números incontestáveis.
    Afinal de contas ainda são “trocentos por cento” de aproveitamento deste sempre simpático e sorridente argentino, não é mesmo?

    Aliás, no desespero de defender o turco, o Lélio Gustavo disse após o jogo em alto e bom som que “a torcida tem que entender que no futebol se ganha, empata ou perde”.
    Que profundo… um gênio esse comentarista!

  • Carlos Henrique disse:

    Verdade Chico, o America venceu e convenceu, o time nao vai cair
    Aluisso, fez sua estreia jogador forte, que tem bom chute de fora da area
    vamos ver mas pode acrescentar muito,hoje o America é vice lider quem diria
    pode perder posiçoes amanha, é futebol ne
    quanto ao Atletico,uma hora tinha que perder
    so acho que o Turco , esta meio perdido
    ta sim, primeira derrota, Rever falou apo´s o jogo
    e disse dos defeitos do time
    falta equilibrio, será que o Turco,nao ve que zaracho caiu de produçao
    ele foi muito bom ano passado, junto com Hulk Arana e Keno
    esse fantastico nas rodadas finais
    mas ta voltando agora, Nacho alem dos gols ta jogando muito
    mas Zracho é um grande jogador
    mas tem que jogar mais a direita
    como fazia com Cuca
    treinador tem que tirar o melhor do jogador
    com Nacho ta dando certo, com Zaracho nao
    gosto muito do futebol do Jair
    vai ser titulardesse time
    mas Otavio no momento, merece ser titular
    fortalece a defesa, erro de Alan, mas esse tem credito
    e Rubens vai ser o reserva do Arana
    e pode ser tambem reserva do Nacho Fernandes
    na base era artilheiro, no profissional
    esta entrando bem, se continuar assim, o Atletico vai ganhar dinheiro
    time europeu paga bem a jogador novo
    quero ver ele na vaga do Nacho na dele
    .quando o argentino nao puder jogar
    muito bom jogador e chuta muito bem
    o Turco perdeu oprimeiro jogo
    e um no mineiro
    vamos ver, ele tem, que encontrar o time
    fazer alteraçoes mais cedo,e fazer o time, jogar
    ta devendo, o time cria, mas , ta levando gols
    principalmente no segundo tempo
    tem quematar o jgo é nosegundo tempo
    pela qualidade do time
    por enquanto,fica Turco
    depois de mais resultados ai sim,vamos ver
    se ele vai dar conta

  • JESUM LUCIANO DA SILVA disse:

    Mandaram Nathan, hyoran, dentre outros para escanteio e para piorar as peças de reposição que trouxeram piorou o time, ainda inventaram um turco_ argentino que pode entender de tudo menos de gerenciamento de grupo, cada dia que passa o time vai caindo de produção, frouxo na marcação e bola no Hulk para resolver sozinho, que continuem passando pano para ver o tamanho do prejuízo, não tenho nada pessoal contra ele mas para treinar o galo tem que ser mais efetivo, ou vão esperar distanciar da ponta da tabela para correr atrás do prejuízo, com ele vai é colecionar mais derrotas, ganhar supercopa, Rural não serve de parâmetros para ficar nesta babação e esconder o péssimo futebol apresentado número de vitórias do campeonato rural.

  • Jerônimo disse:

    Uma pergunta àqueles que pedem “paciência”, “voto de confiança” e “tempo”….para a manutenção do técnico do Galo: Devemos manter esse pseudotécnico, Turco Pardal, até a eliminação da Libertadores ou até o grupo, ora fechado, desintegrar-se e os atletas jogarem a toalha e começarem a procurar outros clubes?

    Eu disse, aqui no blog, no dia 21/04:

    “O Brasileirão tem 6 times que provavelmente jogarão na retranca contra o Galo: Coritiba, Botafogo, Goiás, Avaí, Juventude e o América. Ao todo podem ser 12 jogos de retranca, onde 36 pontos serão disputados e estes podem ser justamente os pontos decisivos para o título do Brasileiro.”

    Eu fui duramente criticado por ter escrito isso e por ter tido a ousadia de desconfiar do trabalho do Turco Pardal. Fui chamado de corneteiro, Maria, sabichão, cruzeirense enrustido, mimizento…etc.

    Pois bem, no futebol, assim como na política, o tempo é o senhor da verdade…..
    Empatamos com o Coritiba, com o Goiás e perdemos para o América, ou seja, dos 6 times e dos 36 pontos que poderíamos conquistar, sobre times inferiores e que vão brigar contra o rebaixamento…já fizemos 3, dos 12 jogos contra esses times (25% dos jogos) e conquistamos apenas 2 pontos, dos 9 possíveis (22% dos pontos). Perdemos 7 pontos, dos 36 possíveis, por culpa única e exclusiva do Turco Pardal:
    – Rodízio de zagueiros,
    – Escalação do Godin,
    – Mudança do posicionamento do Zaracho e do Jair,
    – Insistência em manter o Nacho e o Hulk os 90 minutos, mesmo com eles jogam mal.
    – Excesso de bolas longas,
    – Demora para substituir,
    – Escalação errada e insistência no esquema 4x3x3
    – Cisma em escalar o Rubens e Arana juntos
    – Falta de visão de jogo e nenhuma variação tática ao longo das partidas

    Enfim, Brasileirão 2022 já era.

    Torcer para que venha um técnico de verdade, o mais rápido possível, e que esse novo técnico nos leve a fazer, na Copa do Brasil, excelentes jogos em casa (apenas 4 jogos) e tentar empates na casa do adversário (nós os outros 4 jogos), para quem sabe….faturarmos essa Copa do Brasil e colocarmos algum dinheiro no caixa, nessa competição que é a mais fácil das 3 que ainda disputamos esse ano.
    Com o Turco Pardal no comando….infelizmente, não dá. Ficaremos pelo caminho na Libertadores e Brasileirão.

    “Parabéns pelo excelente trabalho” Rodrigo Caetano: Fábio Gomes, Godin e Turco Pardal…”grandes contratações”.

  • Silvio Torres disse:

    Concordo com os passadores de pano que sempre aparecem pra dizer que tá tudo ok. O Atlético está no G4, lidera o grupo na Libertadores e tá com a classificação encaminhada na Copa do Brasil. Não é isso? Ah, sim. O clube vai deixar de ser dono de um dos shoppings mais valorizados do país e continuar com uma dívida de UM BILHÃO de reais. Ta tudo ok.