Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Delator, dono da JBS/Friboi ficou com 3% do Mineirão para pagar propina de campanha

MINEIRAO

Agora dá pra entender porque a CPI da reconstrução do Mineirão não saiu e não sai de jeito nenhum. Nos governos Aécio e Anastasia, por questões óbvias, e nem no governo sucessor, que antes era oposição. Na delação do Joesley, dono da JBS (Friboi, Seara, Vigor, Massas Leve…) ele conta que teve que ficar com 3% do estádio, numa transação que envolveu a construtora HAP, uma das integrantes do Consórcio Minas Arena.

Está no jornal Zero Hora, de Porto Alegre:

* “Para pagar propina a Pimentel, Joesley diz que JBS comprou 3% do estádio Mineirão” 

Em delação premiada, empresário afirma que repasse de R$ 30 milhões ao governador mineiro foi pedido pela então presidente Dilma Rousseff

O império dos irmãos Batista não se restringe à proteína animal. Em uma operação para entregar R$ 30 milhões à campanha de Fernando Pimentel (PT) ao governo estadual de Minas Gerais, em 2014, ele se tornou dono de 3% do estádio Mineirão, um dos templos do futebol nacional e palco dos 7 x 1 sofridos pelo Brasil ante a Alemanha na Copa de 2014.

A operação foi descrita por Joesley na delação premiada feita junto à Procuradoria-Geral da República (PGR).

O empresário controlava duas contas usadas para gastos do PT em campanhas eleitorais. Quando os fundos já estavam quase zerados, com os gastos batendo próximo de US$ 150 milhões, Joesley conta ter sido procurado por Edinho Silva, tesoureiro da campanha de Dilma em 2014. Ele passou a cobrar o repasse de R$ 30 milhões a Pimentel. — O Edinho não tinha esse poder para me pedir. Eu fui no Guido (Mantega, ex-ministro da Fazenda) e ele me disse que isso era com a presidente Dilma. Eu estive com a Dilma, fui explícito com ela. Contei tudo, que tinha duas contas, uma que o Guido falou que era sua (Dilma) e outra do Lula. E já acabou o dinheiro. (…) E ainda estavam pedindo mais 30. Se fizer esses 30, acaba. Ela disse que era importante fazer — detalhou o executivo.

Acatado o pedido da presidente, então candidata à reeleição, Joesley tratou de resolver o assunto com brevidade. O dinheiro das contas que ele gerenciava resultava das propinas pagas pela empresa em troca de vantagens em operações no BNDES.

— No mesmo dia eu peguei o avião, fui no Pimentel, encontrei ele no aeroporto. Falei que tava tudo certo. (…) Para viabilizar (o pagamento da propina), ele me apresentou um sujeito de uma construtora em que eu comprei 3% do Mineirão. Nem time de futebol eu tenho, imagina comprar estádio. Essa pessoa fez um contrato de venda, somos donos de 3% do Mineirão. Esse rapaz, de alguma forma, passou o dinheiro ao Pimentel. Foi pago por transferência bancária — contou Joesley em depoimento gravado aos procuradores.

http://zh.clicrbs.com.br/rs/noticias/politica/noticia/2017/05/para-pagar-propina-a-pimentel-joesley-diz-que-jbs-comprou-3-do-estadio-mineirao-9796728.html


» Comentar

Comentários:
7
  • Tonho ( Mineiro ) disse:

    Pois e Chico tinha um deputado do PT que vivia falando de CPI do mineirao ai o cara foi eleito, parou de falar, cobrei dele a mesma postura depois de eleito pelo Twitter, a resposta sabe qual foi ? fui bloqueado, serio !!! ta ai agora o pq da coisa !!!

    • Jorge moreira disse:

      Tonho o deputado é o falastrão da radio de minas? kkkkkkkkk, vale nada a opinião dele afinal quem são os seus colaboradores, e até amiguinhos

      • Tonho ( Mineiro ) disse:

        Foi o da Itatiaia nao Jorge foi um deputado estadual do PT. Falou muita coisa antes de ser eleito depois, tudo mudou, pior e que eu acreditava muito nele, nunca acreditei neste Pimentel.

  • José Eduardo Barata disse:

    Fora o fato de que ninguém explicou como o Aécio
    conseguiu a façanha de ter resolvido o contrato que
    o estado tinha com a Universidade Federal que havia
    cedido o espaço para a construção do estádio .
    Não havia uma cláusula de comodato ?
    O governo de Minas poderia dispor do Mineirão como
    bem entendesse , alienando-o a terceiros ?
    Alguém explica ?

  • Raws disse:

    Recordando daquela expressão antiga, “não tem virgem nesse puteiro”, lembrando do título, “o silêncio dos inocentes”. Nosso legislativo e judiciário, são piores do que o executivo. Os que executam essas tramóias sempre foram e sempre serão inferiores em números aos que tem em seus postos a abrigação de fiscalizar, impedir se for o caso e punir. Como “a carne é fraca” e o “curral” é grande, vamos seguindo em frente levando essa vida de gado e haja exterco para justificar tanto mau cheiro.

  • Clóvis Mineiro disse:

    O time azul sempre esteve ligado a algum frigorífico, a carne é fraca. É por isso que não largaram o Mineirão e fica doido pra carregar o Galo pra lá pra melhorar sua renda. Sem o Galo, Crucru e Minas Arena estão quebrando. O time usa o estádio e num paga um dia a conta chega. Ainda bem que é só 3%, mas como eles gostam de 69 digo 6 e 9, a conta pode aumentar.
    Depois que os Perrelas deixaram o Crucru, raposa, digo cachorro mordido de cobra tem medo de linguiça.
    E Gilvan que sempre gosta de ficar em cima do muro da Toca, teceu elogios ao Zezé e Vicintin ficou de beicinho. Nos mei de nossas ôtoridades é uma trairagem só. Morro de medo de nas eleições azul, as urnas eletrônicas funcionarem como as catracas do Mineirão naquele jogo Crucru x Vila Nova.
    Quando vejo o Crucru no troca troca com o Palmeiras, trazendo o Rafael Marques e se interessando pelo Sassá, é porque terá que devolver o Ábila. Comprô e num pagô, tem que devolver a mercadoria. Arrascaeta, Ariel e Romero estão na mesma barca. A joia azul hoje é o Dedé que pertence ao supermercado. É mió esse delator parar de prosear se não vai aparecer cinco estrelas nesses áudios.
    O Crucru leva tantas vantagens nestas trocas que já estão pensando numa futura proposta: vem Alexandre Mattos, Cuca, a Crefisa e o Allianz Parque; vai Gilvan, Vicintin, Mano, o Mineirão e os frigoríficos.

  • Marcão de Varginha disse:

    Ichi…. novos fatos envolvendo o Mineirão poderão surgir… ainda bem que o clube genuinamente mineiro e seu ex-presidente com visão futurística não firmaram convênio para usá-lo… te muita gente com o … na mão de tanto medo de aparecer no (sic) “contrato”! Enquanto isso 7 1 para os alemães…
    – #benecyeternomito