Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Em discussão: dois meses depois do não acerto, Atlético, Renato e Grêmio estariam mais felizes hoje?

Foto/montagem em reportagem do Henrique André, no Hoje em Dia, de 15/02/2021 

Recebi do grande atleticano Fernando Furtado, um dos fundadores do Skank (a melhor banda do país), a coluna do Paulo Cobos, do site ESPN, sobre a demissão do Renato Gaúcho. E ele fez a seguinte observação: “O Atlético será eliminado na fase de grupos da Libertadores. Vai dispensar Cuca e correr atrás do Renato, que já terá assinado com um Corinthians. Todos infelizes pela segunda vez. O timing de uma contratação é fundamental e o Atlético, de novo, periga ficar só com o Brasileirão por disputar.”

Tanto o que diz o Fernando quanto a coluna do Paulo Cobos merecem reflexão e opiniões a respeito.

Eu continuo acreditando no trabalho do Cuca. Reconheço o Renato como um dos três atuais melhores técnicos do Brasil, mas não vejo identidade dele com o Galo. Não o vejo demonstrando interesse. Mas, no futebol tudo é possível.

Confira o que pensa o Cobos e dê a sua opinião:

* “Disse que era bom para todas as partes, mas não rolou; agora, Grêmio, Atlético-MG e Renato Gaúcho estão infelizes”

Paulo Cobos

Há 2 meses, escrevi que Renato Gaúcho trocar o Grêmio pelo Atlético-MG era uma ótima ideia para todas as partes. Mas o treinador resolveu renovar o contrato com o clube gaúcho. Eu estava certo.

Nesta quarta-feira, o Grêmio foi eliminado pelo Independiente del Valle e está fora da fase de grupos da Libertadores. Após o jogo, o maior ídolo da história do tricolor gaúcho ouviu o vice-presidente do clube, Claudio Oderich, não garantir seu emprego.

“Não pode ser uma avaliação de amor ao passado e sim do quer o Grêmio daqui pra frente”, decretou o cartola.

E a ameaça foi confirmada. Um dia depois do fiasco na Libertadores, Renato deixou o Grêmio.

Quando o Atlético-MG demonstrou interesse por Renato, era o mundo perfeito para todas as partes.

Para o Grêmio, seria uma separação amigável com o ídolo que já há algum tempo dá sinais claros que não pode entregar mais o que já entregou. Desgaste com jogadores, decisões equivocadas e até ruídos com parte da torcida deixavam claro que era hora de sair. E o clube ainda teria a chance de começar um novo ciclo com outras ideias.

Se tivesse trocado o Grêmio pelo Atlético-MG, Renato estaria agora em um clube que hoje tem um elenco com muito mais opções para ser campeão. Afinal, ele diz que só com investimento se pode competir hoje com o Flamengo.

Para o Atlético-MG, seria a chance de ter o técnico certo para comandar um elenco cheio de medalhões, e que segue sendo um dos melhores do país.

Mas não rolou a troca, e agora todos estão infelizes.

O Grêmio está fora da Libertadores. Renato foi fritado em menos de 24 horas e demitido. O Atlético-MG buscou Cuca, que não entrega bom futebol e vê boa parte da torcida pedindo a sua cabeça.

Ninguém deve ter medo de mudar. Ainda mais quando parece óbvio que a mudança é melhor para todos.

http://www.espn.com.br/blogs/paulocobos/776623_disse-que-era-bom-para-todas-as-partes-mas-nao-rolou-agora-gremio-atletico-mg-e-renato-gaucho-estao-infelizes


Deixe uma resposta para Silvio T Cancelar resposta

Comentários:
31
  • Eduardo Silva disse:

    Chico, boa tarde,

    O Cruzerão Cabuloso foi prejudicado pela viagem desgastante até o Rio Grande do Norte, onde jogou contra o Melequinha de Natal pela Copa do Brasil, este torneio que é campeão S6EIS VEZES, só pra lembrar mesmo e também seu futebol foi muito atrapalhado pelo gramado, quero dizer, pelo pasto do Manduzão em Pouso Alegre.

