Warning: "continue" targeting switch is equivalent to "break". Did you mean to use "continue 2"? in /home/blog/www/wordpress/wp-includes/pomo/plural-forms.php on line 210
O que esperar de Alexandre Mattos, novo diretor do Galo, apresentado oficialmente hoje | Blog do Chico Maia

Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

O que esperar de Alexandre Mattos, novo diretor do Galo, apresentado oficialmente hoje

Foto: Bruno Cantini/Atlético

Sábado, dia 14, escrevi aqui que gostei da aquisição. Muitos atleticanos questionaram e continuam questionando algumas situações, e concordo com quase todos, porém aguardando os rumos que o Galo vai tomar na política de contratações de jogadores e quem pagará a conta, já que o clube é um dos mais endividados do futebol brasileiro. O Cruzeiro em pouco tempo saiu da lista dos poucos “saudáveis” financeiramente para o futebol brasileiro para o topo dos quase quebrados. Os atleticanos endinheirados vão pagar do bolso ou emprestar? E em que condições?

Algumas opiniões e questionamentos interessantes que selecionei entre comentaristas do blog:

Raws Miranda

“Pela carência de tal profissional no mercado e principalmente pela carência no Galo depois do saudoso Maluf, também gostei.
Ficam algumas interrogações, qual a parcela de culpa de Alexandre Matos no endividamento crônico do rival? No Palmeiras ele contratou 70 jogadores e muitos caros que não deram resultado.
Lógico que Atleticano que sou, quero um time forte. Porém não critiquei Sete Câmara por entender que se deve administrar com responsabilidade, o que mudou agora? Nossos atleticanos abastados resolveram abrir os cofres? Porque não antes? Tomara que eu esteja preocupado sem motivos”.

 

Bernardo Montalvão

“Caro Raws, entendo que este profissional tem mais acesso ao mercado e mais diálogo com empresários, tem mais facilidade de contratar e ao mesmo tempo deixar dúvidas em muitas contratações. Antigamente, o próprio presidente se dedicava ao clube e exercia essa função juntamente com o vice, deixando dúvidas se realmente há a necessidade deste profissional no futebol. Quando Mattos dirigiu o cru cru a torcida gostou dos títulos, quando dirigiu o Palmeiras, contratou com a aquiescência da diretoria e da comissão técnica. Portanto a culpa não é dele é dos presidentes que não honraram com os compromissos ou praticam a “rachadinha” e o dinheiro saiu pelo “ralo”.”

 

Raws Miranda

“Bernardo, bom demais?
Concordo que a responsabilidade maior deva ser hierárquica, porém pelo histórico de quem “manda” também isso me preocupa.
Sem falar que diretor com “Status” e sendo malandro se quiser deita e rola…”.

 

Mauricio Souza – Serrano

“Quebrou o crucru, o Palmeiras e agora, vem pro lado de cá. Vamos aguardar, não gostei da contratação.”

 

O cruzeirense Claudio Nielsen:

“Raws, tudo bem?
Não te conheço pessoalmente, mas percebo ser você uma pessoa sensata.
Alguns posts atrás falei sobre isso.
Ele pregou discurso de austeridade, mas a dívida só aumentou.
No último ano de mandato, chutou o pau da barraca.
Alguma coisa tem de errado.
Já que a ideia era de austeridade, por que no último ano mudar?
Acho que o atlético está indo no mesmo caminho do Cruzeiro.
Porém, só o tempo irá dizer.
Tudo de bom aos colegas mineiros, porém torço para que eu esteja certo.”


» Comentar

Comentários:
3
  • Mauricio Souza - Serrano disse:

    Chico, obrigado por citar meu comentário, só quero lembrar que no ano de 2004 e 2005, os caras que estavam na frente do comando do Galo, eram o 7quedas e RG

  • Raws disse:

    Obrigado Chico pela “moral” e aos amigos por debater.

  • Silvio T disse:

    Na minha avaliação, pouca coisa vai mudar na situação do Atlético com o novo patamar que se espera atingir com Sampaoli e aquisições de jogadores. O próprio balanço do clube mostra que são CEM MILHÕES anuais em encargos financeiros. Eles não explicitam, então eu posso deduzir que a maior, maior mesmo, parte vai para o BMG. Continha simples: nos últimos dez anos a torcida do galo pagou cerca de UM BILHÃO de reais para o banco! Dá prá sanar todas as dívidas, construir estádio e montar um super time. Também quero emprestar grana para o galo!