Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

O melhor do Atlético neste domingo foi o encontro da torcida em Lisboa

CAMENCONTRO

Com a presença do presidente do Conselho Deliberativo, Rodolfo Gropen, e muita animação, atleticanos de várias partes do mundo se reuniram no 2º Encontro promovido pelo Consulados do Galo, em Lisboa.

CAMLIS2

Galo D`Angola‏ @FredericoBarro3

galodangola

Galo D’Angola reconhecido como primeiro consulado do Galo em terras africanas. Muito orgulho!! @renato3313 @atlético

Rodolfo Gropen (direita) com o Frederico Barros da Galo D’Angola.

camgtopen

De camisa branca, o advogado e jornalista Bolivar, que mora atualmente em Toulouse/França, marcou presença.

Família no ! Estamos crescendo! Muito amor pelo

deustech

Missão cumprida! Agora é voltar p casa e esperar o do ano que vem! Obrigado @PortuGalo1908 vcs são feras!! #EncontroConsuladosLX17 @atletico

http://consuladosdogalo.com.br/quemsomos/

Quanto ao jogo contra o Botafogo, valeu a reportagem do Thiago Nogueira, no SuperFC:

* “Galo fica no zero a zero contra o Botafogo”

Atlético e Botafogo empatam no Independência, freando a tentativa alvinegra de escalar a tabela para entrar no grupo dos que se classificam para a Copa Libertadores do próximo ano

Não se pode reclamar do esforço da equipe. Mas, mais uma vez, o Atlético não conseguiu somar os três pontos em casa no Campeonato Brasileiro, sua grande sina na competição deste ano. Galo e Botafogo não saíram do 0 a 0, neste domingo, no Independência, freando a tentativa alvinegra de escalar a tabela para entrar no grupo dos que se classificam para a Copa Libertadores do próximo ano.

Em um ano tumultuado, de altos e baixos, troca de treinadores três vezes, a classificação para o torneio continental é o prêmio que consolação do alvinegro. Mas, com o pontinho somado, o Atlético chega só aos 42 e estaciona no décimo lugar, a cinco pontos do Flamengo, a equipe que abre o G-7 da competição. Para se ter uma ideia do prejuízo em casa, o Galo disputou 48 pontos em seu domínio e conquistou apenas 16.

“Se existe a possibilidade matemática para classificar para a Libertadores, temos que acreditar. Temos que enfrentar os adversários com uma final e esse horizonte de Libertadores vai aparecer para a gente. Temos que pontuar”, destacou o goleiro Victor.

Embora sem gols, o primeiro tempo foi franco, com as duas equipes propondo alternativas de jogo. Árbitro da partida, Sandro Meira Ricci se esquivou de marcar faltas para o Galo, irritando os atleticanos. Sempre perigoso nas bolas paradas, Otero teve duas oportunidades que carimbaram a barreira. Victor e Gatito trabalharam algumas vezes, mas sem defesas difíceis.

Para o segundo tempo, Oswaldo de Oliveira promoveu a mesma alteração do clássico, colocando Cazares e sacando Valdívia. O volume ofensivo do Atlético, de fato, aumentou, mas ainda faltava aquele encaixe no passe e o capricho na finalização.

Numa rara chance, Otero bateu por cima, aos 16 min. O tempo ia passando, e o Galo seguida na mesma toada, sem conseguir empolgar. A torcida deu seu empurrão e incentivou. Aparentemente satisfeito com o empate, o Botafogo chegava com raridade. Mas, se aos 29 min, Victor, de forma incrível, evitou que a casa alvinegra caísse.

Sem conseguir evoluir com a bola no chão, Oswaldo colocou Rafael Moura, apostando na bola aérea. Não foi pelo alto, mas com um chute de fora da área, que He-man conseguiu acertar o pé da trave aos 38 min. Pouco depois, aí sim de cabeça, a testada do atacante tirou tinta da trave. Com o jogo próximo do fim, o Galo foi para o abafa mas, na base do desespero, não adiantou.

O alvinegro, agora, sai para enfrentar o Santos, no próximo sábado, no litoral paulista.

http://www.otempo.com.br/superfc/atletico/galo-fica-no-zero-a-zero-contra-o-botafogo-1.1536814


» Comentar

Comentários:
14
  • Rafael Portugal disse:

    A PortuGalo daqui de BH, fundada em 1996, por descendentes de Henrique Furtado Portugal, grande atleticano e ex-Conselheiro do Atlético, do qual sou neto, saúda os irmãos atleticanos que se encontraram lá em Lisboa – encontro que provavelmente foi promovido pela homônima Portugalo de lá de Lisboa. Outro dia viram uns torcedores com a camisa deles no Horto. Linda! E parabéns a todos, ótima iniciativa. Dá-lhe Galo!