    É impossível que a bola rolasse normal naquela buraqueira danada e como a maré de azar tá em alta o Don Fabon (melhor goleiro do Brasil, só pra lembrar mesmo) deu uma voadora no atacante, acertou o cara, e mesmo o cara mancando, tipo um saci conseguiu concluir a jogada e fazer o gol, eita lasquera! Gol de saci pererê, a galera se diverte…kkk é a ÚNICA alegria da aldeia…kkkk

    Mas por falar em maré de azar….

    Olhaaaa… Tem um time vizinho nosso aqui de BH, time de mais de 400 milhões, penou…vou repetir, penou, suou, sofreu pra ganhar de um time de série D, o Boa Esporte que de boa num tem nada…kkk Clube na zona de rebaixamento do Ruralminas, time de série D… Olhhaaaaa… Com “ajuda” da arbitragem. gol irregular…uma lambança… só vergonha…

    O Mexicano Nacho Fernández SIMULOU falta em dois lances deixando um pezinho pra trás… No primeiro lance poderia ter sido advertido com um cartão amarelo e na segunda simulação um cartão vermelho! Como os apitadores foram CONIVENTES, como diz um distraído ai, operaram e prejudicaram a Coruja rebaixada…

    Mas eu se fosse torcedor desse clube eu largava mão, parava de torcer porque são tão azarados que se comprarem um circo o anão cresce! Gastaram um mundo de dinheiro, contratam um técnico adestrador de Quero Quero e o trem só piora…kkk

    Eu acho que com essa bolinha que estão jogando vai tomar taca na Venezuela pela Libertas…

    Tô avisando!

  • Germano Brás disse:

    Com esse futebol horroroso o BH Futebol Clube vai penar na Copa Nordeste este ano de novo e afundar na SEGUNDONA.

  • Luís Cláudio disse:

    Pela bolinha que o Cru cru jogou ontem, deu pra perceber que o clássico foi um joguinho de compadre entre os amigos do R. Guimarães.

  • Jeremias disse:

    O treinador da cara ruim, criticou o gramado… O América jogou lá e ganhou. Time de SÉRIE B não pode reclamar de gramado! O técnico da cara amarga disse que poupou jogadores… Jesus, poupar como num plantel horroroso?
    E a sina do Fábio hem? Levou GOL DE COSTAS, GOL DE CHAPÉU do Danilinho, carrega sobre as costas a HONRA de ser o GOLEIRO QUE MAIS LEVOU GOLS DE OUTRO GOLEIRO e agora GOL SACI! Os Comédias!

  • Renato César disse:

    Eu concordo mais ou menos com isto aí. A decisão no início da temporada pelo Renato Gaúcho teria sido mais acertada do que pelo Cuca.

    Cuca está lembrando o Levir na sua última passagem pelo Galo: um cara com passado vitorioso no clube mas totalmente desconectado da realidade atual. Cuca está desligado do trabalho, não tem relação alguma com aquele cara focado e obcecado pelo trabalho, que até morou na Cidade do Galo no passado.

    Já o Renato Gaúcho teria uma condição parecida com a que o proporcionou sucesso lá no Sul. Embora muita gente discorde por causa de outros aspectos, Roger Machado sabe fazer um trabalho técnico moderno e deixou uma equipe bem montada dentro de campo lá. Suas falhas são a gestão do grupo e comunicação.

    Sampaoli faz este trabalho moderno, de preparação técnica e tática. O Renato Gaúcho conseguiria fazer a gestão do elenco e teria até uns 2 anos de sucesso com este grupo.

    Hoje, com a desconstrução que o Cuca já fez, não acho que o Renato Gaúcho teria tanto sucesso mais. Dos nomes especulados E com viabilidade financeira, acho que o mais indicado seria o Domènec Torrent. Ele, apesar do currículo ainda pobre, vem da mesma escola do Sampaoli, a escola “Cruyffista”, que impõe o jogo de posição.

    Seria muito mais fácil, com elenco melhorado, ele fazer o time do Sampaoli jogar do que o Cuca, por exemplo. Precisamos ver os termos do contrato para rescisão, mas o fato é que o Cuca só faria um bom trabalho este ano e nada além disto no próximo. Tempo da diretoria corrigir a bobagem que fez é agora.

  • Rodrigo Assis disse:

    Eu gostaria de outro técnico argentino no Atlético, eles são mais profissionais e não ficam com desculpas. O Renato no Grêmio, dava desculpa que não investiram 200 milhoões, aqui o Cuca reclama que existe muita cobrança devido ao investimento. É só desculpas. O Crespo pegou o São Paulo, arregaçou as mangas e esta trabalhando, sem mimimi.

