Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Importante do grande clássico é que os treinadores poderão contar com o que têm de melhor

CAMCRU

O resto é “perfumaria” e palco para a cartolagem ocupar seus minutos de aparição na mídia. Indevidamente, diga-se. Essa lenga lenga de torcida única tornou-se repetitiva a partir do momento em que um oficial incompetente da nossa Polícia Militar, anos atrás, ainda no governo Aécio Neves, disse que a corporação não dava conta de garantir a segurança. Depois disso, tivemos alguns jogos com as duas torcidas, graças a oficiais que tinham coragem e disposição para provar que a PM dá conta, como sempre deu. Mas, como há alternância frequente nos postos de comando, volta e meia aparece um chefe militar que afina ou sucumbe a pressões de algum interesse externo. Cansei deste assunto, mas ele volta à pauta em quase todo Atlético x Cruzeiro.

Falando do que vale a pena, que nenhum dos treinadores venha com qualquer justificativa para um resultado negativo. Se o Atlético teve jogo pela Libertadores no meio da semana, não importa, já que, teoricamente investiu alto na montagem de um elenco para suportar o calendário que é pesado mesmo. Sempre foi. Disputar a principal competição do continente é sinônimo de grandeza, de evolução, que todo clube quer. Consequentemente é preciso competência para enfrentar este tipo de situação.

Independentemente disso, vejo o Cruzeiro mais arrumado em campo, resultado do trabalho do Mano Menezes, que iniciou essa montagem ano passado, enquanto salvava o time do risco do rebaixamento no Brasileiro. Teve tempo e pediu as contratações certas para dotar o Cruzeiro de um grupo competitivo novamente, sem gastar fortunas. Dispensou a “baciada” contratada equivocadamente no início de 2016 e pôs ordem na casa. Treinador que assume verdadeiramente as rédeas, deixando os dirigentes na função de coadjuvantes em relação ao dia a dia do futebol.


» Comentar

Comentários:
28
  • J.B.CRUZ disse:

    ”Arregaçaram” no jogo, mas no final da partida trocaram gentilezas..Parabéns aos jogadores, antes assim..

  • Marcão de Varginha disse:

    “Àqueles” caboclos que ficaram trocando farpas na mídia deveriam resolver algumas pendências nos bastidores, mas sedentos que são por caça aos holofotes acirraram os ânimos da torcida (?) celeste que alguns arremessaram milhos e fraldas no passeio da FMF.
    – Todos sabemos que em ambas torcidas há bandidos travestidos de torcedores, que saem de casa à procura de vítimas, agredindo até mesmo quem se dirige sentido ao Mineirão por necessidade, mesmo àqueles que não são adeptos de futebol, chegando ao absurdo de ceifar vidas e depredando o patrimônio público e privado.
    – Dirigentes de clubes e autoridades ligadas ao futebol jamais deveriam acirrar os ânimos dessa rapaziada irresponsável que não respeita o próximo, sejam esses idosos, crianças e outros indefesos.
    – Quem deveria se primar pelo exemplo são os primeiros à agir de forma irracional, animalesca até; à esses cidadãos peço que ajam com inteligência e mais responsabilidade, pois, infelizmente em dias de clássicos no Mineirão as vidas são colocadas em perigo, e os encarregados da segurança pública não são Deus para estar em todo lugar ao mesmo tempo fins de prevenir que algo pior aconteça.
    – Tomara que não haja conflitos armados e que não tenham vítimas fatais, mas se infelizmente isso ocorrer, que o valoroso “quarto poder” possa agir contra esses cidadãos que usaram a mídia e se ofenderam mutuamente, aumentando ainda mais a rivalidade entre os torcedores adversários mais afoitos, mais irracionais…
    – Torço para que todos se respeitem e evitem provocações mútuas, e que a paz e a concórdia sejam a base para evitar mal maior… infelizmente uma máxima do grande Nelson Rodrigues cabe muito bem à esses cidadãos que ficaram com a “necessidade” de aparecer mais na mídia: “Muitas vezes é a falta de caráter que decide uma partida. Não se faz literatura, política e futebol com bons sentimentos…”.

