Blog do Chico Maia

Acompanhe o Chico

Henrique tem e não tem razão de reclamar das cobranças da torcida do Cruzeiro

Incomodado com as críticas e cobranças, o volante Henrique desabafou na entrevista coletiva na Toca da Raposa: “A gente sabe que o torcedor é muito emocional e de imediatismo. Esquece muito rápido as coisas. Todos só olham para o agora, mas esquecem o que já foi feito… Isso infelizmente é natural no futebol”.

Henrique completará 33 anos de idade dia 16 de maio. Ele tem razão em quase tudo o que disse, mas se esquece “apenas” que o tempo passa e ninguém é eterno. O que foi feito, e bem feito por ele e demais jogadores que conquistaram títulos, passou. O torcedor que novos títulos e bola nas redes adversárias.

Não fosse isso, os cruzeirenses gostariam de ter ainda o Piazza como seu principal volante e líder. Como diz o filósofo popular diamantinense, Waldívio Marcos de Almeida, “o tempo é praga e arregaça com o sujeito”.


» Comentar

Comentários:
13
  • Marcão de Varginha disse:

    Como assim, (sic) “… mas esquecem o que já foi feito…”? Jogador de futebol “esquece” que foi contratado exatamente para isso: conquistar campeonatos para justificar seus altos salários e o investimento do clube! Menos, Henrique, bem menos…
    – #benecyeternomito

    • Claytinho do Nova Vista - BH disse:

      Óiaaaaaaa… rs

      Óia eu concordando com o Marcão de Varginha pelo menos uma vez na vida !! rs

      Parabéns Marcão !

      Abraços

    • Cláudio disse:

      Apesar de terminar seu comentário com este sustenidobenecy, parabéns, pois é a primeira vez que vejo você escrever algo diferente do mesmo blá, blá, blá.
      Continue assim.
      Terá muito a acrescentar aos debates.

  • Raul Otávio da Silva Pereira disse:

    Joguem bola de verdade cinco ou seis partidas seguidas que isso tudo acaba. O time tem “caixa” prá muito mais.

  • Gabriel do bairro Gloria disse:

    Henrique tem sim a sua história, mais isso que ele falou é um absurdo, querendo jogar a culpa na torcida agora? Henrique você hoje é um jogador que vive de passes de lado de 5 metros. Você não é o Kroos, abaixa sua bola um pouco.

  • Guilherme Leôncio disse:

    Esse time ai foi campeão da CB ano passado e agora o Henrique está sendo detonado. Acho que os craques do Cru Cru estão fora do campo.

    • Marcão de Varginha disse:

      Acrescentando: foi campeão da CB ano passado, cuja arbitragem “prejudicou” sobremaneira o Chapecoense… as verdades às vezes machuca por dentro alguns desavisados e coniventes…
      – #benecyeternomito

  • Amaury Alkimim - Montes Claros disse:

    Chico, o Henrique é um volante muito bom e grande caráter, entretanto, também entendo que ele não pode jogar junto com o também muito bom Cabral, este, tem bom passe e cadência, mas é lento e chega sempre atrasado na marcação, enquanto o Henrique não tem mais o vigor de outrora. O certo é mesclar um dos dois com um dos Lucas, por exemplo. Quanto ao time, espero que essa Diretoria esteja atenta em busca de reforços realmente de qualidade, pois os que vieram não deram liga. Continuamos precisando de laterais, (Edilson além de velho é briguento e quase nos prejudica na decisão do Mineiro – se não fosse a bondade condenável do Juiz…, precisamos de um lateral esq para fazer sombra ao Egídio, um armador/meia craque e um 9 (podem devolver o Fred pro Atlético -rsrs).

    • Luiz Ibirité disse:

      Meu caro Amaury, muitos amigos me falam que não gostam do futebol do henrique, eu sempre falo que o henrique é aquele jogador que não aparece muito no jogo, mas quando não joga faz uma falta danada, concordo com vc, precisamos de reforços, e o egidio não dá, falaram ai do marcelo hermes, pra mim merece uma sequencia.
      abraços!

  • Alisson Sol disse:

    O problema é que em quase toda outra aréa, o profissional que continua “treinando” e atualizando se torna melhor com o tempo. Já no esporte, as coisas não são bem assim.

    Nos EUA, os jogadores na Universidade são treinados a chamar a liga profissional de futebol, a NFL, de “Not For Long” (Não por muito tempo). Assim, já ficam avisados de que não vai durar, e que devem se preparar para o futuro. Mesmo assim, a maioria vai à falência pessoal dois anos depois de se “aposentar”, com raras exceções. No futebol “inglês” as coisas são piores, pois em sua maioria os jogadores se dedicam à carreira muito cedo, e jamais chegam ao nível universitário. Assim, são cercados de “amigos” que não podem orientá-los, e até o contrário: estão ali para aproveitar!

  • Claytinho do Nova Vista - BH disse:

    Agradeço ao Henrique pelos bons serviços prestados ao longo desses anos todos de Cruzeiro, nos quais ele sempre honrou o nosso manto, sendo Campeão algumas vezes, mas esse discurso dele não cabe no futebol mesmo. Qualquer jogador é avaliado pelo que ele entrega dentro de campo. E o que o Henrique tem mostrado ultimamente, é que sua idade já está pesando sim… E não é pelo fato de já ter nos ajudado em conquistas Importantes, que lhe dá o direito de ficar impune das críticas e cobranças. Se quer realmente não ser cobrado, que justifique sua titularidade dentro de campo e não nos microfones falando de passado. O passado é legal pra história, mas não entra em campo.

    E por falar em discurso… Já vem o Mano Menezes falando que nesse jogo de amanhã devolverá ao Torcedor Cruzeirense a alegria de ver o time jogar um futebol melhor… E lá vem o Thiago Neves falando que amanhã a história será diferente e que dessa vez o gol vai sair… Ou seja, o mesmo jogo de palavras que temos vistos nos últimos tempos, mas que dentro de campo mesmo não tem se comprovado quase nada do que ficam bradando nos microfones. Façam mais e falem menos !!!

    Como acima de tudo isso eu torço é para o Cruzeiro Esporte Clube, minha parte eu farei novamente. Tô garrado lá amanhã para mais esse jogo e mesmo que não veja o tal “futebol bonito” que o Sr. Mano anda prometendo, que a Torcida do Cruzeiro possa sair com a vitória e com a chama da esperança pela classificação ainda acesa !!
    O pulso, ainda pulsa… rs