  • Pedro Vitor disse:

    Atlético caiu de rendimento, me parece que os jogadores que saíram de férias, estão rendendo bem menos que os outros.

    Jogadores decisivos como Keno, Alonso, estão rendendo bem menos ao normal, Vargas ainda não mostrou nada, e já tem 6 meses de Atlético.

    Cuca cismou com o Zaratcho, ouvi atentamente, ele dizer que prefere Allan e Tchê tchê, vamos aguardar, pois o argentino vinha sendo uma grata surpresa na posição.

    Everson ainda não passa confiança, vamos ver na Libertadores se fará efeito!

  • Raws disse:

    Depois do cochilo de domingo que poderia ser durante o jogo para não me irritar, acordo vendo a entrevista do Cuca para me irritar um pouco mais.
    Para começo de análise, esse atual Cuca, parece não ter mais a humildade do campeão de 2013, péssimo sinal.
    O mesmo questionado sobre qual dificuldade do momento, me sai atirando que o pior está sendo a coletiva, por parecer interrogatório. Pera aí! Você quer o quê? Que lhe elogiem pelo futebol jogado? Pelas opções equivocadas?
    Você abraça o tal do Tchê Tchê em detrimento de Zaracho, como se fosse empresário do cara e ainda falando que o mesmo fez grande partida?
    Você escala o Dylam pelo que viu nos treinos, então Borrero é Leão nos treinos, pois o que todos viram aqui e faz tempo é um “gatinho” nos jogos.
    Particularmente ainda acho você um bom treinador e entendo o curto tempo de trabalho, mas repito o que falei, seu cartão de visita está péssimo!!

  • Silvio T disse:

    Jogadores como Nathan, Hyoran, Sasha, Mariano me lembram aquela música do Cazuza:

    “Agora eu vou cantar pros miseráveis / Que vagam pelo mundo derrotados / Pra essas sementes mal plantadas / Que já nascem com cara de abortadas”

    Fico imaginando os milhões de comissão que renderam essas contratações.

  • João Brás disse:

    O Crucru está no caminho certo. O melhor técnico do mundo até que enfim deu um sorriso ao fim do jogo, porque perdeu só de 1 X 0. 1 X 0 é goleada… A culpa é de Fábio e Sóbis, que estavam roucos e não deu o grito no vestiário. Tudo normal, empresário e cobrador só aparecem após derrotas do Galo

  • Pedro Vitor disse:

    Todo mundo na dança do saci kkkmkkk

    Foi a melhor do fim de semana

  • Antonio da Silva disse:

    Até quando o Galo vai insistir com Borrero e Hyoran (não jogou hoje, mas é péssimo). Tchê Tchê barrou Zaracho e o meio campo piorou. Marrony vinha bem com o interino, com Cuca foi barrado. Menos mal que venceu! Desse jeito não vai ser só 10 dias para acertar o time. Jair faz muita falta!

  • Raws disse:

    Lembrei da frase, “o problema de ter jogadores ruins na reserva, é ter a certeza de que uma hora eles entram”, meu Deus, Nathan não papai! Nathan eu “num guento”.

  • Raws disse:

    Perguntando só para reafirmação.
    Quem é Borrero na fila do pão?
    Quem é Vargas
    na fila do bandejão?
    Quem é Tchê Tchê na fila da peneirada?
    Quem é Alan em qualquer fila?
    Êh Galo só você para tirar meu positivismo.

  • Raws disse:

    Intervalo de jogo.
    Eu sou um defensor de experiências no campeonato regional, como não ser?
    Só que nosso treinador que sou um defensor, não pode, achar, pensar, divagar ou sonhar, que Borrero será opção no atual plantel que em mãos ele tem.
    Uma coisa é ter de conhecer seus jogadores disponíveis. Só que o histórico recente não é relevado? As críticas de nós torcedores são insignificantes?
    Um profissional tão bem remunerado, não deveria ter assistido todos os jogos anteriores?
    Alguém que viu tudo no período do técnico anterior, foi consultado?
    Que M… é essa de recomeço?
    Cuca, me ajude a te ajudar

  • Paulo César disse:

    Alguém em sã consciência acreditaria que Renato viria para o Galo sem exigir a mesma autonomia de Sampaoli, independentemente da capacidade deste ou daquele? Que ele, com ZERO identificação com o clube e a torcida, chegaria aqui botando banca, apesar de ser reconhecidamente mais competente que o argentino no trato com o grupo? Logo não seria, em tese, um retrocesso a um modelo mal-sucedido, como foi com Sampaoli? E mais: corpo aqui, e cabeça no RJ, aguardando eventual saída do Ceni do Flamengo.