  • Alex disse:

    ….é preocupante o clima de guerra que esta se levantando sobre esse jogo….como bem disse o Eduardo Ávila, o cruzeiro está vivendo internamente uma guerra política….é Senador sem voto fazendo política e atirando pra todo lado , desrespeitando até essa instituição respeitosa e centenária que é a PM…e ó aprendiz de Kalil desesperado pra fazer moral com a torcida e angariar votos pra mudar o estatuto….e por fim ,a torcida azul que vive uma crise de Conspiração terrível, querendo colocar a culpa na FMF, no Galo, no Kalil , no Daniel pelos problemas internos que seu time vive e pela passividade de sua diretoria………:”ah mais o Galo não pode jogar no Horto, a culpa é do Galo”…pode jogar, é direito e está dentro da lei….só espero que o jogadores do Galo não entrem nesse clima e que possam ir a campo pra jogar futebol…..esse clima tem prejudicado os próprios jogadores azulados que já estão entrando no clima da choradeira….que os jogadores do Galo se concentrem em jogar futebol…..e que Deus tenha misericórdia das 2 torcidas…..

  • Leandro Fábricio disse:

    Tirando as provocações…. vejo os dois times ainda com elencos “limitados”, eu disse elencos… os dois com times titulares competitivos mas com suplentes muito fracos em determinadas posições…

    vejo o time do enseada melhor postado em campo do que o do atlético… se nota em jogos do enseada uma postura bem definida em campo cada jogador sabendo o que fazer dentro das quatro linhas…. do lado do atlético um time muito mal distribuído em campo contando com lampejos individuais de algumas peças… acho que nesses dois jogos o psicológico é que vai determinar quem sairá campeão do regional… os jogadores do atlético vão ter que saber lidar com o pequeno tabu de não vencer o enseada e controlar a ansiedade… do outro lado os jogadores azulinos também vão ter que conter a ansiedade para tentar inverter a vantagem que o time alvinegro possui…

    na minha opinião quem tiver mais os nervos no lugar vai sair com uma vitória nesse primeiro jogo…

  • Leandro Fábricio disse:

    quem é bruno vincintin????

    ha nem…

  • Leandro Fábricio disse:

    Parabens chico, vc matou a charada aí no caso da situação provocada pela pmmg… é isso mesmo chico… a cada mudança de comando um pensamento diferente, infelizmente gostaria de esclarecer muita coisa a vc e aos amigos do blog sobre a nossa valorosa pmmg mas eu vou querer falar a verdade e infelizmente rede social é um negócio complicado… vc entende do que eu estou querendo dizer né…

    queria aqui se for permitido por vc parabenizar um grande comandante que infelizmente reformou e não está mais conosco… coronel gianfranco caiafa, nunca mais teremos um comandante com culhão como foi esse cara, as vezes bateu de frente com muito dirigente de clube aí mas nunca fugiu da batalha, hj está prestando seus conhecimentos a prefeitura de Bh junto a vcs aí chico… vc deve já o ter conhecido, senão ainda o conhece, bata um papo com esse cara sobre alguns assuntos inclusive sobre segurança pública…. vale a pena

  • Marcão de Varginha disse:

    Esse protótipo de dirigente do clube celeste e o presidente da FMF deveriam primar pelo exemplo e não ficarem se digladiando em trocas de farpas para aparecer na mídia… se esses cidadãos usassem mais o cérebro, deveriam saber que em toda torcida há bandidos e vândalos infiltrados, que só vão aos jogos à procura de vítimas e de covardias, e àqueles sem miolos que se dizem “do bem”, ao verem esses bandidos agindo mormente depois dos clássicos, chateados que ficam com a derrota de seu time, se sentem mais “animados” e também participam da balbúrdia na vã tentativa de esquecer mais uma derrota.
    – Sou à favor que os clássicos contra os celestes sempre sejam disputados no salão de festas alvinegro, o Mineirão, e que ambas torcidas sejam divididas meio-a-meio… não é preciso citar qual time levará mais torcida, pois, nas roletas desse estádio estão registradas que a alvinegra sempre é e será mais numerosa, participativa, alegre, vibrante, numerosa… aliás, torcida em MG só a grande e verdadeira massa alvinegra, que não possui nenhum título sob suspeita por manipulação de arbitragem (precisamente no último quase meio século).
    – #benecyeternomito

  • thiago disse:

    Concordo com vc Chico Maia mas ficou claro que a diretoria cruzeirense propôs dois jogos no Mineirão onde a polícia acha que da conta (eles não sabem p….nenhuma) com torcidas divididas e a diretoria atleticana não quis.
    O Mineirão é pra maioria dos torcedores atleticanos muito melhor que o independência. Afinal la ganharam libertadores, Recopa Recopa e copa do brasil. E so nao tem um contrato com a administradora por puta vaidade do seu ex-dirigente, pq por questões econômicas não é.
    Jogos de maior calibre tanto cruzeirenses quanto atleticanos querem jogar no Mineirão.

  • Stefano Venuto disse:

    Esse Vicentin quer assumir um protagonismo, que não teve na vida privada, herdeiro que é, e só. Ele adora criar uma polêmica para botar pilha na torcida do cruzeiro, porque nem com ingresso de graça essa turma azul tem frequentado o Mineirão. Só concordo com uma coisa, se a torcida do Galo tem direito à 10% dos ingressos, é justo que a mariada também possa ir no Independência. De resto é uma pilha desnecessária, o cruzeiro tem um elenco mais equilibrado, o Galo vem evoluindo na hora certa. O melhor é que vem mais três jogadores ai pra segunda fase da Libertadores e brasileirão, então se forem do nível que estão especulando, estaremos com um time candidato ao título. Agora, essa polícia militar de Minas tá muito cheio de luvas, eles ganham pra isso.

  • Julio Cesar disse:

    Simpatizantes de Pirangi pilhando demais estes jogos sem necessidade. Talvez o fato de dois anos sem conseguir uma final de mineiro seja o motivo (?). So esquenta mais os “animos” daqueles (tanto de um lado como de outro) que vão pra provocar briga, tumulto e ate mortes. Um desastre sem necessidade! Depois vira tragedia anunciada. Calma gente. Os daqui do blog, nós, é bom ajudarmos a somente torcer e a zoação fica por aqui. Afinal, quem aqui não tem na familia torcedores ate de outros times, sejam primos, pais e ate irmãos. Quem vencer comemora! Quem perder fica em casa.
    Não tem que parar onde se reunem torcedores do outro clube para provocações. Fiquem onde se reunem, “cada um no seu quadrado”.
    E cabe a policia monitorar grupos para evitar emboscadas dos marginais!

  • Carlos Henrique disse:

    Ja vi times mediocres do cruzeiro vencer o Galo, anos 80 com bendelat acho que é isso Tob e outros malas , venceram time com Reinaldo É der Cerezo.
    e vice versa tambem times mediocre do Galo vencer o cruzeiro, com um time muito melhor.
    o certo no futebol, é que o time atleticano ta crescendo na hora certa.
    as vitorias contra U.R.T. e Libertat foram convicentes.
    parece outro time, agora “CLASSICO” É DIFERENTE.
    ESSE VINCINTIN é bocudo, gosta de polemica
    e inflama para o lado ruim.
    que culpa temos, SE kalil é prefeito de b.h., se o presidente da f.m.f.
    é atleticano.
    voces esqueceram, quando o senador Aécio NEVES era governador
    e o cruzeiro tinha o perrela como presidente.
    era a a mesma coisa, nao que Kalil , eteja ajudando o ATLETICO, kALIL TA FOCADO EM FAZER b.h. funcionar. simples assim.
    e quem vetou jogo no Independencia foi a policia militar de mg
    e ja faz alguns meses que a pm disse isso.
    jogos entre ATLETICO E CRUZEIRO, ATLETICO E FLAMENGO E CORINTHIANS TAMBEM FORAM VETADOS.
    MAS esse Sr Bruno Vincintin, gosta de polemica
    gosta de chamar a tençao, gosta de aparecer
    e quer ser presidente, com o apoio do Dr gilvan
    do outro lado Perrela, PRETENDE VOLTAR
    LEMBRO das noticias antes da era Kalil, e varias correntes politicas no ATLETICO
    E A calmaria do lado azul.
    isso inverteu, o futebol mudou, mas a cabeça dos dirigentes nao.
    agora esse jogo contra a enseada é polemico, todo classico é.
    o que perder, nao pode perder o trabalho feito , pois o BRASILEIRAO JA TA AI
    E O Galo vai enfrentar o seu maior rival, que venha o FLA.

    • Jorge moreira disse:

      Quer saber de uma coisa vicintin bão é o de Moeda, este ai é um mané sem calça idiota e aparicio, o de Moeda pelo menos criou um creme pra fazer o cabelo crescer e este ai, quer aparecer botando pilha na torcida maria, só espero que se houver brigas que este sujeito seje responsabilizado

  • Renato César disse:

    Chico, este atual Senador da República, que, diga-se de passagem, está usando os Ministros que seu partido indicou para o STF para tentar proibir que os inquéritos abertos contra ele sigam adiante, atuou de maneira clubista naqueles tempos.

    Sou a favor de vender ingressos para quem quiser comprar, sem carga definida para A ou B. Cansei de gritar “empurra as bicha!” no Mineirão antigo. E não tinha briga nem muito menos mortes naqueles tempos. Só a PM arredando a corda para liberar mais espaço para a torcida que tinha comprado mais ingressos.

    Quando as arquibancadas eram ocupadas por torcedores, a rivalidade ficava limitada às gozações. Não virava confusão nas arquibancadas, no campo, nos arredores do Estádio, no centro da cidade ou na região metropolitana.

    Tira estes bandidos das ruas e põe na cadeia, aí pode voltar a dividir o estádio que os torcedores irão lá só para torcer mesmo.

    • José Eduardo Barata disse:

      Era exatamente assim .
      Nós gritávamos “solta as bichas” e a turma de lá
      gritava “cachorrada” .
      Ninguém entrava em depressão nem procurava os
      direitos humanos para resolver na justiça a ofensa
      recebida .
      E a divisão das torcidas era feita com uma corda
      que mudava de lugar dependendo do número de
      torcedores de cada time , exatamente como você tão
      bem lembrou .
      Claro que MASSA empurrava os azuis pra trás do gol
      da cidade , normal .
      Mas fora alguns empurrões , umas “porradas” aqui e
      ali ( eu mesmo fui envolvido num calor de uma discussão
      e um amigo chegou a perder o seu radio Telenfunken
      lançado na “oreia” do adversário ) , tudo terminava bem .
      Bons tempos ! , sem essa maldade e sem essa raiva dos
      de hoje .

  • J.B.CRUZ disse:

    O Record de público do MINEIRÃO entre CRUZEIRO x ATLÉTICO***no dia 04 de Maio de 1.969, pelo Campeonato Mineiro é de 123,351 pagantes..
    Me lembro perfeitamente daquela tarde de Domingo ensolarada, Alegre e festiva..
    Eu meu Pai e Avô, saímos de casa rumo ao Estádio (olhem o Detalhe) ás 14:00 Hs. embarcamos nos ônibus na Rua Curitiba (outro detalhe), tudo misturado; torcedores do galo e da raposa e tomamos o rumo do estádio via Antônio Carlos na maior gritaria de ambas as partes (cada um louvando seu Time); e as gozações e brincadeiras não passavam de: Um,dois, três; o galo é freguês e vice versa)..
    Chegamos ao Estádio às 15:00, corremos para a bilheteria filas pareciam intermináveis, mas, com os Guichês de venda dos Ingressos todos funcionando, conseguimos entrar no Mineirão ás 16;15 com o jogo já em andamento..
    Jogo duro como sempre, mas cheio de jogadas eletrizantes, dribles maravilhosos, espetáculo para os olhos;e agonia nos ataque do adversário, mas, coroado de Prazer para a massa Cruzeirense aos 7 minutos do segundo tempo,;quando NATAL, apesar da forte marcação do lateral-esquerdo
    Uruguaio CINCUNEGUI, (que o galo tinha comprado justamente para parar o o endiabrado Ponta direita CRUZEIRENSE), decidiu a partida…
    De volta para casa, mais uma vez, ônibus lotado e misturado as duas torcidas, não se viu um gesto de agressão; só as velhas gozações, e as desculpas dos atleticanos, prometendo descontar na próxima partida..
    HOJE leio no SUPER NOTICIA: ”
    “”Promotor vai intermediar negociação com P.M., para liberar míseros 10% de ingressos para os CRUZEIRENSES,,,,,,,,,,,,,,,,,e no Independência !!!!…
    VELHOS TEMPOS; Novos Tempos ……

    • Carlos Almeida disse:

      Mto boa a história J.B.!

    • Alisson Sol disse:

      Que isto JB. Agora mesmo você estava lá testemunhando a chegada do Cabral.
      Você deve gravar uns depoimentos para deixar registro destas “experiências”…

      • J.B.CRUZ disse:

        CARO ALISSON:
        Não chego a tanto, mas, afirmo e reafirmo: O BRASIL já foi um País bem melhor para se viver, onde o Mérito, a Hierarquia, a Disciplina, os Bons Costumes e Respeito ao Próximo, Ditava as Normas para um Bom Relacionamento..
        HIPOCRISIA E DEMAGOGIA., sempre houve; mas confesso que esse ”politicamente correto” que nos impingiram de uns anos para cá, serviu para acirrar os ânimos; e despertar o lado ruim que todos nós temos..

  • Claytinho do Nova Vista - BH disse:

    Tem tudo pra ser um grande jogo !
    Em clássico eu não arrisco palpites mesmo… Já vi o Cruzeiro vencer, mesmo estando com time bem inferior, mas também já vi o Cruzeiro perder, mesmo estando com time bem melhor…
    Então, qualquer coisa que seja falado antes, não passará de mero chutômetro ou o desejo daquilo que a pessoa gostaria que acontecesse.
    Por isso que eu nunca tiro sarro antes… Pq se der zica, a zoação depois é dobrada… rs
    E se “der bom”, aí o prazer de zoar também é bem melhor… rs
    Vamos aguardar… rs

    • Julio Avila (Mariana) disse:

      Cuidado Claytinho tem um fã seu ai que vai distorcer tudo que você falou hein,rsrs!

    • luiz ibirite disse:

      Fala Claytinho, to acompanhando seu “karaoke” com o Alex, ta muito divertido, cada hora uma réplica, nao q eu queira ver o circo pegar fogo, mas acho eu que vai acabar tudo como antes no quartel de abrantes, kkkkkk.
      Aqui quanto ao placar acho eu que o Cruzeiro vai dar ao Atletico os dois resultados iguais que eles tem direito, duas derrotas pra eles ta de bom tamanho,kkkkk….

      • Claytinho do Nova Vista - BH disse:

        Caro Luiz Ibirité,

        Dou muitas risadas aqui com aquele embate… rs
        Enquanto fica só na esfera da zoação ou tentativa de zoação, é tranquilo e eu rebato da mesma forma. Mas quando ai desta linha, aí a coisa muda de figura… rs

        Abraços

    • Igor Mendes disse:

      Concordo com você!