  • Carlos Henrique disse:

    O atleticano é muito apaixonado em todos os lugares do mundo se organizam
    para interagir , e torcer
    no Brasil tambem, em todo estado a massa se faz presente
    organizada, e nas cidades de minas
    aqui no sul de minas, assisto jogo com a torcida organizada do Galo da cidade
    e olha, que aqui a influência é paulista
    mas quando o Galo jogou com a Caldense
    pude conversar com atleticanos jovens de inumeras cidades do sul de minas
    Galo e.t. (varginha )maioria jovens
    Galo Alfenas
    Galopoços
    Carmo Galo (carmo do rio claro)
    e por ai vai
    Galosampa, Cariogalo
    mesmo morando no sul de minas eu tenho o Galo na veia
    AS TORCIDAS DO ATLETICO , SEJA CONSULADOS ESPALAHADAS POR MINAS, PELO BRASIL E PELO MUNDO NTERAGINDO
    assistindo jogos em um local especifico
    mostram ao mundo o oque é ser atleticano

  • Marcão de Varginha disse:

    Na verdade dos times considerados “grandes” do brasileirão o eterno maior de MG que até hj não assumiu espontaneamente ter comprado arbitragens, o Galo “só” ganhou de times já “calejados, acostumados”, que literalmente “tremem” ao deparar com o mítico e tradicional smoking alvinegro, uai..!
    – #benecyeternomito

  • Stefano Venuto Barbosa disse:

    Torcida do Galo é colossal! Quando o estadio estiver pronto tenho certeza que subiremos mais um degrau e despacharemos de vez os simpatizantes e roedores minúsculos.

  • jorgemoreira disse:

    Com certeza os invejosos vão tentar imitar, mas é claro nunca conseguirão

  • J.B.CRUZ disse:

    Não se pode tirar nada de Positivo ou Negativo de Jogo entre CRUZEIRO X ATLÉTICO….
    O ”galo” continua com a síndrome do Horto…..Cuidado o Tempo está se Esgotando,,,,,,,,,,,

  • José Eduardo Barata disse:

    Ê , torcida !!!
    Sinceramente , podem pesquisar à vontade que não se encontrará
    nada que se compare a manifestações como esta envolvendo outros
    clubes no país .
    Eu acredito !
    Caiu no Horto , ‘tá morto !
    Aqui é GALO , p ….!
    Se houver uma camisa preta e branca ….
    E por aí vai .

  • Pedro Vítor disse:

    Pulsa demais este Clube Atlético Mineiro!

    GALO SEMPRE

  • Luiz disse:

    Prezado Chico,
    Como esse time do Galo insiste em não querer ir para a Libertadores.
    Como esse time teima em não querer vencer o campeonato inteiro.
    Quanta falta de compromisso, de mínima criatividade e de incompetência.
    O último jogo em que eu estive no estádio, foi contra o Palmeiras. O galo com 11 e o Palmeiras com 09 jogadores.Os jogadores tocando bola de lado ..sem objetividade, sem determinação. Por mim, jogando com esses atletas torço para alcançar os 46 pontos e já está bom demais.
    E o tal do Atlético B…que vexame, que arremedo de time….sem comentários.
    Ridículo..começando pelo nome que deram!
    Eita ano perdido esse!

  • Igor Mendes disse:

    É o Galo, tradicionalmente reconhecido mundo afora.
    Assisti Grêmio e Bota pela Libertas, o time do Botafogo toca muito a bola ataca e defende coletivamente e tem um toque de bola muito bom, chegando a merecer um resultado melhor, só que do outro lado estava o Grêmio completinho, sem mesclar ninguém. Além da tradição de não jogar bem contra o Botafogo, o Galo tem dificuldades pra jogar contra times assim. Acho difícil vaga na Libertadores este ano, o time está sempre jogando mal em casa.
    O Cru cru foi acionado na Fifa pelos débitos de Arrascaeta e Latorre. Acho que vai ter devolução!

  • Raws disse:

    Esse ano não me preocupa mais, o seguinte sim. Além de que não vejo como resolver tantas carências e sobras no plantel, fico sem entender a torcida aplaudir um empate dentro de casa, como se ele desse direito a uma vaga na libertadores. Como que se empatar contra o Botafogo amenizasse a eliminação para o mesmo e por fim, como se o empate limpasse todo fiasco que foi 2017. Eu já aplaudi até derrotas, porém esse ano, até nas vitórias eles merecem vaias, lógico que ao fim da partida.

    • jorgemoreira disse:

      Permita-me discordar de voçê, mas os aplausos seram sempre a instituição mesmo que esta instituição seje dirigida por um nepomusono da vida, de tristisima passagem pela presidencia do clube, nós não temo time,nós não temos torcida, nós seremos SEMPRE ATLÉTICANOS, este jogadores sem alma foram contratados por um incompetente escolhido pelo grande mas destemperado presidente Kalil que deve estar se remoendo de RAIVA pela sua pessima escolha, e penso até que a indicação dele ao proximo mandatário esta equivoca na minha opnião os dois a serem escolhidos um seria o Gropen a segunda seria a Adriana Branco

      • Guilherme Gonçalves Costa disse:

        Meu Deus!!! Será que o Sette Câmara ainda vai ser pior que o Daniel, Jorge?????? Assim você me assusta. Eu não sei nada, absolutamente nada sobre o futuro Presidente do Galo. Sei apenas que o filho dele pleiteia uma vaga na fórmula 1.

      • Raws disse:

        Fique sempre a vontade para discordar, mesmo porque dono da verdade ninguém é, mas no caso desse grupo de descomprometidos, não sou a favor de aplausos no final com um resultado adversos. Abraço.