    Renato tem méritos, mas é de uma arrogância (consciente) e imaturidade (inconsciente) ímpares. Briga, gosta de provocar, mas é seletivo nos alvos: o vi provocando o Inter recentemente (rivalidade local, ok), cutucando o Galo em 2020 (“tinha obrigação de ser campeão, pois disputava somente o Brasileirão”), o próprio Palmeiras (“elenco milionário”) mas nunca li ou ouvi nada de cutucada ao Flamengo. Coincidência?

    Se realmente tivesse algum interesse em trabalhar aqui, teria feito um contrato com o Galo em março, pois sabia tanto do seu momento instável no Grêmio quanto do projeto do Galo em 2021. Em suma: Galo deve tomar cuidado com os modismos. Por muito pouco, não contratou recentemente Tiago Nunes e Carille (onde estão hoje?).

  • João disse:

    Tem que estar mesmo Júlio Soares!
    Afinal de contas, o que comentar sobre Bi Rebaixamento?
    Grande Abraço!

  • Jerônimo disse:

    Podem colocar o técnico que vocês quiserem…um time que tem Guga e Gabriel no setor defensivo não vai a lugar nenhum.

    Triste a politicagem e os desmandos dos empresários no Galo…

  • Julio Cesar disse:

    Renato é bom de vestiário. Dá moral pra base. Taticamente pode evoluir. Mas passa a ideia de acomodado.
    Cuca parece mais que acomodado. Cansado parece. Já mandou de volta pra base jogadores com bom desempenho no time de Lucas Gonçalves . Está certo o Jean no seu coment.
    E pra piorar está perdido entre Keno, Hulk, Vargas, Nacho, Sabatino, e caso se recupere Tardelli.

  • Júlio Soares disse:

    Tem gente perdido no post da SÉRIE A

  • Jean disse:

    Meu pitaco, o futebol apresentado pelo time com o Lucas Gonçalves estava melhor e mais organizado do que este com o Cuca. Pondo as barbas de molho aqui.

  • Horacio disse:

    Prezado Chico, todos infelizes, quem mesmo? Eu estou infeliz com o Galo? Não sabia!! Quem decidiu isto? O Galo não se classificou na fase de grupos? Sério mesmo? E eu sem saber nada disso!!

    É, não estou muito feliz mesmo, mas é com esta interminável crise da saúde. O principal responsável, pelas políticas públicas, não fez, não faz e não fará nada para conter as mortes. “E daí?” E cada um que se vire.

    Quanto a desclassificação do Gremio, eu atribuo aos gol perdidos. Alisson perdeu um gol cara a cara, o Diego Souza também perdeu, o Maicon que, além do gol cara a cara perdido, foi expulso.

    Teve também o Ortiz que fez a falta do primeiro gol, uma falta desnecessária, no segundo, errou a linha de impedimento e deu condições para o jogador fazer o segundo gol. E o time com um a menos.

    O fator comum entre todos estes erros e falhas: todos são jogadores veteranos e foram “recuperados” pelo Renato. “Experiente” expulso por reclamação é de matar de raiva. Rafinha não fez qualquer falta.

    De comum entre um bom número de torcedores atleticanos, me inclua fora, e o Renato é que adoram jogador velho. Vai gostar de velho assim na PQP!!!! Esta é a afinidade, o Galo está cheio de velho, não renova, e tome dívida.

    Mas vou defender o Renato em um ponto, pode ser velho, mas tem que jogar. Aqui não precisa nem jogar. O problema é que além de demorar muito a entrar em ritmo perdem este ritmo muito rápido, e a validade pode vencer a qualquer momento, como venceu diversas vezes por aqui.