  • Pablo de Oliveira disse:

    Bom dia Chico e massa Atleticana!!!
    Espero que depois dessas duas vitórias a torcida fique mais unida e confiante, deixando o Roger fazer o trabalho dele sem pressão.
    Temos que entender que todo o time campeão não se formou da noite para o dia, temos vários exemplos disso no futebol e até mesmo aqui no Atlético onde o Cuca assumiu em 2011 e só foi ganhar a Libertadores em 2013.
    Achei válido a cobrança feita por nós torcedores para uma mudança de postura do time, uma mudança no esquema e uma mudança no time titular.
    Essas mudanças foram feitas e o resultado foi duas vitórias convincentes .
    O time se mostrou unido e fechado com o Roger, é o que devemos fazer unidos e fechados com o time, e apoiando o Roger.
    Achei interessante as mudanças do Roger, pois finalmente parece ter achado um lugar para o Robinho no time.
    No jogo contra o Libertad ficou claro as intenções do Roger e como o Maicosuel se encaixou bem no time.
    Hoje podemos dizer que temos 10 titulares absolutos, Victor, Rocha, Leo Silva, Gabriel, Fábio Santos, Carioca, Elias, Maicosuel, Robinho e Fred.
    A última vaga vem sendo disputada por Otero, Cazares, Marlone, Rafael Moura e até mesmo o Adilson pode entrar nessa vaga.
    O Roger armou um time no 4-2-3-1 com o Robinho flutuando pelo meio que na verdade é um 4-4-1-1.
    O que matava o esquema do Roger no 4-1-4-1 é que o Robinho estava na segunda linha de 4 e tinha obrigação de marcar como não é sua característica não marcava nem armava tava matando o esquema.
    Agora não, ele praticamente não tem posição no ataque fica flutuando perto do Fred sem aquela obrigação de marcar a tendência é o futebol dele crescer muito, contra o Libertad ele não fez uma grande partida mas fez o principal fez um golaço, é isso que esperamos dele gols e assistências.
    Outro que estava sendo prejudicado com o esquema era o Carioca, ele fazia o 1 a frente dos zagueiros agora não, vai ter sempre a companhia de um volante ao seu lado, dando uma melhor cobertura aos laterais.
    Também está claro na cabeça do Roger que temos uma arma que se chama Rafael Moura, onde ele coloca o time com 3 atacantes e o time vai com tudo, deu muito certo.
    Também deu muito certo Cazares e Otero no banco, é impressionante como melhoram entrando no segundo tempo.
    Para o clássico o time está definido faltando apenas aquela última vaga, cada um vai ter sua preferência eu entraria com o Adilson mas qualquer que o Roger colocar vai jogar bem e vai nos ajudar.
    Se ele entrar com o Adilson o time fica assim 4-4-1-1 ou 4-2-3-1 como preferirem:
    Victor
    Rocha – Leo Silva – Gabriel – Fábio Santos (4)
    Maicosuel – Adilson – Elias – Carioca (4)
    Robinho (1)
    Fred (1)
    O trabalho está sendo bem feito, fizemos nossa parte agora é só torcer e apoiar mesmo nas derrotas…
    Saudações!!

  • Alex disse:

    …felizmente, ainda existem bons exemplos:”Foram quase 13 meses afastado dos gramados por conta de uma séria lesão no joelho direito, mas agora ele está mais do que de volta. Por atrás do 1,92 de altura, o zagueiro Dedé trata com muita alegria o período em que ficou fora de combate no Cruzeiro. Ainda mais maduro, tanto como pessoa quanto como profissional, o defensor revelou em entrevista exclusiva ao FOXSports.com.br de onde tirou forças para aguentar o longo tratamento por que passou, contando sempre com o carinho de muitos fãs, incluindo até mesmo mensagem de apoio de um torcedor do arquirrival Atlético-MG.”
    P: parabéns ao torcedor pelo apoio…eu também torci para o seu retorno Dedé….ninguém merece passar pelo que vc passou….