    E o cara doente, com 30% do pulmão comprometido pela covid, e as barangas do gremio acham que ele era o único responsável pela derrota. Não assistiram ao jogo ou, o mais comum, viram e não entenderam nada.

    Acho o gremio um clube muito organizado, praticamente sem dívidas, já vem assim a muito tempo. Mas cartola não tem jeito mesmo, é tudo a mesma bosta. Custava esperar o cara se recuperar, prestar assistência e apoio e resolver depois? No futebol, juiz espera o jogador se levantar pra dar cartão. Mas as subcelebridades da bunda caída aproveitam cada momento para se exibirem. Como fede este lixo.

  • Juca da Floresta disse:

    Agora falando sério Chico, penso que o Cuca é um técnico ultrapassado. Um técnico que já treinou os melhores times do país e só lembro-me de um jogador revelado por ele: o Bernard em 2013 pelo Atlético. Além disso, todos torcedores dos times que ele comandou tem uma reclamação em comum: “ele inventa improvisações não escala os jovens que são promissores”. Observem o que está acontecendo no Atlético.

  • Juca da Floresta disse:

    bom dia Chico,

    Fico imaginando esse elenco do Atlético nas mãos do mago Felipe Conceição.

  • Raws disse:

    No meu modo de ver Cuca e Renato nessa carência de treinadores em que vivemos se igualam. Cada um com suas qualidades e defeitos. Cuca o “bom moço”, Renato o marrento marqueteiro.
    Fato é que com as possibilidades dos dois, tudo é puro achismo.
    Ninguém pode afirmar que Renato se sairia bem aqui, assim como não se pode projetar o fracasso do Cuca.
    Só vejo como uma tremenda injustiça e ingratidão, essa cobrança exagerada, pelo pouco tempo, ao nosso atual treinador.
    Como disse no pós clássico, ele me deixou irado com escalação no dia, mas daí já pedir sua cabeça, é coisa de torcedor que tem problemas de cabeça.
    Acho que a pandemia e o dinheiro de nossos “padrinhos” tem tido um efeito colateral maléfico a nossa torcida.
    Que dureza.

  • Guilherme Leôncio disse:

    O acordo de Renato com o Galo não deu certo, Renato continuou no Grêmio e Cuca veio para o Galo. Renato segue sua vida e o Galo segue a vida dele. Cuca tem 1 mês de trabalho, hora de apoiar. A imprensa fica implantando factóides para criar crise nos clubes, o Galo é sempre a bola da vez e a torcida aceita. Quem pede a contratação de Renato Gaúcho são os mesmos que começam a detonar com menos de 1 mês de trabalho. Futebol é jogado e o Galo pode ou não ser campeão com qualquer um. Tem técnico ai que sai do ostracismo e ganha títulos, o problema é superar o eixo.

  • LÉO BRAZ disse:

    Boa noite pessoal do blog!!!
    Acho essa discussão muito relativa.
    Naquela hora foi o que de melhor tentaram fazer todos: Renato recusou oferta do Galo e Galo acertou com o Cuca.
    Caso o nosso Galão da Massa não tivesse perdido para o Bruzeiro e o Grêmio não tivesse sido eliminado.
    Temos que acreditar sempre que tudo vai dar certo. Não podemos é acreditar em tudo que ouvimos e lemos (me refiro mais especificamente aos problemas internos “plantados” por determinadas pessoas).
    Bola para frente que esse ano, apesar de um começo não muito bom, promete.
    Abraço a todos.

  • Marcio Borges disse:

    Eu acho que o Cuca não corre este risco agora. O galo mesmo que jogue mal nao deixa de classificar na primeira fase da libertadores. Quanto a Renato ele é muito mais um motivador, um boleirão que um conhecedor de tática. Alias, eu acho que poucos técnicos no Brasil tem este tipo de conhecimento. Na verdade o técnico no Brasil sempre foi muito mais um motivador que um organizador tático.
    #tiburcioeternomito

  • Silvio T disse:

    Concordo com relação ao Cuca. Disse aqui que nada tinha contra ele, mas achava q o galo dava um passo atrás com a sua contratação. Quanto ao Renato, também tenho sérias dúvidas se daria certo no Atlético. Só tenho uma certeza. Fosse ele o técnico domingo, meia dúzia daqueles perebas teriam tomado umas bolachas na cara depois da derrota.